Coronavírus: secretário de saúde de Ilhéus afirma que não há número de testes suficiente

Nas redes sociais surgem a todo o momento comentários, áudios e vídeos sobre a ineficácia do combate ao coronavírus em Ilhéus. Os questionamentos são dirigidos à Secretaria Municipal de Saúde que não estaria atendendo adequadamente pessoas desconfiadas da contaminação.

Fontes da Sesau afirmam que a secretaria estadual de saúde não está em condições de enviar o número ideal de testes. Os atendimentos são realizados pela vigilância epidemiológica e seguem todos os protocolos.

De acordo com servidores da Sesau, nem sempre é possível rastrear todos os casos quando o quadro é de pandemia e não há testes suficientes. Dessa forma, uma pessoa só será submetida ao teste se os sintomas forem graves.

Já que o número de testes está longe do ideal, muitas pessoas com sintomas leves podem estar infectadas, mas não farão o exame. Há também os assintomáticos, cujos protocolos também não exigem o procedimento. Ambos (com sintomas leves e assintomáticos) possibilitam a disseminação do vírus.

Infelizmente, pelo Brasil afora casos serão concluídos com óbito, sem que tenha ocorrido em vida o exame necessário. É por isso que a OMS (Organização Mundial de Saúde) tem enfatizado a necessidade de mais testes, providência que aparentemente o governo brasileiro tem buscado.

O secretário de saúde, Geraldo Magela, disse que 83 testes foram realizados em Ilhéus e até às 20 horas desta terça-feira, 24, nenhum indicou resultado positivo. Disse que o município, por conta própria, está tentando comprar kits, mas tem encontrado dificuldades para encontrar fornecedores com material disponível.

Segundo Magela, o grande gargalo e motivo das reclamações é o número reduzido de testes que a Sesab tem enviado, por não ter o ideal à disposição. O secretário deu um exemplo: “a equipe da vigilância identifica 18 casos com possível contaminação, mas a Sesab só manda quatro kits. Esse é o problema. Porém, a coleta pode ser realizado em até 11 dias. Peço que as pessoas tenham paciência, pois o governo federal tem prometido disponibilizar mais kits”.

Nota pública da Viametro sobre a demissão de funcionários

A Viametro Transportes Urbanos, empresa que integra o sistema de transporte público de passageiros no município de Ilhéus, vem informar que:
• Diante da situação de calamidade pública e das medidas de isolamento social no combate à propagação do Coronavírus (Covid 19), dentre elas, a proibição da circulação do transporte coletivo, que configura caso de força maior, e na impossibilidade de desempenhar as suas atividades, a empresa enfrenta dificuldades financeiras para manter mais de 350 funcionários, com o pagamento de salários associado ao cumprimento da enorme carga tributária.

• Nesse contexto, infelizmente, a empresa foi instada a realizar a rescisão de contratos de trabalho como medida necessária para a manutenção da maioria dos empregos e o pagamento dos respectivos salários, pelo menos até o final do mês.

A Viametro permanece atenta às determinações das autoridades, disposta a envidar esforços que minimizem a situação de dificuldades vivenciada pela população, confiante de que juntos venceremos as adversidades causadas pela pandemia do Coronavírus para que possamos restabelecer a normalidade do serviço de transporte coletivo no Município.

Ex-deputado Augusto Castro é internado com suspeita de coronavírus

Augusto Castro.

Augusto Castro, ex-deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Itabuna foi internado nesta terça-feira, 24, na Santa Casa de Misericórdia.

Ele foi internado por volta do meio-dia com quadro de forte gripe. Chegou de Salvador na sexta-feira, 20, e há forte suspeita de que esteja com coronavírus.

Augusto Castro está em observação, fez uma tomografia, teste de Covid-19 e aguarda resultado do Lacen.

*Com informações do iPolítica.

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia

A população da Bahia passa a contar, a partir de hoje (24), com o Tele Coronavírus 155, que vai prestar orientação e esclarecimentos à população, com rapidez e agilidade, durante à pandemia do novo coronavírus. O serviço, que passa a funcionar das 7h às 19h, é gratuito e fruto de uma parceria entre o Governo do Estado, a Universidade Federal da Bahia (UFBA) e a Fiocruz Bahia. Através do número 155, estudantes do quinto e sexto ano de medicina, supervisionados por médicos, irão orientar a população, evitando a circulação de pessoas que não precisam de atendimento em unidades de saúde, neste primeiro momento.

Segundo o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, o Governo do Estado tem articulado parcerias estratégicas para o enfrentamento do coronavírus e recebeu este importante apoio da UFBA e da Fiocruz, com o envolvimento de diversas universidades baianas. “Trabalhamos, inclusive, para garantir que o serviço fosse disponibilizado através de um número de três dígitos, o 155, para que as pessoas possam memorizar com mais facilidade”.

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, explica que os estudantes de medicina, devidamente capacitados, irão escutar as demandas e fazer a orientação, de acordo com o protocolo oficial adotado pela Sesab e Ministério da Saúde. “Ao receber uma ligação, o estudante alimenta uma plataforma e esse dado é utilizado para os registros na área de saúde, para auxiliar na gestão e na assistência à saúde”.

O Tele Coronavírus é um serviço idealizado pela Fiocruz e UFBA, recebeu apoio do Governo do Estado, através das Secretarias de Saúde (Sesab), de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), do Planejamento (Seplan) e da Infraestrutura (Seinfra). Também aderiram à ação as quatro universidades estaduais (Uneb, Uesc, Uefs e Uesb), a Escola Bahiana de Medicina, a FTC Salvador, a Unifacs, a UFRB, a UFSB e a Fesftech, esta última responsável pelo desenvolvimento da plataforma que será alimentada pelos voluntários. Os estudantes das instituições citadas, bem como os médicos supervisores, serão certificados pelo serviço. Aqueles que possuam interesse em se voluntariar, devem procurar as coordenações das respectivas universidades parceiras nesta ação.

Já são mais de 1200 estudantes voluntariados para esta ação. “Cada grupo de vinte estudantes tem a supervisão de um médico residente ou não residente, todos voluntários, que aderiram por inscrição. No momento, temos, aproximadamente, 1200 estudantes e 70 médicos. Durante os trabalhos de planejamento, contamos com a participação de um conselheiro do Cremeb para acompanhar e opinar sobre as questões atinentes ao exercício profissional”, revelou a secretária da Secti, Adélia Pinheiro.

Faculdade Madre Thaís emite comunicado sobre suspensão de atendimentos

Considerando todas as recomendações do Ministério da Saúde, diante da declarada pandemia do COVID-19, bem como o Decreto nº 020, de 22 de março de 2020, do Prefeito Municipal de Ilhéus, que determinou a suspensão de todas as atividades dos estabelecimentos comerciais de qualquer seguimento a partir das 15 (quinze) horas do dia 23/03/2020, além da suspensão do transporte coletivo a partir da primeira hora do dia 24/03/2020, a Faculdade Madre Thais – FMT vem informar que os atendimentos presenciais estão suspensos na sede e em todos os anexos.

É importante ressaltar que as aulas estão sendo ministradas remotamente, nos dias e horários das referidas disciplinas, a partir das definições/orientações do Ministério da Educação.

Continue atento, e acesse diariamente os canais oficiais da FMT: site, portal do aluno e redes sociais para orientações adicionais e atualizações sobre qualquer mudança de cenário

Seguem os canais de comunicação dos setores acadêmico e financeiro, no caso de eventuais esclarecimentos, sendo importante destacar que os serviços dos referidos setores continuarão sendo ofertados à comunidade acadêmica, inclusive, os pagamentos das mensalidades poderão ser efetuados via transferência bancária, nas próprias contas dos respectivos boletos e/ou através daquelas que serão disponibilizadas no site da faculdade.

Setor Acadêmico:

Responsável pelo atendimento: Roberta Nascimento

Telefone: 73-98881-6188

[email protected].br

Setor Financeiro:

Responsável pelo atendimento: Wilse Bransford

Telefone: 73-98844-0166

[email protected]

Setor de Convênio

Responsável pelo atendimento: Inês Santos

Telefone: 73-98815-2898

[email protected]

Suporte Técnico aos professores/coordenadores:

Responsáveis:

Júnior TI: 73-98825-7001

Janine: 73-99177-7564

Horário de atendimento: 09 às 12:00 horas e 14 às 20:00horas

Prefeitura de Itabuna tenta liberar R$ 23 milhões para combater a Covid-19

A Prefeitura Municipal de Itabuna, através da Procuradoria Geral do Município e a Secretaria Municipal de Itabuna tentará nesta segunda-feira (23) sensibilizar o Poder Judiciário para que libere os R$ 23 milhões que estão bloqueados via judicial por conta de uma ação pleiteada pela Santa Casa de Misericórdia de Itabuna (SCMI), alegando que a verba seria de emenda parlamentar, e não destinada pelo Ministério da Saúde para os Serviços de Alta e Média Complexidade de Itabuna.

De acordo com o Secretário de Saúde do Município, Uildson Nascimento, “este recurso é de extrema importância para Itabuna neste momento, pois pelos cálculos que nós fizemos, o Ministério da Saúde enviará apenas R$ 1 milhão para o município, o que não é suficiente para um conjunto de ações que estamos fazendo e ainda temos muito a fazer”, disse.

E completou: “Estes R$ 23 milhões, sendo liberado, serão usados em sua totalidade para o combate ao coronavírus. Precisamos contratar profissionais, serviços dos hospitais, inclusive da Santa Casa, e a própria Secretaria de Saúde está necessitando comprar insumos, pois os valores que estão sendo cobrados estão um absurdo”.

Até o momento, mesmo após a confirmação de um caso de COVID-19 no município, Itabuna não recebeu verba dos Governos Federal ou Estadual. “Dentro dos nossos limites, já reservamos cerca de 100 leitos para atender esses pacientes no Hospital de Base, o Hospital São Lucas será reaberto também para esta finalidade, e a UPA 24 horas será porta de entrada para atendimento dos casos suspeitos” , finalizou.

Emergência
Vale ressaltar que o município está em estado emergência por conta do coronavírus. Decreto assinado pelo prefeito em exercício, Fernando Vita, também determina medidas de prevenção como, por exemplo, a suspensão do funcionamento de shoppings, bares, restaurantes, igrejas, cinemas, além da suspensão do transporte coletivo.

Viametro demite 100 funcionários

Imagem: Reprodução.

Na manhã desta terça-feira, 24, cerca de 100 trabalhadores da empresa Viametro foram demitidos após decisão da Prefeitura de Ilhéus em proibir a circulação de ônibus na cidade.

A determinação do prefeito seguiu ações já empregadas em outras cidades.

Segundo a empresa Viametro, não há condições de manter esses funcionários com a paralisação do transporte público. Motoristas e cobradores foram informados da decisão na noite da segunda-feira, 23.

No aviso prévio entregue na manhã desta terça, a empresa informou que não realizará o pagamento da multa de 40 por cento do FGTS e de outros direitos dos trabalhadores.

A Prefeitura reafirma que a decisão foi, objetivamente, para proteger a população e evitar a propagação do vírus.

Bahia confirma 76 casos de Covid-19

A Bahia registra 76 pacientes confirmados com coronavírus (Covid-19), 725 casos descartados e não há óbitos. Este número contabiliza todos os casos de janeiro até às 11 horas desta terça-feira (24). Todos os casos novos foram importados ou de transmissão local.

Os municípios com casos positivos são estes: Alagoinhas (1); Barreiras (1); Brumado (1); Camaçari (1); Conceição do Jacuipe (1); Conde (1 – paciente reside em Campinas, em São Paulo); Feira de Santana (6); Itabuna (1); Jequié (1); Juazeiro (2); Lauro de Freitas (3); Porto Seguro (8); Prado (2); Salvador (46, sendo três pacientes residentes em localidades fora da Bahia); e Teixeira de Freitas (1).

Ressalta-se que os números são dinâmicos e na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação.

É importante pontuar que o paciente com diagnóstico positivo para o novo coronavírus pode cursar com grau leve, moderado ou grave. A depender da situação clínica, pode ser atendido em unidades da atenção básica, unidades secundárias ou precisar de internação. Mesmo definindo unidades de referência, não significa que ele só pode ser atendido em hospital.

Os casos graves devem ser encaminhados a um hospital de referência para isolamento e tratamento. Os casos leves devem ser acompanhados pela Atenção Primária em Saúde (APS) e instituídas medidas de precaução domiciliar.

(mais…)

Rui anuncia compra de respiradores da China e agradece doação da Fieb

Rui Costa. Foto: Fernando Vivas (GOV-BA).

Em entrevista à Record TV Itapoan, na manhã desta terça-feira (24), o governador Rui Costa anunciou a compra conjunta de 600 respiradores de uma indústria chinesa, sendo 400 adquiridos pelo Governo do Estado para a Bahia e 200 pelo Estado do Ceará, com previsão de entrega já no dia 13 de abril, para utilizar nas unidades de campanha, no tratamento de pacientes acometidos pela Covid-19.

Durante a participação, Rui agradeceu ainda à Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), que comprou 100 respiradores para doar ao Estado da Bahia. No total, afirma o governador, “nós teremos 500 respiradores no estado e isto vai ajudar a equipar nossas unidades. Estamos dedicando o Couto Maia exclusivamente para isto e ainda queremos montar uma estrutura externa para acrescentar mais leitos. Dentro de 15 dias, o Hospital Espanhol deve estar em funcionamento também”.

Enquanto prepara a rede pública de saúde no combate ao novo coronavírus, o governador tranquilizou a população quanto à pandemia no estado, bem abaixo da média no país. “Estamos com 3% dos casos nacionais, ou seja, estamos muito abaixo do que a população da Bahia representa em relação à população do Brasil. Não temos, na rede pública, nenhum caso grave registrado. Na rede privada, temos três pacientes entubados, mas com informação de que já passaram pelo momento mais difícil e devem, em breve, ser desentubados”, relatou Rui em entrevista durante a inauguração da Unidade Básica de Saúde da San Martin, em Salvador, também na manhã desta segunda.

Câmara de Ilhéus vai votar uso de crédito especial do pré-sal

A Câmara de Ilhéus vai realizar sessão extraordinária na próxima sexta-feira (27) às 10h no Salão Nobre do Palácio Paranaguá.

A sessão terá a finalidade debater o Projeto de Lei 010/2020, que dispõe sobre a Abertura de Crédito Adicional Especial até o valor de R$ 9.500.000,00 (nove milhões e quinhentos mil reais) para inclusão de dotações no orçamento atual.

O PL é de autoria do Poder Executivo. O recurso é oriundo da cessão onerosa do pré-sal e está na conta do município desde 31 de dezembro de 2019 e depende de autorização legislativa para ser utilizado.

Conforme o disposto na Lei 13.885/2019, que definiu a divisão e distribuição da cessão onerosa do pré-sal, o recurso só pode ser aplicado em investimento. O Executivo Municipal sinaliza no projeto que os recursos serão aplicados em obras de pavimentação, drenagem, requalificação dos morros entre outros.

Casa lotérica do Nelson Costa descumpre medidas de isolamento e gera fila

Casa lotérica no bairro Nelson Costa. Foto: O Tabuleiro.

Mesmo com todas as recomendações e decreto municipal para contenção da transmissão do novo corona vírus , uma casa lotérica está aglomerando clientes no bairro Nelson Costa, em Ilhéus. A redação do O tabuleiro flagrou dezenas de pessoas formando uma fila gigante sem respeitar a orientação de distanciamento, de no mínimo dois metros para se evitar contaminação.

O comércio da cidade está de portas fechadas desde ontem (23) e o Comitê de Crise instituído no município realiza fiscalizações para impedir que as pessoas continuem se aglomerando ou descumprindo às medidas. Em casos como este, o Comitê pode efetuar o fechamento ou orientação correta com o auxílio da Polícia Militar.

Do Tabuleiro.

O que o Dia Mundial da Água tem a ver com o novo coronavírus?

Lavar corretamente as mãos é um dos atos mais importantes para combater a disseminação do novo coronavírus e frear seus efeitos nefastos: superlotação em hospitais, redução da atividade econômica e, principalmente, perda de vidas.

Por Felipe Madureira.

Os serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário se somam aos de drenagem de água pluviais e coleta e manejo de resíduos sólidos e compõem, conforme a Política Nacional de Saneamento Básico (Lei 11.445/2007), os quatro serviços públicos essenciais que esse instrumento regulamenta.

São serviços básicos, porque seu acesso pleno dignifica e garante saúde, mobilidade e qualidade de vida. Investir no setor é reduzir gastos em unidades de atendimento à saúde e demonstrar compromisso com o meio ambiente e com a sustentabilidade.

O Dia Mundial da Água, celebrado domingo, 22 de março, não serve apenas para alertar sobre a esgotabilidade de um recurso fundamental à vida, que é a água; mas também sobre a responsabilidade que todos nós temos, como cidadãos, em usar adequadamente esse recurso. O uso responsável passa pelo consumo moderado de água tratada nas rotinas diárias; por processos de otimização e de reaproveitamento das indústrias e lavouras; e pela ocupação e uso do solo, respeitando a importância das matas ciliares e da conservação de rios, lagos e nascentes. E também pelo uso adequado das redes de esgotamento sanitário, que são fundamentais para o ciclo da água para abastecimento, pois se devolve à natureza um efluente tradado com mínima carga poluidora. (mais…)

TJ-BA mantém prisão de Lukas Paiva

Lukas Paiva.

Em nova decisão, proferida ontem (segunda-feira, 23), o TJ-BA manteve a prisão preventiva do vereador Lukas Paiva.

O desembargador Pedro Guerra manteve a decisão da juíza Emanuele Vita divulgada pelo BG no último sábado, 21.

A defesa do vereador Lukas Paiva (PSB) por meio de um Habeas Corpus tentou converter a prisão preventiva em domiciliar. Os advogados Sergio Habib e Thales Habib alegaram que seu cliente pode ter sido contaminado pelo coronavírus, após ter recebido uma visita de uma pessoa que teria chegado de São Paulo no mesmo dia. Lukas está preso no Centro de Observação Penal do Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador.

A juíza Emanuele Vita, da 1ª Vara Criminal de Ilhéus, que determinou pela segunda vez a prisão preventiva, após o vereador ter sido flagrado pelo Ministério Público da Bahia prejudicando as investigações, afirmou que Lukas não se enquadra nas condições excepcionais definidas pela recomendação nº 62 do CNJ para sair da prisão.  Na decisão do último dia 20, a juíza disse que ele é jovem, tem 39 anos, não está no grupo de risco de letalidade, tem recebido toda a assistência médica necessária e não possui diagnóstico conclusivo sobre a contaminação pelo coronavírus. O laudo médico também não recomenda a liberação de Lukas.

Ao citar a situação de saúde de Lukas Paiva, Pedro Guerra mencionou o relatório médico apresentado pelo defesa. O magistrado considerou que provavelmente o próprio réu informou ter sido visitado por pessoa que estava com quadro gripal na sexta-feira, 20, e que o visitante tinha chegado de São Paulo no mesmo dia.

Contudo, segundo o desembargador, não consta no relatório a comprovação desse contato, nem que o visitante tenha sido diagnosticado ou que tivesse vindo de São Paulo.

De acordo com a decisão, o relatório médico destaca que Lukas está em isolamento respiratório dentro do setor médico. Logo, diferentemente de boa parte da população que utiliza o serviço público de saúde fora dos presídios, Lukas tem acesso a tratamento médico adequado, inclusive com a vigilância de profissionais da saúde.

Leia a decisão do TJ-BA.

Cacá Colchões defende propostas de apoio às empresas

Cacá Colchões.

O empresário e pré-candidato a prefeito de Ilhéus, Cacá Colchões, divulgou um texto em que sugere algumas medidas que podem ser adotadas por empresas para  manter empregos e gerar renda. Veja na íntegra a proposta:

Ilheenses,

Estamos enfrentando uma crise jamais vista, nas últimas décadas. Uma crise global, que atinge empresas e trabalhadores.
Há um debate em torno de ações, reações e omissões dos governos. As autoridades estão sendo testadas em relação à capacidade de liderar Nações, Estados e Municípios. Trata-se do bem maior de uma sociedade: preservar a Vida.

É dever das lideranças políticas e da sociedade civil se manifestarem quanto aos melhores caminhos para atenuar os graves efeitos da Pandemia. Cabe crítica à atuação dos governantes, mas prefiro apresentar propostas exequíveis, que a situação requer.
O momento exige decisões corajosas e urgentes. A preservação das empresas e os empregos dos trabalhadores é responsabilidade dos governos.

Os prefeitos discutem com o governo federal medidas que reforcem os orçamentos municipais. Algumas medidas já foram aprovadas. Portanto haverá mais recursos para a Saúde e proteção dos segmentos mais carentes da Sociedade.

As medidas adotadas pelos governos, restringindo o funcionamento de diversas atividades do comércio, industria e serviços, acarretará recessão de grandes proporções. A seguir, nossa proposta visando a preservação do emprego e renda das empresas instaladas no município de Ilhéus:

1 – Isenção Total da Taxa de Licença e Localização -TLL para todas as empresas ativas do município e para as novas empresas que vierem a se instalar no exercício de 2020; (mais…)

Justiça derruba decisão que permitia barreira sanitária em aeroportos da Bahia

Foto : Alberto Coutinho/GOVBA.

O governador Rui Costa (PT) anunciou que irá recorrer da decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de impedir a fiscalização de passageiros que desembarcam na Bahia através dos aeroportos. Anteriormente, o juiz Eduardo Gomes Carqueija, da 3ª Vara Cível da Bahia, determinou a liberação para que a temperatura das pessoas que chegam através dos voos seja medida por prepostos da vigilância sanitária estadual.

No entanto, a decisão foi cassada pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), através da desembargadora Maria do Carmo Cardoso. A magistrada levou em conta uma nota técnica da Anvisa, que aponta que embora o mecanismo de transmissão da Covid-19 não tenha sido totalmente elucidado, estudos mostram que a transmissão do vírus ocorre mesmo durante o período em que os portadores ainda não apresentam sintomas. Com isso, barrar passageiros por meio de triagem baseada unicamente na medição de temperatura, portanto, não é recomendável, inclusive por gerar filas e aglomeração.

A decisão também derrubou uma ação que permitia as barreiras em aeroportos do Maranhão.

Em post no Twitter, o governador voltou a criticar o órgão. “Não consigo entender a Anvisa, que está nos impedindo de fazer a medição da temperatura das pessoas que chegam à Bahia. A Anvisa entrou na Justiça para barrar nosso trabalho. Acho inadmissível tamanha resistência de uma agência que deveria cuidar das pessoas. Vamos recorrer!”, escreveu o governador.

Do Metro1.