FALCÃO FAZ SHOW EM BARRA GRANDE

Cartaz do evento.
Cartaz do evento.

O cantor e compositor Marcelo Falcão, vocalista da banda O Rappa, vai se apresentar no dia 28 de dezembro no Café de La Musique, em Barra Grande, na Península de Maraú.

O músico vai apresentar o projeto Jet Dub System, com elementos do reggae jamaicano e versões de grandes músicas de Tim Maia, além de outros nomes da música nacional, como Jorge Ben.

Para os interessados em garantir lugar nesse seleto e disputadíssimo ambiente, com vagas super limitadas, a hora é agora. Você pode comprar seu ingresso só para esse show ou para todos os 5 dias de evento. Clique aqui ou visite os perfis oficiais do Café de la Musique no Facebook ou Instagram.

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE 18 VAGAS DE EMPREGO NESSA SEXTA-FEIRA

Confira abaixo as vagas disponíveis nessa sexta-feira (25) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Muitos candidatos se antecipam e preenchem as vagas por meio do site Mais Emprego.

Por esse motivo, acontece do pretendente ir até o SAC e não encontrar a oportunidade anunciada pelo Blog do Gusmão.

Recomendamos aos candidatos que se cadastrem no site quando forem a uma agência do SineBahia.

Auxiliar de Cozinha

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 2 meses de experiência

  • 02 Vagas

 Cobrador de Ônibus

(Vaga Exclusiva para PCD)

  • Formação: Ensino Fundamental Completo

  • 01 Vaga

 Vendedor Pracista

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 3 meses de experiência

  • 05 Vagas

(mais…)

CONFIRA AS VAGAS DE EMPREGO DO SINEBAHIA ITABUNA

Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis até essa quinta-feira (25).

A agência funciona na unidade modelo da Avenida Inácio Tosta Filho, centro. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Assistente de Compras

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

1 vaga

Auxiliar de Limpeza

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

3 vagas

Auxiliar de Linha de Produção

PCD (Pessoas com Deficiência)

Ensino Médio Completo

1 vaga

(mais…)

CALMA, JUVENAL!

Juvenal Maynart.
Juvenal Maynart.

Como a blogosfera destacou, inclusive o Pimenta, o ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) indicou Juvenal Maynart para o comando da diretoria geral da CEPLAC. A nomeação saiu no último dia 14.

Entre 2011 e setembro de 2015, Juvenal dirigiu a superintendência baiana da CEPLAC. Produtores de cacau o elogiaram muito por seu trabalho. Apesar da competência reconhecida, também havia chegado ao posto por indicação de Geddel. Foi exonerado quando o peemedebista aumentou o tom das críticas ao governo Dilma.

Com o escândalo envolvendo apartamento de Geddel em Salvador, não se sabe qual será o destino de Juvenal na CEPLAC, caso o ministro deixe o cargo.

Por mais que Geddel mantenha sua influência no governo mesmo fora do cargo, como acontece hoje com o senador Romero Jucá (PMDB), líder da base de Temer no Senado, Juvenal pode ficar sem padrinho direto na gestão.

Ser afilhado político de Geddel, padrinho controverso e com passado extremamente questionável, deixa Maynart em situação de alerta.

Mas Juvenal, reconhecido por muitos pela competência, sabe trafegar muito bem entre a elite do cacau. É amigo de empresários influentes, como Helenilson Chaves.

Recentemente, Chaves escreveu artigo no Pimenta defendendo a lavoura de cacau a pleno sol, sem o tradicional sistema cabruca que conserva espécies importantes de árvores da Mata Atlântica.

Juvenal conhece a importância do cacau cabruca. Defendeu esse tipo de produção na sua passagem pela superintendência da CEPLAC. Por outro lado, em nenhum momento se expôs numa divergência pública com o amigo Helenilson Chaves.

É que Juvenal, além de competente, também sabe não aborrecer os amigos.

NEM TUDO ESTÁ PERDIDO

Palestra de Cid Benjamin no espaço de atividades da ocupação da UESC. Imagem: Shi Mário.
Palestra de Cid Benjamin no espaço de atividades da ocupação da UESC. Imagem: Shi Mário.

Por José Henrique Abobreira

abobreira artigoSim, digo à minha meia-dúzia de leitores aqui deste blog. Fiquei mais de meses meses bloqueado psicologicamente. Chocado, sem conseguir articular ideias para escrever os artigos que publico regularmente neste espaço, ao ver a brutalidade cometida contra a nossa democracia imberbe. O golpe jurídico-midiático-parlamentar rasgou de forma desavergonhada a nossa Carta Magna, quando um Congresso deslegitimado, com mais de 200 parlamentares envolvidos em toda a sorte de falcatruas, desapeou a presidente Dilma do cargo sem que tenha cometido um crime e nos jogou à sanha do justiçamento sem provas cabais.

Eis que o bloqueio do nosso intelecto foi quebrado ontem, ao adentrar a UESC ocupada por alunos e professores daquela instituição. Fui ouvir a palestra do jornalista Cid Benjamin, do Rio de Janeiro. Verifiquei o grau de posições de vanguarda da nossa classe estudantil. Dezenas de meninas e meninos lutando juntos pelos seus direitos ameaçados pela reforma brusca do ensino médio e protestando contra a aprovação da PEC 55. A proposta tramita no Senado Federal e promoverá o congelamento dos investimentos públicos por 20 anos, desvinculando receitas constitucionais de setores básicos como educação e saúde.

Ao ver a organização da meninada refletida no controle dos portões de acesso da universidade e nas tarefas de organização de revezamento de turno para supervisionar as atividades que impulsionam aquela ocupação, como debates, avaliações de conjuntura, aulões com a participação de diversos professores, senti-me inalando uma lufada de ar fresco e puro, para aliviar o sufocamento que me apertava o peito diante do estado calamitoso em que esse desgoverno sombrio do Temer jogou o país.

(mais…)

PROFESSORES DA UESC REJEITAM GREVE

Imagem extraído do vídeo da Rádio UESC.
Imagem extraído do vídeo da Rádio UESC.

Em assembleia realizada nessa quinta-feira (24), professores da UESC decidiram não paralisar suas atividades por tempo indeterminado.

Os docentes vão buscar outras formas de mobilização contra as medidas antipopulares do governo Temer.

Segundo a Rádio UESC, 104 professores votaram contra a greve, e 67 a favor. Doze se abstiveram.

TEMER LEVOU GEDDEL AO GOVERNO SABENDO A QUEM ENTREGAVA

janio de freitasPor Janio de Freitas/publicado na Folha de S. Paulo

O enredo em que se inclui a ação audaciosa e impune de Geddel Vieira Lima não tem a simplicidade de um golpe a mais de tráfico de influência, como é tratado. Se não está no início, Michel Temer está no meio de um encadeamento de atos merecedores de mais do que uma nova anotação na folha corrida de Geddel.

Entre os primeiros atos de pretensa organização do seu governo, Temer decidiu extinguir o Ministério da Cultura, ao qual se ligava o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, o Iphan. Uma secretaria, de preferência pendurada na Presidência da República, substituiria o ministério. A explicação para o rebaixamento foi a redução de gasto. Inconvincente, porque o próprio Temer, surpreendido pela reação de intelectuais e artistas, dizia serem mantidos na secretaria todos os programas e funções do ministério. Logo, também os gastos significativos.

As críticas venceram. Temer recuou, emitindo medida provisória de recriação do ministério. Nela, porém, uma farpa intrometia a criação da Secretaria Nacional de Patrimônio Histórico. A exemplo das demais secretarias, aninhada na Presidência. A finalidade desse órgão foi captada pelo repórter Evandro Éboli (“O Globo”) com a deputada Mara Gabrilli, relatora da MP: “Mergulhei para entender a importância dessa secretaria [Mara ouviu muita gente]. E vi que a importância dela era tirar a importância do Iphan” –o responsável, entre muitos fins, por julgar a relação entre o patrimônio ambiental e empreendimentos (oficiais ou privados) que possam prejudicá-lo. Caso da edificação defendida pela advocacia administrativa de Geddel Vieira Lima.

(mais…)

PROFESSORES DA UESC PODEM APROVAR GREVE

Imagem: Robson Duarte/Esquerda Diário.
Imagem: Robson Duarte/Esquerda Diário.

Professores da UESC estão reunidos em assembleia na manhã dessa quinta-feira (24).

A pauta inclui a possibilidade de adesão à greve geral contra a PEC 55 e outras medidas do governo Temer, como a reforma do ensino médio.

A Rádio UESC faz excelente trabalho de cobertura do ato. Ouça aqui.

Mais informações em instantes.

RECUPERAÇÃO DA REPRESA IGUAPE NÃO ELIMINA SINAL DE ALERTA

Represa Iguape. Nazal registrou imagem na tarde dessa quarta-feira, 23 de novembro.
Represa Iguape. Nazal registrou imagem na tarde dessa quarta-feira, 23 de novembro.

O fotógrafo e vice-prefeito eleito de Ilhéus, José Nazal (Rede Sustentabilidade), fez ontem (23) novas imagens aéreas do manancial do Iguape, que é usado pela Embasa para abastecer parte da cidade. As fotos mostram que as chuvas recentes aumentaram de forma significativa o nível da represa.

Imagens de junho de 2016, também feitas por Nazal, ajudam a fazer a comparação. Há cinco meses, a represa chegou a níveis baixíssimos. Parte da população ilheense ainda sente os efeitos da crise hídrica.

Em Areia já é visível em vários pontos.
Represa Iguape em junho de 2016. Foto: José Nazal.

O próprio Nazal alertou que a crise hídrica não é um problema superado. Lembrou que a região precisa conceber e executar plano de recuperação da área ambiental degradada. Esse tipo de iniciativa será fundamental para que o município se prepare para novos períodos de escassez de chuvas.

Em junho, durante entrevista ao Blog do Gusmão, o geólogo Francisco de Paula, professor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), explicou que os períodos de seca tendem a se repetir em intervalos cada vez mais curtos, provocados principalmente pelo fenômeno climático El Niño. Estudioso das bacias hidrográficas do leste baiano, o especialista indicou os caminhos que os gestores públicos e a sociedade organizada devem seguir para lidar com essa tendência. Todos passam pela conservação e recuperação de recursos naturais que mantêm os ciclos da água – leia aqui.

JUSTIÇA PARALISA OBRA DE PRÉDIO QUE INTERESSA A GEDDEL

Ilustração do projeto.
Ilustração do projeto.

A pedido do Ministério Público Federal na Bahia, a Justiça Federal determinou a paralisação da construção do edifício La Vue Ladeira da Barra, em Salvador. A decisão também suspendeu as vendas de apartamentos do prédio, sob pena de multa diária de dez mil reais.

A obra ficou famosa após escândalo envolvendo o ministro Geddel Vieira Lima, proprietário de um dos apartamentos do empreendimento – lembre aqui.

Denúncia do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Bahia (IAB-BA) motivou a ação do MPF. Isso porque o projeto prevê que o edifício terá 30 andares e cem metros de altura, dimensão que comprometeria a visibilidade de patrimônios tombados, como: A Igreja de Santo Antônio, o Outeiro de Santo Antônio e o Forte de Santa Maria.

ASSEMBLEIA PODE ENCERRAR OCUPAÇÃO DA UESC

Estudantes se reuniram com reitora nessa quarta-feira. Imagem do movimento Ocupa UESC.
Estudantes se reuniram com reitora nessa quarta-feira. Imagem do movimento Ocupa UESC.

Segundo o estudante Tiago Melo, do curso de direito da UESC, os estudantes que ocupam o Campus Soane Nazaré realizarão assembleia às 14 horas dessa quinta-feira (24).

Em pauta, a possibilidade de encerrar a ocupação iniciada há um mês. Ontem, os manifestantes participaram de reunião com a reitora Adélia Pinheiro.

Atualizado às 10h57min.

Comentário do Blog.

Citamos Melo porque obtivemos a informação por meio de sua publicação, que simplesmente informou a pauta e o horário da assembleia.