PAI CIDÃO, O ESPERTO

O vereador Alcides Kruschewsky (Pai Cidão), de Ilhéus, depois que foi retirado do ostracismo político que se encontrava, através dos braços de Jorge Bahia, acha que só ele é esperto, e que os demais são bestas.

Cidão quer atrair o médico Ruy Carvalho para o PSB, com o objetivo de imobilizá-lo em 2012. O antropólogo mambembe sabe que Ruy é um nome sempre no “páreo”, por isso, quer deixá-lo amarrado no seu partido, facilitando a realização daquilo que muitos chamam de devaneio: Alcides candidato a prefeito em 2012, com o apoio do governo.

(mais…)

COMANDO DO PTB NÃO ESTÁ GARANTIDO AO “XERIFÃO”

O super-secretário de serviços públicos, transportes e trânsito de Ilhéus, Carlos Freitas, conhecido como o “xerifão” devido à maneira nada carinhosa que combate os adversários, não está garantido no comando do PTB da “Terra de Gabriela”, partido que no estado está alinhado ao ministro da integração nacional Geddel Vieira Lima.

Com a aliança PT-PSB no município, e a declaração de apoio do prefeito Newton Lima ao governador Jaques Wagner, os homens do ministro passaram a ficar de “olhos abertos”, podendo tomar a sigla a qualquer momento, para isso, basta aparecer outra liderança que mereça mais confiança.

Por mais que Freitas continue afirmando sua disposição de caminhar com Geddel, na hora “h”, diante de um forte apelo do prefeito, nada impedirá o secretário de mudar de posição.

Assim pensam lideranças peemedebistas e petebistas de peso político da “capitá”.

POR FALAR EM FÁBIO SOUTO…

Do Blog de Israel Nunes.

Olha que (i)legal as informações extraídas do Projeto Excelências, sobre este Deputado que andou comparecendo à Rainha do Sul em busca de apoio político do Prefeito Municipal, ao que parece.

Segura, que lá vai:

“Seu ex-assessor André Cleiton Fernandes de Souza foi preso em 2004 pela Operação Pororoca. A operação prendeu indivíduos acusados de excluir dívidas municipais do Sistema Integrado de Administração Financeira do governo federal (Siafi), a que gabinetes de deputados têm acesso. Com a exclusão de dívidas, municípios podem receber recursos. A PF apurava se André Cleiton usou a infra-estrutura do gabinete e do Congresso para cometer os crimes. O deputado afirmou não ter conhecimento do esquema (Correio Braziliense, 10.jan.2005).

Em junho, gastou R$ 18,8 mil em verbas indenizatórias para alugar um avião (Correio Braziliense, 30.jul.2006).

Leia mais.

ENTRADA DO PT NÃO FOI BOA PARA O GRUPO DE ÂNGELA

A ida do PT ilheense para o governo Newton Lima, definitivamente, não foi boa para o grupo da deputada estadual Ângela Sousa (PSC).

Por mais que os seus correligionários tentem passar a impressão de que está “tudo bem”, é mais do que evidente, que a entrada dos petistas desceu como uma pedra, dificílima de engolir.

Marão esperava ser secretário de saúde, mas, como não tem vereadores na câmara, capazes de sufocar a ameaça de uma rebelião do vereador quero-quero, Jailson “Sarney” Nascimento, contra o governo, foi preterido, pois não tem força política para dar sustentabilidade às pretensões palacianas.

Marão em 2008, agiu como um autêntico amador, apoiando vários candidatos para o legislativo municipal, quando na verdade, deveria concentrar esforços em dois ou três. Quando a eleição estava próxima, certo de que o seu filho “postiço” Fábio Magal estava eleito, ordenou uma manobra para tirar alguns votos de Magal, para o seu colega de medicina, Francisco Sampaio. Resultado: nem tico, nem teco, Magal e Sampaio não foram eleitos. Hoje, o filho da deputada amarga a falta de representação na câmara.

(mais…)

SERVIDORES DE ILHÉUS CONTINUAM SEM O SALÁRIO DE DEZEMBRO. SINSEPI ESTÁ CALADO

Faltando um dia para completar a primeira quinzena de janeiro, os servidores municipais de Ilhéus ainda não receberam o salário de dezembro.

A prefeitura, até agora, não emitiu qualquer nota dando explicações aos seus funcionários. Por outro lado, o SINSEPI (sindicato dos servidores públicos de Ilhéus), também não se manifestou.

Segundo informações “palacianas”, como estamos próximos do carnaval, a direção do SINSEPI estaria tentando através do prefeito, uma boa atração para animar o bloco do sindicato, por isso, neste momento, não fica bem qualquer tipo de desentendimento gerado por uma reivindicação que pode ser usada politicamente.

O espaço está aberto para as explicações da direção do sindicato.

Enquanto isso, o salário ó…

BRAÇO POLÍTICO DE “SARNEY” AMEAÇA BOICOTAR NOVO SECRETÁRIO DE SAÚDE

Informações que chegaram a este Blog, vindas da secretaria de saúde de Ilhéus, dão conta de que o braço político do vereador quero-quero, Jailson “Sarney” Nascimento, no programa de combate à dengue, pretende boicotar o novo secretário de saúde, Antônio Carlos Rabat, caso ele traga de volta a equipe técnica que dirigia o programa, antes do vereador do malhado mandar na secretaria.

A equipe foi perseguida porque cobrava eficácia no trabalho dos agentes de endemias (mata-mosquitos). Na época, o número de visitas nas residências era bem maior.

O péssimo trabalho realizado pelos apaniguados do vereador quero-quero, colocou Ilhéus entre as dez cidades do Brasil, em pior situação no que diz respeito à infestação do aedes aegypti.

(mais…)

MORTE DO RADIALISTA RONALDO SANTANA – UM CRIME SEM PIEDADE E ATÉ AGORA, SEM SOLUÇÃO!

Por Elias Reis.

Ronaldo Santana, assassinado em 9 de outubro de 1997. Mandantes continuam livres.

Notícia estampada em todos os meios de comunicação do estado da Bahia: “Família de Manoel Leal será indenizada. Depois de aprovada pela Assembléia Legislativa e sancionada pelo governador Jaques Wagner, a reparação financeira à família do jornalista Manoel Leal será paga no dia 7 de abril. Manoel Leal foi assassinado no dia 14 de janeiro de 1998, na porta de sua casa, no bairro Jardim Primavera, em Itabuna O pagamento da indenização de R$ 100 mil cumpre acordo celebrado entre o Estado e os beneficiários. Ao conceder a indenização, o Estado reconheceu sua responsabilidade no dever de zelar pela liberdade de imprensa e garantir a atuação dos profissionais de comunicação”.

Apesar da indenização, esse crime permanece entre tantos assassinatos impunes no estado da Bahia, a exemplo do Radialista Ronaldo Santana, que covardemente foi assassinado no dia 09 de outubro de 1997, com quatro tiros, fato ocorrido na Rua Duque de Caxias, em Eunápolis, quando se dirigia à Rádio Jornal, onde trabalhava. O Estado não deu uma resposta à família, e abre-se um precedente.

(mais…)

DEO LOPES APRESENTA “O CONTADOR DE CANÇÕES” NA CASA DOS ARTISTAS

Nesta quinta-feira (14/01), excepcionalmente, o Cine Clube Équio Reis não exibirá um  filme. No dia, o cancioneiro Deo Lopes, de passagem por Ilhéus, vai apresentar o espetáculo “O contador de canções”.

Nascido na cidade Santo Antônio da Alegria (SP), em 1952, desde menino Deo Lopes, compõe e canta. Em 1980 gravou seu primeiro disco, e desde então não parou mais. Há onze anos fundou juntamente com Marcio Oliveira e Cauique Bonsucesso, o grupo “Trem da Viração”, de música regional brasileira. Entre vários trabalhos interessantes, em 2007, o “Trem da Viração” participou do projeto em parceria com o SESC de São José dos Campos, na realização do espetáculo “70 anos sem Noel Rosa”

(mais…)

ESQUERDA DEMOCRÁTICA “FECHADA” COM RENATO COSTA

Magno Lavigne (de blusa vermelha) trouxe "a boa notícia" para Renato.

Os ventos estão soprando a favor do médico Renato Costa (PMDB).

A esquerda democrática, agrupamento fortemente ligado ao meio sindical, que recentemente deixou o PSB, levando três mil filiados de várias cidades do estado para o PMDB, formalizou apoio a Dr. Renato, dando garantias de que vai trabalhar por sua candidatura a deputado estadual, em 43 municípios onde tem bases.

No último sábado (09), Renato recebeu lideranças da “ED” da região, dentre elas: Alan Marinho, presidente do CADE (Centro de Assistência Defesa do Estudante), Cleide Moraes, presidente da associação de moradores do bairro Nelson Costa (Ilhéus) e Boaventura Silva (Boinha), presidente do sindicato dos rodoviários de Ilhéus.

(mais…)

PV DE ILHÉUS LANÇA BLOG, MAS, QUASE NÃO CITA RUY CARVALHO

O partido verde de Ilhéus, presidido pelo policial militar Robson Melo, lançou um blog na internet, com o objetivo de divulgar as ações da sigla (clique aqui).

O canal dos verdes ilheenses entrou na rede no dia 14 de dezembro, portanto, há quase um mês. A característica mais notável é a forma como o médico Ruy Carvalho é tratado, aparentando ser uma presença indesejada.

Ruy é uma personalidade política muito respeitada no estado. Ruy tem votos, e muitos. Antes dele, o PT (seu antigo partido), nunca havia passado dos 9 mil votos, nas vezes em que apresentou candidatos a prefeito. Agora, no PV, o médico está sendo tratado com desdém, quase ridicularizado.

Vale a pena lembrar, mais uma vez, que nas eleições de 2010, os verdes sequer obtiveram votos para eleger um só vereador, enquanto Ruy, em um quadro completamente adverso, onde a população estava iludida com o “feijão com arroz” de Newton Lima, obteve 27 mil votos para prefeito, facilitando as coisas para o PT, que elegeu três vereadores.

Não há dúvidas, e sim uma unanimidade, apesar do respeito que muitos filiados do PV merecem, em Ilhéus, o partido é eleitoralmente medíocre.

A saída é aceitar Ruy como a salvação, como o meio único e necessário para consolidar o partido como força política. Para isso, basta compreensão, inteligência e trabalho.

“GILVAN TAVARES VAI RODAR”

Gilvan nas finanças: o ordenamento financeiro de Ilhéus pendurado em ganchos.

Foi o que disse ao Blog do Gusmão, uma fonte “visceral” do governo Newton Lima, de Ilhéus.

O velho discurso utilizado por Gilvan, de que a Constituição de 1988 prejudicou os municípios, com a perda acentuada de arrecadação, não está agradando ninguém, caiu no desgaste absoluto.

O modo “Gilvan” de comandar a secretaria de finanças é arcaico, segundo o informante, ele costuma usar ganchos para afixar lembretes do tipo “amanhã pagar fulano, depois pagar beltrano”.

Para assumir o lugar de Tavares, o mais cotado é o atual chefe de gabinete, o influente e todo poderoso Jorge Bahia, conselheiro número 1 de Newton Lima.

TELEANÁLISE: SEUS PROBLEMAS COM A VIOLÊNCIA ACABARAM

Por Malu Fontes.

Algum gênio, expert ou autoridade em sociologia, antropologia, semiótica, ou, melhor ainda, em comunicação, é capaz de explicar o objetivo, a função, o sentido, a eficácia e o efeito público da campanha institucional, produzida e veiculada pela Prefeitura de Salvador, para anunciar o site <www.salvadordapaz.com.br>, em defesa da paz? Muita coisa abaixo de qualquer classificação de ridícula se tem feito e refeito em nome da promoção da paz. E talvez seja justamente por isso, ou seja, por assustar-se com tamanho mau gosto e tamanha breguice e ineficácia das campanhas e manifestações em seu nome, que a coitada da paz cada vez mais dá as costas a esse país e, mais recentemente, especialmente a Salvador.

Quem quiser saber como a banda toca na relação paz versus violência na cidade, preferencialmente antes de entrar no site anunciado em horário nobre, com o dinheiro dos contribuintes encurralados pela violência, que pergunte a alguma voz privilegiada que vê literalmente o número abissal de cadáveres objetos de violência que chegam todos os dias ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues. Se não quiser chocar-se um tanto mais, que pergunte tão somente sobre o número de corpos vitimados pela violência e que lá chegam como não identificados. Mas transparência no que se refere a estes ou outros números da violência não é o forte dos órgãos oficiais que usam o gasto nome da democracia em vão.

(mais…)

SOBRE A SECRETARIA DE TURISMO

O prefeito Newton Lima cometerá uma injustiça, caso não confirme o retorno de Ana Matilde da Hora, à secretaria de turismo.

Respeitada pelo segmento turístico, devido ao trabalho sério que desempenhou, mesmo em condições adversas, Ana se destacou pela maneira sincera que enfrentou questões polêmicas, como por exemplo, a proibição da entrada de táxis e vans no Porto do Malhado.

Além de ter formação específica para a área (turismóloga), Ana representa uma quebra de paradigma no cenário da política ilheense, acostumada com secretários de turismo formados na base do “achismo”, bandoleiros de outras cidades ou empresários do setor, mais preocupados em viabilizar o sucesso de seus empreendimentos.

Trocar Ana por pessoas que já passaram por outras administrações, e nada fizeram pelo turismo em Ilhéus, é um contra-senso, um grande equívoco.

Vale ressaltar que não basta mantê-la, é necessário também garantir condições para que ela possa tocar os projetos.