SEGURANÇA DE LOJA SUSPEITO DE PASSAR INFORMAÇÕES PARA ASSALTANTES É PRESO

Demisson, o segurança suspeito: Foto: TV Santa Cruz.

Uma loja de variedades da Avenida do Cinquentenário, em Itabuna, foi assaltada na noite dessa terça-feira, 28, por dois homens, incluindo um adolescente de 17 anos. Um dos autores do crime portava arma de fogo.

Um jovem foi tratado como refém, com revólver apontado para a cabeça, assim que um dos assaltantes, Luis Carlos Santos, percebeu a polícia no local.

Após o início das investigações, a Polícia Civil prendeu o segurança da loja suspeito de ter envolvimento no crime.

Segundo o delegado Miguel Cicerelli, o funcionário identificado como Demisson Soares do Nascimento, 27 anos, passou informações sobre a loja para os dois homens que tentaram assaltar a loja.

De acordo com a polícia, a dupla chegou no estabelecimento e anunciou o assalto. Durante a ação, os dois ameaçaram as vítimas e, segundo uma das testemunhas, uma menina de três anos foi agredida ao ter o cabelo puxado.

Com a dupla, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, que estava municiado. Além disso, uma sacola com produtos que seriam levados pelos assaltantes foi apresentada na delegacia.

Com informações do G1 e do Pimenta.

MÉDICOS DO HOSPITAL COSTA DO CACAU NÃO RECEBEM SALÁRIOS HÁ QUATRO MESES

Hospital Regional Costa do Cacau. Foto: Clodoaldo Ribeiro.

Inaugurado em dezembro de 2017 pelo Governo do Estado com muita pompa, alegria e show da cantora Vanessa da Mata, o novo Hospital Costa do Cacau já apresenta uma característica dos antigos: servidores insatisfeitos.

Os médicos estão há quatro meses sem receber salários e parte da categoria está disposta a suspender os atendimentos.

Conforme relato de um médico ouvido pelo blog, a empresa administradora (GERIR) teve problemas na justiça, contas bloqueadas em Goiás e não pode fazer os repasses à terceirizada “Four Helth”, firma responsável pela contratação dos profissionais.

Outros médicos confirmaram os atrasos e manifestaram decepção, uma vez que iniciaram o trabalho em dezembro sem que os contratos tivessem sido firmados, em sinal de confiança ao projeto do Costa do Cacau.

Atualizado às 08h38min, de 04 de setembro de 2018.

A assessoria de comunicação do Hospital Regional Costa do Cacau nos enviou uma nota de esclarecimento. Veja.

VILA JUERANA VAI TER OFICINA DE LITERATURA DE CORDEL

 

A comunidade da Vila Juerana, em Aritaguá, participa esta semana de uma oficina de literatura de cordel, patrocinada pelo edital Cultura Livre, da Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult). A atividade acontece até a próxima sexta-feira (31), na escola municipal local, entre 9 horas e 11h30.

As aulas são ministradas por Gilton Thomaz e Franklin Costa, cordelistas de reconhecida produção literária e poetas. A proposta da oficina é incentivar a criação literária em cordel na região e apresentar o universo desta linguagem enquanto manifestação artística dotada de técnicas específicas.

O conteúdo inclui técnicas utilizadas na produção literária de cordel, estrutura de rimas, métrica, contexto histórico e possíveis ramificações desta linguagem. “A valorização da cultura popular, através da divulgação das técnicas da literatura de cordel, também é o foco deste projeto que conta com o apoio da escola do local”, explica Pedro.

O coordenador da oficina, Pedro Albuquerque, informa que a comunidade de Vila Juerana foi escolhida por ser um espaço situado numa região com a confluência de muitos jovens em idade escolar. “Como boa parte das áreas distantes do centro urbano, poucas referências culturais são ofertadas a esses jovens. Esta é uma forma de incentivar a leitura e escrita de novos autores dentro desta cultura popular”, ressaltou.

CONFIRA AS OPORTUNIDADES DE TRABALHO DO SINEBAHIA ITABUNA

Uma das vagas é para confeiteira.

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas estarão disponíveis nesta quinta-feira, 30.

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Vagas exclusivas para Itabuna. 

OPERADOR TELEMARKETING (PCD)

Exclusivo Para Pessoas Com Deficiência

Ensino Médio Completo

Não exige experiência

10 VAGAS 

CONFEITEIRA

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 6 meses com bolos e salgados

1 VAGA 

AUXILIAR DE COZINHA

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 6 meses com bolos e salgados

1 VAGA

(mais…)

BOLSONARO INVENTA “9º SEMINÁRIO LGBT INFANTIL” NO JORNAL NACIONAL

Imagem: Tijolaço.

Da Carta Capital.

Em entrevista ao Jornal Nacional, da Rede Globo, Jair Bolsonaro, candidato à Presidência pelo PSL, inventou um suposto “9º seminário LGBT infantil”. Em 2012, ocorreu na verdade o 9º seminário LGBT no Congresso Nacional, cujo tema era “infância e sexualidade”.

O seminário é realizado anualmente. No 15º seminário LGBT no Congresso, de junho deste ano, o encontro tratou de temas como justiça inclusiva, envelhecimento e acesso à saúde, violência e abandono familiar, mercado de trabalho, todos sob a ótica da população LGBT. O tema da sexualidade na infância foi, portanto, apenas um dos debates realizados no Congresso pelos seminários.

À época, Bolsonaro criticava o chamado kit anti-homofobia, chamado pelo deputado de “kit gay”. O kit educativo, que faz parte do projeto Escola sem Homofobia, foi avaliado pelo Conselho Federal de Psicologia, pela Unesco e pelo Unaids, e teve parecer favorável das três instituições, mas acabou vetado por Dilma Rousseff em 2011. Bolsonaro chegou a levar uma suposta cartilha ao Jornal Nacional, que não foi mostrada pela emissora.

O 9º Seminário LGBT foi organizado pela Frente Parlamentar Mista Pela Cidadania LGBT, coordenada pelo deputado Jean Wyllys, do PSOL. À época, Wyllys e outros convidados alertaram para a violência infantil contra quem não se encaixa nos padrões de gênero definidos pela sociedade.

“Tem o tema e o lema. O lema vai ser “Todas as Infâncias são Esperança”. Em torno desse tema a gente quer discutir o próprio reconhecimento de uma sexualidade infantil, proteger as crianças que escapam dos papéis de gênero definidos pela sociedade da violência. A gente sabe que tem muita criança que sofre violência doméstica terrível, são queimadas, são espancadas porque não se enquadram em papéis de gênero. Ou seja, aquele garoto que, com 6, 7 anos de idade, quer brincar de boneca e os pais batem”, disse Wylls ao portal da Câmara à época.

JOSÉ RONALDO QUESTIONA NÚMERO OFICIAL DE HOMICÍDIOS NA BAHIA

A realidade diverge do número oficial. Fotos: Google.

A campanha de José Ronaldo (DEM) ao Governo do Estado escolheu a segurança pública como um dos temas principais. O ex-prefeito de Feira de Santana afirma que “a Bahia atualmente é o estado mais violento do país”, e coloca em dúvida o número oficial de homicídios praticados no estado, comparando-o com o Atlas da Violência 2018, produzido pelo Ipea e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

De acordo com o estudo, as taxas por 100 mil habitantes de mortes violentas por causa indeterminada atingiram níveis preocupantes em nove estados em 2016, o que pode contribuir para ocultar uma maior taxa de homicídios nessas localidades. “O caso mais grave se refere ao estado da Bahia, cuja taxa de MVCI é de 9,7, seguido por Pernambuco (9,1), Rio de Janeiro (7,9), Minas Gerais (7,4), Ceará (6,7), Espírito Santo (6,0), Roraima (5,8), Rio Grande do Norte (5,6) e São Paulo (5,1)”, diz o Atlas da violência.

Segundo a 10ª revisão da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), adotada pelo Brasil desde 1996, as mortes violentas podem ser divididas em: acidentes; lesões autoprovocadas intencionalmente; agressões; intervenções legais e operações de guerra; além de eventos cuja intenção é indeterminada. As quatro primeiras causas básicas de mortalidade são os acidentes fatais, inclusive mortes no trânsito; suicídios; homicídios (acrescido de latrocínios e lesão corporal dolosa seguida de morte); e mortes decorrentes de intervenção policial.

“As mortes violentas com causa indeterminada são assim classificadas quando o óbito se deu por causa não natural, bem como quando os médicos legistas, gestores da saúde, policiais e peritos criminais não conseguiram informar a motivação primeira que o desencadeou”, informa o estudo.

A proporção de mortes violentas não esclarecidas em relação ao total de mortes violentas é um dos principais indicadores de qualidade dos sistemas de informação no setor de Segurança. Nos países desenvolvidos, geralmente, as mortes violentas indeterminadas representam um resíduo inferior a 2% do total de mortes por causas externas. Isso ocorre porque, nesses lugares, se reconhece a importância de se descobrir as causas que levaram o indivíduo a óbito como elemento fundamental para evitar novas mortes futuras.

CONCESSÃO DA FIOL SERÁ DEBATIDA COM SOCIEDADE CIVIL EM AUDIÊNCIAS PÚBLICAS

 

Trecho da Fiol. Imagem: Elói Côrrea.

Da Secom/BA.

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), vinculada ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, publicou um aviso de Audiência Pública, na edição desta terça-feira, 29, do Diário Oficial da União, com o objetivo de colher subsídios para a subconcessão à iniciativa privada da malha ferroviária da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), no trecho compreendido entre Ilhéus e Caetité.

De acordo com a publicação, serão realizadas duas sessões públicas presenciais. A primeira será em Ilhéus, no dia 21 de setembro de 2018, das 8h30 às 12h, em local que será informado posteriormente. A segunda sessão vai ocorrer em Brasília, no dia 25 de setembro, das 14h às 18h. O local também será publicado em outro momento.

Além das sessões presenciais, será possível enviar contribuições para o plano de concessão, no período entre as 18h de 29 de agosto até as 18h do dia 15 de outubro de 2018. Todas as informações e orientações sobre os procedimentos relacionados à participação da sociedade civil na audiência pública estarão disponíveis no site da ANTT – www.antt.gov.br. Outros esclarecimentos podem ser obtidos por comunicação via e-mail, no [email protected], ou pelo telefone (61) 3410-1887.

Viabilidade técnica

Os estudos de viabilidade técnica e econômica referentes ao processo de concessão da Fiol foram aprovados no início deste mês, pela Secretaria Nacional de Transportes Terrestre e Aquaviário, também vinculada ao Ministério dos Transportes. A aprovação foi publicada na edição do dia 7 de agosto do Diário Oficial da União. Os estudos foram contratados pelo Governo do Estado da Bahia, por meio de uma licitação pública, com o propósito de dar celeridade ao processo de implantação do equipamento, com a retomada das obras.

Comentário do Blog.

O histórico da Fiol tem vários questionamentos feitos pelo TCU relacionados à viabilidade econômica e superfaturamento. Para ter acesso, clique aqui.