WAGNER VISITA CAMAÇARI

O governador da Bahia, Jaques Wagner, esteve nesta quinta-feira (05), em Camaçari e relembrou que a cidade é a sua terra natal em relação à política.

Diante de aproximadamente cinco mil pessoas, o governador citou as obras realizadas no município e região, principalmente nas áreas de educação e saúde, além de mobilizar a militância em prol da candidatura de Dilma Roussef, dos candidatos ao senado, Lídice da Mata e Walter Pinheiro e a sua própria reeleição.

EIKE BATISTA E OS GOLFINHOS DE SANTA CATARINA

De acordo com a revista Exame, o empresário Eike Batista – o homem mais rico do Brasil – vive um impasse devido a implantação de um novo projeto. O investimento pretende construir um estaleiro da OSX, na região de Biguaçu, em Santa Catarina, para a prestação de serviços navais à indústria do petróleo.

A pedra no sapato de Eike são os ambientalistas do local, que estão preocupados com o destino de aproximadamente 60 golfinhos que vivem na região. A oposição foi tamanha que a Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, teve que intervir, criando um grupo de trabalho para administrar o licenciamento do projeto.

Vale ressaltar que as ações da OSX caíram 32%. “Essa queda está diretamente ligada às dificuldades com o licenciamento”, afirmou Subho Daripa, analista do banco Morgan Stanley, que acompanha o processo.

CONHEÇA DADO, O MENINO CITADO POR MARINA NO DEBATE

Do Terra.

A candidata do PV à presidência da República, Marina Silva, finalizou sua participação no debate promovido pela Rede Bandeirantes nesta sexta-feira (6), recitando um poema em homenagem ao menino Edvaldo, conhecido como Dado, de 6 anos. Marina conheceu Dado no último domingo (1), durante uma visita à comunidade do Coque, um dos bairros mais violentos e pobres do Recife. A candidata do PV à presidência chorou quando o garoto puxou um coro de crianças com a música “Coração de estudante”.

“Havia um pequeno dado jogado por sobre a mesa. Ali nada era certeza, tudo era interrogar. Mas, para minha surpresa, na forma de um colosso. Dado era de carne e osso e sabia até cantar. Dado, meu pequeno Dado jogado. Que Plínio, Dilma, Serra ou Marina ajudem a mudar a cena de tantos dados jogados.”, dizia o poema de Marina.

“O ROCK NACIONAL DOS ANOS 80 REPRESENTOU UMA RUPTURA”

Professor André Rosa.

Afirmação de André Rosa, professor da UESC e doutor em História, durante o “Improviso, Oxente” realizado nesta quarta-feira (04), na Casa dos Artistas de Ilhéus.

O historiador discorreu sobre o rock nacional no contexto dos anos 80, que na sua visão, rompeu com alguns paradigmas, uma vez que trouxe músicas com letras de fácil assimilação, porém, contextualizadas com o momento político e social vivido pelo Brasil na época (redemocratização).

As bandas formadas por jovens, em sua maioria, da classe média, com suas letras atingiram os mais variados públicos, ricos e pobres. Os vocalistas cantavam em português, ressaltando o discurso da juventude, que já não se sentia representado pelas canções rebuscadas dos ídolos da MPB.

André citou a música “Inútil” da banda paulista “Ultraje a Rigor”, que na sua letra menciona fatos que marcaram os anos 80, como por exemplo, a não aprovação da emenda Dante de Oliveira (Diretas Já), pelo congresso nacional, em 1984. “O fato nos impossibilitou de eleger o presidente da república através do voto direto”.

A banda Meu Amor e Uns Centavos animou o evento.

A trilha sonora do bate-papo ficou por conta do grupo “Meu Amor e Uns Centavos”, que interpretou músicas da época mescladas com o próprio repertório.

Na próxima quarta-feira (11), às 19:00 horas, o “Improviso, Oxente”, com a temática “proseando em roquemroll”, trará o professor e historiador Marcelo Henrique Dias, que debaterá com os participantes, a importância dos festivais nos anos 60.

SUBSOLO BAIANO SERÁ MAPEADO

Foi iniciado, no dia 21 de julho, pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM), dois novos Levantamentos Aerogeofísicos no Estado, para o mapeamento do subsolo das regiões entre Ipirá – Ilhéus e Porto Seguro – Caravelas.

Aproximadamente 109 municípios serão visitados, onde aviões sobrevoarão as localidades em uma altura mínima.

Tais levantamentos visam descobrir novas jazidas minerais na área. O trabalho será finalizado em 2011.

LÚCIO VIEIRA LIMA FALA SOBRE O CENÁRIO POLÍTICO BAIANO

Em entrevista ao site AcheiBrumado, o candidato a deputado federal, Lúcio Vieira Lima (PMDB), falou sobre o cenário político baiano.

Segundo Lúcio, o governo atual muito fala e pouco faz. “Por isso que as pesquisas mostram que o Governador anda patinando nos 40%, essa propaganda não sustenta o engodo desse governo. Prova disso são os bons governadores do pais, que estão bem avaliados e com mais de 50 e 60% nas pesquisas”, afirmou.

“A grande parceria de Lula, Geddel e Dilma trouxeram inúmeros benefícios para a Bahia”, disse, confiante no crescimento da campanha de Geddel para governador.

ESCOLA ATIVA ATENDE A 160 MIL ESTUDANTES BAIANOS

O programa Escola Ativa é uma iniciativa do Ministério da Educação, em parceria com a Secretaria da Educação do Estado da Bahia, específico para a zona rural e classes multisseriadas.

Na Escola Municipal São Francisco de Assis, na zona rural de Simões Filho, estudantes da 1ª a 4ª série – cerca de 160 mil alunos – dividem o mesmo espaço e se ajudam no processo ensino-aprendizagem.

“Voltado à população do campo, o programa Escola Ativa realmente está fazendo uma revolução na Bahia, o estado que tem a maior população rural do país” afirma Lindomar Araújo, coordenador de Educação no Campo da Secretaria da Educação.

O projeto também busca interagir o aluno com a cultura do campo, realizando atividades práticas de plantação e cultivo, por exemplo, o que possibilita um currículo dinâmico e contextualizado.

PLANO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL AMPLIA O NÚMERO DE VAGAS

O Plano de Educação Profissional da Bahia, que visa iniciar uma política pública de educação profissionalizante para jovens e adolescentes, ampliou em mais de dez vezes o número de vagas. Cerca de 40 mil vagas foram distribuídas entre os 69 cursos da rede pública estadual.

Atualmente, 140 unidades de ensino estão sendo atendidas em 104 municípios baianos.

Os interessados nos cursos técnicos poderão se inscrever no site da Secretaria Estadual de Educação.

O Plano objetiva contemplar projetos específicos para populações excluídas, como os quilombolas, os povos indígenas, agricultores familiares, trabalhadores domésticos e apenados.

O FIM DO TIRO DE GUERRA DE ILHÉUS

Um ouvinte do Programa Alerta Geral da Rádio Santa Cruz denunciou que o Tiro de Guerra de Ilhéus – há 64 anos formando soldados – poderá ser extinto, pois a prefeitura não está repassando R$ 1.200 mensais, destinados à manutenção. O convênio entre prefeitura e exército foi firmado há muitos anos, e desde novembro de 2009, na administração de Newton Lima, o município não vem honrando.

O governo municipal tem um prazo até dezembro deste ano para regularizar a situação. Caso isso não aconteça, o Tiro de Guerra de Ilhéus encerrará, de vez, suas atividades.

SALOBRINHO SERÁ PALCO DE PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS UNIVERSITÁRIAS

Acontecerá entre os dias 20 e 21 de agosto, a 1ª MUSA – Mostra Universitária Salobrinho de Audiovisual, em Ilhéus. O evento – que será realizado pela NÚPROART e a Panorâmica Produções – visa a implantação de um espaço na região para debates e produções audiovisuais universitárias baianas.

A mostra acontece na Quadra Poliesportiva Jaques Wagner, na Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC.

(mais…)

APENAS 11% DOS BRASILEIROS DIZEM CONFIAR NOS POLÍTICOS

Com informações do Sudoeste na Rede.

De acordo com uma pesquisa realizada pela empresa GfK, apenas 11% dos entrevistados afirmaram confiar nos políticos brasileiros.

A pesquisa mediu o nível de confiança da população em profissões e organizações no Brasil, em alguns países da Europa, nos EUA, na Colômbia e na Índia. Cerca de mil pessoas foram ouvidas no país.

Os bombeiros foram os profissionais mais confiáveis, tendo 98% das menções no Brasil. Os carteiros ocuparam o 2° lugar no ranking. Os professores e os médicos empataram no 3° lugar, com 87%.

CIENTISTA POLÍTICO DIZ QUE VOTO DE OPINIÃO ESTÁ ESCASSO

Bete Wagner e Paulo Fábio.

O cientista político, Paulo Fábio, afirmou – ao participar da inauguração do comitê político de Bete Wagner (PV), candidata da deputada estadual – que atualmente ocorre uma extrema escassez da opinião de voto, transferindo-se para as campanhas majoritárias.

Para ele, “poucos candidatos têm a capacidade de enfrentar essa lógica, a de que a falta de opinião é que gerou os políticos profissionais”.

“PROSEANDO EM ROQUEMROLL” NA CASA DOS ARTISTAS

“Proseando em Roquemroll” será a temática dos debates do Improviso, Oxente, durante o mês de agosto na Casa dos Artistas de Ilhéus.

Nesta quarta-feira (04), às 19:00 horas, André Rosa, professor doutor em história, da UESC, discutirá o rock no contexto dos anos 80, período em que o Brasil foi redemocratizado, após uma longa ditadura militar.

O Improviso terá a participação da banda Meu Amor e Uns Centavos. A Casa dos Artistas fica na rua Jorge Amado, nº 96, Centro de Ilhéus.

DILMA LIDERA NO NORDESTE. SAIBA POR QUÊ

Do jornal O Globo.

Entre 2003 e 2009, o Nordeste cresceu proporcionalmente mais do que a economia nacional, e sobreviveu à crise econômica mundial com melhor desempenho do que o país como um todo. É o que revela o Boletim Regional do Banco Central divulgado nesta terça-feira em Recife. De acordo com o documento, naquele período, o Brasil cresceu 28% enquanto o Nordeste registrou expansão de 30%. Já nos últimos doze meses estudados – de maio de 2009 a maio de 2010 – a economia brasileira decresceu 0,2%, mas a nordestina cresceu 2,6%. Os números foram apresentados pelo diretor de Políticas Econômicas do BC, Carlos Hamilton Araújo.

No último trimestre, no entanto, com a recuperação da economia, as diferenças estão menores. O Brasil cresceu 9% no último trimestre, quando comparado a igual período de 2009. Enquanto na região, o crescimento registrado foi de 9,6%. Mas, de acordo com prognósticos feitos pelo Banco do Nordeste do Brasil, em 2010, a região poderá ter níveis de crescimento menores do que o país. O BNB estima para o Nordeste 6,9% de expansão, contra os 7,3% projetados pelo BC para o Brasil.

(mais…)