Covid-19: Itabuna tem aumento de 5,6% nos casos em 24 horas

Itabuna.

Nesta terça-feira, 12, Itabuna está com 393 casos confirmados, segundo o boletim divulgado de Secretaria Municipal de Saúde.

Ontem, 11, eram 372 casos, o que representa um aumento de 5,6% em 24 horas.

A cidade tem 2.113 casos notificados; 1.355 em monitoramento; 1.262 descartados; 432 aguardando resultado; 96 casos curados; 608 aguardando coleta; 5 internados em UTI; 23 internados em leito clínico e 12 mortes.

Vereador solicita auxílio para taxistas e músicos de Ilhéus

Fabrício Nascimento. Foto: Ascom/Câmara de Ilhéus.

Na sessão desta terça-feira (12), o vereador Fabrício Nascimento protocolou dois projetos de lei relacionados às categorias mais afetadas pela pandemia da Covid-19. Trata-se de projetos que visam fornecer auxílio para complementar a renda de taxistas e músicos do município.

O PL 017/2020 prevê que seja direcionado aos taxistas do município o cachê emergencial. A classe foi bastante afetada com as medidas de isolamento que visam diminuir as aglomerações, maior fonte de renda para a categoria.

Para fazer jus ao recebimento do auxílio, os taxistas ficarão disponíveis para os clientes enquanto receberem o auxílio e durarem os efeitos da pandemia. O valor só será recebido por taxistas de Ilhéus.

Já o PL 016/2020, oferece auxílio semelhante, que será pago aos artistas enquanto permanecer a pandemia, já que esta requer medidas restritivas contra aglomerações, o que impossibilita o funcionamento de bares, restaurantes e casas de show.

Para receber o cachê, os músicos ficarão disponíveis para fazerem shows on-line (lives), que serão transmitidos pelas redes sociais da Prefeitura de Ilhéus e/ou em suas próprias redes. Músicos de outras cidades não terão direito ao benefício, mesmo que tenham realizados shows e eventos em Ilhéus com frequência.

Fabrício Nascimento deseja que os projetos sejam votados o mais rápido possível para que taxistas e músicos possam ser assistidos neste momento.

Taxa de leitos de UTI ocupados na Bahia diminui para 55% nesta terça, 12

Imagem ilustrativa.

A Bahia possui 462 leitos de UTI exclusivos para a Covid-19. Deste total, 255 estavam com pacientes internados, segundo o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde da Bahia publicado nesta terça-feira, 12.

Em relação à estrutura necessária para os casos mais graves, o estado ficou com 55,3% dos leitos de UTI ocupados. Na segunda-feira, 11, a taxa era de 56,3% com 246 pessoas internadas.

Cabe ressaltar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito.

Centro de Atendimento ao Covid-19 é aberto em Uruçuca

Foto: Ascom/Uruçuca.

Uruçuca já conta com uma estrutura para atendimentos de pacientes com suspeita de Covid-19. O Centro de Atendimento Municipal à Covid-19 começou suas atividades nesta terça-feira, 12. O espaço conta com recepção, classificação de risco, consultório médico, sala de procedimento e sala de observação com leitos.

O Prefeito Moacyr Leite Júnior, afirmou que o Centro Segue os protocolos do Ministério da Saúde e será responsável pelo atendimento de casos de Síndromes Gripais (Suspeitos de Covid-19), que estejam com febre, tosse, coriza e dificuldade de respirar. “Os recursos financeiros para abertura da unidade tiveram origem municipal e federal, solicitamos e estamos aguardando a contrapartida Estadual.”, disse Moacyr.

O Prefeito reiterou que toda a gestão está trabalhando com responsabilidade e todos os esforços estão voltados para combater a propagação do vírus no município. Ele pontuou que o Centro de Atendimento vai complementar o serviço que as Unidades de Saúde já vêm fazendo, reorganizando a porta de entrada, oferecendo um atendimento exclusivo para Covid-19. “A administração pública tem se empenhado no enfrentamento contra a Covid-19, mas é importante que cada cidadão também seja consciente e faça a sua parte adotando medidas de prevenção”, pontuou o prefeito Moacyr Leite Junior.

Bahia tem 6.204 confirmações de Covid-19 e 225 mortes

A Bahia registra 6.204 casos confirmados de Covid-19, o que representa 29,91% do total de casos notificados no estado. Considerando o número de 1.644 pacientes recuperados e 225 óbitos, 4.335 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 180 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (71,84%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são Ipiaú (2.485,12), Uruçuca (2.339,30), Ilhéus (1.805,00), Itabuna (1.655,54) e Salvador (1.428,10).

Na Bahia, 643 profissionais da saúde foram confirmados para COVID-19.

O boletim epidemiológico registra 10.864 casos descartados e 20.743 notificações em toda a Bahia. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Taxa de ocupação

Na Bahia, dos 1.090 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para Covid-19, 475 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 44%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 462 leitos exclusivos para o coronavírus, 255 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 55,2%. Cabe ressaltar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

Exames

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) realizou 28.720 exames do tipo RT-PCR, que é o padrão ouro para identificar o genoma viral do coronavírus, no período de 1° de março a 12 de maio de 2020. Atualmente, 2.029 amostras estão em análise laboratorial e os exames são liberados em até 48 horas. (mais…)

Ilhéus tem 326 casos confirmados de Covid-19 nesta terça, 12

Em um mês número de casos em Ilhéus cresce 735%

Ilhéus está com 326 casos confirmados de Covid-19 nesta terça-feira, 12.

A informação está no Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde da Bahia.

Em 24 horas, o número de casos aumentou 5%, subindo de 310 para 326.

Na última terça (05), a cidade estava com 256 casos da doença.

Há um mês o município contava com 39 casos, ou seja, o aumento no número de casos foi de 735%.

TCM denuncia prefeito de Belmonte ao MPE

Janival Andrade, prefeito de Belmonte.

O Tribunal de Contas dos Municípios, em sessão realizada por meio eletrônico nesta terça-feira, 12, julgou procedente os termos de ocorrência lavrados contra  Janival Andrade Borges, gestor do município de Belmonte. Ele foi penalizado em razão de ilegalidades em Pregões Presenciais, por meio dos quais se procedeu a contratação da Fundação Lauro Costa Falcão – acusada de falsificação de documentos públicos – para gestão de unidades médicas e prestação de serviços de saúde. O conselheiro substituto Ronaldo Sant’anna foi o relator dos processos.

Foi determinada a expedição de ofício ao Ministério Público Federal, para conhecimento da decisão da Corte de Contas, bem como elaboração de representação ao Ministério Público Comum Estadual da Bahia, para apurar a prática do crime de falsificação de documento. Além disso, será dado conhecimento da decisão também à Secretaria de Administração do Estado, para se evitar que a fundação firme contrato com outros entes públicos no estado. Os conselheiros do TCM aprovaram como punição, ainda, uma multa de R$20 mil para o prefeito de Belmonte, Janival Andrade.

A sessão também condenou pelo mesmo motivo o prefeito de Umburanas, Roberto Bruno Santos. a ele foi aplicada uma multa de R$10 mil. No caso de Umburanas, a multa foi menor porque o prefeito apresentou defesa – embora sem razão -, ao contrário do prefeito de Belmonte. (mais…)

Ilhéus: Conquista é o bairro com maior número de casos da Covid-19

O bairro Conquista visto por cima. Foto: José Nazal.

De acordo com o mapeamento realizado pela Prefeitura de Ilhéus, o maior número de casos da Covid-19 está na área central da cidade.

As informações atestam que dos 310 casos apresentados na segunda-feira, 11, oitenta e seis estão na zona central, o que representa 27,74% dos casos.

A Conquista é o bairro com o maior índice de pessoas infectadas pela doença (56 até o momento). É no bairro que está localizado o Abrigo São Vicente de Paulo, instituição que cuida de idosos e que está enfrentando problemas por conta da doença. Até o dia 08 de maio, 21 idosos foram diagnosticados com a doença.

Em segundo está o Malhado com 24 e em terceiro o Teotônio Vilela com 23.

Os distritos de Banco do Pedro, Castelo Novo e Sambaituba são as localidades que possuem números menores da doença, cada distrito com apenas um caso.

Mapeamento realizado em Ilhéus.

Cada enfermeira (o) que luta contra o novo coronavírus revive o heroismo de Florence Nightingale

Quem nunca enxergou esse trabalho com atenção – e hoje precisa dos enfermeiros – descobre o valor dessa ciência.

Por Valderico Junior.

É possível que você esteja se perguntando: quem foi Florence Nightingale? Ninguém menos do que a precursora da Enfermagem Moderna. Em 1854, o trabalho da sua equipe no hospital de campanha da Guerra da Crimeia ganhou repercussão mundial. Neste ano, a Enfermagem comemora o bicentenário do seu nascimento, e a Organização Mundial de Saúde elegeu 2020 o Ano Internacional da Enfermagem.

Se pudesse ver a guerra do nosso tempo, Florence estaria orgulhosa dos que estão na frente de batalha contra a Covid-19. Na Crimeia, enquanto ajudava a salvar vidas, Florence contraiu febre tifoide. Hoje, seus colegas também se expõem ao risco de contágio na luta pela sobrevivência dos pacientes.

Na época de Florence, os hospitais tinham práticas de higiene precárias. Pacientes nem tomavam banho. Foi a enfermeira inglesa quem difundiu os hábitos de higienização que hoje nos parecem básicos, como lavar as mãos, por exemplo. Hoje, também nos defendemos assim contra o novo coronavírus.

Depois da Guerra da Crimeia, a Enfermagem nunca mais foi a mesma. Na nossa guerra contra o vírus, percebo outra grande mudança em curso. Quem nunca enxergou esse trabalho com atenção – e hoje precisa dos enfermeiros – descobre o valor dessa ciência.

Manifesto aqui o meu respeito por todos os profissionais de Enfermagem. Vocês são essenciais!

Valderico Junior é empresário e presidente do partido Democratas em Ilhéus.

Faculdade cria projeto on-line com prática de exercícios físicos domésticos diários


Ficar em casa não é sinônimo de ficar parado. Manter o equilíbrio da saúde física e mental tem sido um desafio para as pessoas que estão vivendo o distanciamento social, visando evitar a propagação do novo coronavírus. Diante deste desafio o fisioterapeuta Renato Barreto, professor do curso de Fisioterapia da Faculdade Madre Thaís (FMT-Ilhéus), criou uma série vídeos diários com orientações e exercícios para serem feitos no conforto de casa, todos os dias.

O projeto de extensão “Movimentar é preciso” surgiu durante a pandemia da COVID-19 com o objetivo de sensibilizar e educar a sociedade sobre a prática de exercícios físicos em domicílio on-line.

Todos os dias, de domingo a domingo, é postado um vídeo, de um minuto, no story do Instagram do projeto (@movimentarepreciso), onde ficam arquivados para quem queira acessar.

Os vídeos trazem temáticas semanais onde são ensinados exercícios compatíveis com o distanciamento social abordando temas como: melhorar a respiração, a circulação, previsão de quedas, equilíbrio relaxamento etc. O projeto surgiu da necessidade de assistir o grupo de risco de idosos. Contudo, foi ampliado para favorecer todas as faixas etárias.

O projeto de extensão é parte da disciplina “Fisioterapia, gerontologia e geriatria”, do 8º semestre noturno do curso de Fisioterapia da FMT. O professor Renato coordena o projeto, que atualmente conta com a adesão de professores de várias disciplinas do curso.

“Cada professor, em sua disciplina, coordena a sua turma para que possamos atender aos diversos públicos e as necessidades da sociedade, tais como: questões cardíacas, respiratórias, ortopédicas saúde da mulher, saúde do homem. Todos os dias é postado um vídeo, por cada participante, em seu story pessoal e no perfil do Projeto, com um exercício possível de ser feito em casa”, conclui o professor Renato Barreto.

Bahia: taxa de isolamento diminuiu para 42,6% na segunda, 11

Foto: Tomaz Silva/EBC.

A Plataforma Inloco revelou que na última segunda, 11, o índice de isolamento social na Bahia chegou a 42,6%.  No domingo, 10, o estado estava com 47,6%.

Ontem a Bahia ficou na 15ª posição do ranking e no domingo o estado estava na 11ª.

Em primeiro lugar com 51,32% está o Pará. O Amapá ocupou o segundo lugar com 50,42% e em terceiro, Ceará, com 50,34%.

Ocupando as últimas posições deste ranking ficaram os estados de Mato Grosso com 37,91%, Goiás com 37,49% e Tocantins com 36,95% .

“Ministério da Educação precisa adiar o Enem ”, defende o secretário Jerônimo Rodrigues

Jerônimo Rodrigues, secretário de Educação da Bahia.

A realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2020, um ano marcado pela pandemia do novo Coronavírus, é duramente criticada pelo secretário da Educação do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues. Para o secretário, manter as provas, cujas inscrições foram abertas na segunda-feira (11) e seguem até 22 de maio, é uma “decisão autoritária e equivocada do Ministério da Educação”. O secretário já oficiou o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep/MEC), solicitando o adiamento do Enem para 2021, pós-pandemia, para uma nova data a ser dialogada com estudantes e secretários estaduais de Educação.

“Realizar o Enem em ano de pandemia é um erro grave do MEC. É desconsiderar a realidade social da maioria dos estudantes. A Secretaria da Educação está disponibilizando conteúdos, mas a situação é mais difícil para aqueles que moram em áreas remotas, na zona rural, nos quilombos, nos distritos e até mesmo nas periferias dos municípios, por não terem acesso à internet”, ponderou Jerônimo Rodrigues.

Para o secretário, as condições de acesso ao Ensino Superior devem ser asseguradas para todos e que a realização do Enem, neste contexto, exclui ainda mais os menos favorecidos. “Adotaremos todas as medidas necessárias para tentar adiar a realização do Enem. Já conversamos com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e com o próprio Inep sobre o adiamento. Entretanto, as inscrições já estão abertas. Então, a nossa obrigação é assegurar que os estudantes baianos estejam inscritos, enquanto tentamos mudar essa decisão”, ressaltou Jerônimo Rodrigues, ao orientar as escolas a abrirem para o apoio aos estudantes que não têm acesso a computadores e à internet para que façam suas inscrições.

Por isso, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia elaborou orientações sanitárias e de logística para as escolas atenderem aos estudantes. O documento está disponível no Portal da Educação e também está sendo enviado para todas os Núcleos Territoriais de Educação (NTE) e os gestores escolares. Segundo Jerônimo Rodrigues, 138 mil estudantes da rede estadual de ensino na Bahia devem fazer o Enem e destacou como fundamental a parceria com as prefeituras, os secretários municipais de Educação, o movimento estudantil e a imprensa para garantir que um maior número de estudantes faça a inscrição para o exame.

Ilhéus: após ficar 20 dias na UTI, idosa com 63 anos se recupera da Covid-19 e recebe alta

Idosa com 63 anos se recupera da Covid-19 e recebe alta em Ilhéus — Foto: Reprodução/Sesab.

Uma idosa de 63 anos recebeu alta médica na segunda-feira (11), no Hospital de Ilhéus  após se recuperar da Covid-19.

Maria Amorim, que mora na cidade de Gandu, passou 25 dias internadas na unidade médica, sendo que 20 deles na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

A idosa recebeu uma homenagem dos funcionários e deixou a unidade médica sob música e fileira com balões de corações.

Do G1 Bahia.

MEC anuncia datas de inscrição do Sisu, ProUni e Fies

O ministro da Educação, Abraham Weintraub. Marcelo Camargo/Agência Brasil.

Fonte: Agência Brasil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou ontem (11) no Twitter as datas de inscrição nos processos seletivos do segundo semestre de 2020 que utilizam o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como forma de ingresso no ensino superior.

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) poderão ser feitas entre 16 e 19 de junho. O Sisu seleciona estudantes para vagas em instituições públicas de ensino superior em todo o país.

Já as inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) serão de 23 a 26 de junho. O programa seleciona estudantes para bolsas em instituições privadas de ensino superior. As bolsas variam de acordo com a renda dos candidatos e podem ser parciais, de 50% da mensalidade, ou integrais, de 100%.

Para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), as inscrições serão de 30 de junho a 3 de julho. O Fies oferece financiamento a condições mais favoráveis que as de mercado para que estudantes paguem cursos em instituições privadas de ensino superior.

Em todos esses processos seletivos, o candidato pode usar a nota do Enem 2019. Ao todo, cerca de 3,9 milhões de estudantes fizeram o exame no ano passado.