Durante live, Jabes anuncia biografia, chama Mário Alexandre de ‘atrasado’ e diz não ter condições de ser candidato

Ex-prefeito Jabes Ribeiro. (Imagem: Reprodução\Instagram)

Na noite dessa segunda-feira, 25, o ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, participou de uma live no Instagram promovida pelo site Ilhéus Eventos. Jabes aproveitou a oportunidade para anunciar que está finalizando um livro autobiográfico, com histórias de sua vida pública, incluindo os bastidores das últimas eleições municipais.

Também na live, Jabes chamou o atual prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, de ‘atrasado’. “Mário chega sempre atrasado, quando já existe o problema. Se fosse jogador, chegaria sempre depois na bola”, comparou. Nesse momento, o ex-prefeito comentava a situação de Ilhéus durante a pandemia do novo coronavírus. “O comércio não sofreria tanto se medidas fossem tomadas logo”, acrescentou. Para Jabes, Mário Alexandre demorou a tomar medidas para evitar as contaminações no município.

Ainda criticando a atual gestão, o ex-prefeito disse que Mário Alexandre não estava preparado para assumir o cargo de prefeito, pois “ganhou [as eleições] sem imaginar que iria ganhar”.

Sobre as próximas eleições, Jabes afirmou que não irá se candidatar. “Não tenho mais condições”, citando alguns problemas de saúde enfrentados por ele, como perda parcial da visão do olho esquerdo e um câncer. O ex-prefeito, no entanto, usou o espaço para apoiar o nome do empresário Cacá Colchões, o qual se referiu também como “jovem carregador de colchão”.

Jabes Ribeiro também disse que se trata de especulação a informação de que seria o vice numa possível chapa ao governo da Bahia em 2022, ao lado do senador Jaques Wagner (PT).



4 responses to “Durante live, Jabes anuncia biografia, chama Mário Alexandre de ‘atrasado’ e diz não ter condições de ser candidato

  1. Que cara de pau desse Jabes Ribeiro! A gestão dele e de Cacá foi péssima, um caos, não deixaram nenhum legado! E agora, critica o prefeito Mário Alexandre, que vem dando um show na atual gestão! Toma vergonha, Jabes Ribeiro!

  2. Infelizmente o ex-prefeito tem razão. Além da incompetência, o atual prefeito não tem visão nem, tampouco, tem capacidade de fazer qualquer leitura sobre a autonomia do município. Achou que se entregando de corpo e alma ao atual governador poderia ser salvo, diante de uma crise das finanças públicas. Será lamentável se retornar. São Jorge salve Ilhéus.

  3. Não fez história tampouco entrou para a história de Ilhéus porque optou pelo continuísmo falacioso da politica para si e seus detestados seguidores, onde se inclui com destaque o “Moshe”, seu “Richelieu”, primeiro ministro e guarda. Poderia ter-se destacado como uma das maiores lideranças regionais no âmbito político e da administração pública, mas cuidou apenas dos próprios interesses e carreirismo. Ilhéus estagnou no jabismo e quebrou a cara. Mas sem rancores ou mágoas, desejo melhoras e plena recuperação da sua saúde. Quanto às suas memórias, não tenho motivo nenhum para lê-las, já assisti esse filme à exaustão e detestei. Saúde, paz, felicidade. Allahuakbar

  4. Gostem ou não , o maior líder da história mais recente de Ilhéus. Respeitado em todo o Estado como grande articulador. A oposição morre de inveja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *