COMUNIDADE NÃO QUER A MUNICIPALIZAÇÃO DO COLÉGIO ESTADUAL DO BASÍLIO

Por meio de uma carta pública enviada ao Blog do Gusmão nesta segunda-feira, 12, professores, servidores, pais de alunos e estudantes do Colégio Estadual do Basílio, em Ilhéus, manifestam posição contrária à secretaria estadual de educação, que já anunciou a municipalização da escola em 2019.

Dentre as razões citadas, a comunidade teme a disputa entre facções criminosas rivais, que impede estudantes do Alto do Basílio de frequentar outras escolas próximas, a exemplo do Colégio Estadual Paulo Américo, unidade de ensino que provavelmente vai abrigar os egressos.

Na carta, a comunidade escolar afirma que a municipalização vai “interditar perspectivas” dos estudantes. A carta pede uma discussão democrática sobre o assunto com as pessoas diretamente afetadas.

Leia a carta.

Prezados Senhores.

Tendo em vista a proposta de municipalização para o ano de 2019 do Colégio Estadual do Basílio, situado na Rua Nossa Senhora da Conceição, no bairro do Basílio, em Ilhéus-Ba, nós, corpo diretivo, docentes, servidores técnico-administrativos, alunos, pais e comunidade, viemos, através deste, manifestar nossa contrariedade diante dessa proposta e, com efeito, apresentar alguns fatos que consubstanciam nosso posicionamento.

Embora a Constituição Federal, promulgada em 1988 e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), vigente desde o ano de 1966, estimulem a municipalização do Ensino Fundamental, o Colégio Estadual do Basílio, nossa amada escola, possui características únicas e peculiares que tornam seu fechamento ou transferência de sua tutela ao município, atos que agredirão um dos mais caros princípios constitucionais, quer seja, o direito à educação.

Restabelecidos dos devaneios emocionais que o conhecimento dessas propostas (fechamento ou municipalização) nos causou, achamos por bem pontuar os aspectos que balizam nosso contraponto a essas medidas administrativas que, por sua vez, sabemos ser um reflexo do minguamento orçamentário derivado da famigerada PEC dos Gastos, a qual invés de construir pontes para o futuro, amplifica desumanamente os abismos sociais. Assim sistematizamos as questões que alicerçam nosso posicionamento:

(mais…)

FACULDADE MADRE THAÍS REALIZA EXAMES PARA A PREVENÇÃO DO CÂNCER DE COLO DE ÚTERO

Aparelho reprodutor feminino. Foto: site Drauzio Varella/reprodução.

Centenas de mulheres acima de 18 anos já foram atendidas e beneficiadas com exames preventivos ao câncer de colo de útero através do Projeto “Bem Me Quero”, realizado pelos cursos de Enfermagem e Biomedicina da Faculdade Madre Thaís (FMT). As atividades são desenvolvidas todas as terças-feiras, das 14h às 17h na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) situado no térreo da sede da Faculdade, na Avenida Itabuna, 1491.

Para participar do Projeto “Bem Me Quero” basta agendar por meio do telefone – 73- 3222-2330. Podem participar mulheres acima de 18 anos de idade, com contribuição de uma taxa de inscrição e doação de 1 kg de alimento não perecível. Vale lembrar às mulheres que irão participar do projeto que no dia de atendimento não deve estar no período menstrual, não estar utilizando creme vaginal, não ter relação sexual nas 48 horas que antecedem o exame e não realizar ducha vaginal.

O Projeto de Extensão dos cursos de Biomedicina e Enfermagem da Faculdade Madre Thaís foi idealizado em 2017 pelas professoras Enfª Renata Couto e a biomédica Dra. Milena Aleluia. Surgiu com o objetivo de atuar na promoção da saúde da mulher, reduzindo a incidência de inflamações, infecções, lesões cérvico-vaginal e câncer de colo de útero, a partir da realização do exame de Papanicoloau (preventivo) pelo Laboratório Cithos e, acompanhamento terapêutico, pela colaboração voluntária dos médicos ginecologistas Dr. Fábio Pinheiro e Dra. Juliana Pitanga.

Além dos procedimentos, são realizadas orientações e palestras educativas por parte dos discentes envolvidos sob a supervisão da coordenação, bem como a entrega de cestas básicas a instituições de caridade.

O projeto já atendeu mais de 200 mulheres na faixa etária de 18 a 74 anos de idade e mais de 190 laudos foram entregues. A maioria apresentou alterações benignas reativas ou reparativas, sendo 146 pacientes com processo inflamatório, sugestivo de alterações microbiológicas. Quanto ás células atípicas de significado indeterminado, já foram diagnosticados três casos de células escamosas atípicas de significado indeterminado (ASC-US) e outros três casos de lesão intraepitelial de alto grau (asc-H).

(mais…)

SINEBAHIA ITABUNA OFERECE 16 VAGAS NESTA TERÇA-FEIRA

Três vagas para motorista entregador no Sinebahia Itabuna.

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas estarão disponíveis nesta terça-feira, 13.

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Vagas exclusivas para Itabuna. 

AUXILIAR DE LINHA DE PRODUÇÃO (PCD)

Exclusivo para Pessoas Com Deficiência

Não exige escolaridade

Não exige experiência

5 VAGAS 

MOTORISTA ENTREGADOR

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 6 meses com entregas

Possuir CNH ‘A’

3 VAGAS 

REPRESENTANTE COMERCIAL AUTÔNOMO

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses  com Vendas Externas

Possuir Moto e CNH “A”

01 VAGA

(mais…)

MARÃO, A PESQUISA PARA AVALIAR SECRETÁRIOS E OUTRAS NOTINHAS

Notinhas.

Pesquisa para tirar ele mesmo?

Nos bastidores da cena política de Salvador, onde ficam os poderosos, o prefeito de Ilhéus é motivo de piada, de zombaria.

Marão disse numa entrevista que vai mandar fazer pesquisa para avaliar os secretários do seu governo. A partir do resultado ele vai decidir quem sai, e quem fica.

Provou que não sabe governar. Nunca estabeleceu metas e não tem como cobrar resultados.

A pesquisa vai dizer que ele é o principal incompetente.

Vitamina de “baracat”.

Um prefeito tomava café com vinho, num hotel de Brasília, quando uma acompanhante ofereceu vitamina de “abacate”.

O prefeito, sempre desatento e ébrio, ouviu “baracat” e quase morreu do coração.

A língua portuguesa e seus fonemas parecidos pregam cada peça!

Meu Deus, quanta coincidência!

A empresa RBS, que aluga máquinas pesadas, venceu licitação em Una em 2016.

Em 2017, a mesma empresa venceu licitação em Ilhéus.

A dupla B&B (Bento e Bruna) trabalhou em Una na gestão passada.

O destino os trouxe para Ilhéus, junto com a RBS.

Ilhéus e Una são cidades irmãs e vizinhas. Não há como duvidar. É uma simples coincidência.

Está explicado.

FAMÍLIA É MUITO IMPORTANTE NA PREVENÇÃO E CONTROLE DO DIABETES

Imagem: Blogueiros da Saúde/reprodução.

Quando a família recebe o diagnóstico de diabetes mellitus tipo 1(DM!) – representa 10% do total de casos da doença – que atinge crianças e adultos jovens – a primeira reação dos pais, principalmente os que têm menos acesso à informação, é comprar produtos diet (bem mais caros) chegando até a sacrificar a alimentação dos outros filhos.

Mas no Cedeba, onde as crianças e adolescentes atendidos pelo Setor Infanto-Juvenil contam com uma brinquedoteca e orientações da pedagoga, as famílias conhecem o caminho da alimentação saudável. De forma lúdica, com jogos, os pequenos pacientes aprendem desde cedo a contar carboidratos. O trabalho vai mais além ao mostrar aos pais a importância da alimentação de qualidade. Os que vêm da zona rural, tendo à disposição alimentos saudáveis em abundância aprendem a importância de optar por alimentos naturais.

PARTICIPAÇÃO DA FAMÍLIA

A família também tem um papel muito importante na prevenção nos casos de Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2), afirma a diretora do Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba), Reine Chaves Fonseca, ao destacar a relevância do tema deste ano da Campanha do Dia Mundial do Diabetes – 14 de novembro: “Família e Diabetes”.Organizada pela International Diabetes Federation (IDF), a campanha faz parte do calendário da Organização das Nações Unidas (ONU).

“Como as doenças crônicas não tem cura, mas tem controle, como é o exemplo do diabetes, a família tem papel muito importante para as necessárias mudanças de estilo de vida, principalmente a adoção da prática de exercícios físicos e alimentação saudável”, pontua a diretora do Cedeba.

Informações sobre alimentação saudável serão reforçadas nas ações educativas que o Cedeba realizará no Dia Mundial do Diabetes (quarta-feira), por meio da equipe de Nutrição na Estação “Alimentação Saudável no Contexto Familiar e em comunidade”. Serão apresentadas refeições com réplicas de alimentos, compondo sugestão de cardápio saudável para o diabético e sua família. A proposta é reforçar o conhecimento sobre refeições saudáveis que devem ser seguidas por diabéticos e não-diabéticos.

A orientação nutricional do Cedeba segue as diretrizes da Organização Mundial da Saúde (OMS): alimentos in natura ou minimamente processados devem ser a base de uma alimentação balanceada, saborosa e culturalmente apropriada.

Da Ascom Sesab.

POLÍCIA MILITAR PRENDE FALSO MÉDICO

Imagem ilustrativa.

A Polícia Militar deteve um falso médico na última sexta-feira, 9 de novembro, em Tanhaçu, no sudoeste da Bahia. Segundo a PM, o suspeito identificado como Saullo Emídio de Almeida, de 27 anos, atuava na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e a denúncia foi feita por outros médicos da própria unidade.

Segundo informação do delegado Edson Souza, Saullo utilizava o nome e o registro do Conselho Regional de Medicina (CRM) de outro profissional.

O delegado ainda afirmou ao portal Folha do Vale, que o suspeito concluiu o curso de medicina na Bolívia, em 2017, mas não foi aprovado pelo Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira, conhecido como Revalida.

A reportagem do portal Folha do Vale tentou contato com o advogado do suspeito, mas ele não foi encontrado. O espaço fica à disposição para os devidos esclarecimentos.

Saullo foi autuado pela prática dos crimes de falsidade ideológica e exercício ilegal da medicina e permanecerá custodiado na carceragem da referida unidade policial até ulterior deliberação judicial.

O Revalida é realizado anualmente pelo Inep e é feito para brasileiros e estrangeiros que se formaram em medicina no exterior poderem validar seu diploma e atuar como médicos no Brasil.

O exame é sempre realizado em duas etapas. A primeira consiste em uma prova de múltipla escolha. Já a segunda é uma prova clínica, na qual os candidatos passam por diversas estações que simulam atendimentos a pacientes.

Com informações do site Folha do Vale.