“Estão manipulando a dor alheia”, afirma Magela após protesto que pediu sua exoneração

Secretário questionado fala em manipulação.

“Que Deus tome conta da alma das pessoas que estão manipulando a dor alheia”, escreveu o secretário de saúde de Ilhéus, Geraldo Magela, em resposta à postagem que noticiou um protesto de familiares das crianças que morreram no Hospital Vida Memorial (veja aqui).

O movimento aconteceu na última quarta-feira, 28, questionou os atendimentos pediátricos oferecidos pelo governo Marão e pediu a saída do secretário, cujas passagens pelas secretarias da mesma área em Teixeira de Freitas e Itabuna não deixaram saudade.

Segundo Magela, “as famílias estão fragilizadas, mas não estão a par de todas as informações, especialmente as verdadeiras. Em outubro deve ter a licitação para a construção da maternidade no antigo [Hospital] Regional com UTI neonatal e pediátrica”. Ele afirma que o município não é responsável por UTI.

O secretário não informou o resultado da investigação que prometeu instaurar sobre as mortes das crianças. Ainda não sabemos se ele iniciou a sindicância. O Diário Oficial até hoje não publicou nada a respeito.



One response to ““Estão manipulando a dor alheia”, afirma Magela após protesto que pediu sua exoneração

  1. Dá uma passada na regulação e confere lá as pastas dos vereadores cheia de exames para marcar , mantena esta fazendo pilitica com as cotas de exames ,e o povo que ficano prejuizo !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *