UESC entra em greve por tempo indeterminado

Em assembleia realizada na manhã desta quarta-feira, 10, os professores da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) decidiram entrar em greve por tempo indeterminado. Na votação que decidiu pelo movimento, 96 docentes votaram a favor, 52 contra.

Os professores decidiram se juntar aos colegas das outras universidades estaduais da Bahia (UESB, UEFS e UNEB) que deflagraram greve na semana passada.

Os professores cobram promoções, recomposição salarial, contratação de novos docentes e mais investimentos nas universidades estaduais.

Com informações do Pimenta.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *