Sinebahia Ilhéus tem 5 vagas de trabalho nessa terça-feira

Há uma vaga para técnico em edificações.

Confira abaixo as vagas de emprego disponíveis nessa terça-feira, 10 de setembro, na agência do Sinebahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9. Para que não ocorram dúvidas sobre a existência das vagas, confira neste link a lista enviada por Érico Fontes, coordenador do Sinebahia Ilhéus.

MONITOR DE SISTEMAS ELÉTRICOS DE SEGURANÇA EXTERNO
Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho na área de alarmes e rastreamento
01 VAGA

EMPREGADA DOMÉSTICA
Ensino Fundamental Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Disponibilidade para residir No local
01 VAGA 

CHEFE DE COZINHA

Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
01 VAGA 

(mais…)

Faculdade Madre Thaís comemora o Dia do Administrador

O curso de Administração da Faculdade Madre Thaís (FMT-Ilhéus) comemora o “Dia do Administrador” celebrado no Brasil em 9 de setembro. Serão realizadas palestras com Volney Fernandes e Alexandre Regis Cunha, e a Feira do Empreendedor, pelos alunos do oitavo semestre do curso.

O evento será realizado no auditório Cid Gesteira, na sede da FMT-Ilhéus, na Avenida Itabuna, 1491, Gabriela Center. A programação terá inicio às 18h30min e a primeira palestra, “A novidade é fazer!”, será apresentada por Volney Fernandes seguido da abordagem sobre o tema “Competências para um mundo 4.0” com Alexandre Regis Cunha.

O Curso de Administração foi o primeiro autorizado pelo Ministério da Educação para FMT-Ilhéus, através Portaria Ministerial nº 2.716, de 03/10/2004. Atualmente é coordenado pela Profª Ms Elba Karla Leão Silva, com turmas matutinas e noturnas.

“O Administrador é o profissional capaz de sistematizar práticas para gerir uma instituição. Ele é responsável por planejar estratégias, acompanhar o desempenho das atividades, gerenciar os recursos humanos, materiais e financeiros de uma instituição. É função do profissional ainda desenvolver estratégias de mercado em nível de concorrência,” explica a professora Elba Karla.

“Entre as habilidades de um Administrador é possível destacar o dinamismo, criatividade, capacidade de trabalhar em grupo e resiliência para superar adversidades encontradas em empresas privadas ou instituições públicas,” conclui a coordenadora.

Sinebahia Ilhéus tem 5 vagas de trabalho nessa segunda-feira

Há uma vaga para garçonete.

Confira abaixo as vagas de emprego disponíveis nessa segunda-feira, 9 de setembro, na agência do Sinebahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9. Para que não ocorram dúvidas sobre a existência das vagas, confira neste link a lista enviada por Érico Fontes, coordenador do Sinebahia Ilhéus.

PROMOTOR DE VENDAS

Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Possuir conhecimento na área de frios e cortes
01 VAGA

CHEFE DE COZINHA

Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
01 VAGA 

GARÇONETE

Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Residir na Zona Sul de Ilhéus
01 VAGA

(mais…)

Por não pagar aluguel, secretaria de saúde de Ilhéus pode ser despejada

Notinhas.

Secretaria de saúde dá calote na Claro. Foto: Site PMI/reprodução.

No final de janeiro deste ano, o governo Marão mudou a secretaria de saúde de um sobrado tamanho médio do Pontal para o prédio da antiga Embratel no centro da cidade.

A mudança foi classificada como medida de redução de custos. O valor mensal do aluguel é de R$ 42 mil.

Oito meses depois de ocupar o prédio, a secretaria pode ser despejada. A empresa Claro, proprietária do imóvel, não recebeu sequer um mês de locação e pretende acionar o judiciário.

A situação vexatória mostra como o “doutor” Mário Alexandre cuida da saúde de Ilhéus.

MPF constata crime ambiental e licença irregular contra comunidade de Campinhos em Belmonte

Fotos: Comunidades Indígenas/reprodução.

Do blog Comunidades Indígenas.

Os pescadores, marisqueiras e agricultores familiares do território extrativista da Unidade de Conservação da RESEX de Canavieiras, distribuídos na região de várzea entre o rio Jacaré e o rio Jequitinhonha, com mais de 300 anos de existência na comunidade de Campinhos no município de Belmonte-BA, denunciaram ao Ministério Público Federal e a outros órgãos de fiscalização no estado, a abertura de  grandes valas por supostos donos da área para a implantação de pastos e carciniculturas.

Os extrativistas de Campinhos, que contam como única fonte de água doce as reservas do lençol freático, cuja coleta é realizada por meio de poços em cada residência, tanto para consumo humano e animal, temem que a partir das escavações e aberturas destas valas com previsão de cerca de 10 Km de extensão, o dano socioambiental (irreparável) na comunidade de Campinhos, e a salinização de seus mananciais ocorra após processos de drenagens.

Os flagrantes e registros dos crimes de desmatamento do importante ecossistema, com grandes escavações de valas para drenar a água dos brejos, foram confirmados pelo ICMBio, que é o órgão gestor da Unidade.

Esses crimes ambientais tiveram início logo após a emissão irregular de licença ambiental fornecida pela prefeitura municipal de Belmonte – BA, onde fica localizada a UC, que  sem qualquer consulta à comunidade, autorizou a abertura de valas nas Fazendas Vista Alegre, Esperança, Ilha de Palha e Brejo do Jacaré, no território extrativista da Unidade de Conservação,  conforme constatação  do ICMBio, que é o órgão responsável pela UC.

O Ministério Público Federal notificou o Ministério Público Estadual e pediu providências contra a secretaria de meio ambiente do município de Belmonte, que já foi denunciada ao Inema, Ibama e a Comissão Estadual de Meio Ambiente da Assembléia Estadual dos Deputados, que estão tomando todas as providencias no sentido de punir os responsáveis.

Sinebahia Itabuna tem 29 vagas de trabalho nessa segunda-feira

Há uma vaga para auxiliar de cozinha.

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas estarão disponíveis nessa segunda-feira, 9 de setembro.

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

OPERADOR DE TELEMARKETING (PCD)

Vaga Exclusiva Para Pessoas Com Deficiência

Ensino Médio Completo

Não exige experiência

05 VAGAS

TÉCNICO EM FIBRA ÓPTICA

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na função

Possuir CNH ‘AB’

01 VAGA

AUXILIAR MECÂNICO DE REFRIGERAÇÃO

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 6 meses na função

01 VAGA

(mais…)

Do Pudor, dos falos dos anjos e de Aristóteles: um strip-teaser imoral

“É impossível se arrepender de um arrependimento. Esse sentimento é protegido de si mesmo, foi feito para ficar, pois querer que ele desapareça é desejar a recorrência do erro e, portanto, a reaparição do mesmo arrependimento. Arrepender-se é manter friamente o ato que o gera em sua própria esfera de cometimento; é, simultaneamente, o espelho, a face do erro e a reflexão de um no outro. Esse modelo metafísico filosófico refletido ou projetado, às vezes ofuscante, outras embaçado, densamente opacificado e supostamente imperscrutável que acomete alguns homens públicos; esse embarcamento densamente opacificado que administradores públicos interpõem zelosamente como tapumes obstrutores à antevisão das suas personalidades e condutas tal quanto à interpretação e leitura das escriturações contábeis dos seus gastos, são caracteristicamente circunstanciais”.

Por Mohammad Jamal.

Adão e Eva eram nus sem o saber. Aí souberam demais. Uma vez sabedores, tinham tudo a esconder e se arrependeram de estar nus. O arrependimento é o desejo de não ter feito algo, encurralado, por um lado, pelo fato “desse” algo ter sido feito, e por outro, pelo incontestável desejo de não mais fazê-lo. Alain Badiou diz que “jamais há nudez no teatro, tampouco, mas trajes obrigatórios, a nudez sendo ela própria um traje, e dos mais vistosos”. Há nudez apenas no pensamento, não na natureza. E como o pensamento é algo humano, só há nudez humana. Entretanto, o que há, para nós, nessa nudez exclusiva, que demanda constante cobertura? Seria a nudez vergonhosa por natureza? “Vergonha de que?”, pergunta-nos Derrida; “Vergonha de estar nu como um animal”, responde o filósofo. A nudez do animal é seu nome, sobrenome e, sobretudo o seu ser. Já para o homem, nome e o sobrenome são as primeiras vestimentas com as quais o seu ser naturalmente despido é definitivamente encoberto. Essa primeira fantasia nominal, por sua vez, é customizada a partir dos andrajos da cultura, e, uma vez em tais hábitos abstratos, as demais vestes concretas são apenas as efêmeras películas com que o homem impermeabiliza-se ainda mais contra a própria natureza humana.

 É impossível se arrepender de um arrependimento. Esse sentimento é protegido de si mesmo, foi feito para ficar, pois querer que ele desapareça é desejar a recorrência do erro e, portanto, a reaparição do mesmo arrependimento. Arrepender-se é manter friamente o ato que o gera em sua própria esfera de cometimento; é, simultaneamente, o espelho, a face do erro e a reflexão de um no outro. Esse modelo metafísico filosófico refletido ou projetado, às vezes ofuscante, outras embaçado, densamente opacificado e supostamente imperscrutável que acomete alguns homens públicos; esse embarcamento densamente opacificado que administradores públicos interpõem zelosamente como tapumes obstrutores à antevisão das suas personalidades e condutas tal quanto à interpretação e leitura das escriturações contábeis dos seus gastos, são caracteristicamente circunstanciais.

Gato escondido, e o rabo? Os elementos linguísticos presentes nas escriturações tentam disfarçar ou justificar as aplicações das verbas “carimbadas” para os fins que não àqueles a que foram previamente destinadas. A ocultação dos apontamentos e destinações das receitas tributárias; dos repasses financeiros federais e estaduais que dão justificativa aos gastos com o dinheiro público, o erário, são lugar comum por aqui. Fica sabido, portanto, que o cometimento de tais omissões corriqueiramente usuais, já não nos estarrece. Quem nunca comeu carne de iaque do Himalaia jamais sentirá falta do seu sabor! Ou não? Comeu?

VIP Eu? Há algo exemplar oportunamente bem pinçado no estiloso e seletíssimo Condomínio Moradas dos Deuses. Aqui mesmo, no nobre bairro Teotônio Vilela, à Alameda Cleveland da Silva, na península do Barro Vermelho. Condomínio Classe A, com seguranças 24 horas; várias piscinas; campos de futebol, de polo, de golfe, tênis; com cavalariças e pistas para equitação, saunas e academias próprias, atracadouros para lanchas, heliportos, etc. e as porras. Aqui o síndico também age assim! Nenhum condômino consegue saber onde estão ou para onde foram as vultosas quantias arrecadadas em nossos bolsos Vips!

(mais…)

Sócio Estatística: Cacá tem 9,86%; Valderico 9,36%; Jabes 8,47% e Marão 8,07%; prefeito terá pouca probabilidade de se reeleger, afirma Gasparetto

Cacá, Valderico Junior, Jabes Ribeiro e Marão não passam de 1 dígito e estão empatados.

Em primeira mão.

Pesquisa de opinião da empresa Sócio Estatística realizada de 13 a 17 de agosto, em Ilhéus, mostra um empate técnico entre Cacá Colchões, Valderico Júnior, Jabes Ribeiro, Marão e Cosme Araujo, cinco dos principais nomes que podem disputar o comando da prefeitura em 2020. Foram entrevistadas 1004 pessoas e a margem de erro é de 3% para mais ou menos.

Na pergunta estimulada: “Se a eleição fosse hoje e os candidatos fossem estes, em quem votaria?”, os resultados foram os seguintes:

Cacá Colchões 9.86%;

Valderico Júnior 9.36%,

Jabes Ribeiro 8.47%

Mário Alexandre  – Marão 8.07%

Cosme Araujo 7.87%

Bebeto 5.38%

Outro 3.49%

Jorge Luís 3.29%

Professor Reinaldo 3.09%

Nazal 2.79%

Alcides Krushewsky 2.79%

Nilton Cruz 1.49%

Marlon Silveira 0.90%

Adélia Pinheiro 0.80%

Luís Uaquim 0.30%

Na espontânea: “Já tem candidato a prefeito?” a Sócio Estatística colheu os seguintes resultados:

Não 70.52%

Não respondeu 15.34%

Marão/Mário 4.18%

Cacá/Cacá Colchões 2.99%

Valderico Júnior/Valderico/Jr  1.89%

Cosme Araujo/Cosme 1.16%

Jabes/Jabes Ribeiro 1.0 %

Bebeto 0.50%

Nazal 0.50%

Alcides 0.30%

Rui 0.30%

Professor 0.20%

Augustão 0.10%

Jorge/Jorge Luiz 0.20%

Pro Reinaldo 0.10%

Sim. Quem? 0.10%

O uso do ponto em numerações com casas decimais remete à formatação original do relatório da Sócio Estatística.

Agenor Gasparetto.

Na última segunda-feira, 2, publicamos que 78% do eleitorado não pretende votar em Marão (veja aqui).

Segundo o sociólogo Agenor Gasparetto, “um grande vácuo se afigura nessa situação de desgaste” do prefeito Marão.

Dentre os nomes que despontam como fortes, destacam-se Valderico Junior, Cacá Colchões e Cosme Araujo, Jabes Ribeiro e o atual prefeito.

Gasparetto ressalta que Marão, mantido o quadro atual, terá pouca probabilidade de se reeleger, a menos que em pouco mais de um ano ela surpreenda.

Há “um quadro de grande equilíbrio entre vários nomes, especialmente entre os três primeiros. Curiosamente, todos os nomes estão ainda na casa de um dígito. Por esta razão parece cedo para conclusões definitivas. Muita coisa ainda poderá acontecer em Ilhéus”, conclui Gasparetto.

Governo Marão ameaça o BG.

O atual governo ameaça processar o Blog do Gusmão por ter divulgado essa pesquisa que revela índices muito ruins relacionados ao prefeito Marão.

Chateados com a revelação do desgaste, dizem que a pesquisa deveria ser registrada.

Segundo o advogado Mesaque Soares, a Resolução nº 23.549 de 18 de dezembro de 2017 exige que as pesquisas sejam registradas a partir de 1º de janeiro do ano eleitoral.

Há vasta jurisprudência, inclusive do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que livrou veículos da imprensa de qualquer tipo de sanção por divulgar pesquisas em períodos não eleitorais.

“Se não tem capacidade de gerar desequilíbrio no pleito do ano que vem, não há como aplicar resolução do ano eleitoral”, explicou Mesaque Soares, que se prontificou a defender o BG caso o governo Marão decida representar.

Pesquisa que revelou forte rejeição do eleitorado a Marão é da Sócio Estatística, do professor Agenor Gasparetto

Notinha.

A pesquisa de opinião que publicamos na última segunda-feira, 02, cujos resultados mostraram que 78.78% do eleitorado de Ilhéus não pretende votar no prefeito Mário Alexandre, foi realizada pela empresa Sócio Estatística, do conceituado sociólogo Agenor Gasparetto, professor da UESC (veja os resultados aqui).

Nesta terça-feira, 3, a fonte que nos passou o relatório completo autorizou a divulgação do nome da empresa responsável, uma vez que o governo Marão, por meio de blogs anônimos, tentou menosprezar o resultado e acusou o BG de publicar dados falsos.

A Sócio Estatística é a mesma empresa que apontou a vitória de Marão nas eleições municipais de 2016. Na época, o grupo do ex-prefeito Jabes Ribeiro (PP) disseminou mensagens nas redes sociais desconsiderando o resultado que previu a derrota de Cacá Colchões.

Hoje o grupo de Marão usa do mesmo veneno e da mesma estratégia mentirosa.

Veja a capa da pesquisa e a folha que trouxe o resultado que divulgamos.

 

Governo Marão é acusado de perseguir “os sucos do Magela Rossi”

Magela Rossi (à direita da imagem) pode estar com os dias contados na Pracinha de Irene. Foto: BG.

O comerciante Magela Rossi disse à reportagem do BG que sofre perseguição do governo Mário Alexandre.

Magela, também radialista e comentarista de futebol, vende sucos há 25 anos na Pracinha da Irene (Castro Alves), na Avenida Soares Lopes.

O governo Marão passou a exigir rótulos nas embalagens dos sucos, e por este motivo na última sexta-feira, 30, a fiscalização sanitária aplicou notificação. A fiscal teria dito que agiu a mando do secretário municipal de desenvolvimento econômico, Jerbson Moraes, que por sinal, não tem responsabilidade pela fiscalização sanitária, lotada na secretaria de saúde. O vendedor tem 10 dias para comparecer no setor e prestar esclarecimentos. Veja o termo de vistoria.

Segundo Magela, a prefeitura atua exclusivamente contra ele movida por perseguição política, pois outros comerciantes que vendem produtos parecidos não foram notificados.

Nossa redação tentou ouvir o governo por meio do secretário de comunicação, Hélio Ricardo. Até a publicação não recebemos resposta.

Comentário do BG.

A atuação “diligente” surpreende, pois supermercados denunciados por venderem carnes e outras mercadorias estragadas não costumam receber fiscalizações preventivas da secretaria de saúde.

Desconhecemos apreensões de produtos impróprios para o consumo feitas nesses grandes estabelecimentos.

Sinebahia Itabuna tem 21 vagas de trabalho nessa terça-feira

Há uma vaga para mecânico de caminhão a diesel.

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas estarão disponíveis nessa terça-feira, 3 de setembro.

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Vagas exclusivas para Itabuna. 

OPERADOR DE TELEMARKETING (PCD)

Vaga Exclusiva Para Pessoas Com Deficiência

Ensino Médio Completo

Não exige experiência

05 VAGAS

OPERADOR DE CAIXA (PCD)

Vaga Exclusiva Para Pessoas Com Deficiência

Ensino Médio Completo

Não exige experiência

02 VAGAS

CORRETOR DE IMÓVEIS

Ensino Médio Completo

Não necessita experiência

Possuir registro no CRECI-BA

10 VAGAS

(mais…)

Sinebahia Ilhéus tem 10 vagas de trabalho nessa terça-feira

Há uma vaga para pizzaiolo.

Confira abaixo as vagas de emprego disponíveis nessa terça-feira, 3 de setembro, na agência do Sinebahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9. Para que não ocorram dúvidas sobre a existência das vagas, confira neste link a lista enviada por Érico Fontes, coordenador do Sinebahia Ilhéus.

OPERADOR DE MARTELETE

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho

01 VAGA 

PIZZAIOLO

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 06 meses na Função

Apresentar carta de referência

01 VAGA 

TRABALHADOR RURAL

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho

Possuir habilidade no manuseio de roçadeira

01 VAGA 

(mais…)

Nazal dá palestra em evento do PSOL na próxima sexta-feira, dia 06

José Nazal (Rede Sustentabilidade) vice-prefeito de Ilhéus.

Os Núcleos de Base Comunitária do PSOL (zonas norte e sul de Ilhéus) vão promover um ato de filiação partidária de trabalhadores, estudantes, professores, agentes culturais e lideranças comunitárias.

O evento vai acontecer nas dependências da Tenda do Teatro Popular, na Avenida Soares Lopes, na próxima sexta-feira, 6 de setembro, às 17 horas, e contará com uma palestra do vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal (Rede Sustentabilidade).

Nazal vai falar sobre o cenário eleitoral de Ilhéus, as últimas eleições na cidade, suas peculiaridades históricas e as novas alterações para o conhecimento dos que desejam concorrer no próximo pleito, em 2020.

Nazal é estudioso do assunto e possui dados estatísticos que fundamentarão a palestra. É aguardada a presença do presidente estadual do PSOL na Bahia, o professor Fábio Nogueira, ex-candidato da legenda ao Senado Federal nas eleições de 2018.

Mestra Lainha, atriz e cordelista, vai encenar uma intervenção com temas relacionados à participação das mulheres na política e a necessidade do empoderamento feminino.

“Estão manipulando a dor alheia”, afirma Magela após protesto que pediu sua exoneração

Secretário questionado fala em manipulação.

“Que Deus tome conta da alma das pessoas que estão manipulando a dor alheia”, escreveu o secretário de saúde de Ilhéus, Geraldo Magela, em resposta à postagem que noticiou um protesto de familiares das crianças que morreram no Hospital Vida Memorial (veja aqui).

O movimento aconteceu na última quarta-feira, 28, questionou os atendimentos pediátricos oferecidos pelo governo Marão e pediu a saída do secretário, cujas passagens pelas secretarias da mesma área em Teixeira de Freitas e Itabuna não deixaram saudade.

Segundo Magela, “as famílias estão fragilizadas, mas não estão a par de todas as informações, especialmente as verdadeiras. Em outubro deve ter a licitação para a construção da maternidade no antigo [Hospital] Regional com UTI neonatal e pediátrica”. Ele afirma que o município não é responsável por UTI.

O secretário não informou o resultado da investigação que prometeu instaurar sobre as mortes das crianças. Ainda não sabemos se ele iniciou a sindicância. O Diário Oficial até hoje não publicou nada a respeito.

Exclusivo. Pesquisa revela que 78% do eleitorado de Ilhéus não pretende votar em Marão

Estilo Marão de governar desagrada maioria.

Pesquisa realizada de 13 a 17 de agosto de 2019, pela mais conceituada empresa do ramo no Sul da Bahia (cujo responsável é professor da UESC), revela o tamanho da rejeição ao prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre.

O levantamento entrevistou 1004 pessoas e a margem de erro é de 3% para mais ou menos. As faixas etárias com os respectivos percentuais das pessoas que opinaram são as seguintes: 16 a 17 anos (3.19%); 18 a 24 (12.85%); 25 a 34 (23.11%); 34 a 44 (25.30%); 45 a 59 (21.31%); 60 anos ou mais (14.24%).

Diante da pergunta: “Votaria novamente no prefeito Mário Alexandre?”, a imensa maioria, ou precisamente 78.78% dos entrevistados responderam “não”, apenas 12.95% responderam “sim” e  8,27%  disseram “não sabe”.

De acordo com o sociólogo responsável pela pesquisa, a marca principal do quadro em Ilhéus “é o desgaste da administração municipal como um todo”.

Veja o gráfico.

Gráfico: Blog do Gusmão.

 

Gráfico: Blog do Gusmão.

Devido a questões contratuais, não podemos divulgar o nome da empresa responsável pelo levantamento.

A equipe do BG teve acesso amplo ao relatório da pesquisa e assegura a veracidade das informações publicadas nesta reportagem.

Atualizado no dia 03 de setembro de 2019 às 22h26min.

A pesquisa foi realizada pela empresa Sócio Estatística do sociólogo Agenor Gasparetto (mais detalhes aqui).