Mesaque Soares denuncia contrato suspeito do governo Marão com empresa que faz a coleta do lixo

Mesaque Soares denunciou contrato da prefeitura de Ilhéus ao MPBA.

Nesta quinta-feira, 20, o advogado Mesaque Soares foi a sede do Ministério Público Estadual, em Ilhéus, para protocolar uma denúncia contra a gestão do prefeito Mário Alexandre.

Segundo o advogado, há mais de um ano a prefeitura de Ilhéus mantém um contrato suspeito e sem licitação com a empresa CTA Empreendimentos Eireli.
A CTA presta serviço de coleta de resíduos sólidos (lixo) e o valor do contrato chega a um milhão e quinhentos mil reais por mês, e tem sido renovado a cada três meses.

Denúncia foi protocolada nesta quinta-feira, 20.

O contrato foi celebrado em caráter de urgência quando a empresa anterior, Solar Ambiental, rescindiu o contrato com o município.

Mesaque gravou um vídeo em frente ao MP para explicar a situação.

O advogado afirma que “é inadmissível que a prefeitura de Ilhéus mantenha um contrato com valor vultuoso sem licitação”.

Veja o vídeo.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *