Valderico Junior destaca trabalho de evangelização de Adja Pires no presídio

Adja Pires e Valderico Junior.

O empresário Valderico Junior, presidente municipal do DEM, faz questão de conhecer as propostas e os projetos dos democratas para o município. Ele destaca a importância da esteticista Adja Pires para a força do partido em Ilhéus. “Adja Pires é o exemplo da mulher que batalha por seus ideais”, afirmou.

Adja Pires mora no bairro Hernani Sá e tem 53 anos, vinte deles dedicados à carreira de esteticista. Em 2013, montou o próprio estúdio, na Rua Araújo Pinho, Centro de Ilhéus. Profissional dedicada, aprimorou sua formação no curso superior de estética da Faculdade Unopar.

Pré-candidata a vereadora filiada ao DEM, Adja vê a política como “um meio de cuidar das pessoas”. Explica que a solidariedade é uma marca da sua formação cristã, na Igreja Batista, que “tem uma visão voltada para o cuidado com a vida”.

Valderico Junior também enfatiza a relevância do trabalho de evangelização feito por Adja. Com outros membros da Congregação Vida e Paz, ela leva a Palavra de Deus para os detentos do Presídio Ariston Cardoso. A missão evangélica do grupo já dura dez anos. “Muitas vezes, esse é o único tipo de acolhimento dado às pessoas nessa situação”, lembra o presidente do DEM-Ilhéus.

Um dos projetos de Adja para Ilhéus é a criação de um serviço municipal para cuidar de mulheres em situação de rua. Para ela, a falta de representação feminina na Câmara de Vereadores dificulta que o município tenha políticas capazes de atender essa população vulnerável.

A esteticista afirma que Valderico Junior pode contribuir com a melhoria da qualidade de vida em Ilhéus, “por ser jovem e ter uma nova visão da política’.

Da ASCOM/DEM-Ilhéus.

Bahia tem 1.645 casos confirmados de Covid-19

A Bahia registra 1.645 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), o que representa 15,35% do total de casos notificados no estado. Considerando o número de 405 pacientes recuperados e 53 óbitos, 1.187 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 103 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (62,86%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes foram Uruçuca (633,56), Ilhéus (585,24), Barra do Rocha (525,03) e Itapebi (487,38).

No momento, 291 pacientes em toda a Bahia encontram-se internados, sendo 61 em UTI. O boletim epidemiológico registra 5360 casos descartados e 10.719 notificações. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Óbitos

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 53 mortes pelo coronavírus nos seguintes municípios: Adustina (1); Araci (1); Belmonte (1); Capim Grosso (1); Feira de Santana (1); Gongogi (2); Ilhéus (3); Ipiaú (1); Itabuna (1); Itagibá (1); Itapé (1); Itapetinga (1); Juazeiro (1); Lauro de Freitas (5), um dos óbitos era residente no Rio de Janeiro; Salvador (28); Uruçuca (2); Utinga (1); Vitória da Conquista (1). Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 17 horas desta quarta-feira (22). O óbito que anteriormente foi registrado no município de Água Fria, trata-se de uma pessoa que residia na cidade no interior, no entanto foi a óbito em Salvador.

O 51º óbito foi de uma mulher de 68 anos, residente em Salvador, com histórico de hipertensão, diabetes e asma. Ela estava internado em um hospital da rede privada a capital baiana, vindo a falecer hoje.

A 52ª morte foi de um homem de 48 anos, residente em Salvador, com histórico de hipertensão e diabetes. Ele estava internado em um hospital público na capital baiana, com óbito registrado nesta quarta-feira (22).

Já a 53ª morte foi de um homem de 64 anos, também residente na capital baiana, sendo que realizada tratamento para neoplasia. Foi atendido em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em 18 de abril, vindo a falecer no mesmo dia. O resultado laboratorial com o diagnóstico positivo foi divulgado ontem (21).

Faixa etária

A mediana de idade foi 39 anos, variando de 4 dias a 99 anos. A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 27,60% do total. O coeficiente de incidência por 1.000.000 habitantes foi maior na faixa etária de 80 anos e mais (294,50/ 1.000.000 habitantes), indicando que o risco de adoecer foi maior nesta faixa seguida de 30 a 39 anos (197,90/ 1.000.000 habitantes).

Ressaltamos que os números são dinâmicos e, na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação. Outras informações em saude.ba.gov.br/coronavirus.

Para acessar o boletim completo, com a lista de municípios com casos confirmados, clique aqui. (mais…)

14 mil máscaras de tecido serão disponibilizadas para estudantes na retirada do vale-alimentação

As máscaras visam a proteção de alunos e seus familiares. Imagem: Alberto Coutinho/Secom

O Governo do Estado está disponibilizando 14 mil máscaras de tecido para que estudantes da rede estadual e suas famílias possam fazer uso do vale-alimentação estudantil com mais proteção nos supermercados. A entrega começou nesta quarta-feira (22), nas redes Assaí e Cesta do Povo e lojas conveniadas em Salvador, e representam o primeiro lote, já que as máscaras também serão entregues no interior do estado. A ação envolve a parceria das secretarias estaduais do Planejamento (Seplan), Educação (SEC), de Desenvolvimento Rural (SDR) e de Desenvolvimento Econômico (SDE).

Segundo o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, as máscaras foram adquiridas de instituições credenciadas, através de edital público, que habilitou fabricantes de máscaras de proteção facial em todos os Territórios de Identidade da Bahia. “São mais de 600 empreendimentos que foram cadastrados para fazer a produção de máscaras. Estimamos a aquisição de, aproximadamente, seis milhões de máscaras para distribuir para a população, com prioridade para pessoas em situação de vulnerabilidade”, ressaltou Pinheiro.

O secretário da Educação do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues, destacou que a iniciativa também se configura como uma ação educativa. “A distribuição das máscaras demonstra mais um cuidado que o Governo do Estado adota na prevenção e no combate ao novo coronavírus. Ao fazer isto com quem vai às compras nos supermercados com o vale-alimentação, também teremos uma ação pedagógica ao reforçarmos esta medida de conscientização sobre o uso das máscaras junto aos nossos estudantes e suas famílias”, disse, ao destacar que as máscaras chegam esterilizadas, mas que, por terem confecção artesanal, devem ser lavadas com sabão e água sanitária antes do uso.

A Secretaria da Educação do Estado reforça a orientação para que vá ao supermercado (Assaí ou Cesta do Povo e suas lojas credenciadas) apenas uma pessoa: o estudante, o pai, a mãe ou o responsável, cujo CPF está cadastrado na escola, e que esta ida seja planejada para evitar aglomerações. Outra recomendação é para que, antes de ir ao supermercado, seja confirmado se o CPF já está cadastrado. Para isto, basta ligar para a escola onde o estudante está matriculado; para o número 0800 284 0011; ou verificar pelo Sistema Siadiante no Portal da Educação. Por esses meios, também é possível saber se é para ir na Rede Assaí ou na Cesta do Povo e suas lojas credenciadas.

Para os estudantes, que moram onde não há lojas dessas redes, será entregue um cartão alimentação, com o mesmo valor, totalizando 800 mil estudantes beneficiados, em todos os 417 municípios da Bahia. Estão sendo investidos R$ 44 milhões de recursos do Governo do Estado com a ação.

Apertem os cintos, o Ministro da Saúde sumiu

Tenho a impressão de que a loucura e a irresponsabilidade em seu grau mais elevado tomaram conta do Brasil, atingindo ao patamar de conduta criminosa, por deliberada omissão. Afinal, como declarou nosso Presidente ontem a um repórter, em mais um arroubo de ignorância e estupidez, “não sou coveiro”.

Por Julio Gomes.

Talvez os mais jovens não se recordem, mas há alguns anos atrás fez enorme sucesso um filme intitulado Apertem os Cinto… O Piloto Sumiu. Tratava-se de uma comédia que abordava o voo de um grande avião de passageiros, lotado, no qual o piloto simplesmente “desaparecia”.

Hoje, entretanto, vivemos uma tragédia real no Brasil. No momento em que escrevo estas linhas as secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 8h30 desta quarta-feira, 22 de abril, 43.592 casos confirmados de infectados Corona Vírus (Sars-Cov-2), com 2.769 mortes pela Covid-19, sendo que mil delas ocorreram nos últimos sete dias. Isto ocorre em um país onde todas as autoridades reconhecem que há subnotificação dos casos, ou seja, os números reais são muito maiores do que os oficiais (https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2020/04/22/casos-de-coronavirus-e-numero-de-mortes-no-brasil-em-22-de-abril.ghtml Acesso em 22/04/2020, às 12:10 horas).

Concomitantemente, na quinta-feira, dia 23 de abril, também teremos exato sete dias contados da data de exoneração do ex Ministro da Saúde Luiz Henrique Mandeta e do anúncio do nome do médico Nelson Teich para substituí-lo, cuja solenidade de posse ocorreu na manhã da última sexta-feira, 17/04, quando assumiu formalmente o cargo.

De lá para cá, apesar das cerca de mil mortes, do avanço contínuo dos diagnósticos positivos para COVID-19, do colapso do sistema de atendimento médico em várias capitais brasileiras, especialmente no Norte e no Nordeste, e das cenas que circulam na internet de pessoas sendo sepultadas em valas comuns e com o uso de máquinas de obras do tipo pá carregadeira, o que foi feito pelo novo Ministro da Saúde? (mais…)

MP, TJ e Pop Acolhimento lançam campanha para arrecadar alimentos para população em situação de rua em Itabuna

Imagem ilustrativa. Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem.

O Ministério Público estadual, o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia e o Pop Acolhimento lançaram a campanha “Itabuna de Mãos Dadas com a Solidariedade”, com o objetivo de arrecadar material de limpeza, higiene, roupa de cama e banho para a população em situação de rua no Município de Itabuna.

Os materiais podem ser doados nos pontos de coleta montados no modelo de “drive trhu” na FICC, na Praça da Catedral São José; no Pop Acolhimento, na Rua Ribeirão, 75, Bairro de Fátima; e na Secretaria de Assistência Social, na Avenida São Félix, 569, Bairro Góes Calmon. Os pontos funcionam nas segunda-feira, das 14h às 18h, e de terça a sexta-feira das 9h às 18h.

A campanha foi lançada no âmbito do Grupo de Trabalho Covid-19 Itabuna, por meio dos promotores de Justiça Inocêncio de Carvalho Santana, Susila Ribeiro Machado e Renata Caldas Sousa Lazarinni. O GT é voltado exclusivamente à análise, estudo, prevenção e combate à Covid-19 no Município de Itabuna.

Na mesma linha de defesa à população em situação de rua, o MP já havia recomendado ao Município de Itabuna, no dia 24 de março, que capacitasse os servidores dos Centros POP e organizações que atendem a população em situação de rua na cidade para contenção, prevenção, enfrentamento e encaminhamento de usuários do serviço, no caso de suspeita de contágio por coronavírus, a um local destinado especificamente aos usuários que necessitem de quarentena em decorrência da pandemia.

Ibicaraí confirma primeiro caso de Covid-19

Por meio de um vídeo, o prefeito de Ibicaraí, Lula Brandão, confirmou o primeiro caso de Covid-19 no município.

O anúncio foi feito nesta quarta-feira, 22.

Trata-se de um profissional da saúde que trabalha no Hospital Regional Costa do Cacau.

De acordo com o prefeito, o paciente está em isolamento domiciliar.

O prefeito Lula Brandão orientou a população a ficar em casa e sair apenas em casos necessários e utilizando máscaras.

Veja o pronunciamento do prefeito:

Centro Municipal de Referência para o coronavírus é instalado em Ubaitaba

Foto: Ascom/Ubaitaba.

A Prefeitura de Ubaitaba, por meio da Secretaria de Saúde, institui o Centro Municipal de Referência para o enfrentamento da pandemia do Covid 19 (CMR-COVID-19). A estratégia foi criada em consonância com as recomendações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia.

O CMR funcionará em parceria com o Hospital São Vicente de Paulo, em uma ala separada, o mesmo funcionará, por 24 horas ininterruptas, a equipe será composta, por médico, enfermeiro e técnicos em enfermagem, que estarão de plantão de domingo a domingo, no intuito de atender os casos mais leves, moderados e suspeitos de Covid-19.

Bahia tem 198 profissionais de saúde com casos confirmados de Covid-19

A Bahia registra 1.644 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19) e 50 óbitos nos municípios de Água Fria (1); Adustina (1); Araci (1); Belmonte (1); Capim Grosso (1); Feira de Santana (1); Gongogi (2); Ilhéus (3); Ipiaú (1); Itabuna (1); Itagibá (1); Itapé (1); Itapetinga (1); Juazeiro (1); Lauro de Freitas (5), um dos óbitos era residente no Rio de Janeiro; Salvador (24); Uruçuca (2); Utinga (1); Vitória da Conquista (1). Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 12 horas desta quarta-feira (22). Dos casos confirmados, 198 são profissionais de saúde.

O 49º óbito ocorreu ontem (21) em um hospital público da capital. O paciente era um homem de 62 anos, residente em Capim Grosso, com histórico de doença cardiovascular e pneumonia crônica.

A 50ª morte foi de uma mulher de 97 anos, com histórico de hipertensão, Parkinson e Alzheimer. A paciente estava internada desde 17 de abril em um hospital público da capital e veio a falecer ontem (21).

Ao todo, 388 pessoas estão recuperadas e 165 encontram-se internadas, sendo 61 em UTI. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Família de médico rebate informações do secretário Fábio Vilas-Boas

Médico Gilmar Calazans foi receitado por um cardiologista da rede hospitais estaduais, segundo familiares. Foto: Reprodução.

A família do médico Gilmar Calazans, que morreu pela Covid-19 em Ilhéus, na segunda-feira, 20, afirma que ele não se automedicou com cloroquina nem azitromocina, conforme foi divulgado na tarde da terça (21), pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

Segundo a família, Gilmar teve receita médica prescrita por um cardiologista de um dos hospitais da rede estadual.

Além disso, a família da vítima ainda afirmou que, apesar de Gilmar ter diabetes e hipertensão, ele se cuidava bem e os exames cardiovasculares realizados em janeiro deste ano não apresentaram nenhum defeito estrutural ou remodelamento no coração.

Desde o dia 8 de abril, a Sesab autorizou o tratamento com hidroxicloroquina e azitromicina em pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). O uso do medicamento, contudo, é orientado apenas para pacientes internados.

Bares abertos em Castelo Novo desrespeitam o decreto de Marão

Distrito de Castelo Novo.

Em contato com o BG, moradores do distrito de Castelo Novo, zona rural de Ilhéus, reclamam do comportamento de alguns comerciantes da comunidade.

Afirmam que bares não respeitam o decreto do prefeito Mário Alexandre e continuam abertos com aglomerações.

Além disso, o decreto proíbe também o consumo de bebidas alcoólicas em vias públicas, imposição não respeitada por alguns comerciantes de Castelo Novo.

A denúncia afirma que os bares funcionam durante as madrugadas com tabuleiros de dominó. Pessoas que andam a cavalo amarram seus animais próximos aos pontos comerciais.

O barulho gerado impede o descanso dos idosos.

Os moradores afirmam também que entraram em contato com a Polícia Militar, mas não houve retorno.

Governadores do Nordeste vão se reunir com Teich nesta quinta, diz Rui

Rui Costa. Foto : Elói Corrêa/GOVBA.

O governador Rui Costa afirmou hoje (22), em entrevista à RecordTV Itapoan, que os chefes do Executivo dos nove estados do Nordeste vão se reunir amanhã (23) com o novo ministro da Saúde, Nelson Teich, em horário ainda a ser definido. O encontro servirá para discutir e resolver questões levantadas pelos governadores da região, a exemplo das verbas para novas unidades de saúde implantadas em meio da pandemia do coronavírus.

“Uma das questões é o credenciamento das unidades que os estados estão abrindo, até agora não ocorreu. Nós já abrimos sete hospitais aqui na Bahia e o valor que a Bahia recebe não foi alterado, então estamos bancando com recursos próprios todas essas unidades. Agora, com o coronavírus, o ministro anterior [Luiz Henrique Mandetta] sinalizou que seria credenciado e não foi ainda”, disse Rui.

Já em relação ao vale-alimentação para estudantes da rede estadual, o chefe do Executivo explicou que os cartões para ter acesso ao benefício no interior do Estado começam a ser emitidos e entregues pelo Banco do Brasil nesta semana. Desde segunda (20), alunos de 23 cidades podem trocar o vale de R$ 55 por alimentos em unidades da Cesta do Povo e do Assaí.

“Nós vamos fazer esses cartões chegarem a todos os quase 800 mil alunos matriculados na rede estadual. A iniciativa inicial dos supermercados era pela necessidade da urgência, um pedido de muitas famílias. O valor corresponde a um valor da cesta básica. Nós resolvemos entregar pelo cartão para evitar aglomeração dos parentes que vão às unidades buscar o produto”, afirmou.

O governador também informou que o Estado está fazendo esforços para entregar EPIs a profissionais de saúde. Segundo Rui, nesta semana, uma leva de materiais já foi enviada ao interior da Bahia.

Do Metro1.

Morte do médico Gilmar Calazans: Sindimed repudia postura de Fábio Vilas-Boas

Na terça-feira, 21, o Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia  (Sindmed) lançou uma nota de repúdio contra o secretário estadual de saúde, Fábio Vilas-Boas.

Veja a nota na íntegra:

O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia repudia a postura do secretário de saúde do Estado da Bahia Fábio Vilas Boas a respeito da morte do médico Dr. Gilmar Calazans Lima.

De forma intempestiva, sem a menor empatia pelo colega e sem considerar a dor da família, o secretário atingiu a dignidade profissional do Dr. Gilmar ao supor que ele teria desobedecido aos princípios elementares da pesquisa médica, ao se automedicar e fazer uso de Cloroquina.

Exigimos respeito ao colega falecido que foi medicado por profissional dentro do Hospital da Costa do Cacau bem como a sua família, colegas e amigos!

Caixa antecipa pagamento da segunda parcela de auxílio emergencial

Foto: Marcello Casal/Agência Brasil.

Fonte: Agência Brasil

Na quinta-feira (23), trabalhadores informais e pessoas inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais do governo federal (CadÚnico) nascidas em janeiro e fevereiro receberão a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras). A antecipação foi anunciada há pouco pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

Na sexta-feira (24), será a vez de os beneficiários nascidos em março e abril receberem a segunda parcela. No sábado (25), o pagamento será feito aos beneficiários nascidos em maio e junho. Na segunda (27), receberão os nascidos em julho e agosto. Na terça (28), os nascidos em setembro e outubro, e na quarta-feira (29) os nascidos em novembro e dezembro.

Originalmente, o pagamento começaria na próxima segunda-feira (27) para nascidos de janeiro a março. A antecipação não afeta as pessoas inscritas no Bolsa Família, que continuarão a receber no calendário tradicional de pagamento do programa, nos últimos dez dias úteis de abril, de maio e de junho.

Segundo Guimarães, cerca de 5 milhões de brasileiros que ainda não tiveram a primeira parcela liberada receberão o pagamento inicial na quarta-feira (22) e a segunda parcela no dia seguinte.

Balanço

Segundo Guimarães, a Caixa já pagou o auxílio emergencial a mais de 24,2 milhões de brasileiros, num total de R$ 16 bilhões. Mais de 10 milhões de contas poupança digitais foram abertas sem custo. “Nesta semana, vamos pagar a 26,3 milhões de brasileiros. Isso é mais que a população da Austrália, que tem 25 milhões de habitantes”, disse.

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, disse que, até o fim da semana, 42 milhões de pessoas deverão estar recebendo o auxílio emergencial. “Estaremos bancarizando mais de 20 milhões de brasileiros que nunca tiveram conta bancária e dando condições para que o estado brasileiro enxergue aqueles que eram invisíveis e agora são visíveis”, disse. “Nenhum país fez um movimento deste tamanho com tanta segurança, tanta rapidez e atingindo aqueles que verdadeiramente mais precisam.”

O ministro comentou a suspensão, pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), da liminar que permitia a concessão do benefício a pessoas sem Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) ou com o CPF em situação irregular. Segundo Lorenzoni, o CPF é essencial para evitar fraudes no pagamento do auxílio emergencial.

“É importante lembrar que todo o sistema financeiro brasileiro é estruturado em cima dessa informação [o CPF], e é muito importante que pudéssemos manter a exigência. Só com o CPF, evitamos que mais de 70 mil prisioneiros recebessem o recurso que era direcionado para quem não precisa”, disse Lorenzoni.

Valderico Junior elogia a sensibilidade de Lianda Brandão com as crianças em situação vulnerável

Lianda Brandão e Valderico Junior.

“Neste mundo tão desigual e com muitos exemplos que não devem ser repetidos, é muito bom conhecer uma pessoa como Lianda Brandão”, enfatiza Valderico Junior, presidente do DEM-Ilhéus.

Professora e pedagoga comprometida, Lianda em suas falas sempre deixa clara sua enorme preocupação com as crianças à beira da marginalidade. Outra conjuntura triste que lhe sensibiliza muito é a das crianças vítimas de abusos sexuais. “Ninguém nasce para sofrer desse jeito”, lamenta.

Lianda tem 51 anos e quando era adolescente iniciou seu trabalho na educação. Entrou na sala de aula como educadora aos 15 anos e os seus olhos de debutante ficaram maravilhados com a possibilidade de mudar o destino das pessoas.

Ela trabalhou em instituições filantrópicas ligadas à Igreja Católica que ajudam crianças em situação vulnerável. Em Ilhéus, participou do Projeto Sentinela e deu aulas em escolas municipais. Em sua trajetória sempre buscou ter mais atenção com os alunos que apresentavam déficit cognitivo (dificuldade em adquirir conhecimento).

Filiada ao PSDB, Lianda é pré-candidata a vereadora. No legislativo, além da preocupação com a infância, pretende discutir um tema pouco lembrado, mas necessário: a discriminação contra as pessoas que sofrem de fibromialgia. Essa doença gera dores difusas por todo o corpo e quem padece sente com mais intensidade as sensações físicas desagradáveis. Segundo Lianda, várias pessoas que têm são discriminadas como preguiçosas. O diagnóstico não é fácil, pois depende de muitos exames.

Lianda conheceu Valderico Junior quando ele era adolescente. “Era um jovem de astral sempre alto que gostava de música. Hoje ele cresceu, está adulto e é pai de família”.

Na opinião dela, Junior representa a possibilidade de Ilhéus dar uma guinada rumo à transparência, com uma política de projetos duráveis. “Ele tem tudo para dar certo, pois responsabilidade e garra não lhe faltam”, disse com entusiasmo a pré-candidata.

Da ASCOM/DEM-Ilhéus.