ESTUDANTES FECHAM ENTRADA E PAVILHÕES DA UESC

Imagens: Ascom-ADUSC, WhatsApp e Facebook. Montagem: Blog do Gusmão.
Imagens: Ascom-ADUSC, WhatsApp e Facebook. Montagem: Blog do Gusmão.

Em assembleia realizada nessa segunda-feira (24), a maioria dos estudantes presentes decidiu iniciar hoje a ocupação da Universidade Estadual de Santa Cruz.

Por volta das 18h15min, os manifestantes fecharam pavilhões e a entrada do Campus Soane Nazaré.

O ato é contra medidas do governo Temer, como a Proposta de Emenda Constitucional 241. O projeto propõe o congelamento de investimentos públicos em educação, saúde e outras áreas, por vinte anos, além de impedir o crescimento real do poder aquisitivo do salário mínimo.

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, se uma proposta como a PEC 241 tivesse sido aprovada em 1998, hoje o salário mínimo seria de quatrocentos reais.

A Câmara dos Deputados já aprovou a emenda na primeira votação. A Casa tomará a decisão favorável e definitiva provavelmente nessa terça-feira (25), conforme expectiva do governo Temer.

Outras ocupações como a da UESC ocorrem em vários estados. A ideia é pressionar o Congresso Nacional para barrar a PEC 241. O presidente Michel Temer (PMDB), por outro lado, já iniciou as negociações para que o senador Renan Calheiros, seu correligionário, também garanta velocidade para a aprovação do texto no Senado, Casa que preside.

Clique aqui para ler o manifesto dos estudantes.

ESTUDANTES DECIDEM OCUPAR A UESC

Assembleia realizada nessa segunda-feira. Imagem circula nas redes sociais.
Assembleia realizada nessa segunda-feira. Imagem circula nas redes sociais.

A coordenadora de mulheres do Diretório Central dos Estudantes (DCE), Valéria Martins, informou ao Blog do Gusmão que discentes da UESC aprovaram a ocupação do Campus Soane Nazaré, em Ilhéus. Tomaram a decisão exatamente às 17h37min dessa segunda-feira (24), durante assembleia  ainda em andamento.

Perguntamos como a ocupação se dará na prática. A representante do DCE explicou que isso será discutido na assembleia. Os estudantes vão decidir se ocuparão apenas um espaço (permitindo o funcionamento normal da universidade) ou se fecharão a entrada do campus.

Valéria Martins nos enviou o manifesto em que os estudantes explicam por que decidiram ocupar a UESC. A Proposta de Emenda Constitucional 241, conhecida como PEC do Teto, é um dos motivos apontados. A ocupação do IFBA-Ilhéus, iniciada na última semana, é mencionada em tom de reconhecimento à mobilização dos secundaristas e alunos do ensino técnico.

Atualizado às 19h45min.

Os manifestantes fecharam a entrada e pavilhões da UESC – veja aqui. Professores se juntaram ao movimento. Leia o manifesto do Diretório Central dos Estudantes.

DCE CONVOCA OCUPAÇÃO NA UESC!

O chamado é para a luta.

O momento que vivemos no Brasil é de extremo retrocesso, independente de nosso posicionamento politico.  O golpe de Estado sofrido pela democracia brasileira coloca-nos frente a frente ao saqueamento do país. Nossas riquezas estão sendo entregues ao capital estrangeiro, enquanto brasileiros e brasileiras assistem seus direitos, conquistados a duras penas, indo embora junto com o pré-sal. A responsabilidade critica nos permite afirmar que a situação do país não estava há contento do que a população precisa, entretanto, o golpe judiciário e midiático sofrido pela Presidenta Dilma, traz a tona o objetivo maior do impeachment: A aprovação da PEC 241, a PEC do fim do mundo.

Na UESC, a realidade não difere da situação nacional, visto que a conjuntura politica do país afeta a todos e todas, logo, é ilusão pensar que um congelamento de investimentos na educação e saúde durante 20 anos não irá afetar as Universidades da Bahia, estaduais ou não.  Já vivenciamos um atraso na bolsa permanência, estudantes sofrem em ter que escolher entre estar na UESC ou trabalhar. O atraso não se relaciona ainda com a PEC 241, mas demonstra o cenário de sucateamento das instituições de Ensino superior, e nos coloca a refletir sobre o cenário politico do país.  A imagem que se apresenta é de extrema dificuldade e de retrocesso para a educação. Isso é maior que a nossa formatura e o nosso diploma, isso é sobre as perspectivas e desafios de conquistar uma educação digna para todos e todas e principalmente, de manter instituições de ensino abertas e com funcionamento de qualidade, garantindo acesso e permanência dos e das estudantes, bem como os direitos trabalhistas dos e das servidoras.

São tempos difíceis! Querem nos fazer crer que cortar gastos públicos primários irá resolver o problema, querem nos fazer crer, mais uma vez, que nós, trabalhadores e trabalhadoras, temos que pagar por uma crise que não é nossa. Nestes momentos de ataques é fundamental que nos organizemos. Essa organização deverá ser precedida de mobilização, luta e muita unidade. Somente ela, a unidade, garantirá uma correlação de força favorável para nós, estudantes, incidirmos de fato na realidade. Esse momento chegou!

(mais…)

CRIAÇÃO DE SANTUÁRIO PODE BANIR CAÇA DE BALEIAS NO ATLÂNTICO SUL

Baleia jubarte em Abrolhos. Imagem: UOL Viagem.
Baleia jubarte em Abrolhos. Imagem: UOL Viagem.

A cidade de Portoroz, na Eslovênia, sedia a 66ª Reunião da Comissão Internacional da Baleia (CIB). O encontro começou no último dia 20 e seguirá até sexta-feira (28). Entre outros temas, o grupo vai decidir sobre a criação do Santuário de Baleias do Atlântico Sul, proposta apresentada por Brasil, Argentina, Uruguai, África do Sul e Gabão, com o objetivo de banir a caça de baleias nessa área do planeta.

A caça comercial de baleias está suspensa desde 1988, mas os países proponentes esperam que o santuário sirva também como marco para a cooperação em pesquisa. Também pretendem regulamentar a inserção das baleias na cadeia produtiva de forma não letal, com o turismo de observação.

O Projeto Baleia Jubarte integra a delegação oficial do Brasil no fórum. Márcia Engel, coordenadora-geral da entidade, participa do evento com o apoio da Petrobras e organizações parceiras. Seu objetivo é apresentar detalhadamente a importância científica, ambiental e socioeconômica da criação do santuário. Por outro lado, a votação no encontro deverá ser acirrada por causa do interesse dos países que exploram comercialmente a caça de baleias.

ABASTECIMENTO DE ÁGUA É INTERROMPIDO EM 25 BAIRROS DE ILHÉUS

falta agua

Da EMBASA.

Com o objetivo de corrigir aspectos físico-químicos da água alterados pelas chuvas deste final de semana, a Embasa interrompeu temporariamente, nesta segunda-feira (24), o abastecimento nos seguintes bairros de Ilhéus: Alto Carvalho, Alto da Esperança, Alto do Amparo, Ato do Aureliano, Alto do Cacau, Alto do Coqueiro, Alto Legião, Alto São Francisco, Avenida Itabuna, Banco da Vitória, Basílio, Conquista, Esperança, Frei Vantuy, Malhado, Morada do Bosque, Morada do Porto, Pacheco, Princesa Isabel, Salobrinho, Tapera, Teresópolis, Vila Cachoeira, Vila Nazaré e Teotônio Vilela. 

A previsão é de que o fornecimento seja regularizado, de forma gradativa, nas próximas 48 horas para essas localidades.  A empresa informa que haverá compensação do fornecimento de água pelo mesmo período em que a distribuição da Estação de Tratamento de Água (ETA) Centro permanecer interrompida.

Com relação a ETA do Pontal,  que abastece todos os bairros da zona sul de Ilhéus, sua capacidade de produção foi reduzida por conta das alterações na qualidade da água provocadas pelas chuvas, já que os equipamentos de filtragem precisam ser desligados para limpeza a cada duas horas. Usuários que dispõem de reservação adequada para suas necessidades não sentirão a redução do volume distribuído.

Com as chuvas recentes, os mananciais para abastecimento de Ilhéus receberam sedimentos e matéria orgânica em quantidade elevada, que são captados pelas bombas para as estações de tratamento e demandam medidas corretivas, em especial por conta das alterações de cor e de cheiro da água.

VEREADOR JAMES TEVE 97 VOTOS NO SALOBRINHO

James Costa.
James Costa.

O Blog do Gusmão errou na contagem dos votos do vereador James Costa (PSB) no Salobrinho, que tem seções da 25ª e 26ª zonas eleitorais de Ilhéus. Ao afirmar que ele recebeu dez votos no bairro, consideramos apenas as urnas da 25ª. De toda forma, o resultado  de 2016 (97 votos) ficou muito longe da votação de 2012 (923). O fracasso no reduto eleitoral marcou a sua tentativa frustrada de reeleição.

MARÃO E NAZAL SE POSICIONAM CONTRA AUMENTO DE SALÁRIOS DO EXECUTIVO

Nazal e Marão. Imagem: Clodoaldo Ribeiro.
Nazal e Marão. Imagem: Clodoaldo Ribeiro.

Da assessoria do PSD-Ilhéus.

Mário Alexandre (Marão – PSD) e José Nazal (Rede Sustentabilidade), prefeito e vice-prefeito eleitos de Ilhéus, posicionaram-se contra a proposta de aumento salarial para os cargos de comando da Prefeitura.

Essa decisão representa o posicionamento de boa parte dos moradores de Ilhéus que se manifestaram sobre o assunto. A proposta gerou manifestações contrárias nas ruas e redes sociais.

Mário e Nazal naturalmente seriam beneficiados pelo aumento, no entanto, defendem que o município deve priorizar investimentos em outras áreas.

Também destacaram que os servidores municipais não recebem reposição salarial desde 2012. Nesse cenário de dificuldade financeira, não seria justo valorizar apenas os altos cargos da administração pública do Executivo.

Eles decidiram não se posicionar sobre a proposta de aumento salarial para os vereadores, em respeito à independência da Câmara de Ilhéus. Segundo Marão e Nazal, o Legislativo é um poder autônomo e seus representantes devem saber como administrá-lo.

PREFEITO DE BOM JESUS DA LAPA DÁ LIÇÃO NO GOVERNO JABES RIBEIRO

jabes-ribeiro
Jabes Ribeiro e Eures Ribeiro: sobrenomes iguais e ideias distintas sobre gestão pública.

Em 2012, Eures Ribeiro venceu as eleições para prefeito de Bom Jesus da Lapa (BA) com 58,54% dos votos válidos. Em 2016, foi reeleito com uma votação ainda maior, 78%.

Qual o segredo?

Segundo Eures Ribeiro, com gestão centralizadora e respeito absoluto ao dinheiro público é possível corresponder às expectativas da população.

O prefeito de Bom Jesus afirma que uma de suas primeiras atitudes foi romper com os aliados dispostos a se enriquecer com a grana do povo. Segundo ele, sem essa postura o gestor não consegue governar para quem mais precisa.

Eures Ribeiro discorda do seu colega ilheense Jabes Ribeiro, que insiste em colocar a culpa na crise econômica para justificar o fracasso de sua gestão. Segundo o prefeito da Lapa, “não existe crise quando o dinheiro é fiscalizado. O dinheiro que vem é suficiente, agora tem que ter o controle”.

Veja a entrevista de Eures Ribeiro ao Diário de Rio Preto, após o resultado das eleições de 2016.

ILHÉUS TEM ABAIXO-ASSINADO CONTRA AUMENTO SALARIAL DE POLÍTICOS

dinheiroO Instituto Nossa Ilhéus iniciou na quinta-feira (20) coleta de assinaturas contra o aumento salarial proposto para os vereadores, prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

Segundo o instituto, o projeto de lei 48/2016 “visa fixar em R$12.825,00 o subsídio mensal a ser percebido pelos vereadores a partir de 01/01/2017, o que corresponde a um aumento de 27,98%. Já a PL 049/2016 propõe o valor de R$20.487,50 para o subsídio mensal do prefeito, um aumento de 10%; R$15.300,00 para o vice-prefeito, um aumento de 20%; e em R$12.825,00 para os secretários municipais, um aumento de 27,98%”.

Até as 9h43min dessa segunda-feira (24), 879 pessoas já haviam assinado o manifesto contra o reajuste. Caso queira ler e assinar, clique aqui.

Os projetos repercutiram de forma negativa na cidade. Muitas pessoas lembraram que os servidores municipais estão sem reposição salarial há quatro anos, período em que viram seu poder aquisitivo abalado pela inflação acumulada. Nesse contexto, a proposta de aumento para os políticos soou como uma medida descolada da realidade financeira da maior parte dos trabalhadores de Ilhéus.

ILHÉUS SEDIA TRIAGEM PARA MUTIRÃO DE CIRURGIAS

mutiraoA Secretaria de Saúde do Estado vai realizar um mutirão de cirurgias em Itabuna. A iniciativa beneficiará moradores de todo o sul da Bahia. Ilhéus vai ter um posto móvel para a triagem dos pacientes.

Durante o mutirão, serão feitas cirurgias de histerectomia, hérnia umbilical, hérnia inguinal, hérnia epigástrica e vesícula.

Interessados devem realizar a consulta pré-operatória. Em Itabuna, a triagem começou nessa segunda-feira (24) e seguirá até quarta (26), no Centro de Cultura Adonias Filho. Já em Ilhéus o serviço ficará disponível na sexta-feira (28) e no sábado (29), na Praça Dom Eduardo, no Centro.

As cirurgias ocorrerão a partir do dia 31 de outubro, no Hospital Calixto Midlej Filho e no Hospital e Maternidade Ester Gomes, em Itabuna.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 071 4000.