REDE SUSTENTABILIDADE REÚNE PRÉ-CANDIDATOS E REFORÇA NOMES DE MARINA E CÉLIA SACRAMENTO

Pré-candidatos (as) e dirigentes da Rede na Bahia. Imagem: Ascom/Rede.

Os pré-candidatos às disputas proporcionais e majoritárias pela Rede Sustentabilidade na Bahia estiveram reunidos na manhã do último domingo, 1º de julho, no auditório da Sede do Partido, em Salvador. Na ocasião foi discutida a conjuntura do cenário nacional e estadual, visando o planejamento estratégico de campanha e afirmação da candidatura de Marina Silva à presidência da república.

A Rede na Bahia pretende lançar 30 candidatos a deputado federal e 17 à Assembleia Legislativa do Estado. A professora Célia Sacramento, ex-vice-prefeita de Salvador, pode ser indicada como candidata a governadora pela legenda. Compõem a sua chapa o empresário Itamário, de Vitória da Conquista como pré-candidato a vice-governador e Iaraci Dias, liderança de Camaçari, educadora e bacharela em direito, pré-candidata ao Senado Federal.

Itamario (pré-candidato a vice-governador) e Célia Sacramento (pré-candidata a governadora). Imagem: Rede.

Durante o encontro discutiu-se o coeficiente eleitoral, planejamento de campanha, aspectos jurídicos e de comunicação. De acordo com as análises, o grupo acredita na eleição de Marina Silva para Presidente da República, considerando que a mesma se encontra com projeto político consolidado e numa curva crescente.  Marina tem o menor índice de rejeição, postura firme e propostas bem delineadas, como a alternativa capaz de unir o Brasil, avaliam os pré-candidatos.

Célia Sacramento, durante o encerramento do encontro, traçou um perfil da sua biografia, destacando suas origens na zona periférica do subúrbio de Salvador e os desafios que foram superados para alcançar as conquistas profissionais e se tornar uma das mais importantes lideranças em ascensão em Salvador, tendo sido vice-prefeita (2012-2016) ao lado do atual prefeito da capital, com quem rompeu por não concordar com o modelo de execução da gestão, onde as comunidades mais pobres não se tornaram foco de atenção do governo.

“As políticas públicas devem ser inclusivas, em atenção aos que mais precisam de fato” disse a pré-candidata ao governo baiano pela Rede. Ela também apontou propostas preliminares para a gestão estadual, explicitando posição sobre a segurança pública na Bahia.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *