Cidadão pode solicitar RG Expresso pela internet

Novo serviço do Instituto de Identificação Pedro Mello (IIPM SSP Ba), o RG Expresso, está disponível através de aplicativo e do portal SAC Digital e permite a solicitação e o resgate da 2ª via da carteira de identidade no prazo máximo de 5 dias. Na foto, página que disponibiliza o serviço no portal SAC Digital. Foto: Fernando Vivas/GOVBA

Uma parceria entre o Departamento de Polícia Técnica (DPT) e a Secretaria de Administração do Estado (Saeb) permite, desde o mês de outubro, que o baiano reimprima o documento de identidade, emitido há no máximo dois anos, ao invés de tirar uma nova via. O RG Expresso pode ser solicitado pelo próprio cidadão ao Instituto de Identificação Pedro Mello (IIPM) por meio do aplicativo móvel ou portal do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) Digital. O prazo de recebimento é de até cinco dias úteis após o pagamento da taxa de R$ 37,77.

“O cidadão ou cidadã que teve a sua carteira de identidade emitida há até dois anos atrás e que, na época da identificação presencial, tinha idade mínima de 12 anos pode fazer essa solicitação, que está alinhada às diretrizes do Governo do Estado em proporcionar facilidade, comodidade e celeridade na prestação de serviços, aplicando a tecnologia aliada à segurança”, explicou a diretora do IIPM, Socorro de Maria.

Uma nova via do RG solicitada de forma convencional é entregue de sete a dez dias úteis, após o atendimento presencial nas unidades do SAC. “A nossa expectativa é que com essa emissão do RG Expresso, o cidadão só procure o a unidade de atendimento se, de fato, precisar de um novo documento. O RG expresso vai diminuir a demanda desse setor e ampliar o atendimento para quem realmente precisa do atendimento presencial”, afirmou a diretora operacional do SAC, Carla Santiago.

Por enquanto, o RG Expresso está disponível nos SACs da capital, mas será disponibilizado para todo o estado. Em Salvador, inicialmente, o serviço está disponível apenas nos postos dos Shoppings Barra, Bela Vista, Salvador, da Bahia e Paralela, além de Cajazeiras e Liberdade. Ao fazer o pedido online, o cidadão deve informar o posto SAC de preferência para retirada do documento.

Para usar o RG Expresso, o cidadão deve possuir todas as biometrias cadastradas no sistema, como fotografia, impressão digital e assinatura. Além disso, a retirada do RG só poderá ser feita pelo próprio titular, que vai precisar autenticar a biometria. No estado, cerca de 2 milhões de pessoas atendem aos requisitos para solicitar o documento. O RG Expresso apresenta a data de expedição da última via solicitada presencialmente, além da data do novo pedido. O serviço também contou com a colaboração da Secretaria da Fazenda (Sefaz) e da Companhia de Processamento de Dados (Prodeb) para realização.

Governo do Estado levanta a voz contra o racismo em campanha

Foto: Divulgação.

Para marcar o início das ações relacionadas ao Novembro Negro e reforçar a luta contra o preconceito racial, o Governo do Estado lançou, nesta sexta-feira (1º), um vídeo publicitário que integra a campanha “Todas as vozes contra o racismo. Todas as leis contra os racistas”. O filme de 30 segundos está disponível no canal oficial do Governo no YouTube e foi compartilhado pelo governador Rui Costa, na manhã de hoje, em seus perfis oficiais nas redes sociais.

“A Bahia é o único estado brasileiro que tem uma secretaria estadual para promoção da igualdade racial e vamos fortalecer, cada vez mais, nossas políticas públicas para lutar por reparação e igualdade”, escreveu o governador no Facebook. Ao longo do mês, o Governo do Estado, por meio de ações coordenadas pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), realiza e apoia diversas atividades, tendo como ponto alto o 20 de novembro, instituído como Dia Nacional da Consciência Negra. O lançamento da programação será na noite desta sexta, no Teatro Castro Alves, às 19h.

No vídeo lançado hoje, criado inicialmente para veiculação nas redes sociais, gritos ofensivos e aleatórios são lançados aos negros, mostrando a necessidade de abafar a voz dos preconceituosos e elevar a dos afrodescendentes. Criada pela agência Objectiva Comunicação, a campanha circula em todo o estado e é uma das principais ações da Sepromi para o mês de novembro, que contempla ainda espetáculos, marchas e outros eventos.

Números do preconceito

Apesar da representatividade da cultura negra estar presente em cada canto do estado, os registros de preconceito contra a raça seguem em ascensão. Desde a fundação, em 2013, o Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, da Sepromi, registrou 603 queixas, sendo 348 por racismo, 187 por intolerância e 66 casos correlatos. Ao longo de seis anos, estes números saltaram de 14 em 2013 para 141 casos em 2018.

Abertas as inscrições para o vestibular 2020.1 da FMT-Ilhéus

Vestibular 2020.1 da Faculdade Madre Thaís.

A educação impacta diretamente nas mais diversas áreas da vida do indivíduo, sendo um dos fatores primordiais para o crescimento econômico, social e cultural de um país. Os pilares básicos da educação, de acordo com a UNESCO, são: aprender a conhecer; aprender a fazer; e aprender a ser.

Observando esses princípios a Faculdade Madre Thaís (FMT-Ilhéus) está com inscrições abertas para o para o vestibular 2020.1. São 330 vagas para turmas diurnas e 760 vagas noturnas, para todos os seus cursos. Os interessados já podem fazer a inscrição para o vestibular 2020.1 da Faculdade Madre Thaís, cujas provas serão realizadas no dia no dia 24 de novembro de 2019.

A FMT – Ilhéus está oferecendo vagas nos 14 cursos de bacharelado e graduação tecnológica em: Administração, Enfermagem, Biomedicina, Direito, Logística (tecnológico), Engenharia Elétrica, Fisioterapia, Gestão de Recursos Humanos (tecnológico), Serviço Social, Farmácia, Gastronomia, Arquitetura e Urbanismo e Cacau e Chocolate (tecnológico).

O processo de seleção consiste em uma prova de conhecimentos gerais contemporâneos e uma prova de redação. Os Cursos funcionam na sede da Faculdade Madre Thaís, à Avenida Itabuna, 1491, Gabriela Center, Ilhéus (BA).

Bahia Pesca e Codevasf doarão 2,5 milhões de peixes até 2024

Imagem ilustrativa.

A Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri), e a Codevasf – Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba – assinaram, na quinta-feira (31), um convênio que beneficiará milhares de baianos. As duas entidades distribuirão, até 2024, cerca 2,5 milhões de alevinos (peixes jovens) a famílias de piscicultores da região do Médio São Francisco.

Os alevinos são produzidos nas estações de piscicultura da Bahia Pesca e distribuídos aos piscicultores por técnicos da Codevasf que, em contrapartida, doa rações aos projetos da Bahia Pesca.

A empresa de fomento à pesca já forneceu à Codevasf mais de um milhão de alevinos desde o início da parceria, em 2014. Os alevinos foram entregues a associações de produtores locais ou inseridos diretamente em locais públicos.

O cadastramento das associações beneficiadas e a avaliação de locais e a logística, entre outras ações, são feitas pela equipe da Codevasf de Bom Jesus da Lapa. Aproximadamente 4 mil famílias de 16 municípios já foram beneficiadas diretamente por tais ações.

“A parceria entre a Codevasf e a Bahia Pesca permite que as duas empresas ampliem significativamente suas ações de incentivo à piscicultura na região. Os últimos cinco anos foram bastante produtivos e é uma satisfação muito grande renovar essa parceria, tão importante para o pequeno produtor rural do estado”, afirma o presidente da Bahia Pesca, Marcelo Oliveira.

De acordo com o superintendente da 2ª Superintendência Regional da Codevasf, Harley Xavier Nascimento, “essa união ajuda a mudar a condição de vida de muitas famílias, oferecendo importante alternativa de alimentação e de fonte de renda”.

Dialogar com sonhos, “Navegar é preciso, viver não é preciso” (*)

Esta semana um grande amigo que não gosta de festas ou comemorações fez aniversário, mas nem por seu recato, temperamento resguardado na singeleza discreta das suas condutas, não pôde escapar de afetuosa comemoração. Foi ele quem me ensinou a ler e escrever de carreirinha! Sei que ele não gosta que o perfilemos segundo a impressão que nos causa, mas digo: É elegante, terno e amorosamente romântico, às vezes apaixonado, é capaz das maiores demonstrações de violência e dramaticidade; embora a distimia o faça triste e depressivo, o contraponto da bipolaridade emocional arrebatamentos dramáticos; sua personalidade multifacetada o faz ir das lágrimas copiosas aos êxtases de felicidade entre beijos e afagos. A personagem, amiga, admirada, amada e cultuada, atemporal porque nunca envelhece, é o Livro. Dia 29, ontem, foi seu aniversário, O Dia do Livro.

Por: Mohammad Jamal.

Assim, com a física quântica dos sonhos e tendo o Universo Numa Casca de Noz (Stephen Hawking) eu dobro o espaço tempo. Viajo pelo mundo na caravela de Karl Friedrich Hieronymus von Münchhausen cujas aventuras foram compiladas por Rudolph Erich Raspe e publicadas em Londres em 1785. Aceito a minha própria companhia e, compreendendo-a, comprazemo-nos maravilhados empreendendo distantes viagens míticas ao tempo e espaço etéreo, o universo da literatura.

Bons amigos e parceiros, fomos à Pérsia do grande conquistador Alexandre, O Grande, com quem aprendemos uma célebre e inesquecível frase: “Ladrão, é também aquele que faz da genialidade de outro; a sua própria.”. Foi entre a Pérsia antiga e a França que em 1721 conhecemos dois amigos missivistas muito fluentes e satíricos, Rica e Usbek – Cartas Persas – (Montesquieu). Um fino traço irônico é explicitado logo na primeira carta: “Somos Rica e eu talvez os primeiros persas que, levados da sede de aprender, saímos do nosso país, abandonando as doçuras de uma vida sossegada para afadigar-nos em busca a sabedoria” (MONTESQUIEU, p. 31). Também fomos a Roma onde conhecemos Calpurnia, bem muxibenta, um caco, terceira esposa de Júlio Cesar. Aquele que se engraçou perdidamente pelos encantos de uma egípcia fogosa, gostosona, uma potranca no cio, e depois “sifu” no senado onde ardiam de inveja das suas fornicações e poder e urdiam sua queda em golpe violento. Com muito sangue, Cesar foi apunhalado no corredor do senado, inclusive por Brutus, seu filho adotivo; coisa parecida com o controle de natalidade aplicado pela PM que acontece na Cidade de Deus/RJ. Fomos ao Coliseu, más lá só vimos centuriões exibicionistas vestindo minissaias, sem calcinha, um horror. Nada de shows. Estavam em falta de material humano, figurantes cristãos, para contracenar com os leões. (mais…)

Até o momento, não há risco de consumo de frutos do mar, diz ministro

Frutos do mar à venda.

Fonte: Agência Brasil

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse ontem (31) não ter, até o momento, qualquer evidência que justifique “interrupção abrupta” do consumo de frutos do mar, apesar das manchas de óleo que têm surgido nas praias nordestinas. De acordo com ele, o monitoramento tem sido feito de forma constante para que, ao primeiro sinal de risco, a população possa ser alertada.

“Até agora não temos nenhum elemento para dizer [à população que] interrompa o consumo. Estamos, em full time analisando e retirando ostras, mariscos, mexilhões, lagostas, peixes, pescada, barracudas e não achamos ainda algo que represente risco. Ocorrendo, imediatamente o Ministério da Saúde dará o alarde”, disse o ministro, ao chegar para um evento na Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), em Brasília.

O acompanhamento sobre os efeitos que o óleo tem causado nos seres vivos marinhos vem sendo feito por meio de uma parceria com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). “O que sabemos até agora é que não encontramos nada que, pelo princípio da precaução, nos exigisse fazer uma interrupção abrupta da cadeia alimentar”, acrescentou.

Postos de saúde

(mais…)