Sócio Estatística: Cacá tem 9,86%; Valderico 9,36%; Jabes 8,47% e Marão 8,07%; prefeito terá pouca probabilidade de se reeleger, afirma Gasparetto

Cacá, Valderico Junior, Jabes Ribeiro e Marão não passam de 1 dígito e estão empatados.

Em primeira mão.

Pesquisa de opinião da empresa Sócio Estatística realizada de 13 a 17 de agosto, em Ilhéus, mostra um empate técnico entre Cacá Colchões, Valderico Júnior, Jabes Ribeiro, Marão e Cosme Araujo, cinco dos principais nomes que podem disputar o comando da prefeitura em 2020. Foram entrevistadas 1004 pessoas e a margem de erro é de 3% para mais ou menos.

Na pergunta estimulada: “Se a eleição fosse hoje e os candidatos fossem estes, em quem votaria?”, os resultados foram os seguintes:

Cacá Colchões 9.86%;

Valderico Júnior 9.36%,

Jabes Ribeiro 8.47%

Mário Alexandre  – Marão 8.07%

Cosme Araujo 7.87%

Bebeto 5.38%

Outro 3.49%

Jorge Luís 3.29%

Professor Reinaldo 3.09%

Nazal 2.79%

Alcides Krushewsky 2.79%

Nilton Cruz 1.49%

Marlon Silveira 0.90%

Adélia Pinheiro 0.80%

Luís Uaquim 0.30%

Na espontânea: “Já tem candidato a prefeito?” a Sócio Estatística colheu os seguintes resultados:

Não 70.52%

Não respondeu 15.34%

Marão/Mário 4.18%

Cacá/Cacá Colchões 2.99%

Valderico Júnior/Valderico/Jr  1.89%

Cosme Araujo/Cosme 1.16%

Jabes/Jabes Ribeiro 1.0 %

Bebeto 0.50%

Nazal 0.50%

Alcides 0.30%

Rui 0.30%

Professor 0.20%

Augustão 0.10%

Jorge/Jorge Luiz 0.20%

Pro Reinaldo 0.10%

Sim. Quem? 0.10%

O uso do ponto em numerações com casas decimais remete à formatação original do relatório da Sócio Estatística.

Agenor Gasparetto.

Na última segunda-feira, 2, publicamos que 78% do eleitorado não pretende votar em Marão (veja aqui).

Segundo o sociólogo Agenor Gasparetto, “um grande vácuo se afigura nessa situação de desgaste” do prefeito Marão.

Dentre os nomes que despontam como fortes, destacam-se Valderico Junior, Cacá Colchões e Cosme Araujo, Jabes Ribeiro e o atual prefeito.

Gasparetto ressalta que Marão, mantido o quadro atual, terá pouca probabilidade de se reeleger, a menos que em pouco mais de um ano ela surpreenda.

Há “um quadro de grande equilíbrio entre vários nomes, especialmente entre os três primeiros. Curiosamente, todos os nomes estão ainda na casa de um dígito. Por esta razão parece cedo para conclusões definitivas. Muita coisa ainda poderá acontecer em Ilhéus”, conclui Gasparetto.

Governo Marão ameaça o BG.

O atual governo ameaça processar o Blog do Gusmão por ter divulgado essa pesquisa que revela índices muito ruins relacionados ao prefeito Marão.

Chateados com a revelação do desgaste, dizem que a pesquisa deveria ser registrada.

Segundo o advogado Mesaque Soares, a Resolução nº 23.549 de 18 de dezembro de 2017 exige que as pesquisas sejam registradas a partir de 1º de janeiro do ano eleitoral.

Há vasta jurisprudência, inclusive do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que livrou veículos da imprensa de qualquer tipo de sanção por divulgar pesquisas em períodos não eleitorais.

“Se não tem capacidade de gerar desequilíbrio no pleito do ano que vem, não há como aplicar resolução do ano eleitoral”, explicou Mesaque Soares, que se prontificou a defender o BG caso o governo Marão decida representar.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *