MEC publica edital para 50 mil vagas remanescentes do Fies

Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil.

Da Agência Brasil.

Está publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (29) o edital do processo de inscrição para cerca de 50 mil vagas remanescentes do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o 2º semestre de 2020. As inscrições serão abertas no dia 6 de outubro, exclusivamente na página do Fies. Os candidatos não matriculados em uma instituição de ensino superior podem se inscrever até as 23h59 do dia 13 de outubro. Para os já matriculados, o prazo vai até 13 de novembro.

Para se candidatar é necessário ter participado de uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, ter obtido no mínimo 450 pontos na média das cinco provas do exame e não ter zerado a prova de redação. O interessado precisa ainda ter renda mensal bruta de até três salários mínimos por pessoa da família.

A ocupação das vagas, segundo o Ministério da Educação, será feita de acordo com a ordem de conclusão das inscrições. O candidato que precisar alterar informações depois da inscrição concluída no sistema terá de cancelar e fazer de novo o procedimento. Durante esse procedimento, a mesma vaga escolhida anteriormente poderá ser ocupada por outro candidato que concluir a inscrição antes.

UESC divulga 3ª lista de espera do SISU

A Universidade Estadual de Santa Cruz divulgou a 3ª convocação da lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) no último dia 23. O retorno das atividades acadêmicas acontecerá a partir do dia 05 de outubro de 2020, de forma não presencial, em caráter excepcional e temporário. Esse período de oferta do Ensino Não Presencial compreenderá três meses, será denominado Trimestre Letivo Excepcional e será desenvolvido em conformidade com o Calendário Acadêmico Excepcional.

Dessa forma, os alunos(as) que tiveram matrícula deferida para o primeiro semestre de 2020 poderão cursar o Trimestre Excepcional, desde que efetuem a matrícula nas disciplinas no período de 24 – 26 de setembro de 2020, definido pela Resolução CONSEPE nº 38/2020.

De acordo com o edital, o processo seletivo tem validade exclusivamente para ingresso no primeiro e no segundo semestres letivos do ano de 2020, nos Cursos de Graduação presenciais da UESC, dentro do limite de vagas não preenchidas na Chamada Regular realizada pelo SiSU, havendo a possibilidade de opção por cursar o Trimestre Excepcional de 2020.

A matrícula será realizada em duas etapas, a primeira consiste na análise da solicitação de matrícula e destina-se a conferência e validação, pelos colegiados de curso, da documentação encaminhada pelo candidato à GESEOR ([email protected]); e a e segunda etapa que é a divulgação da Portaria de Deferimento das Solicitações de Matrícula realizadas na primeira etapa, no site http://www.uesc.br/processo_seletivo/sisu.

Projeto Enem 100% promove aulão virtual de Geografia nesta terça-feira (22)

Foto: Divulgação.

Geografia será o componente curricular do aulão virtual do projeto ENEM 100%, nesta terça-feira (22), às 16h. A atividade, que contará com a participação do professor Engeberto Apulinário (Popó), é promovida pela Secretaria da Educação do Estado, sendo transmitida, ao vivo, pelo canal do Youtube da Educação Bahia. A ação pedagógica busca auxiliar os estudantes na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, cujas provas, na versão impressa, serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e, na versão digital, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

Os aulões virtuais do projeto Enem 100% acontecem todas às terças e sextas-feiras, sempre das 16h às 17h, envolvendo diferentes componentes curriculares, e fazem parte de uma série de atividades lançada pela Secretaria da Educação para fortalecer a aprendizagem dos estudantes que irão prestar o Enem. No Portal da Educação, o estudante tem também à sua disposição uma apostila que pode ser baixada, por aula, e a programação das próximas aulas que serão realizadas.

Ainda no Portal da Educação, o estudante tem acesso a conteúdos preparatórios por meio do projeto Universidade para Todos – Estude em Casa, desenvolvido em parceria com as universidades estaduais (Uneb, Uefs, Uesc e Uesb). Outra ferramenta é a Plataforma Anísio Teixeira, que contém mais de 10 mil conteúdos digitais educacionais e aulas do Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (Emitec), tendo recebido o aporte de conteúdos construídos com as 12 Instituições de Ensino Superior (IES) públicas na Bahia (Uneb, Uefs, Uesc, Uesb, Ufba, Ufob, UFRB, Unilab, UFSB, Univasf, IFBaiano E Ifba).

Os estudantes também podem complementar a preparação para o exame com o ‘Estude em casa’, programa exibido em parceria com o Canal Futura, da Fundação Roberto Marinho, através da TVE, sempre às 13h e às 15h. Além disso, a emissora leva ao ar o programa ‘Hora do Enem’, exibido de segunda a sexta, às 18h.

Educação: rede municipal de Ilhéus não atinge metas do IDEB

Foto: Reprodução.

De acordo com o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), a rede municipal de ensino de Ilhéus não atingiu as metas projetadas para 2019.

O IDEB foi criado em 2007 e reúne, em um só indicador, os resultados de dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: o fluxo escolar e as médias de desempenho nas avaliações.

O IDEB da rede municipal de Ilhéus para o 5º ano (antiga 4ª série) se manteve, mas não atingiu a meta. Em 2015 o índice observado foi de 4.3, em 2017 ficou em 4.6 (compatíveis com os projetados). Já em 2019 o número projetado era de 4.9, mas Ilhéus permaneceu com 4.6. Para que os leitores possam comparar, as médias estadual e nacional foram, respectivamente, 4.9 e 5.9.

Os dados para o 9º ano (8ª série) foram mais insatisfatórios. A projeção para 2015 era de 4.1 e Ilhéus alcançou 3.7. Em 2017 a meta era 4.4 e o município obteve apenas 3.3. Com relação a 2019 o índice não foi convincente. O valor projetado era de 4.6 e Ilhéus conseguiu atingir 3.6, com elevação discreta. A média estadual ficou em 3.8 e a nacional em 4.9.

O IDEB é calculado a partir dos dados de aprovação obtidos no censo escolar e das médias de desempenho no Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB).

Começam hoje inscrições para bolsas remanescentes do Prouni

Da Agência Brasil.

Começam hoje (15) as inscrições para o processo seletivo de bolsas remanescentes do Programa Universidade para Todos (Prouni), para o segundo semestre deste ano. Ao todo, serão ofertadas cerca de 90 mil bolsas que não foram ocupadas no decorrer do processo seletivo regular.

A disponibilidade dessas bolsas ocorre por desistência dos candidatos pré-selecionados ou falta de documentação, por exemplo. O prazo para inscrição termina em 30 de setembro e o estudante interessado deve acessar a página do Prouni na internet [http://prouniportal.mec.gov.br/#principal].

De acordo com o Ministério da Educação, nesta edição, o prazo de inscrição será único, tanto para candidatos não matriculados na instituição de ensino superior para a qual desejam se inscrever para disputar uma bolsa, como para candidatos já matriculados na mesma instituição para a qual querem fazer a inscrição.

O Prouni é o programa do governo federal que oferece bolsas de estudo, integrais e parciais (50%), em instituições particulares de educação superior. Para concorrer às bolsas integrais, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

“Liberdade de Expressão e de Imprensa na Pandemia” é o tema da 8ª mesa redonda dos diálogos em tempos de pandemia

Nos últimos tempos, especialmente neste período de pandemia, muitas informações estão sendo divulgadas sem a devida responsabilidade e outras ocultadas por diversas instituições, sejam públicas ou privadas. O fenômeno das fake news e as declarações ofensivas e irresponsáveis sobre determinadas causas e grupos confundem os limites da liberdade de expressão. Como os jornalistas e comunicadores devem se portar e agir por conta da desinformação que surge em muitos momentos? quais são os limites da liberdade de expressão? e a Liberdade de Imprensa? Essas e outras questões serão discutidas no dia 14 de setembro, segunda-feira, às 14 horas, na 8ª mesa redonda online do ciclo de debates “diálogos em tempos de pandemia”, promovido pelo Projeto de Extensão Diálogos Avançados em Comunicação, do Curso de Comunicação Social da UESC.

O tema desta mesa é “Liberdade de expressão e de Imprensa na pandemia” e terá a participação dos professores Eviram de Oliveira e Marcelo Bronosky. Eviram de Oliveira é graduado em comunicação social- jornalismo (FIAM), mestre em ciências da comunicação (ECA/USP), Especializado em Teoria da comunicação Social (Cásper Líbero) e doutorando (PPGCOM ECA/USP). Atualmente é Professor do Curso de Jornalismo da ESPM-SP; Membro da Comissão de Ética da ARFOC – Associação dos Repórteres Fotográficos e Cinematográficos no Estado de São Paulo; Vice-Presidente da ABEJ – Associação Brasileira de Ensino de Jornalismo; Membro do Conselho Deliberativo da SOCICOM – Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas de Comunicação. (mais…)

Estado efetua novo pagamento de R$ 4,3 milhões do auxílio-estudantil pelo Mais Futuro

O Governo do Estado efetuou, nessa quinta-feira (3), o pagamento do auxílio-permanência aos 11.223 mil estudantes das universidades públicas estaduais baianas (UNEB, UEFS, UESB e UESC) beneficiários do programa Mais Futuro. O novo investimento do Governo do Estado é de R$ 4.346.700 milhões. No total, já foram pagos R$ 32.650.500 milhões diretamente aos estudantes, equivalentes aos meses de janeiro a agosto deste ano.

O coordenador de Programas e Projetos Estratégicos da Secretaria da Educação do Estado, Marcius Gomes, falou sobre a importância do programa. “Sabemos o quanto a bolsa é importante para os universitários, ainda mais neste período de pandemia do novo Coronavírus, tanto para que mantenham os aluguéis de suas casas ou mesmo para que ajudem suas famílias com despesas domésticas”.

Sobre o Mais Futuro

O programa Mais Futuro oferece uma bolsa de R$ 300 para quem estuda a até 100 quilômetros de onde mora e de R$ 600 para os que vivem a uma distância maior, pois para estes há a necessidade de moradia temporária na cidade onde estudam. Criado em 2017, pelo Governo do Estado, o Mais Futuro é um programa de assistência estudantil para garantir a permanência dos estudantes das universidades públicas estaduais baianas (UNEB, UEFS, UESB e UESC) que se encontram em condições de vulnerabilidade socioeconômica.

Secretaria da Educação do Estado realiza aula virtual de Literatura nesta terça (1/9)

Foto: Divulgação.

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) promove, nesta terça-feira (1/9), mais uma aula on-line voltada para a preparação dos estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), pelo Projeto ENEM 100%. A aula será com o professor de Literatura, Antônio Lourival, com transmissão pelo canal do YouTube “Educação Bahia”.

As aulas virtuais do Projeto ENEM 100% acontecem sempre às terças-feiras e sextas-feiras, das 16h às 17h, e seguirão até 18 de setembro, envolvendo diferentes componentes curriculares. A iniciativa faz parte de uma série de atividades lançadas pela SEC para fortalecer a aprendizagem dos estudantes que irão prestar o exame. No Portal da Educação, o estudante ainda tem à sua disposição uma apostila que pode ser baixada, por aula, e a programação das próximas aulas que serão realizadas.

As provas do ENEM, na versão impressa, serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e, na versão digital, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

Painel sobre Aborto fará lançamento do livro da professora Eliene Tranzillo, dia 3

Os colegiados dos cursos de Enfermagem, Direito e Psicologia da Faculdade de Ilhéus promovem o Painel – Aborto: implicações físicas, jurídicas, psicológicas e espirituais, no próximo dia 03 de setembro, às 17h30min, através da plataforma Teams, destinado à comunidade acadêmica da instituição, e ao público externo através do canal oficial da instituição no YouTube, cujo link é: https://www.youtube.com/faculdadedeilheusoficial.

 Na oportunidade, haverá o lançamento do livro “Aborto: as implicações espirituais e para a saúde da mulher”, de autoria da professora Eliene Maria dos Santos Tranzillo, resultado de uma pesquisa em nível de pós-graduação. Conforme a autora, “o livro é um convite à reflexão educativa e apresenta oportunas considerações sobre as implicações para a saúde física e psíquica da mulher. Nele consta depoimentos de mulheres que, após vivenciarem a experiência do aborto, romperam com o silêncio e compartilham seus dilemas. A obra traz também os motivos para o aborto justificados aos olhos do mundo e as orientações dos emissários mais experientes que Deus envia em nosso socorro”.

Durante o painel, as implicações físicas do aborto serão desenvolvidas por Eliene Maria dos Santos Tranzillo, enfermeira (UESC), mestra em Saúde Pública pela San Carlos/UNICAMP, especialista em: Saúde Pública; Auditoria de Sistemas e Serviços de Saúde; Enfermagem Obstétrica e Ginecológica, e professora do Curso de Enfermagem da Faculdade de Ilhéus.

As implicações jurídicas do aborto serão abordadas por Pedro Camilo de Figueirêdo Neto, doutorando pela Universidade de Coimbra, mestre em Direito pela UFBA, especialista em Ciências Criminais, professor efetivo da UNEB de Santo Antônio de Jesus, escritor e editor responsável pela editora Mente Aberta.

(mais…)

Senado aprova PEC do Fundeb, que segue para promulgação

Imagem ilustrativa.

Da Agência Brasil.

O Senado aprovou ontem (25), em dois turnos, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) de número 26 de 2020, que torna permanente o Fundo de Desenvolvimento e Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A PEC foi aprovada por unanimidade e segue para promulgação – prevista para ocorrer em sessão solene do Congresso amanhã (26), às 11h. A aprovação em definitivo da PEC, que já havia passado pela Câmara, ocorre no dia da Educação Infantil.

O Fundeb atende todas as etapas anteriores ao ensino superior e representa 63% do investimento público em educação básica. Os recursos do fundo são destinados às redes estaduais e municipais de educação, conforme o número de alunos matriculados na educação básica.

A proposta aumenta de forma gradativa a participação da União no Fundeb passando dos atuais 10% até chegar, em 2026, a 23%. Isso ampliará o investimento na educação do país. Segundo o relator da matéria no Senado, Flávio Arns (Rede-PR), em 2026 o investimento chegará a R$ 5,5 mil por aluno. Hoje, esse investimento é de R$ 3,6 mil.

O Fundeb foi criado em 2007, substituindo o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), e perderia a validade no final de 2020. Caso o fundo não existisse, o investimento por aluno seria, segundo Arns, em torno de R$ 500.

Aplicação dos recursos

O texto também prevê o chamado Custo Aluno Qualidade (CAQ) – um parâmetro de financiamento educacional – previsto no Plano Nacional de Educação (PNE). Esse parâmetro norteará a aplicação dos recursos educacionais. São considerados itens necessários para oferta de uma boa educação, por exemplo, a formação continuada dos professores, o acesso à internet, a banheiros, à quadra de esportes, a laboratórios e à biblioteca. Entram na conta ainda dinheiro para pagar despesas com conta de luz e água, entre outras.

O CAQ também visa garantir uma jornada de sete a dez horas para os alunos e o piso salarial para todos os profissionais da educação, mas dependerá de regulamentação. “A constitucionalização do CAQ é inovação consentânea com os debates mais avançados em matéria de financiamento da educação”, afirmou Arns em seu relatório.

A proposta traz ainda novos critérios de distribuição dos recursos do fundo. Esses novos critérios ampliarão em 54% o número de redes de ensino beneficiadas pela complementação da União e, consequentemente, o número de alunos atendidos pelo recurso federal. A PEC prevê também a obrigatoriedade de disponibilização de informações e dados contábeis, orçamentários e fiscais por todos os entes federados.

“Assim, cuidemos de nossas crianças, cuidemos de nosso futuro, instituindo um novo Fundeb permanente, financeiramente robusto e com um compromisso solidário dos três níveis federativos no sentido de garantir educação de qualidade a todos”, disse Arns em seu relatório.

Secretaria da Educação do Estado realiza aula virtual de Biologia nesta sexta (21)

Imagem ilustrativa.

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) promove, nesta sexta-feira (21), mais uma aula on-line voltada para a preparação dos estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), pelo Projeto ENEM 100%. A aula será com o professor de Biologia, Ricardo Magalhães, com transmissão pelo canal do YouTube “Educação Bahia”.

As aulas virtuais do Projeto ENEM 100% acontecem sempre às terças-feiras e sextas-feiras, das 16h às 17h, e seguirão até 18 de setembro, envolvendo diferentes componentes curriculares. A iniciativa faz parte de uma série de atividades lançadas pela SEC para fortalecer a aprendizagem dos estudantes que irão prestar o exame. No Portal da Educação, o estudante ainda tem à sua disposição uma apostila que pode ser baixada, por aula, e a programação das próximas aulas que serão realizadas.

As provas do ENEM, na versão impressa, serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e, na versão digital, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

Termina hoje prazo para inscrição na lista de espera do Prouni

Os candidatos tem até esta quinta (20).

Fonte: Agência Brasil.

Os estudantes que não foram pré-selecionados em nenhuma das duas chamadas regulares do Programa Universidade para Todos (Prouni), para o 2º semestre deste ano, têm até hoje (20) para manifestar interesse em participar da lista de espera. A inscrição pode ser feita na página do Prouni e o resultado será divulgado na próxima segunda-feira (24).

Esta é a última etapa de seleção do programa. De acordo com o Ministério da Educação, a lista de espera será única para cada curso e turno, de cada local de oferta, ou seja, não haverá classificação por modalidade, como por cotas, por exemplo.

Pode participar da lista de espera, para o curso correspondente à primeira opção na inscrição, o candidato que não tenha sido pré-selecionado em nenhuma das chamadas regulares ou tenha sido pré-selecionado para a sua segunda opção de curso, mas por motivo de não formação de turma, tenha sido reprovado.

Para participar da lista de espera para o curso correspondente à segunda opção na inscrição, os critérios são os seguintes: que o candidato não tenha sido pré-selecionado em nenhuma das chamadas regulares; nas hipóteses de não ter ocorrido formação de turma na primeira opção de curso, ou de não haver bolsas disponíveis na primeira opção de curso; e, ainda, na situação de ter sido pré-selecionado para a primeira opção de curso, mas que por motivo de não formação de turma tenha sido reprovado.

Os estudantes da lista de espera que forem pré-selecionados para receber a bolsa devem comparecer às instituições de ensino até o dia 28 e entregar os documentos que comprovem as informações prestadas no momento da inscrição. Quem perder o prazo ou não comprovar os dados será desclassificado.

Prouni (mais…)

Faculdade de Ilhéus inicia atividades letivas do Semestre 2020.2

A Faculdade de Ilhéus inicia as atividades letivas do semestre 2020.2 a partir desta quarta-feira, 19 de agosto, para os alunos novos e veteranos dos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem, Engenharia Civil, Nutrição, Odontologia e Psicologia. Considerando as adversidades causadas pela pandemia da Covid-19, as aulas e outras ações serão realizadas através de plataformas digitais, como aconteceram no primeiro semestre após adotadas as medidas de distanciamento social, em março último.

Nesse novo contexto de pandemia, em que devem ser observadas as novas normas sanitárias, a instituição tem implementado métodos alternativos para dar continuidade às atividades acadêmicas e resguardar a qualidade do processo ensino-aprendizagem. “Inesperadamente, tudo mudou. E todos nós tivemos que nos adaptar para continuar oferecendo um ensino superior de qualidade, mesmo que de maneira remota”, avalia o diretor-geral da Faculdade, Almir Milanesi.

A estudante de Administração, Sandy Santana, declarou que essa fase representou ”um momento de muita adaptação para a instituição, professores e, principalmente, pra gente como aluno. Mas no final deu tudo certo. As nossas aulas, apesar de serem virtuais, foram muito interativas e participativas. Os professores conseguiram transmitir o conteúdo de uma forma muito clara e objetiva. A gente também contava com o apoio e suporte da coordenação do curso, que estava ali o tempo todo disponível. Eu tô morrendo de saudade das aulas presenciais e eu acredito que logo, logo, todos nós estaremos juntos de novo.”

Por sua vez, Thiago Araújo, estudante do curso de Direito, ressalta “a velocidade com que a Faculdade instituiu o sistema de aulas remotas, mesmo diante da incerteza de quantos dias ficaríamos em casa”. Maria Fernanda, também estudante de Direito, confessa: “fiquei encantada com a Faculdade, com a velocidade que ela se reinventou, porque em curtíssimo prazo de tempo já estávamos na modalidade on-line e cumprindo toda a carga horária e conteúdo programático e, o mais importante, com a mesma excelência do presencial”, acrescentou. (mais…)

Na vanguarda tecnológica a Faculdade Madre Thaís iniciou o segundo semestre

Foto: Ascom/FMT.

Na vanguarda tecnológica, a Faculdade Madre Thaís (FMT) iniciou o segundo semestre letivo com aulas remotas, em Ilhéus. Antes mesmo da pandemia, os professores já navegavam por algumas plataformas buscando experiência nessa área.

Com a necessidade criada pela pandemia provocada pelo novo coronavírus, as aulas tiveram que ser realizadas de forma remota e os conteúdos disponibilizados para todos os acadêmicos da Faculdade, de forma on-line.

Para viabilizar esse ambiente, visando aulas mais participativas, colaborativas, criativas e atrativas a FMT ofereceu treinamento, online, para o seu corpo docente, que continuará durante todo semestre e, para os seus alunos, a aula inaugural 2020.2 tratou da operacionalização do Microsoft Teams.

A FMT quer oportunizar meios eficientes para que os seus docentes proporcionem e acompanhem o progresso dos alunos em seus trabalhos diários. A expectativa é ampliar as possibilidades educacionais para utilizar diferentes mídias e tecnologias que apoiem o processo de ensino e de aprendizagem.

A professora Tatiana Barcelos, diretora acadêmica da FMT, disse que a instituição está conseguindo suprir as necessidades dos alunos mesmo neste momento de dificuldades. “É uma crise que ninguém esperava, mas a Faculdade Madre Thaís vem se capacitando em ambientes remotos, isso ajuda muito aos professores e também aos alunos. Apesar de acreditar que talvez tenhamos que ministrar as aulas dessa forma durante todo o semestre, já montamos cronograma de retorno presencial gradativo (atendendo as determinações das autoridades), porém o mais importante é termos a certeza que o aproveitamento dos alunos está sendo satisfatório”, disse Tatiana Barcelos.

Secretaria da Educação do Estado realiza aula virtual de Produção Textual nesta terça (18)

Imagem ilustrativa.

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) promove, nesta terça-feira (18), mais uma aula on-line voltada para a preparação dos estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), pelo Projeto ENEM 100%. A aula será com o professor de Produção Textual, Renato Dórea, com transmissão pelo canal do YouTube “Educação Bahia”.

As aulas virtuais do Projeto ENEM 100% acontecem sempre às terças-feiras e sextas-feiras, das 16h às 17h, e seguirão até 18 de setembro, envolvendo diferentes componentes curriculares. A iniciativa faz parte de uma série de atividades lançadas pela SEC para fortalecer a aprendizagem dos estudantes que irão prestar o exame. No Portal da Educação, o estudante ainda tem à sua disposição uma apostila que pode ser baixada, por aula, e a programação das próximas aulas que serão realizadas.

As provas do ENEM, na versão impressa, serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e, na versão digital, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro.