O DRAMA DE ROBERTO CARLOS

Roberto Carlos do Anjos, ilheense, 30 anos.
Nasceu com parilisia cerebral.
Sua irmã Raidalva (desempregada) carrega o sofrimento estampado no rosto e na alma.
Deu entrada no passe livre para o transporte coletivo em julho, mas, até agora nada.
Nunca recebeu um pacote de fraldas da secretaria de saúde de Ilhéus.
Assista o vídeo na TV Gusmão.



A “GRANDE POLÍTICA” DE JOSIAS GOMES

Josias e Gusmão

Se o poema de Drummond pudesse ser adequado à situação política do ex-deputado federal Josias Gomes, neste momento, com certeza ele seria assim: no meio do caminho tem duas pedras.

Na verdade, são dois rochedos que podem impedir o retorno do excelente parlamentar entre os anos de 2003 a 2007, à câmara dos deputados: o episódio do mensalão e o deputado federal Geraldo Simões.

O ex-prefeito de Itabuna é o maior oponente, e está dentro do mesmo partido. Geraldo pela forma como se refere ao “companheiro”, deixa subentendido que fará de tudo para minar o seu ex-secretário.

O outro obstáculo, ainda mais rígido, está fundamentado na seguinte questão: como convencer o eleitor, de que aquele que pretende cometer um erro, jamais deixa um documento se identificando?

Tirando estes dois empecilhos, Josias tem todas as condições para retornar ao parlamento, porque sem sombra de dúvida é um político hábil e agregador.

Além de muitas bases espalhadas pelo estado, hoje o PT ilheense está quase todo fechado com ele. O poder de convencimento deste pernambucano de 56 anos, radicado na Bahia, atraiu os dois “homens de confiança” de Dr. Ruy Carvalho (Gil Leal e Gerson Marques), que preferiram a companhia de Josias, do que seguir em frente com o médico de velhas batalhas.

Este é um pequeno exemplo da capacidade que Josias tem de atrair novos aliados, garantindo a permanência dos antigos, como o professor Edinei Mendonça, um “gomista” entusiasta.

O Blog do Gusmão bateu um papo com o petista PHD em política, que não se deixou levar pelo polemicismo deste blogueiro, saindo das perguntas “apertadas” com aquela malícia de dar inveja.

Pincipais destaques:

Quem é mais agregador Josias ou Geraldo?

Porque Geraldo tem má vontade explícita com Josias?

Dr.Ruy e o PT de Ilhéus: quem tem mais votos?

Josias no lugar de Rui Costa, menos problemas para Wagner?

Capitão Azevedo e Newton Lima: quem é o pior?

Ouça na Rádio Gusmão.

Duração: 22 minutos.

SECRETÁRIA DE SAÚDE ACUSA CONSELHO DE ESTAR MANIPULANDO INFORMAÇÕES

Secretária Marleide Figueiredo foto Mary Melgaço

O Blog do Gusmão entrevistou nesta sexta-feira (04) a secretária de saúde de Ilhéus, a enfermeira Marleide Figueiredo.

O tema que norteou a conversa foi o relatório elaborado pelo conselho municipal de saúde, apontando indícios de irregularidades na gestão dos recursos do SUS, administrados pelo governo Newton Lima.

Principais destaques.

Porque o aluguel da casa em ruínas no bairro Teotônio Vilela, além de ter sido renovado por duas vezes, também sofreu reajustes?

A secretária costuma receber pedidos de vereadores requerendo compras de passagens?

Algum vereador tem forte influência sobre a sua gestão na secretaria?

Porque a secretaria preferiu reformar imóveis alugados, permitindo que um imóvel da prefeitura (local que abrigou durante 20 anos um posto de saúde) permanecesse abandonado?

Perguntamos se ela admitia a existência de irregularidades surgidas na gestão do secretário anterior.

A secretária acusa o conselho de estar manipulando informações, considera que houve autoritarismo na reunião que aprovou o relatório, ao não permitir que a gestão se defendesse.

Insinua uma suposta “partidarização” das ações do conselho, mesmo sabendo que o relatório foi aprovado por 11 conselheiros, sendo que 6 votaram contra, 2 se abstiveram e 1 não compareceu à reunião (total de 20 votos).

Ouça a entrevista na Rádio Gusmão.

Duração: 25 minutos.

SAÚDE PÚBLICA DE ILHÉUS PODE ESTAR MERGULHADA EM UM “MAR DE LAMA”

É o que sugere a interpretação feita por este blogueiro, do relatório elaborado pelo conselho municipal de saúde, encaminhado ao ministério público para investigação.

O documento foi aprovado pelos conselheiros nesta terça-feira (01), e levanta fortes indícios de irregularidades na administração dos recursos da saúde pública dos ilheenses.

O Blog do Gusmão esteve hoje (quarta/02) na sede do conselho, e entrevistou o presidente Jorge Luís.

As denúncias são gravíssimas.

Clique aqui para baixar o relatório.

Veja na TV Gusmão.

PAULO SOUTO DEFENDE A RECONSTRUÇÃO DO ESTADO

O ex-governador Paulo Souto (DEM) desembarcou na tarde deste sábado (29), no aeroporto Jorge Amado, partindo para Camacan, onde se reunirá com o grupo da prefeita do município, Ângela Castro.

Na rápida passagem por Ilhéus, o Blog do Gusmão bateu um papo com o principal adversário do governador Jaques Wagner, conforme dizem as últimas pesquisas.

Veja na TV Gusmão.

“NEWTON, DE UMA GRANDE PROMESSA, SE TORNOU UM INVERTEBRADO POLÍTICO”

Entrevista do sindicalista Magno Lavigne ao Blog do Gusmão.

Sem sombra de dúvida, Magno é uma das personalidades mais inteligentes da política ilheense. Combativo e firme nas opiniões, em 2008, ele foi extremamente criticado por este Blog, por encampar uma defesa ardorosa do atual prefeito Newton Lima.

Agora, demonstrando mais experiência, Lavigne nos concedeu um excelente bate-papo.

“DEMOCRACIA NÃO É DEMOCRATISMO”

geddel 1Gusmão entrevista o ministro Geddel.

Para inaugurar a nova fase do Blog do Gusmão, fizemos uma entrevista com o ministro da integração nacional, Geddel Vieira Lima. A conversa foi gravada no domingo, 09 de agosto, dia dos Pais.

Principais destaques:

“Este é um drama que Fábio terá que enfrentar, não por falta de aviso”, Geddel comenta a situação do deputado estadual Capitão Fábio, que provavelmente não terá o apoio “exclusivo” do deputado federal Geraldo Simões (PT), em sua tentativa de reeleição.

“Trair como? Já que deixamos o governo diferentemente do que fizeram com o prefeito João Henrique, no momento que o governador ainda está em primeiro lugar nas pesquisas”, Geddel comenta a saída do governo, afirmando que não houve traição.

“Só me cabe agradecer! Estou pronto para conversar com todos”, ao comentar a simpatia que o prefeito de Ilhéus, Newton Lima, tem por ele, Geddel.

“Trair como? Deixamos o regaço confortável do poder, as varandas cobertas de Ondina, para nos submetermos a todo tipo de retaliação”, o ministro afirma que o PMDB decidiu pagar um preço alto, e que está na oposição.

Ouça na Rádio Gusmão.