Por não pagar aluguel, secretaria de saúde de Ilhéus pode ser despejada

Notinhas.

Secretaria de saúde dá calote na Claro. Foto: Site PMI/reprodução.

No final de janeiro deste ano, o governo Marão mudou a secretaria de saúde de um sobrado tamanho médio do Pontal para o prédio da antiga Embratel no centro da cidade.

A mudança foi classificada como medida de redução de custos. O valor mensal do aluguel é de R$ 42 mil.

Oito meses depois de ocupar o prédio, a secretaria pode ser despejada. A empresa Claro, proprietária do imóvel, não recebeu sequer um mês de locação e pretende acionar o judiciário.

A situação vexatória mostra como o “doutor” Mário Alexandre cuida da saúde de Ilhéus.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *