29 anos do ECA é comemorado em sessão especial na Câmara de Ilhéus

A juíza Sandra Magali participou da sessão especial. Foto: Ascom/Câmara de Ilhéus.

A Câmara Municipal de Ilhéus realizou na manhã da sexta-feira, 12, uma sessão especial, proposta pelo vereador Pastor Matos especial em comemoração aos 29 anos de criação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal, participou da sessão, que também contou com a Banda Musical da Polícia Militar.

A juíza da Vara da Infância e da Juventude, Sandra Magali, em seu discurso, apresentou uma série de dados sobre a situação das crianças e adolescentes do Brasil. As informações passadas por ela só reforçam a necessidade de maiores avanços na educação, saúde e assistência social para crianças e adolescentes, que são “sujeitos de direitos” e precisam de proteção.

O artigo 227 da Constituição Federal de 1988 informa que “É dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão”.

O ECA, que completa 29 anos no sábado (13) é um marco da proteção legal para crianças e adolescentes que através dele, gozam de todos os direitos fundamentais inerentes à pessoa humana, sem prejuízo da proteção integral, sendo asseguradas todas as oportunidades e facilidades, a fim de lhes facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, em condições de liberdade e de dignidade.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *