JABES CULPA “VENTOS DA MUDANÇA” POR DERROTA

Cacá e Jabes. Imagem de arquivo: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Cacá e Jabes. Imagem de arquivo: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

O prefeito Jabes Ribeiro (PP) atribui à crise política e econômica nacional a culpa pela derrota do seu candidato a prefeito de Ilhéus, o vice-prefeito Carlos Machado (Cacá – PP).

Revelou a interpretação das urnas durante entrevista ao Jornal Bahia Online.

Segundo ele, nesse momento de instabilidade os “ventos da mudança” atingiram principalmente os prefeitos que tentavam a reeleição ou os candidatos a quem declararam apoio.

Comentário do blog.

Na convicção do prefeito, não há espaço para autocríticas e ponderações sobre eventuais erros.

Jabes não tem humildade para reconhecer que a rejeição popular ao seu nome prejudicou a candidatura de Cacá.

O alto índice de reprovação do seu governo não é fruto exclusivo da crise nacional.  Os adversários de Cacá destacaram a importância de eleger gestores que dialoguem com a sociedade. Isso porque Jabes faz um mandato avesso ao diálogo. Tudo em sua gestão é imposto de cima para baixo, com o apoio de uma maioria parlamentar submissa na Câmara. Esse é só um dos exemplos dos problemas atuais da prefeitura.

Clique aqui para ler a entrevista do JBO.

VEJA A VOTAÇÃO PARA PREFEITO NO CENTRO-LESTE DE ILHÉUS

Dados do TSE organizados por José Nazal.
Dados do TSE organizados por José Nazal. Clique para ampliar a imagem.

O vice-prefeito eleito de Ilhéus, José Nazal (Rede Sustentabilidade), divulgou hoje (7) tabelas com o resultado da votação para prefeito nos distritos (veja aqui) e na zona centro-leste da sede do município (imagem acima).

Essa zona inclui os seguintes locais: Centro, Alto da Boa Vista, Conquista, Teresópolis e Outeiro de São Sebastião. O prefeito eleito Mário Alexandre (PSD) liderou a votação em todos essas áreas.

Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral.

SINEBAHIA ITABUNA TEM 42 OPORTUNIDADES DE TRABALHO

Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis na segunda-feira (10).

A agência funciona na unidade modelo da Avenida Inácio Tosta Filho, centro. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Assistente Administrativo

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

2 vagas

Auxiliar de Limpeza

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

2 vagas

Cozinheiro Geral

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 6 meses na função

1 vaga

(mais…)

PRESIDENTE DO PV RESPONDE MATÉRIA SOBRE GIL GOMES

Jose Victor Pessoa.
Jose Victor Pessoa. Imagem: Secom-Ilhéus.

Publicamos na quinta-feira (5) matéria sobre a intenção do presidente do Partido Verde, José Victor Pessoa, de expulsar o vereador eleito Gil Gomes da legenda – lembre aqui. Pessoa nos enviou nota em resposta à publicação. Leia abaixo.

DIREITO DE RESPOSTA REFERENTE À MATÉRIA INTITULADA “JABISTA AMEAÇA EXPULSAR GIL GOMES DO PV”, PUBLICADA PELO BLOG DO GUSMAO NO DIA 05/10/2016.

Em referência à matéria publicada no último dia 05 de Outubro do ano de 2016, a Direção do Partido Verde em Ilhéus, representada pelo seu presidente JOSÉ VICTOR PESSOA, tendo em vista o seu compromisso de sempre bem informar a população ilheense, resolve fazer os seguintes esclarecimentos, a fim do restabelecimento da verdade sobre os fatos noticiados:

O procedimento já instaurado contra o filiado GILVANDRO GOMES DORIA, conhecido por Gil Gomes, foi iniciado logo após a declaração de apoio público do Representado à Coligação Majoritária “juntos para cuidar de ilhéus”, capitaneada pelo candidato a Prefeito MÁRIO ALEXANDRE CORREA DE SOUSA, o que ocorreu no dia 22 de Setembro de 2016. Importante registrar que no dia 25 de Setembro de 2016, 03 (três) dias pós a declaração de apoio, portanto, a Coligação Proporcional PV/PSDB protocolou junto à Justiça Eleitoral uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral para apuração judicial da conduta, recebendo o protocolo de nº. 166607/2016, o que pode ser corroborado no Sítio do TRE da Bahia, através da consulta ao site WWW.TRE-BA.JUS.BR, no link consulta processual, escolhendo a opção de consulta pelo número do protocolo.

Assim, resta evidente que inexiste qualquer interesse em expulsar o filiado porque ele foi eleito, mas tão somente de apuração da conduta reprovada pelo Estatuto do Partido Verde, não se tratando evidentemente de qualquer perseguição de cunho pessoal, já que ao Representado não cabe se beneficiar da sua própria torpeza, pois sabia, como de fato sabe, que deve fidelidade ao programa partidário, tanto isso é verdade que assinou termo de compromisso com o programa do Partido Verde quando da sua filiação partidária no dia 09 de Março de 2016.

Dessa forma, acrescentamos que o procedimento já está em andamento e que o Representado foi intimado no dia 29/09/2016 para apresentar defesa no prazo de 48 (quarenta e oito), no entanto, permaneceu inerte, razão pela qual o processo prosseguiu em seus ulteriores atos, nos termos do art. 16 do Estatuto do Partido Verde.

A nota de repúdio do PV, com data de 29 de setembro de 2016, foi encaminhada para o Secretário do partido para publicação nos Blogs, porém o mesmo esqueceu-se de publicá-la naquela data, somente o fazendo no dia 05 de outubro de 2016.

Quando foi intentada a ação no dia 25 de Setembro de 2016, a Direção do PV no Município não sabia quem ganharia ou perderia as eleições, até porque ninguém possui uma bola de cristal, como também não sabia que o Presidente que a esta subscreve seria o primeiro suplente do partido, motivo pelo qual referida liderança partidária não está com dor de cotovelo, não sendo verossímeis as alegações que perseguição contra o filiado eleito nem tampouco comportamento antidemocrático, porque foi aquele quem se comprometeu com as regras estatutárias do PV, não podendo agora ser invertido o ônus das responsabilidades, não havendo que se falar, por isto mesmo, em despeito pela derrota, porque esta é inerente à própria eleição. Vale dizer, quem não quiser perder que não se candidate.

Quanto ao comentário pejorativo e diminutivo do Blog ao afirmar que o Presidente do PV seria ruim de urna, a história política deste fala por si só, pois teve a honra de ser o vereador eleito e mais votado nas eleições de 1988; primeiro suplente nas eleições de 1992, sendo o 8º vereador mais votado (obteve mais votos do que os onze que ganharam, numa câmara de dezenove cadeiras naquela eleição); e nesta eleição terminou como primeiro suplente do candidato eleito, perdendo por somente trinta e sete votos.

Por fim, colocamos o interesse partidário acima de qualquer coisa, mesmo sendo possível assumir o cargo de vereador, e já conversamos com Gil Gomes, e estamos adotando todas as providências para solucionar o problema partidário de forma interna, de maneira que venha a preservar o mandato conquistado pelos filiados de forma legítima nas urnas, desde que os princípios e ideias do Partido Verde sejam propagados e representados pelos dois eleitos (Gil Gomes e Paulo Meio Quilo) na legislatura de 2017/2020. Estaremos vigilantes quanto à observância das normas e ideais da agremiação!

JOSÉ VICTOR PESSOA

Presidente da Comissão Executiva Municipal Provisória do Partido Verde

ESTUDANTE DA UESC É PREMIADO POR ESTUDO SOBRE ESTOQUE DE CARBONO

Ramiris
Ramiris Moraes mostra o certificado da premiação. Imagem: Ascom-UESC.

Ramiris Moraes cursa o programa de doutorado em ecologia e conversação da biodiversidade da UESC. Em São Paulo, apresentou a sua pesquisa sobre o estoque de carbono na Mata Atlântica. O estudo foi um dos seis premiados na primeira edição da School of Advanced Science on Nitrogen Cycling, entre mais de cem inscritos. Realizado na última semana, o evento reuniu participantes de cinquenta países.

Em seus estudos, Moraes aponta como o desmatamento pode alterar a dinâmica de nutrientes na Mata Atlântica. A pesquisa indica que a quantidade de árvores numa determinada área é um forte indício das mudanças no estoque de carbono. Na ocasião, o doutorando mostrou que as áreas mais desmatadas perderam aproximadamente 80% do seu estoque de carbono. A comparação considera regiões mais conservadas.

O trabalho ainda demonstra a possibilidade da alteração afetar o estoque de carbono do solo, o que seria mais um fator de emissão de CO2 para a atmosfera, já que a estocagem natural evita a dispersão do gás.

APÓS DERROTA, JABES PROMETE MEDIDAS DURAS

Prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Segundo nota da Prefeitura de Ilhéus divulgada ontem, o prefeito Jabes Ribeiro (PP) disse que “adotará medidas duras, mas necessárias, para o cumprimento de dispositivos da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF)”.

Conforme a nota, a lei proíbe o prefeito de “contrair despesa que não possa ser cumprida integralmente dentro do seu mandato, ou que tenha parcelas a serem pagas no exercício seguinte, sem que haja suficiente disponibilidade de caixa para este efeito”.

O prefeito, entretanto, não descreveu objetivamente quais atitudes “necessárias” pretende adotar.

Por outro lado, sinalizou que as providências deixarão problemas para o sucessor. “Este ano, em termos orçamentários, perdemos um mês de arrecadação. Temos que ter responsabilidade. Vamos tomar algumas medidas em atendimento ao artigo 42 da LRF. Essas medidas são necessárias e teriam que ser adotadas, independente do resultado das eleições”, argumentou Jabes Ribeiro.

O alcaide disse que as ações são inevitáveis. Apesar disso, não havia tocado no assunto antes da fragorosa derrota de domingo (2).

BEBETO DEFENDE NOVO CRÉDITO PARA O FIES

Bebeto argumenta que a vida dos estudantes não pode esperar. Imagem: Sérgio Frances.
Deputado Bebeto. Imagem: Sérgio Frances.

O deputado federal Bebeto Galvão (PSB-BA) defendeu ontem (6) a aprovação rápida do novo pacote de crédito para o FIES, programa de financiamento para estudantes do ensino superior. 

Alunos de faculdades particulares da Bahia procuraram o deputado em busca de representatividade na defesa da pauta. Segundo Bebeto, é necessário aprovar o projeto com urgência, pois muitos estudantes dependem do programa para continuar na faculdade. Alguns estão perto de concluir o curso.

O projeto de lei nacional 8/2016 aguarda a avaliação dos deputados. Veja o apelo de Bebeto.

VEJA A VOTAÇÃO PARA PREFEITO NOS DISTRITOS DE ILHÉUS

Dados do TSE organizados por José Nazal. Imagem: Facebook/Reprodução.
Dados do TSE organizados por José Nazal. Clique na imagem para ampliar.

O vice-prefeito eleito José Nazal (Rede Sustentabilidade) divulgou hoje (7) levantamento com a votação para prefeito nos distritos de Ilhéus. Confira na imagem acima.

Os dados do Tribunal Superior Eleitoral mostram que o prefeito eleito Marão (PSD) foi o mais votado em Aritaguá, Banco Central, Castelo Novo, Coutos, Inema, Olivença, Rio do Braço e Sede. Bebeto liderou em Japú e Pimenteiras.

Segundo o membro da Rede Sustentabilidade, os eleitores da zona rural correspondem a 14,86% do eleitorado ilheense.