Aprovada reforma administrativa para nova gestão em Itabuna

Foto: Ascom/Câmara de Itabuna.

Já passou pelo crivo da Câmara de Vereadores, com aposição de emendas, a reforma administrativa que conduzirá o Executivo a partir do dia 1º de janeiro de 2021, em Itabuna. A nova gestão começará com 14 secretarias, além da Procuradoria e Controladoria, mais os órgãos da administração indireta e fundacional, também integrantes da estrutura do município.

Como novas peças na administração direta, a recriação da Secretaria de Esporte e Lazer; a criação das pastas de Relações Institucionais e Gestão e Inovação. A esfera da assistência aos menos favorecidos ficará a cargo da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza.

Em termos de subdivisões em cada setor, percebe-se que o mais extenso é a Secretaria de Saúde. Entre tais desmembramentos, setores como Auditoria da Saúde; Divisão de Projetos, Captação de Recursos e Pesquisa; Divisão de Regulação de Internação e Divisão de Regulação de Consultas e Exames.

Pareceres e composição

Os relatores do projeto foram os edis Chico Reis (PL), pela Comissão de Legislação, e Ronaldo Geraldo (PL), pela Comissão de Finanças. Este último ressaltou o papel do Legislativo na apresentação de projetos, bem como na apreciação daqueles oriundos do Executivo. “O desenvolvimento de Itabuna passa por esta Casa; ela está cumprindo tudo que é necessário para a cidade voltar a crescer”, destacou Ronaldão.

O vereador Enderson Bruno dos Santos (Guinho)/Cidadania, já diplomado vice-prefeito, agradeceu aos pares pela aprovação da reforma e ao prefeito Fernando Gomes pelo envio da proposta a tempo de ser aprovada nesta legislatura. De igual modo, manifestou gratidão ao colega Júnior Brandão (Rede) “pela dedicação no trabalho durante a transição de governo”.

A administração direta ficará assim composta: Gabinetes do prefeito e do vice-prefeito; Secretaria de Governo; Secretaria de Relações Institucionais e Comunicação; Controladoria Geral; Procuradoria Geral; Secretaria de Planejamento; Secretaria da Fazenda e Orçamento; Secretaria de Gestão e Inovação; Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo; Secretaria da Educação; Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza; Secretaria de Saúde; Secretaria de Transporte e Trânsito; Secretaria de Segurança e Ordem Pública; Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente; Secretaria de Indústria, Comércio, Emprego e Renda; Secretaria de Esportes e Lazer.

A administração indireta segue representada pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC); Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (FASI); Fundação Marimbeta; Empresa Municipal de Águas e Saneamento S.A. – EMASA e Agência de Regulação, Controle e Fiscalização dos Serviços Públicos (ARSEPI).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *