Ilhéus: servidores da Prefeitura são expostos a riscos por falta de equipamentos de segurança

Servidor sobe escada sem equipamentos de segurança. Imagem extraída de vídeo.

Após assistir um vídeo que circula nas redes sociais, o técnico em segurança do trabalho, Uallesson Nascimento, em contato com a redação do BG, denunciou a Prefeitura de Ilhéus por expor os servidores a riscos de queda ao realizarem o serviço de iluminação pública.

Segundo ele, o servidor municipal (do vídeo abaixo) trabalha numa altura superior a dois metros sem o equipamento de proteção individual (EPI) de uso obrigatório exigido pela NR 35. Ele afirmou que a PMI expõe também a vida dos servidores que dão apoio ao serviço e também das pessoas que circulam no local ao não fazer o isolamento da área.

Uallesson também informou que os servidores não utilizam protetores coletivos contra queda ou projeção de materiais. “Eles estão infringido também a NR 10 quando deixam os servidores expostos a trabalho com eletricidade, sem as medidas de proteção necessárias contra choque elétrico. É notória a situação de risco de morte. É possível que os servidores não possuam conhecimento das normas regulamentadoras ou se as conhecem, ignoram e expõem suas vidas”, informou o técnico.

No vídeo, um homem conhecido como Dantas, exalta o governo Marão e em meio aos elogios sequer percebeu que os servidores não usam luvas isolantes, cinturões, óculos de proteção e capacetes anti-impacto.

O BG vai encaminhar esta reclamação ao Ministério Público do Trabalho.

O BG entrou em contato com o secretário de Serviços Urbanos, Hermano Fahning, mas até a publicação deste texto não recebemos nenhuma resposta.

Veja o vídeo:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *