Faculdade Madre Thaís lança curso de Pós-Graduação em Justiça Restaurativa

Imagem: Jonildo Glória/ASCOM-FMT.

O conflito não só é algo inerente e inevitável nas relações humanas, como é um sinal de vitalidade. O conflito está posto nas relações interpessoais e de trabalho e faz parte de toda e qualquer relação humana: nas áreas pessoais, trabalhistas ou comerciais, entre pessoas de uma mesma família, vizinhos, grupos religiosos, políticos e esportistas, organizações e governo, cidadãos, dentre outros.

A Justiça Restaurativa realiza importante papel como mecanismo de resolução de conflitos, pois utiliza métodos que priorizam o diálogo e a restauração do dano causado, promovendo o protagonismo e a autonomia das pessoas diretamente envolvidas em situações de dano, sofrimento, conflito ou violência, ajudando na reconquista da autoestima e do amor-próprio; melhorando as relações interpessoais, reduzindo os conflitos prejudiciais e a incidência de violência; estimulando a empatia e a solidariedade para com o próximo; desenvolvendo uma mudança de atitude e de pensamento em relação aos conflitos em vários âmbitos; cultivando valores e costumes que incentivam o respeito mútuo, a responsabilização e o espírito de comunidade, entre outros aspectos relevantes.

Assim, a Faculdade Madre Thais lança seu mais novo Curso de Pós-Graduação, nível especialização, em Justiça Restaurativa. O primeiro curso na Bahia e contará com um corpo docente altamente qualificado, trazendo sua expertise de diversas partes do país, no sentido de difundir práticas e métodos de resolução de conflitos por meio de ferramentas que possam contribuir positivamente com intervenções de profissionais de diversas áreas do conhecimento, atuando na sociedade e na pacificação social. Tarefa urgente e necessária.

O curso será coordenado pela Professora MSc. Andréa Andrade Sauer, assistente social, mestre em Educação e terá duração de 19 meses, distribuídos em seis módulos, com aulas mensais às sextas, sábados e domingos, perfazendo uma carga horária de 370 horas.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *