Jornalista Dirceu Góes defende tese de Doutorado na UFPE

Dirceu Goés com orientadora e professores da UFPE. Foto enviada por WhatsApp.

Com o tema ‘O processo de produção de notícias sobre ciências no telejornal Repórter Brasil’, o jornalista Dirceu Goés defendeu nesta quinta-feira, 26, sua tese de Doutorado em Comunicação pela Universidade Federal de Pernambuco. A tese foi aprovada, concedendo a Dirceu o título de Professor Doutor.

Dirceu fez uma pesquisa etnográfica na redação da TV Brasil, em Brasília. Conversou com os profissionais da linha de produção do noticiário e observou a confecção do telejornal durante 15 dias. O jornalista se interessou notadamente sobre como eles pautam e constroem as notícias sobre ciências.

Na fotografia, o jornalista aparece entre a orientadora Isaltina de Mello Gomes e os professores Alfredo Vizeu, Heitor Rocha, Ana Paula Melo e Diego Salcedo, do Programa de pós-graduação em Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco, em Recife.

Dirceu Goés é jornalista, professor e já trabalhou em diversos meios de comunicação regionais como jornais impressos, TV Santa Cruz e TV Cabrália. O jornalista também atuou como assessor de imprensa, professor na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e há 18 anos leciona na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *