MÉDICO FLUMINENSE DECIDE MORAR EM ILHÉUS DEVIDO À BOA QUALIDADE DE VIDA

Igor Salarini de Lucena. Imagem: Emílio Gusmão.
Igor Salarini de Lucena. Imagem: Emílio Gusmão.

O médico Igor Salarini de Lucena, 32 anos, é membro da sociedade de otorrinolaringologia e cirurgia cérvico-facial e da sociedade de cirurgia plástica facial. Também é especialista em otorrinolaringologia, cirurgias de ouvido, e pós-graduado em cirurgia facial e procedimentos faciais. Nascido em Nova Friburgo, no estado do Rio de Janeiro, decidiu morar em Ilhéus por reconhecer que a cidade oferece boa qualidade de vida.

A perspectiva de desenvolvimento do município também pesou na decisão do médico. Segundo ele, Ilhéus tende a crescer do ponto de vista econômico.

A impressão do novo morador contrasta com certo pessimismo que prevalece em Ilhéus desde a crise do cacau. Há uma imagem nostálgica sobre os tempos áureos da cultura cacaueira que encobre a transformação econômica vivida nos últimos vinte e cinco anos. O economista Elson Mira, professor da UESC, já demonstrou como “as antigas metrópoles do cacau tornaram-se terciárias”. Ou seja, Ilhéus e Itabuna se transformaram em polos de comércio e serviços.

A chegada de profissionais altamente especializados, como o exemplo de Igor Salarini de Lucena, representa bem a mudança e a recuperação da economia ilheense. Isso porque os serviços de educação e saúde estão entre os que mais geram emprego e renda no município.

Igor Salarini de Lucena atende de segunda a sexta-feira na Otoclin, localizada em frente à Praça Rui Barbosa, número 211, no Centro. Nas tardes de quarta-feira, trabalha na Clínica Popular, que fica na Avenida Lindolfo Collor, 777-A, no bairro Malhado.

Siga o médico no Facebook para esclarecer dúvidas e receber informações: Dr. Igor Salarini.

Leia a entrevista.

Blog do Gusmão – O senhor se formou em que universidade?

Igor Salarini de Lucena– Na Universidade Estácio de Sá. Fiz especialização em no Hospital Federal de Bonsucesso, no Rio de Janeiro. Já a pós-graduação em cirurgia plástica facial fiz em São Paulo, no Instituto Jurado.  

BG – E em relação à medicina, o que lhe trouxe a Ilhéus?

Igor Salarini de Lucena – Conheci o Dr. Gustavo da Otoclin nesse curso em São Paulo, onde ele também se formou. Gustavo me convidou para trabalhar na Otoclin. Como já queria vir, aceitei o convite. Gostei muito da clínica, que oferece muitos serviços. O paciente chega aqui e consegue resolver todos os seus problemas dentro da nossa especialidade. Isso me trouxe para cá. Em termos de saúde, a cidade ainda tem muito a se desenvolver. Os setores público e privado estão muito defasados. Os hospitais ainda não oferecem suporte adequado, mas já vi que isso está mudando. Ilhéus começou a receber estrutura para realizar cirurgias vasculares, cardiológicas e procedimento de cateterismo. Essas intervenções são importantes para uma cidade desse porte, com duzentos mil habitantes. Uma cidade com essa população no interior do Rio de Janeiro ou de São Paulo tem um suporte muito maior na área de saúde. Mas isso não significa que Ilhéus não possa se desenvolver.

BG – O senhor tem a expectativa de morar aqui por muito tempo?

Igor Salarini de Lucena – Vim para viver! Vim para ficar! Minha ideia é aproveitar esse crescimento que Ilhéus tem pela frente.

Blog do Gusmão – Por que o senhor decidiu morar em Ilhéus?

Igor Salarini de Lucena – Eu morava no Rio de Janeiro, onde estudei. Devido à violência no Rio, optei por morar no sul da Bahia, em Ilhéus. Minha esposa tem família aqui. Estou gostando da cidade.

Eu sou uma pessoa do dia. Gosto muito de esportes. Tento surfar. Gostei da cidade por isso. Se fosse pensar apenas em dinheiro, teria ficado no Rio de Janeiro. Optei pela qualidade de vida para construir uma família.

Também considerei a proximidade dos grandes centros urbanos que o aeroporto proporciona. Com ele, temos acesso muito fácil a Salvador, São Paulo, Brasília, Minas, todos esses lugares.

Meus pais são de Nova Friburgo. Apesar de ser uma cidade fria, minha mãe adora praia. Meus pais conheceram Ilhéus e adoraram. Quando falei que estava vindo morar aqui, não fizeram nenhum tipo de contestação.

Blog do Gusmão – O senhor conhece Ilhéus há quanto tempo?

Igor Salarini de Lucena– Desde quando conheci minha esposa, há dois anos. Não havia conhecido a cidade como morada, só como lugar de veraneio. Passar férias ou visitar a família é sempre diferente. Quando vim não imaginei a cidade diferente do que encontrei. Nasci no interior. Conheço um pouco dessa realidade. Já vim sabendo como era. Ilhéus tem suas dificuldades, seus problemas, como qualquer outra cidade, mas eu pensei na qualidade de vida que se tem aqui, que é muito boa.

BG – Quais são as impressões que Ilhéus tem despertado no senhor?

Igor Salarini de Lucena– Vejo uma cidade com muita beleza natural e bom clima, mas peguei um pouco de seca aqui. Vejo discrepância social, porém, é uma cidade com futuro, se tivermos pessoas boas para administrá-la. O município tem muita perspectiva de desenvolvimento. Eu penso numa cidade que vai crescer, só que ela precisa da ajuda dos governantes e dos moradores. Se a população não ajudar, não adianta ter um governante bom.

BG – Como tem sido o seu contato com as pessoas e com os pacientes?

Igor Salarini de Lucena– Estou gostando. Acho que os pacientes também estão aprovando o atendimento. Me esforço para que as pessoas entendam o que se passa e o tipo de tratamento necessário em cada caso. O perfil do médico está mudando em benefício da medicina. Minha especialidade lida com uma área delicada. Além da saúde, a cirurgia facial geralmente envolve a recuperação da autoestima e do bem-estar do paciente. Também faço cirurgias de nariz e ouvido. Todas as intervenções cirúrgicas na região facial são delicadas. Por isso procuramos explicar tudo aos pacientes, para que entendam cada passo. É uma relação de confiança que só pode ser construída com muito respeito e atenção. A resposta das pessoas tem sido positiva.



12 responses to “MÉDICO FLUMINENSE DECIDE MORAR EM ILHÉUS DEVIDO À BOA QUALIDADE DE VIDA

  1. Parabéns Dr.Igor.vc merece tudo de bom pra vc e Manuela,que Deus ilumine o caminho de vcs dois.

  2. Meu conterrâneo.
    Quando cheguei aqui em 1977 para para implantação do DDD na cidade,fiquei
    impressionado com a semelhança de Ilhéus com o Rio. Além disso o povo muito hospitaleiro e também semelhante ao carioca. As coisas por aqui giravam em torno do Rio como moda, música, futebol etc. Me senti em casa com toda essa semelhança. Hoje sou cariolhense. Desejo ao Igor muito sucesso e tenho certeza que ele vai se adaptar logo a nossa cidade. Infelizmente a sequência de administrações desastrosas atrapalharam o desenvolvimento da nossa cidade. Mas Ilhéus é como FENIX renasce das cinzas. Sucesso Igor.

    infelizmente

  3. Ilhéus é uma cidade fantastica, é mais um profissional que escolhe morar em Ilhéus por qualidade de vida, quero salientar que quem ganha com isso somos nós, ha pouco tempo atrás chegou a Ilhéus Dr Juca Abud excelente profissional na area de cardiologia e cirrugia toracica, hoje fortalecendo a equipe de médicos do Hospital sâo José, também está em Ilhéus o super competente Urologista Dr. Matheus que faz dupla com Dr Juliano também urologista, estes dois em cirurgia de prostata não tem igual são de uma competência que não devem nada as autoridades no assunto, e aos poucos Ilhéus vai se tornando em referência em determinadas areas da medicina.

  4. Ilhéus é uma bela cidade e com um futuro promissor. Apesar das dificuldades, como toda cidades, os moradores de Ilhéus precisam aposta ainda mais nela e deixar o pessimismo.Precisamos valorizar o nosso passado, mais também pensar no futuro, com sustentabilidade e equidade a todos desde seu centro urbano aos distritos.

  5. Meu lindo, que essa sua escolha seja a mais acertada, que voce se realize em todos os sentidos. Torço POR voce. Brilhe sempre, sou sua fä. Beijos e sucesso, voce merece. Voce é o cara, faça a diferença. Beijos meu lindo e sucesso.

  6. Parabens Dr. Igor por seu desempenho e amor ao proximo, sentimos muito a sua falta la na Upa fico feliz em saber que estar bem, eu fui demitida da upa em fevereiro e estou a procura de novo emprego a gestao nova me demitiu por pura politica,mas tudo vai dar certo. te desejo tudo de bom.bjs Dayse Santos

  7. Oi gente me chamo Pedro sou Mineiro de Belzonte, eu e minha esposa estamos pensando em morar aí , somos Contadores como está este mercado na cidade?
    Obrigado!!

  8. Bela história , mas uma excessão , muitos vem deslumbrados sem trabalho e penam a procura de uma vaga . pobre ilhéus vive da fama pois sua realidade é triste assim como seus politicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *