MARÃO PASSOU VERGONHA EM CASTELO NOVO

Marão e a comunidade de Castelo Novo. Visita, nunca mais. Fotos: INI e Pimenta.

Na campanha das eleições municipais de 2016, o então candidato Mário Alexandre (PSD) manifestou surpresa com os pedidos das pessoas que receberam seus abraços e tapinhas nas costas.

Marão afirmou que o povo de Ilhéus pedia pouco, ou seja, apenas o básico como: saúde (médicos nas unidades de atendimento), educação e estradas em boas condições.

Passados quase dois anos do governo da “alegria”, o básico continua sendo negado.

O distrito de Castelo Novo ilustra bem essa realidade. Grande parte dos moradores ainda sonha com: manutenção periódica da estrada vicinal que liga a localidade à BA-262; uma escola mais ampla que acabe com o “confinamento” dos alunos e que disponha de água potável, uma vez que a merenda escolar distribuída é composta por produtos industrializados prontos para o consumo (biscoitos e sucos de caixinha); e o funcionamento do posto de saúde fechado há seis anos.

Marão quando candidato prometeu resolver esses problemas. Como não cumpriu, a comunidade resolver dar o troco com uma recepção humilhante.

Quinze dias antes do primeiro turno das últimas eleições, Marão esteve no local para pedir votos à sua mãe, Ângela Sousa.

Integrantes da comitiva disseram ao Blog do Gusmão que o gestor ouviu desaforos pesados.

Em todas as ruas e vielas que o prefeito andou, olhares atravessados, palavras ríspidas e desagradáveis não lhe faltaram. Ao tentar visitar a casa de Arnaldo (funcionário da Emasa e cabo eleitoral respeitado) a porta não lhe foi aberta.

O proprietário não permitiu sua entrada e ainda lhe disse verdades que ele certamente não gostou de ouvir.

Para encerrar o triste episódio, uma máquina da prefeitura capaz de melhorar a estrada encontrava-se parada no distrito por falta de manutenção simples.

Como o governo é muito ruim e não possui condições de reação, dificilmente o prefeito tentará mais uma visita.

No dia 7 de outubro, 758 eleitores estavam aptos a votar nas duas seções eleitorais de Castelo Novo. A mãe do prefeito conquistou 77 votos. Jânio Natal, concorrente que nunca esteve na comunidade, conseguiu 119.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *