BEBETO DEFENDE PROJETO QUE ANISTIA BLOGUEIROS E JORNALISTAS DE MULTAS ELEITORAIS

Bebeto Galvão.
Bebeto Galvão.

Da assessoria do deputado federal Bebeto Galvão.

O deputado federal Bebeto Galvão (PSB) usou a tribuna do plenário para defender a celeridade na tramitação do projeto de lei 4653/2012, que anistia as multas aplicadas pela Justiça Eleitoral a jornalistas, editores de blogs e pessoas jurídicas que exerçam atividades de comunicação social. A medida vale para multas aplicadas entre 2008 e 2012.

Na avaliação de Bebeto, essas multas ferem um dos principais fundamentos da democracia, que é a liberdade de expressão e fere o livre direito de manifestação. “Nós queremos ver esse projeto aprovado na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), inclusive tive o cuidado de ligar para o relator da matéria no colegiado pedindo que ele desse celeridade à pauta. Essa luta atinge diretamente uma garantia constitucional que é a liberdade de expressão”, declara Bebeto.

Assista o pronunciamento de Bebeto.

PREFEITO ELEITO DE ITACARÉ APRESENTA PROJETOS AO SECRETÁRIO DE TURISMO DA BAHIA

Antônio de Anísio durante reunião com o secretário José Alves.
Antônio de Anísio durante reunião com o secretário José Alves.

O prefeito eleito de Itacaré, Antônio de Anísio (PT), se reuniu na quarta-feira (19) com o secretário de turismo do Estado da Bahia, José Alves. O futuro secretário municipal de turismo, Júlio Oliveira, também participou do encontro. 

Antônio de Anísio apresentou projetos que envolvem a recuperação das estradas de acesso a Itacaré e a modernização da infraestrutura turística da cidade.

Também solicitou que o novo aeroporto da Costa do Cacau seja construído entre Ilhéus e Itacaré.

A segurança pública também foi tema da reunião. O prefeito requisitou o aumento do efetivo policial e o monitoramento com câmeras de segurança ligada ao Centro Operacional da Secretaria de Segurança Pública, em Salvador.

O prefeito eleito destacou iniciativas que podem ser adotadas para melhorar a qualificação dos trabalhadores do setor turístico. Também enfatizou a importância do apoio do governo estadual para o calendário de eventos da cidade, como o Carnaval e o mundial de surfe.

O secretário estadual aprovou as ideias do próximo governante e já garantiu apoio para o III Festival Gastronômico Sabores de Itacaré. O evento ocorrerá entre os dias 1º a 17 de dezembro. José Alves confirmou presença na abertura.

ÂNGELA E MARÃO PRESTIGIAM SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Otto Alencar, Ângela Sousa, Mário Alexandre, Paulo Magalhães e Gilberto Kassab.
Otto Alencar, Ângela Sousa, Mário Alexandre, Paulo Magalhães e Gilberto Kassab.

Da assessoria de Ângela Sousa

A deputada estadual Ângela Sousa e o prefeito eleito de Ilhéus, Mário Alexandre (Marão – PSD), participaram do segundo dia da 13ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNTC). O evento acontece em Salvador. A programação vai até sábado (22), na sede do Senai Cimatec, no bairro de Piatã.

O senador e presidente estadual do PSD, Otto Alencar, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e presidente nacional do partido, Gilberto Kassab, e deputados que integram a bancada federal do PSD, a exemplo de Paulo Magalhães, Sérgio Brito e Roberto Brito, também prestigiaram o evento.

Para a deputada Ângela Sousa, a realização desse encontro se caracteriza como uma importante oportunidade de motivar e mobilizar a população, principalmente crianças e jovens, em torno de atividades voltadas para a ciência, tecnologia e inovação, mostrando a importância dessas áreas para a vida cotidiana e o desenvolvimento da sociedade.

Já o prefeito eleito de Ilhéus, Mário Alexandre, avaliou a iniciativa como um valioso instrumento de popularização da ciência, tornando-se uma vitrine para apresentação de resultados e atração de investimentos.

O evento é organizado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado (Secti). A estrutura conta com 40 estandes, com produtos e atrações ligados à tecnologia, como jogos eletrônicos, softwares, projetos de energia renovável e cidades inteligentes, entre outros.

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE 8 VAGAS DE EMPREGO NA SEGUNDA-FEIRA

Confira abaixo as vagas disponíveis na segunda-feira (24) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Muitos candidatos se antecipam e preenchem as vagas por meio do site Mais Emprego.

Por esse motivo, acontece do pretendente ir até o SAC e não encontrar a oportunidade anunciada pelo Blog do Gusmão.

Recomendamos aos candidatos que se cadastrem no site quando forem a uma agência do SineBahia.

Vendedor Interno

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • 03 Vagas

Vendedor Pracista

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 6 meses de experiência

  • CNH AB

  • 01Vaga

Mecânico de Manutenção de ônibus

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 3 meses de experiência

  • 01 Vaga

(mais…)

SINEBAHIA ITABUNA TEM 47 OPORTUNIDADES DE EMPREGO

Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis até a próxima segunda-feira (24).

A agência funciona na unidade modelo da Avenida Inácio Tosta Filho, centro. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Assistente Administrativo

Jovem Aprendiz

Ensino Médio Incompleto

5 vagas

Auxiliar Administrativo

Ensino Superior Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

1 vaga

Auxiliar Administrativo

PCD (Pessoas com Deficiência)

Ensino Médio Completo

1 vaga

(mais…)

SEGUNDO MPF, GERENTE DA CAIXA EM ILHÉUS E ITABUNA “FOI CÚMPLICE” DE EMPRÉSTIMOS ILEGAIS

Agência da Caixa Econômica Federal na Avenida Dois de Julho, em Ilhéus.
Agência da Caixa Econômica Federal na Avenida Dois de Julho, em Ilhéus.

O Ministério Público Federal afirma que Gerson Bernardo Alves dos Santos “foi cúmplice” de um esquema de empréstimos a “empresas fictícias” entre os anos de 2012 e 2013. Nessa época, ele era o gerente de atendimento de pessoa jurídica das agências da Caixa Econômica Federal em Ilhéus e Itabuna. Segundo o MPF, as operações ilegais de crédito causaram “prejuízo de mais de R$ 3,5 milhões” ao banco público.

O MPF denunciou outras seis pessoas: Aline Félix Nascimento, Fabiana Vieira dos Santos, Jaqueline Santana Felix de Jesus, Nadja Almeida de Melo, Tayana Frutuoso de Souza e Paulo Henrico Almeida de Melo Santos, apontado como “o líder do grupo”.

Segundo o procurador da República Tiago Modesto Rabelo, autor da denúncia, os acusados criaram 17 empresas “de fachada” para “obter inúmeros empréstimos de até R$ 100 mil na Caixa”. O gerente teria participado de 32 transações ilícitas, “autorizando indevidamente a concessão das operações de crédito”.

De acordo com o MPF, processo disciplinar interno da Caixa também comprovou as irregularidades.

Conforme Tiago Rabelo, os outros acusados, como a mãe e duas ex-esposas de Paulo Henrico Santos, “estavam cientes das ilegalidades cometidas e receberam parte dos recursos”.

Caso sejam condenados, poderão ficar presos por até cinco anos. O MPF também exige a devolução do dinheiro retirado da Caixa. O órgão cobra valores específicos a cada um dos acusados (Paulo Henrico e Gerson Santos, R$ 3.503.695,38; Jaqueline Santana, R$ 968.628,95; Nadja Almeida, R$ 652.874,98; Tayana de Souza, R$ 464.663,54; Aline Félix, R$ 160.064,82; e Fabiana dos Santos, R$ 130.276,26).

Acesse a denúncia.

RAIMUNDO NÃO É MAIS DO BASÍLIO

Jabes Ribeiro e Raimundo do Basílio.
Jabes Ribeiro e Raimundo do Basílio.

O vereador Raimundo “do Basílio” (PSDB) não conseguiu a reeleição. O resultado negativo de 2016 revelou que o edil também perdeu força no reduto eleitoral.

O Basílio deu 419 dos 1194 votos que elegeram o vereador em 2012. Em 2016, Raimundo também liderou a votação no bairro, mas com uma marca bem menos expressiva. Recebeu da comunidade 136 do total de 593 votos que conquistou.

Apesar da liderança, a queda significativa mostra a insatisfação de boa parte da comunidade com o mandato do vereador.

Na campanha desse ano, acompanhado do candidato Cacá Colchões (PP), Raimundo recebeu ovadas durante visita ao Basílio.

Raimundo acreditou que a fidelidade ao prefeito Jabes Ribeiro (PP) garantiria a sua reeleição. Tudo indica que a impopularidade de JR contribuiu no sentido contrário, desgastando a liderança do vereador entre os moradores do Basílio.

Ele se esforçou em busca de soluções para as demandas do bairro, como a reativação do posto de saúde. O problema é que a unidade voltou a funcionar sem as devidas condições. A exemplo do que ocorre em outras unidades do município, faltam equipamentos, insumos e recursos humanos (principalmente médicos).

No fim das contas, Raimundo pagou caro pela fidelidade canina a Jabes, cuja maneira de governar é reprovada por oitenta por cento da população de Ilhéus.

Esta matéria usou dados do Tribunal Superior Eleitoral organizados pelo vice-prefeito eleito de Ilhéus, José Nazal, da Rede Sustentabilidade.

EXPULSÃO NÃO AMEAÇA O MANDATO DE GIL GOMES, AFIRMA ESPECIALISTA

Gil Gomes e Renata Mendonça.
Gil Gomes e Renata Mendonça.

O PV de Ilhéus expulsou o vereador eleito Gil Gomes – lembre aqui. No entanto, isso não vai impedi-lo de assumir o cargo garantido pelo voto popular. O parecer é da advogada Renata Mendonça, especialista em legislação eleitoral.

A advogada disse ao Blog do Gusmão que Gil Gomes pode tentar reverter a medida, se tiver interesse em permanecer na legenda. Caso não consiga, poderá escolher outro partido. “No meu entender, a expulsão não o impedirá de ser diplomado nem de tomar posse no cargo para o qual foi eleito”, avaliou.

Estar filiado a um partido “é uma condição de elegibilidade que deve ser preenchida por aquele que quer se tornar candidato. Gil Gomes preencheu essa condição no momento de seu registro de candidatura. Sua eventual alteração de partido não se dará por ato voluntário, ou seja, por desfiliação, mas por expulsão”, explicou Renata Mendonça.

Conforme a especialista, o cenário seria diferente se o próprio Gil Gomes decidisse sair do partido. Mas, como a decisão é da diretoria do PV, mesmo se ele “já houvesse tomado posse, a expulsão não seria caso de perda de mandato por infidelidade partidária. Do mesmo modo, não será caso de impedimento de diplomação”.

Segundo Renata Mendonça, a legislação e a jurisprudência protegem o partido contra a perda do mandato diante da “desfiliação do agente político sem justa causa”, o que não é o caso de Gil Gomes.  Ela lembrou o exemplo do Cabo Daciolo (PT do B), deputado federal expulso do PSOL-RJ. O partido nem chegou a reivindicar o mandato.

CANTORA ILHEENSE AVANÇA NO THE VOICE BRASIL

Brena Gonçalves no palco do The Voice Brasil. Imagem da TV Globo.
Brena Gonçalves no palco do The Voice Brasil. Imagem da TV Globo.

Quem frequenta barzinhos na noite de Ilhéus provavelmente já ouviu a voz da cantora e compositora Brena Gonçalves. Na noite dessa quinta-feira (20), a mesma voz estreou no palco do The Voice Brasil, programa da TV Globo, onde a ilheense cantou a música Alguém me disse. A apresentação agradou os jurados Cláudia Leite e Michel Teló. Brena escolheu o time do paranaense. Assista no GShow.

GOVERNO JABES COMPRA MATERIAIS DE INFORMÁTICA POR R$ 65 MIL

Imagem ilustrativa.
Imagem ilustrativa.

Thayane L. Santos Magazine – ME venceu processo licitatório da Prefeitura de Ilhéus. A empresa vai fornecer equipamentos de informática à Secretaria de Desenvolvimento Social.

O contrato custará R$ 65.500,00 aos cofres do município. O governo Jabes Ribeiro publicou as informações no Diário Oficial dessa quinta-feira (20).

CONTRAN PROÍBE MÚSICA QUE POSSA SER OUVIDA FORA DO CARRO

"Paredão" de som poderá render multa de 127 reais.
“Paredão” de som poderá render multa de 127 reais.

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) decidiu na quarta-feira (19) proibir o uso de som automotivo para a audição de músicas em volume que possa ser ouvido fora do carro. A decisão não alcança o barulho de mensagens publicitárias. Infratores receberão multa de 127 reais e perderão cinco pontos na carteira.

Conforme a resolução nº 624, a infração não dependerá do volume e da frequência do som, basta que seja possível ouvi-lo do lado de fora do veículo. A medida não abrange os sinais sonoros emitidos pelo próprio carro.

A nova regra aguarda publicação no Diário Oficial da União para entrar em vigor.

Com informações do jornal Extra.