Salvador: antes de morrer de Covid-19, jovem mandou áudio: ‘Vão desligar os aparelhos’

Leandro Santos Azevedo.

Um jovem, de 19 anos, identificado como Leandro Santos Azevedo, morreu vítima do novo coronavírus no dia (30) de Junho, em Salvador (veja aqui). Antes de falecer, Leandro Santos enviou um áudio para a família fazendo uma grave denúncia.

Na mensagem, o jovem afirmou que a equipe médica estava querendo desligar os aparelhos, após entubá-lo e todos ficaram aterrorizados.

O rapaz foi internado no Hospital de Campanha do Wet’n Wild, na Capital baiana e a família revela que o jovem testou positivo somente um dia antes de vir a óbito. De acordo com as informações, o jovem estava sendo preparado para ser entubado quando enviou uma mensagem para os familiares fazendo a denúncia.

O áudio revela que o jovem estava bastante assustado e que os médicos estavam só esperando entubá-lo para desligarem os aparelhos que o mantinham vivo. “Eles vão me entubar todo aqui, véi. Vão desligar o aparelho. Venha aqui amanhã“, implorou o rapaz no áudio.

A namorada de Leandro, Talyta Fernandes, recebeu a mensagem e entrou em pânico. Ela contou que estava trocando mensagens com o namorado quando recebeu esta denúncia. Talyta questionou se ele já estava entubado, mas Leandro disse que ainda não e pediu para ela ir ao hospital no dia seguinte, mas que estava se sentindo bem melhor.

Segundo o portal G1, a Secretaria Municipal de Saúde alegou que a decisão da entubação foi porque o quadro do paciente piorou. No comunicado feito em nota, a SMS explicou que uma equipe técnica que é responsável por fiscalizar os atendimentos ofertados à população por empresas terceirizadas estará apurando os fatos para saber o que realmente aconteceu.

Assista:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *