Veja quem vai sair e quem vai ficar na Câmara de Ilhéus; comparamos as votações de cada vereador nas eleições de 2016 e 2020

Os reeleitos.

Jerbson Moraes.

Jerbson Moraes (PSD)  conquistou 1070 votos em 2016. Em 2020, ampliou a aceitação e conquistou 1512, sendo o mais votado.

 

César Porto.

César Porto (PSB) conquistou 1176 votos em 2016. Em 2020, como atual presidente da Câmara Municipal, subiu para 1415.

Ivo Evangelista.

Ivo Evangelista (Republicanos) teve 1544 votos em 2016. Em 2020 caiu para 1250, mesmo assim foi reeleito.

Nerival.

Nerival (PSL) teve 1008 votos em 2016. Após deixar o PC do B e migrar para o PSL que abrigou Bolsonaro, conseguiu crescer a votação para 1237.

Paulo Carqueija.

Paulo Carqueija (PSD) teve 1524 em 2016. Em 2020 caiu para 1236 e, mesmo assim, foi reeleito.

Augustão.

Augustão (PT) conquistou 900 votos em 2016 e ficou como 1º suplente. Com o afastamento do vereador Lukas Paiva em junho de 2020, ele assumiu a vaga. Cresceu a votação para 1218 e será titular da vaga.

Aldemir Almeida (PP).

Dr Aldemir (PP) conquistou 1799 votos em 2016. Na eleição posterior diminuiu para 1178 e, mesmo assim, foi reeleito.

Fabrício Nascimento.

Fabrício Nascimento (PSB) conquistou 926 votos em 2016. Na eleição de 2020 cresceu para 1151.

Nino Valverde.

Nino Valverde (Podemos) teve 1019 votos em 2016. Na eleição posterior caiu para 864, mas foi reeleito.

Abraão.

Abraão (PDT) teve 1483 votos em 2016. Na eleição de 2020 caiu bastante, conquistou 719 e, mesmo assim, foi reeleito.

 

Quem não foi reeleito.

Luiz Carlos “Escuta”.

 

Luiz Carlos “Escuta” (PSD) teve 1148 votos em 2016 e ficou na 1º suplência. Assumiu o mandato em 2017, após o afastamento do vereador Jamil Ocké. Em 2020 caiu para 1044 e será 1º suplente.

 

Vereador Pastor Matos.

 

Pastor Matos (PSD) teve 1077 votos em 2016. Em 2020 caiu para 826 e será 3º suplente.

Tarcísio Paixão.

Tarcísio Paixão (PP) teve 1699 votos em 2016. Acusado pelo MP-BA de formar um grupo que desviou recursos do legislativo municipal, sofreu forte desgaste e teve 749 votos. Será 1º suplente.

Makrisi Angeli.

Makrisi Angeli (PT) teve 1162 votos em 2016. Sofreu com a tradição do bairro Teotônio Vilela de não reeleger vereador e caiu para 722 votos. Será 1º suplente.

Juarez.

Juarez Barbosa (PSB) teve 1981 votos em 2016. Caiu drasticamente para 603 votos nas eleições de 2020. Será 2º suplente.

Paulo Meio Quilo.

Paulo Meio Quilo (DEM) teve 874 votos em 2016. Caiu para 541 em 2020. Será 3º suplente.

Gil Gomes.

Gil Gomes (PSL) teve 746 votos em 2016. Em 2020 caiu para 501. Ficará na 5ª suplência.

Ery Bar (PSD) teve 1008 votos em 2016. Em 2020 caiu para 966 e será 2º suplente.

 

Observação: o vereador Thadeu Muniz não concorreu à reeleição. 

 



3 responses to “Veja quem vai sair e quem vai ficar na Câmara de Ilhéus; comparamos as votações de cada vereador nas eleições de 2016 e 2020

  1. Com tantas novas opções as pessoas permanecem com os mesmos ao invés de dar a chance a outros. Não entendo a população de Ilhéus. Não pensão em evoluir? Evolução, melhoria é sinônimo de mudança! Mais uns anos os mesmos mamando no dinheiro público! Sem nada fazer pela população. Parabéns Ilheenses! Cada povo tem o governo que merece

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *