Cláudio Humberto defende extinção de vereadores na maioria das cidades

Cláudio Humberto. Imagem extraída de vídeo.

Segundo o jornalista Cláudio Humberto, comentarista da rádio Bandeirantes de São Paulo, o Brasil precisa de uma reforma administrativa radical que elimine penduricalhos dos vencimentos dos servidores federais que ganham próximo do teto salarial.

O teto salarial é um valor estabelecido por lei que limita a quantidade de renda que uma pessoa que ocupa um cargo público pode ganhar. No caso do servidor público federal, o teto é de R$ 39,2 mil.

O jornalista alagoano também defende a extinção dos vereadores na maioria das cidades. Na visão dele, os vereadores custam caro aos contribuintes e não entregam à sociedade o que a função exige. Ou seja, não fiscalizam o executivo municipal e não trazem benefícios ao cotidiano das comunidades.

“O vereador, hoje no Brasil, serve para tirar dinheiro de prefeitos e de empresas que fornecem produtos e serviços às prefeituras”, disparou Cláudio Humberto na manhã desta segunda-feira (3). O jornalista defende que apenas cidades com população acima de um milhão de habitantes tenham vereadores.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *