Absurdo. Governo Marão deixa Centro de Covid-19 e hospital de campanha sem água

Trabalhadores da saúde que atuam no Centro de Covid-19 de Ilhéus reclamam da falta de água.

O espaço abrigado no Centro de Convenções tem 20 leitos de UTI exclusivos para tratamento da doença (hospital de campanha), mas está sem o líquido essencial há 60 horas.

Não há água para higienizar as mãos, limpeza dos pacientes, suas acomodações e demais procedimentos de assepsia.

Uma bomba apresentou defeito e até o momento a Prefeitura de Ilhéus não fez o reparo.

O BG manteve contato com a Secom-Ilhéus que se comprometeu a apurar a informação. Fora isso, o BG não recebeu retorno até a publicação.

Atualizado às 12h03min.

Nota da SECOM-Ilhéus.

“A bomba de água do Centro de Convenções, onde está instalado o hospital de campanha do Centro Covid-19, quebrou na noite de ontem. Foram realizados dois abastecimentos emergenciais de água com a atuação do Corpo de Bombeiros, sendo um na noite de ontem e o outro que acontece na manhã desta quinta-feira, 1º. O município de Ilhéus já realizou o conserto da bomba e a mesma estará em plena atividade ainda durante o dia de hoje, com o fornecimento regular de água na unidade hospitalar”.

BG mantém a informação.

Com base em relatos de funcionários do Centro de Covid-19, podemos afirmar que a Prefeitura de Ilhéus mente. A falta de água ocorreu durante 60 horas e na manhã desta quinta-feira (1) as torneiras permaneciam secas.



One response to “Absurdo. Governo Marão deixa Centro de Covid-19 e hospital de campanha sem água

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *