DIANTE DO JUIZ, EDINEI PORTUGAL RETIRA OFENSAS CONTRA COSME ARAUJO

Cosme Araujo x Edinei Portugal. Ex-líder comunitário assumiu perante juiz que foi leviano. Fotos: Vermelhinho/reprodução.

O advogado Cosme Araujo moveu um processo contra o ex-presidente da Associação de Moradores do Alto do Basilio, Edinei Portugal.

Nas redes sociais, Edinei acusou Cosme Araujo de receber recursos dos candidatos Léo Prates e Ângela Sousa para desistir da candidatura a deputado estadual e concorrer à Câmara dos Deputados. Segundo o acusador, Cosme também teria repassado dinheiro a três vereadores de Ilhéus filiados ao PDT.

Na última segunda-feira, 26, diante do juiz Guilhermo Vieto, da 2ª vara crime, Edinei Portugal retirou todas as acusações.

O ex-líder comunitário afirmou que não tem provas. Na audiência de conciliação, disse que o candidato Cosme Araújo não recebeu dinheiro de Ângela Sousa e de Leo Prates, bem como, não repassou qualquer quantia aos vereadores.

O juiz Guilherme Vieto determinou aplicação de multa no valor de sete salários mínimos, caso Edinei volte a ofender o advogado.

Ex-vereador durante quatro mandatos e candidato a deputado federal mais votado em Ilhéus nas eleições de 2018, Cosme Araujo considera que Edinei Portugal agiu a mando de algum político inescrupuloso.

Clique aqui para ler o termo da audiência e aqui para a sentença.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *