RUI NA TV BAHIA: POLÍTICA DE PREÇOS DA PETROBRAS É “DESASTROSA”

Em participação ao vivo na tevê, governador subiu tom contra gestão da Petrobras no governo Temer.

Entrevistado na última sexta (25) pela jornalista Jéssica Senra, da TV Bahia, o governador Rui Costa (PT) subiu o tom contra a política de preços da Petrobras sob o comando do governo Temer. Para o petista, a gestão “desastrosa” da estatal é responsável pela crise gerada pelos aumentos seguidos nos preços dos combustíveis.

De acordo com Rui Costa, o governo federal tentou empurrar para os governos estaduais a responsabilidade pela greve dos caminhoneiros, sugerindo a redução do ICMS nos estados. No entanto, conforme o governador, na Bahia o ICMS de 12% sobre o gás de cozinha é o menor do país e a alíquota de 18% que incide no valor do diesel é igual a dos outros estados da região Nordeste.

Ontem (29), o ex-governador Jaques Wagner (PT) publicou um vídeo com a participação de Rui Costa no telejornal. Assista.

CAMINHÃO COM GASOLINA ABASTECE POSTO NA AVENIDA ITABUNA

Posto vai iniciar venda do combustível por volta das 11h30min.

Por volta das 10h30min desta quarta-feira (30), o Blog do Gusmão manteve contato por telefone com a equipe do posto de combustíveis Dom Eduardo, que fica na avenida Itabuna, em Ilhéus. O estabelecimento havia acabado de receber um caminhão carregado com gasolina, o que deu início à formação de uma fila de carros no local. De acordo com o funcionário com quem conversamos, a venda vai começar por volta das 11h30min, depois que o combustível for descarregado e passar pela análise de qualidade.

Apesar da diminuição significativa dos protestos dos caminhoneiros, a crise de desabastecimento ainda afeta Ilhéus. A maior parte dos postos do município ainda aguarda a chegada da gasolina, do álcool e do diesel. Esse é o caso, por exemplo, do Posto Mar Azul, localizado perto da pista do aeroporto Jorge Amado, na zona sul da cidade. O estabelecimento espera receber os combustíveis nesta quarta-feira, mas não há previsão do horário.

PF CUMPRE MANDADO DE BUSCA EM ILHÉUS

Operação Juramento de Hipócrates investiga suposto desvio de recursos repassados para Itapebi. Imagem ilustrativa.

Na manhã desta quarta-feira (30), duas fontes deste blog viram uma movimentação da Polícia Federal em frente ao prédio Beach Class, na avenida Getúlio Vargas, no bairro Pontal, zona sul de Ilhéus.

Também nesta quarta, a Polícia Federal iniciou a Operação Juramento de Hipócrates, que investiga suspeita de desvio de recursos federais da saúde e da educação transferidos para o município de Itapebi, no Sul da Bahia. Autorizados pela Justiça Federal em Eunápolis, os agentes cumprem 21 um mandados de busca e apreensão em: Itabuna, Floresta Azul, Itapebi, Itororó, Senhor do Bonfim, Teixeira de Freitas, Uruçuca, Vitória da Conquista e Ilhéus. É possível que a presença da PF no Pontal esteja ligada à operação.

De acordo com as investigações da Polícia Federal, um grupo formado por políticos, empresários e advogados pode ter desviado mais de três milhões de reais em recursos que deveriam financiar serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica, o FUNDEB.

Os investigadores não descartam a possibilidade do suposto esquema ter contaminado outros municípios baianos, com prejuízos de até R$ 14 milhões.

Os suspeitos podem responder pelos crimes de fraude à licitação e organização criminosa. Segundo o jornal Correio, um dos investigados é médico, daí a referência do nome da operação ao juramento ético feito pelos médicos quando se formam.

MADRE THAÍS REALIZA III SIMPÓSIO DE SAÚDE

Área de saúde é destaque na FMT.

Na sexta-feira (1º) e no sábado (2), o Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, em Ilhéus, vai sediar o III Simpósio Multidisciplinar em Saúde da Faculdade Madre Thaís (FMT). O encontro vai discutir as terapias integrativas e complementares em saúde.

De acordo com a professora Ana Paula Adry, coordenadora do curso de Biomedicina da FMT, a temática do Simpósio é de fundamental importância pois trata sobre um assunto atual. Em março desde ano, o Ministério da Saúde incluiu dez novas práticas de Terapias Integrativas e Complementares no rol de procedimentos efetuados pelo SUS. “O Simpósio vai abordar boa parte dessas terapias integrativas”, antecipou.

(mais…)

DPT CONFIRMA SABOTAGEM NA USINA ASFÁLTICA DE ILHÉUS

Imagem: Secom/Ilhéus.

A Prefeitura de Ilhéus informa que o Departamento de Polícia Técnica (DPT) confirmou denúncia sobre danos causados propositadamente nas instalações elétricas e outros equipamentos da usina asfáltica do município.

A usina está num terreno no bairro Iguape. Segundo a prefeitura, um morador daquela área chamado Reginaldo viu quando homens entraram no local onde o equipamento está e danificaram a aparelhagem.

A prefeitura registrou queixa na Polícia Civil no último dia 15. Segundo o governo Mário Alexandre, agora o “laudo pericial constata ‘corte nos Cabos de Alimentação e Controle dos Módulos aqui referenciados incluindo os eletrodutos onde os segmentos dos cabos e condutores de controle foram furtados pelo (s) autor(es). O aparelho de ar condicionado foi puxado de sua posição original com o objetivo de facilitar a retirada dos cabos, mas deixados no local tanto o compressor como o difusor do aparelho’.”

Ainda conforme o governo Marão, houve processo licitatório para nova contratação de empresa para operacionalizar a usina, vencido pela empresa CTA. O dano ao equipamento ocorreu quando a empresa anterior, a CMA, ainda não havia devolvido formalmente o aparelho para a prefeitura.

Segundo o secretário de Infraestrutura de Ilhéus, Átila Dócio, o prefeito Mário Alexandre (PSD) lamentou o ocorrido, “justamente num momento em que as nossas vias estão bastante danificadas devido às chuvas, com o número crescente de buracos, e determinou uma perícia técnica especializada no equipamento, para levantamento do valor dos danos causados e em que prazo o conjunto de equipamentos danificados poderão ser consertados, para o retorno ao pleno funcionamento da Usina Asfáltica de Ilhéus”.

ENTIDADES SE OPÕEM À EXTINÇÃO DA RESEX DE CANAVIEIRAS

2.500 famílias dependem da reserva extrativista para sobreviver. Imagem do site “Pesca mais sustentável”.

Ontem (28), a Comissão Nacional de Fortalecimento das Reservas Extrativistas e Povos Tradicionais Extrativistas Costeiros e Marinhos (CONFREM), o Conselho Nacional das Populações Extrativistas (CNS) e o Instituto de Estudos Amazônicos (IEA) emitiram nota contra a extinção da Reserva Extrativista de Canavieiras. A Resex também ocupa os territórios de Una e Belmonte.

O fim da reserva para transformação do seu território numa área de proteção ambiental (APA) é o objetivo do Projeto de Lei 3068/2015, que tramita na Câmara dos Deputados e pode ser aprovado pelas comissões da Casa sem ir ao plenário.

Criada em 2006, a Resex tem 100.650 hectares. De acordo com as entidades citadas acima, ela abriga “2.500 famílias que, com suas atividades de baixo impacto, asseguram qualidade de vida sustentável, proteção dos recursos marinhos, da Mata Atlântica, dos manguezais, da restinga e da biodiversidade”.

Por outro lado, conforme a nota, a reserva contraria os interesses econômicos das fazendas de “camarão de espécie exótica, que destroem e contaminam os manguezais”.

O texto afirma ainda que a Prefeitura de Canavieiras incentiva a especulação imobiliária sobre o território da reserva, com o propósito de “transformar a beira-mar em resorts privados”.

As entidades solicitam o apoio dos movimentos contrários ao fim da reserva, com o voto em “discordo” na enquete no site da Câmara dos Deputados.

TRE-BA MANTÉM REPROVAÇÃO DAS CONTAS DO PT BAIANO

Everaldo Anunciação, presidente do PT na Bahia.

Do Bahia.Ba

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) negou recurso do PT baiano contra a rejeição de contas de campanha de 2016. Segundo a Corte, entre as irregularidades estão a omissão de receitas e gastos eleitorais. A direção estadual da sigla ingressou com embargos de declaração, que não foram aceitos pelo tribunal.

O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, afirmou que a legenda irá recorrer em instância superior. “Um dos motivos [para a reprovação das contas] é uma nota fiscal de uma empresa que eles dizem que rodou material para o PT da Bahia, mas nunca fizemos nenhum pedido a essa empresa. Não tem nenhum registro disso e o tribunal insiste em nos punir”, reclamou o dirigente partidário.

Entre as sanções às quais o partido está sujeito pela rejeição das finanças, está a suspensão de recebimento de recursos do Fundo Partidário.