CONTRATOS DA PAZINI: GOVERNO MARÃO NÃO BANCOU EVENTOS EM OLIVENÇA, AFIRMA PRESIDENTE DA AMO

No dia 14 de julho, o Blog do Gusmão publicou reportagem com base numa “consulta de pagamento de empenho”, do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, sobre o suposto custeio de um campeonato de surf amador, em Olivença, cuja despesa com estrutura paga pela Prefeitura de Ilhéus teria sido de R$ 197 mil.

A Associação Olivença de Surf afirmou que o campeonato não aconteceu no bairro e o processo de pagamento (com documentação bem detalhada) revelou que o valor foi gasto com os seguintes eventos: campeonato de surf amador (realizado de 14 a 16 de abril na Praia do Norte), jogo comemorativo do Colo-Colo, confraternização da AMO (em Olivença), evento beneficente na quadra esportiva de Olivença, aniversário de Mãe Carmozina, tenda para turistas e munícipes em ponto de ônibus no Centro Histórico, evento Igreja Morada do Porto, evento IX Bingo do Boi e Festejos de São Jorge.

Nossa reportagem deu o assunto como encerrado, mas, para a nossa surpresa, o Presidente da Associação de Moradores de Olivença (AMO), Carlos Santos Lima, em contato com o blog, negou que dois eventos discriminados no processo de pagamento tenham ocorrido com apoio do governo Marão. Disse que não houve “confraternização da AMO” em 2017, muito menos, evento beneficente na quadra esportiva do bairro com estrutura paga pela prefeitura.

De acordo com Carlos Lima, ocorreram torneios de futsal na quadra sem apoio do erário municipal, com objetivo de angariar recursos para melhorar a situação do espaço esportivo. “Fizemos ofícios para que a prefeitura reformasse a quadra. Gente do governo disse que o empresário Edinei iria fazer a reforma. Como nada foi feito, nós mesmos fizemos torneios para arrecadar dinheiro e pintar a quadra”, disse o presidente da AMO ao Blog do Gusmão.

Por voltas das 11h09min., mantivemos contato com a secretaria de comunicação social para pedir esclarecimentos. Até o fechamento desse texto não conseguimos resposta.



One response to “CONTRATOS DA PAZINI: GOVERNO MARÃO NÃO BANCOU EVENTOS EM OLIVENÇA, AFIRMA PRESIDENTE DA AMO

  1. Em dezoito meses de absoluto ócio e dolce far niente, a caríssima máquina da Corte Municipal superequipada com secretários especialistas em não-sei-o-que estão devendo montes de explicações ao povo literalmente “P” da vida. Há muito a explicar, coisa que não pode ser feita através releases ou “Notas Públicas”. O povo quer ver a o Empenho, a Nota Fiscal e o produto final. Pena que a Justiça fica muito longe de Ilhéus. Se fosse perto, vocês veriam o que é bom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *