OMS diz que jovens não são “invencíveis” ao coronavírus

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS — Foto: Salvatore Di Nolfi/Keystone/AP.

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS, afirmou em uma entrevista coletiva online: “Hoje tenho uma mensagem para os jovens: vocês não são invencíveis, esse vírus pode colocá-los no hospital por semanas ou até matá-los. Mesmo que você não adoeça, as escolhas que você faz sobre onde vai podem ser a diferença entre a vida e a morte para outra pessoa.”

Em meio à escassez de equipamentos de proteção para profissionais de saúde e testes de diagnóstico, serão necessárias “pontes aéreas” para levar suprimentos para profissionais de saúde, disse o principal especialista em emergências da OMS, Mike Ryan.

A OMS distribuiu 1,5 milhão de testes de laboratório em todo o mundo, mas a demanda pode chegar a ser 80 vezes maior para o combate à pandemia, disse ele.
O diretor-geral alertou também que ainda que não apresente sintomas, ficar em casa pode fazer a diferença entre a vida e a morte de outras pessoas. A OMS reforçou o pedido de distanciamento social e recomendou maneiras de se manter saudável durante o isolamento.

Segundo a organização, é importante manter uma alimentação saudável, evitar fumar e consumir álcool com exagero além de procurar manter as rotinas de exercícios diárias com o acompanhamento de vídeos de exercícios, subir e descer escadas ou dançar dentro de casa.

Do Terra.

Ministério declara transmissão comunitária nacional do novo coronavírus

Ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta.

Fonte: G1

O Ministério da Saúde declarou que há transmissão comunitária nacional do coronavírus Sars-Cov-2, responsável pela pandemia da doença Covid-19. O status foi publicado em portaria divulgada na noite desta sexta-feira (20). O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, já tinha anunciado nesta tarde que a medida seria tomada em breve para facilitar ações do governo.

A transmissão comunitária ou sustentada é aquela quando não é possível rastrear qual a origem da infecção, indicando que o vírus circula entre pessoas que não viajaram ou tiveram contato com quem esteve no exterior.

Até o balanço de quinta-feira (19), a transmissão comunitária estava configurada nos estados de São Paulo e de Pernambuco. Além disso, ocorre isoladamente em três capitais: Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre (além das capitais de SP e PE, já incluídas acima).

Casos pelo Brasil

Os casos confirmados de Covid-19, doença infecciosa causada pelo coronavírus Sars-Cov-2, aumentaram 45% entre quinta (19) e esta sexta-feira (20), de acordo com dados do Ministério da Saúde. O mais recente balanço federal aponta que o Brasil tem 904 casos e 11 mortes. Os dados consideram informações repassadas pelas secretarias estaduais até as 16h. (mais…)

Comércio de Itabuna fechado por 15 dias

Avenida Cinquentenário em Itabuna.

A partir de amanhã, 21, o comércio de Itabuna será fechado por  15 dias. O prefeito em exercício Fernando Vita incluiu mais esse artigo no decreto de emergência.

Até então, a decisão valia para shopping, bares, restaurantes, academias, clubes, igrejas, indústrias e fábricas, por exemplo. Agora, também citam as galerias, eventos sociais, políticos, congressos, convenções, seminários, festas, formaturas, comemorações, além do comércio em geral, inclusive dos bairros, serviços de Call Center, cursos e atividades bancárias.

A única ressalva exposta no decreto está nos serviços considerados essenciais à população, ligados a saúde, segurança, proteção e defesa civil. Deste contexto, obviamente, constam os itens de alimentação e medicamentos.

*Com informações do Diário Bahia.

Apesar da pandemia, governo Marão deixa professores contratados sem salários

Professores estão sem salário.

Uma professora da rede municipal de ensino que pediu para não ser identificada, por medo de retaliações, entrou em contato com o BG para informar a situação dos educadores contratados.

Os professores foram contratados via processo seletivo simplificado em fevereiro e até o momento não receberam salário.

“Muitos são chefes de família. Sabemos que o pagamento pode demorar a ser realizado, mas precisamos de ao menos uma previsão”, disse.

A docente está preocupada com a pandemia, pois com filhos em casa, os alimentos tendem a ser consumidos mais rápido e sem salário, terá dificuldade para comprar mais.

“Infelizmente, o prefeito e a secretaria de educação não dizem quando iremos receber salário” , desabafou.

Por volta das 17h55min enviamos mensagens via WhatsApp para a secretaria Eliane Oliveira pedindo explicações e ela não nos respondeu. Às 18h20min ligamos para o celular da secretária e ela não nos atendeu. O espaço está aberto caso ela queira prestar esclarecimentos.

 

Atualizado às 9 horas de 21 de março.

Eliane Oliveira, secretária de educação de Ilhéus, informou que a jornada pedagógica teve início no dia 10 de fevereiro. Os selecionados participaram da jornada e as aulas começaram no dia 14 do mesmo mês.

Segundo a secretária, a folha salarial da educação é enviada à Secretaria de Gestão no dia 10 e cada mês, por isso os contratados não receberam os vencimentos de fevereiro. Ela afirmou que no próximo pagamento (de março), os contratados irão receber os dias trabalhados em fevereiro. 

Presidente da CDL de Ilhéus recomenda que lojas suspendam temporariamente o atendimento presencial

Comério de Ilhéus. Foto Gidelzo Silva.

Hoje (20), diante da ameaça do coronavírus (Covid-19), a Câmara dos Dirigentes Lojistas de Ilhéus emitiu recomendações aos seus associados. O presidente da CDL, Valderico Junior, colheu as opiniões de conselheiros e membros da entidade nessa quinta-feira (19).

Segundo o presidente, o conselho representativo entendeu que chegou a hora de adotar medidas duras para proteger a saúde dos trabalhadores, consumidores, lojistas e seus familiares. “Para esses primeiros dias, recomendamos a suspensão temporária do atendimento presencial nas lojas que não vendem produtos de necessidades básicas”.

“Os comerciantes de produtos essenciais podem reduzir as jornadas, diminuindo os riscos para os vendedores. Isso com todos os cuidados de higiene. Alguns países controlam o número de pessoas que entram ao mesmo tempo em mercados, farmácias. Tudo para evitar aglomerações”, explica.

Valderico Junior. Foto: Maurício Maron.

A CDL também recomenda a suspensão das atividades presenciais nos casos em que o trabalho possa ser feito a distancia, nas casas dos trabalhadores.

“Conversei com muitos comerciantes ontem. O clima é de muita insegurança sobre o que devem fazer. Graças a Deus, a postura que prevalece é a da responsabilidade com a vida das pessoas. Ilhéus não tem caso confirmado, mas, a gente não tem que esperar isso acontecer para agir. O primeiro grande esforço é preventivo”, avalia o presidente da CDL.

Valderico Junior sabe que a recomendação da CDL é severa. “Estamos falando de comércio e serviços, as atividades mais importantes da nossa economia, mas a gente tem que aprender com a experiência dos outros lugares. A restrição do contato social é o meio mais eficaz para impedir que o vírus contamine muitas pessoas rapidamente. Só assim os hospitais vão ter condições de cuidar dos pacientes mais graves”.

Também deu o exemplo das medidas adotadas mesmo em cidades reconhecidas pela força do setor comercial. “O Shopping Jequitibá anunciou a suspensão do funcionamento em Itabuna. Feira de Santana fechou o comércio”.

O presidente esclarece que a recomendação da CDL, como o próprio nome explicita, “não tem a força de uma lei, mas é um apelo ao bom senso”.

De acordo com Valderico Junior, a CDL também vai propor à Prefeitura de Ilhéus um debate sobre o que pode ser feito para diminuir o impacto dos tributos municipais no setor produtivo. “O município e as entidades representativas têm um papel fundamental nesse momento. Temos que unir forças para proteger a vida da população e reduzir os impactos sociais e econômicos da pandemia. Estamos em guerra contra um inimigo invisível”.

Conforme o presidente da CDL, o momento desafia o comerciante a encontrar caminhos alternativos para chegar aos clientes. “A internet está aí para os empreendedores. É possível usar as redes como canais de venda online, com entrega a domicílio, por exemplo”.

Governador decreta redução de despesas e pede calamidade pública à AL

Rui Costa.

O governador Rui Costa encaminhou mensagem à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), nesta sexta-feira (20), solicitando declaração do estado de calamidade pública, com efeitos até 31 de dezembro de 2020, com a consequente dispensa do atingimento dos resultados fiscais e limitação de empenho prevista, bem como suspensão da contagem de prazos.

No documento, que deverá ser publicado no Diário Oficial da Alba deste sábado (21), o governador justifica o pedido levando em consideração o cenário atual em que se encontra o estado devido à pandemia do novo coronavírus. “Diante do quadro de pandemia do novo coronavírus, dos reflexos sociais, econômicos e de saúde pública, e ainda da necessidade de atuação dos Poderes do Estado da Bahia para proteção de todos os baianos, venho solicitar a Vossas Excelências o reconhecimento e declaração do estado de calamidade pública”.

Ainda na mensagem, o governador da Bahia destaca que “mostra-se evidente que os impactos a serem observados na sociedade vão muito além da questão de saúde pública, afetando, diretamente, a economia como um todo, com redução das atividades de produção, transporte, consumo e serviço. A expectativa é que haja uma redução de até 2% no Produto Interno Bruto – PIB mundial em 2020”.

Também de acordo com o documento, no caso da Bahia, cuja principal fonte de receita é o Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviço de Transporte Interestadual, Intermunicipal e de Comunicação – ICMS, estima-se que a queda geral na receita será de aproximadamente R$ 1,5 bilhão até dezembro de 2020.

Contenção de despesas (mais…)

“O vírus está na cidade”, alerta prefeito de Itacaré

Antonio de Anizio, prefeito de Itacaré.

Em um áudio que circula no WhatsApp, o prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, chama a atenção da população da cidade para os perigos da Covid-19.

Com bastante preocupação, o prefeito diz que é preciso coerência por parte dos moradores, pois o vírus está na cidade

Ele afirmou que vai fechar os acessoas às praias e proibir as aglomerações para que as pessoas evitem encontros.

O prefeito alertou que mesmo com tais medidas, ainda estarão fazendo pouco diante da crise mundial.

“É preciso acordar, fazer os procedimentos de higiene, lavar as mãos, usar álcool em gel. Já temos uma pessoa em avaliação no Hospital da Costa do Cacau”, informou o prefeito.

Ouça o áudio:

Hospital Regional Costa do Cacau alerta para cuidado com informações sobre o COVID-19

Hospital Regional da Costa do Cacau.

Com o avanço das tecnologias de comunicação digital e interativa, o ambiente virtual da internet e das redes sociais se tornou um amplo espaço de debates, exposição de ideias e discussões.

Porém, nem sempre as informações que circulam no universo da rede condizem com a realidade, inclusive grandes problemas enfrentados pela sociedade, as mentiras disseminadas e as fakes News (notícias falsas) podem estimular o pânico e induzir a população a graves erros.

Diante do quadro atual, de empenho e enfrentamento mundial ao novo coronavírus (COVID-19), a direção do Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, reforça a importância da emissão e recepção de informações com ética, confiabilidade e responsabilidade.

A direção do HRCC ainda comunica que a autoridade científica oficial, em âmbito estadual, para divulgação de casos da COVID-19 é a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), por meio de divulgação dos seus boletins diários.

A fonte de informações indicada para consulta sobre o novo coronavírus na Bahia é o site oficial da Sesab – http://www.saude.ba.gov.br/ . Inclusive orientações importantes e mais específicas para prevenção e cuidados com COVID-19 estão em http://www.saude.ba.gov.br/temasdesaude/coronavirus/ .

Ilhéus: missas estão suspensas por tempo indeterminado

Dom Mauro Montagnoli.

A Diocese de Ilhéus, por meio do bispo Dom Mauro Montagnolli, anunciou a suspensão das missas em toda a diocese. A suspensão tem tempo  indeterminado.

O bispo afirma que “não vamos tirar férias da fé”. Os bispos e os padres vão continuar celebrando as missas, isoladamente, e o bispo pede que os fiéis promovam a vivência e a celebração da fé em casa.

Veja a nota na íntegra.

Para conter avanço do coronavírus, Estado limita transporte nas cidades de Itabuna, Ilhéus e Itacaré

Rodoviária de Ilhéus.

O Governo do Estado publicou um decreto nesta sexta-feira (20), no Diário Oficial do Estado (DOE), regulando o transporte entre os municípios de Itabuna, Ilhéus e Itacaré. Conforme publicação, estarão suspensas, a partir da 0h deste sábado (21), a circulação e a saída de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans, nas três cidades. Já a proibição de chegada desses transportes nas cidades mencionadas começa a valer a partir das 9h do sábado.

A fiscalização será realizada pela Polícia Militar da Bahia (PMBA) e pela Agerba. O descumprimento de suspensão importará na apreensão imediata do veículo de transporte, público ou particular, sem prejuízo do ajuizamento de ações penais e cíveis, bem como da aplicação de sanções administrativas.

Itabuna x Ilhéus

O decreto prevê exceção para a circulação de transportes rodoviários e hidroviários, públicos e particulares, para deslocamento de trabalhadores, residentes em locais próximos aos três municípios, desde que conduzidos para o exercício de atividade profissional.

Ainda nesta sexta (20), outras exceções deverão ser expressamente autorizadas e divulgadas pela Agerba. Entre essas excepcionalidades previstas, está a garantia do deslocamento entre as cidades de Ilhéus e Itabuna.

Outras medidas

O mesmo decreto autoriza a suspensão, a partir de segunda-feira (23), dos atendimentos presenciais no Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) nos municípios de Ilhéus, Itabuna e Itacaré.

Passa a ter prazo indeterminado a suspensão das férias e licenças estatutárias passíveis de gozo oportuno dos servidores públicos estaduais que atuam nos serviços públicos essenciais de saúde e segurança pública. A medida altera prazo previsto em decreto publicado no dia 16 de março.

Congresso discute adiar eleições municipais por causa do coronavírus

Fonte: Folha de São Paulo

A crise provocada pelo coronavírus e a incerteza sobre a extensão e a duração da pandemia levaram congressistas a iniciar um movimento em defesa do adiamento das eleições municipais previstas para outubro de 2020. Estimativas do Ministério da Saúde apontam para aumento dos casos entre abril e junho. A situação só se estabilizaria a partir de julho.

O cenário traçado pelo ministro Luiz Henrique Mandetta (Saúde) causou preocupação entre líderes de partidos na Câmara e de congressistas, que temem impacto nas campanhas eleitorais. Elas estão previstas para começar apenas no dia 16 de agosto, mas até lá parte do calendário eleitoral pode ser afetado.

Na terça-feira (17), alguns dirigentes partidários, entre eles o presidente nacional do Solidariedade, Paulinho da Força (SP), debateram a necessidade do Congresso discute adiar eleições municipais por causa do coronavírus de achar uma saída jurídica para o caso de a crise se estender até o início das campanhas.

De acordo com o dirigente, se até julho vigorar ainda a restrição para realização de eventos, as convenções partidárias estariam inviabilizadas. Pela lei eleitoral, o prazo para escolha dos candidatos é de 20 de julho até 5 de agosto.

“É uma avaliação antecipada, mas que tem de estar no nosso radar. Terça abrimos a discussão para saber o que é preciso juridicamente”, disse.

Uma das recomendações do ministério é evitar contato e aglomerações. Isso afetaria também um dos mais tradicionais recursos políticos, o corpo a corpo com eleitores.

O líder do PL, Wellington Roberto (PB), compartilha da preocupação de Paulinho. “Todas as agendas que a gente tinha nos estados foram canceladas por causa da concentração popular. O meu temor é que não se consiga realizar os eventos a tempo nem mesmo das convenções partidárias no prazo da lei”, diz.

Alguns, como o líder do Podemos na Câmara, deputado Léo Moraes (RO), já iniciaram consultas ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Moraes afirmou que a ideia inicial era unificar, em uma PEC (proposta de emenda à Constituição), as eleições municipais de outubro deste ano com as eleições gerais de 2022. (mais…)

MP pede para resort de Itacaré informar nome e residência de funcionários presentes em festa com hóspedes contaminados

Casamento ocorreu em resort de Itacaré.

O hotel Txai Resort, localizado em Itacaré, foi oficiado pelo Ministério Público estadual para que informe, em cinco dias, o nome e o local de residência de todos os funcionários que trabalharam em evento ocorrido no estabelecimento no último dia 7. Segundo o promotor de Justiça Thomás Raimundo Brito, hóspedes que estiveram no evento contraíram coronavírus, conforme exames realizados e cujos resultados foram divulgados posteriormente. No ofício, encaminhado na terça-feira, 17, o MP solicita ainda que o hotel informe se os trabalhadores foram submetidos a exames para saber se foram ou não contaminados.

O promotor de Justiça também encaminhou ofício à Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) para que informe, dentro de cinco dias, se existe alguma medida prevista para controle de temperatura e verificação dos sintomas, nas rodoviárias e rodovias dos municípios de Itacaré e Maraú, em relação às pessoas provenientes de áreas onde já houve a disseminação comunitária da Covid-19. O ofício foi encaminhado na quarta-feira, 18. Thomás Brito lembra que os dois municípios são destinos turísticos de “intenso movimento”. Já à Secretaria Municipal de Saúde de Itacaré, o promotor solicitou, em ofício expedido dia 19, que informe em 72 horas se algum dos presentes no evento do Txai Resort reside na cidade e, caso seja residente, se foi testado, como também seus familiares, para coronavírus. O promotor também solicitou à Secretaria, à Prefeitura de Maraú e ao Núcleo Regional de Saúde Sul, ligado à Sesab, que enviem em 72 horas os respectivos Planos de Contingência para enfrentamento do coronavírus.

Festa adiada e outras medidas

Em atenção aos ofícios do MP, a Prefeitura de Itacaré decretou que a partir das 17h de ontem, dia 19, está suspensa por 30 dias a entrada de ônibus, micro-ônibus, vans, barcos e outros tipos de veículos turísticos no município. Foi decretado também que está suspensa, a partir de amanhã, dia 20, a entrada de ônibus de transporte intermunicipal e interestadual. A Prefeitura suspendeu ainda todos os eventos festivos agendados até maio, inclusive o ‘4º Festival de Forró de Itacaré’, adiado para o período de 4 a 6 de setembro, e as aulas escolares.

Sesab inicia monitoramento de passageiros no aeroporto Jorge Amado

Monitoramento teve início em Ilhéus.

Equipes da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), por meio do Núcleo Regional de Saúde Sul (NRS-Sul), iniciaram o monitoramento no aeroporto Jorge Amado nesta quinta-feira (19), local considerado como uma das principais portas de entrada no município, como medida de prevenção do contágio do novo coronavírus (Covid-19). A triagem é feita com a verificação da temperatura de todos os passageiros vindos de localidades com casos confirmados.

A abordagem é feita por técnicos, com utilização de termômetro digital para testa, além de perguntas direcionadas à identificação de sintomáticos respiratórios. Os passageiros que por ventura apresentarem sintomas compatíveis serão orientados sobre as medidas de proteção e isolamento, receberão máscara e preencherão uma ficha específica encaminhada à Sesau, a fim de que seja realizada a coleta do exame e monitoramento do caso suspeito.

Os técnicos da Sesab orientam sobre as medidas de prevenção, dentre as quais lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou usar álcool em gel com concentração de no mínimo 70%; evitar aglomerações e se manter em ambientes ventilados; ao tossir ou espirrar, cobrir nariz e boca com lenço ou com o braço, e não com as mãos; evitar tocar olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas. Ao tocar, lavar sempre as mãos com água e sabão. A recomendação dos órgãos de saúde é usar a máscara quando tem algum tipo de sintoma, para não contagiar outras pessoas.

As equipes atuarão no aeroporto das 07h30min às 16h, todos os dias da semana, inclusive sábados, domingos e feriados. Conforme dados fornecidos pelo setor de Vigilância Epidemiológica de Ilhéus, até a tarde da quinta-feira (19), o município não registrou casos de Covid-19.

Do Pimenta.