Temporada de Cruzeiros deve trazer mais de 70 mil visitantes a Ilhéus

14 mil tripulantes e 70 mil visitantes são aguardados na próxima temporada, segundo Governo do Estado. (Foto: Tribuna da Bahia)

A expectativa de movimentação do Porto de Ilhéus durante a temporada de navios 2019/ 2020, que começa em dezembro é de mais de 14 mil tripulantes e 70 mil visitantes. Para atender a demanda, Governo do Estado, prefeitura local e trade turístico estarão alinhados para melhorar a qualidade dos serviços aos turistas.

Nessa última quinta-feira (22), o secretário do Turismo do Estado, Fausto Franco se reuniu com o comandante da capitania dos porto, Giovane Andrade, com o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, com o presidente da Codeba, José Alfredo, comandante da 68º Companhia de Polícia Militar, representantes dos cruzeiros, secretários de turismo e cultura, infraestrutura, mobilidade e ordem pública e demais representantes do segmento.

Entre os assuntos tratados estão a segurança do passageiro, desde o atracamento do navio, até a ida dos turistas à cidade e o retorno à embarcação. De acordo com o Presidente da Codeba, José Alfredo, essa iniciativa é fundamental para que “tudo corra bem, pois em um único dia vamos receber 8.500 turistas, com a chegada de dois navios no dia 3 de dezembro”.

De acordo com Franco, esta é uma oportunidade para o turismo local, pois essas pessoas movimentam toda a cadeia produtiva, desde alimentação, bebidas, taxis, aluguel de vans, aquisição de souvenir, dentre outros. De acordo com a associação dos navios, cada turista de cruzeiro, gasta mais de R$500 quando está visitando uma cidade. Informações da Secom Ba.

Paulo Machado assume coordenação da 13ª Ciretran, em Ilhéus

Paulo Machado reassume cargo de coordenador da 13ª Ciretran.

Foi publicado na edição do Diário Oficial do Estado a nomeação do novo coordenador da 13ª Ciretran, em Ilhéus. De acordo com a publicação, Paulo César Matos Machado assume o cargo desde o dia 11 de agosto. A nomeação de Paulo Machado foi assinada por Rodrigo Pimentel, do Depatamento Estadual de Trânsito, e atenderia uma indicação do grupo político do ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro. Machado, que já assumiu a função no passado, substitui “Dr. Rodrigues”, indicado pela ex-deputada estadual, Ângela Sousa, mãe do atual prefeito do município, Mário Alexandre.

Vereador chama universitários de “vagabundos” e OAB “defensora de bandidos”

“Dr. Aldemir”. (Foto: Chico Andrade)

O vereador Aldemir Almeida (PP) usou o seu expediente na sessão de ontem (terça, 20) da Câmara de Vereadores de Ilhéus para fazer declarações contra estudantes universitários e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

No início de sua sua fala, registrada na íntegra no vídeo abaixo, “Dr. Aldemir” – que também é médico – afirma que “violência se combate com violência” e prossegue.

“Você vê essa vagabundagem que se chama de universitário hoje, um bando de vagabundo, 10 anos na faculdade, não estudam (…) principalmente determinados cursos; sociologia, teatro e outras porras mais que tem por ai”, disse.

Em seguida, Dr. Aldemir também afirmou que a UNE (União Nacional dos Estudantes) é uma “quadrilha que recebe milhões e milhões”. Por fim, o vereador se mostrou surpreso com o fato de entidades como a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) defendam “essa criminalidade”, citando casos em que policiais “matam um indivíduo desses”. Para Dr. Aldemir, a “OAB não serve para porra nenhuma, a não ser para defender bandido”.

Em nota, o DCE (Diretório Central de Estudantes) da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) lamenta que o parlamentar “incite o ódio contra estudantes universitários e entidades estudantis, nesse momento em que a educação sofre vários ataques em seu direito de existir em nosso país”.

A OAB local e o Partido Progressista ainda não se pronunciaram sobre a fala do vereador.

Maçons receberão homenagem na sessão dessa terça-feira

Lei fez a data comemorativa entrar no calendário cultural do município.

Na sessão da dessa terça-feira, acontecerá na Câmara de Vereadores de Ilhéus uma homenagem ao Dia do Maçom, comemorado todo dia 20 de agosto.

Ilhéus possui a Lei nº 3.915, cujo projeto, de iniciativa do vereador Fabrício Nascimento foi proposto através do projeto de lei nº 72/2017, e fez a data comemorativa entrar no calendário cultural do município.

A lei tem como justificativa homenagear a instituição milenar que luta contra as desigualdades sociais e ao longo do tempo vem prestando um serviço de importância para a cidade, através de projetos sociais e ações beneficentes, seguindo os preceitos do respeito e da fraternidade.

Ilhéus possui seis lojas maçônicas sendo elas L. M. Elias Ocké, L.M. Regeneração Sul Bahiana, L.M. Vigilância e Resistência, L.M. Universitária, L.M Amparo e União e L.M. Sabedoria, Equilíbrio e Poder.

De acordo com Fabrício, “várias cidades da Bahia e do Brasil comemoram essa data e através desta lei, podemos lembrar e parabenizar estes homens que transformam a sociedade com suas ações”.

O vereador, através de requerimento, solicitou ao plenário a participação de alguns maçons durante a sessão ordinária para que eles possam ser homenageados e também expliquem um pouco sobre a instituição.

Exclusivo. Nova sentença não considera que táxi-lotação seja crime; juíza afirma que transporte coletivo de Ilhéus não é eficiente

Lotação apreendida pela prefeitura. Imagem: Gidelzo Silva/Secom-Ilhéus.

A controversa batalha da Prefeitura de Ilhéus contra os motoristas de lotação ganhou um novo capítulo.

Em nova sentença, a juíza Raquel Ramires François, da 1ª Vara do Sistema dos Juizados de Ilhéus, inocentou outro motorista de lotação acusado de praticar o crime de contravenção penal.

A magistrada manteve entendimento aplicado em agosto de 2017, num caso parecido, que considerou o transporte clandestino de passageiros como “infração administrativa”.

Posteriormente, o Ministério Público do Estado da Bahia recorreu e o TJ-BA determinou que o processo fosse reiniciado. No entendimento da desembargadora Mariah Fonseca, táxi- lotação é crime (veja aqui).

Na última sentença de 1ª instância, assinada no dia 02 de agosto deste ano, Raquel François considerou não existir notícia de que o motorista Danilo Santos Costa (o acusado) tenha “simulado a condição de taxista, enganando os passageiros”.

A juíza também criticou o sistema se transporte coletivo de Ilhéus e expressou que os passageiros aderem ao serviço de táxi-lotação “pela notória falta de um sistema de transporte coletivo urbano eficiente”.

Na visão dela, “o próprio Estado obriga a população a inventar alternativas de locomoção urbana, não sendo legítimo que venha punir penalmente os cidadãos subjugados a essa estrutura”.

O motorista Danilo Santos Costa foi defendido pelo advogado Jacson Cupertino.

Veja a decisão.

Gongombira realiza bate-papo com Mãe Ilza Mukalê após exibição de filme

A Organização Gongombira de Cultura e Cidadania promove na próxima quinta-feira, 22, a partir das 19 horas, no Terreiro de Matamba Tombenci Neto, a exibição gratuita do filme Mokambo: Nguzo Malunda Bantu, com direção de Soraya Mesquita.

O filme retrata a riqueza cultural trazida da África pelos povos de origem Bantu (primeiros escravizados a chegar no Brasil, Sec. XVI) que muito contribuiu para a formação da identidade do povo brasileiro, como a criação do samba, da capoeira, do candomblé, das irmandades religiosas e da culinária com dendê.

Após o filme, será realizado um bate-papo com a presença de Mãe Ilza Mukalê, matriarca do terreiro, Tata Marinho Rodrigues, presidente da ONG Gongombira, Valéria Amim, pesquisadora do Kàwé/Uesc e makota do terreiro e Tata  Konmannanjy, presidente da Associação Nacional Cultural de Preservação do Patrimônio Bantu (Acbantu).

Defesa Civil alerta para chuva volumosa em Ilhéus

A previsão é que o índice pluviométrico chegue a 50 milímetros nesta sexta-feira (16)

A Defesa Civil emitiu um alerta de chuva intensa para o município nos próximos dias. A previsão é que o índice pluviométrico chegue a 50 milímetros nesta sexta-feira (16). O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) indica que até o domingo (18), a probabilidade de chuva na cidade possa chegar a 90%.

As áreas de instabilidade estão com o solo encharcado, o que pode ocasionar situações adversas, é o que informa Joandre Neres, coordenador da Defesa Civil no município. Segundo ele, as equipes estão de prontidão para ocorrência de situações emergenciais provocadas pelas fortes chuvas.

A previsão é que a chuva perca a intensidade a partir da terça-feira (20), com índice de cinco milímetros. O órgão orienta que na ocorrência de possíveis eventualidades, a população entre em contato através dos números (73) 98836-2753 ou (73) 98178-2255. Informações da Secom de Ilhéus.

Ilhéus: resíduos sólidos descartados em eventos deverão ser encaminhados para reciclagem

Realizadores e organizadores de evento terão mais uma obrigação ao realizar um evento em Ilhéus: realizar a coleta seletiva e destinar os resíduos sólidos para as cooperativas e/ou associações de materiais recicláveis inscritas no município de Ilhéus.

O projeto de Lei de nº 067/2019 quer tornar obrigatório às empresas que realizam eventos no município, a coletar todos os resíduos sólidos a serem descartados no evento. Latinhas, lacre de latinhas, garrafas e tampinhas plásticas, papelões, ferros, vidros, entre outros materiais, deverão ter seu destino orientado pela empresa que organizar qualquer tipo de evento no município de Ilhéus.

O projeto de lei cabe a qualquer tipo de evento, seja ele público ou privado, e que esteja classificado tanto como pequeno ou como grande gerador de Resíduos, em consonância com a Lei Federal 12. 305/2010. Nos casos de desobediência a esta lei, os infratores estarão sujeitos à multa de R$ 10.000,00 (dez mil reais), devendo ser dobrado em caso de reincidência.

Centro de Controle de Zoonoses de Ilhéus oferece vacinação gratuita para cães e gatos

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Ilhéus vai promover entre os dias 14 e 30 de agosto um mutirão de vacinação antirrábica de cães e gatos. A iniciativa visa percorrer 11 bairros do município. O distrito do Couto, na zona sul do município será a primeira localidade a receber os agentes do centro, na próxima quarta-feira, 14.

De acordo com Aloísio Leite, coordenador da unidade, a estimativa é que sejam vacinados sete mil animais. Explica que medidas cautelares imediatas devem ser tomadas para a prevenção da doença, como vacinar os animais de estimação, contatar o controle de zoonoses quando achar um animal sem dono na rua, entre outras, podem diminuir de forma significativa os índices de transmissão.

A raiva é uma doença infecciosa que acomete mamíferos e pode ser transmitida através da mordida de animais como os cachorros, lambida em feridas abertas, mucosas ou arranhões. Em humanos, os sintomas são: náuseas, vômitos, mau humor, espasmos musculares intensos na faringe e laringe, com dores no momento de engolir algum alimento ou líquido.

Veja o calendário do mutirão.

Os agendamentos para castração gratuita de cães e gatos são realizados todas as sextas-feiras. São distribuídas 25 senhas e os interessados devem comparecer à unidade, das 7h30min às 12h, na Rodovia Ilhéus-Itabuna, entrada do bairro Teotônio Vilela, portando documento de identificação com foto. O agendamento está suspenso, contudo a partir do dia 23 de agosto o serviço será retomado.

Informações adicionais como horário e data do procedimento serão repassadas no ato do agendamento.

Da Secom-Ilhéus.

Defensoria Pública faz exames de DNA gratuitos em campanha sobre paternidade responsável

3232

Entre os dias 12 e 14 de agosto, a Defensoria Pública do Estado da Bahia – DPE/BA estará disponibilizando exames de DNA gratuitos e orientações jurídicas sobre o tema, em Ilhéus. O procedimento é realizado por meio da Ação Cidadã Sou Pai Responsável e acontece na sede da Defensoria, situada na Rua Rotary, edifício Office, 3º andar, no bairro Cidade Nova. Quem deseja ter a paternidade reconhecida, deve estar acompanhado da genitora e do suposto pai, além de apresentar a Certidão de Nascimento, RG, CPF, e comprovante de residência de todos os envolvidos.

A Ação Cidadã Sou Pai Responsável é uma iniciativa da Defensoria Pública da Bahia com o objetivo de contribuir para que o direito ao reconhecimento da paternidade seja garantido sem necessidade de ingressar com uma ação na Justiça.

Serviço:

O quê: Ação Cidadã Sou Pai Responsável com a realização de exames de DNA gratuitos.

Onde: Sede da DPE em Ilhéus (Rua Rotary, edifício Office, 3º andar, no bairro Cidade Nova).

Quando: Entre 12 e 14 de agosto.

Quanto: Gratuito.

Embasa monta ponto de atendimento presencial no Alto do Amparo

Alto do Amparo e trecho do Alto da Legião. Imagem aérea: José Nazal.

A Embasa vai levar serviços, informação e brindes aos moradores do Alto do Amparo e Alto Legião nesta quarta-feira, 14, de 09 às 17h, na sede da ONG Amparo Melhor. A ação faz parte das atividades do programa “Com+Água”, que visa diminuir as perdas na distribuição – oriundas de vazamentos de redes, ramais e hidrômetros – assim como as perdas provocadas por fraudes comerciais (“gatos”, adulterações e religações indevidas).

“Alto do Amparo e Alto Legião apresentam elevados índices de consumidores em débito e também de fraudes, que prejudicam o abastecimento dos consumidores regulares. Isso nos leva a uma aproximação maior com a comunidade para, de forma cordial, apresentar possibilidades de negociação facilitada que permitam regularizar a situação. Também prestaremos informações sobre tarifas, especialmente a tarifa social, que possui pré-requisitos de enquadramento”, destacou o gerente do escritório local de Ilhéus, José Lavigne. Todos os outros serviços da loja de atendimento, como emissão de segunda via de conta, estarão disponíveis no local.

O Com+água foi apresentado e recebeu contribuições das lideranças comunitárias dia 09 de maio. Foram realizadas atividades socioeducativas e inspeções multidisciplinares, que apontaram as demandas de água e esgoto e novas áreas de ocupação; e estão em andamento estudos para otimizar a distribuição de água tratada. O Teotônio Vilela também está no foco das ações do programa e um ponto de atendimento presencial foi montado no bairro dia 17 de julho, dentro do mutirão promovido pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Vilela.

O escritório local da Embasa em Ilhéus atua, desde 2005, no combate às perdas de água e na implantação de melhorias em seu sistema de abastecimento, sendo o primeiro município do norte-nordeste contemplado por chamada pública do Ministério das Cidades. Desde então, mais de 65 mil pessoas foram mobilizadas e investimentos de R$ 2 milhões de reais foram aplicados em ações como substituição e extensão de redes, aquisição de equipamentos e capacitações internas.

Exclusivo. Governo Marão paga R$ 2.5 milhões em juros por atrasos no recolhimento do INSS, acusa Uildson Nascimento

Prejuízos causados por Marão foram revelados por Uildson Nascimento. Fotos: Secom-Ilhéus e O Tabuleiro.

Em primeira mão.

A gestão iniciada pelo prefeito Mário Alexandre em janeiro de 2017 causa prejuízos e danos às contas do município, afirma o contabilista Uildson Nascimento, ex-secretário municipal e ex-diretor de planejamento da secretaria de saúde de Ilhéus.

De posse de documentos oficiais levantados junto à Receita Federal, por meio da Lei de Acesso a Informação, Uildson afirmou ao BG nesta sexta-feira, 9, que entre janeiro de 2017 e maio de 2019, o governo Marão pagou R$ 2.5 milhões a título de juros pelo atraso no recolhimento de encargos sociais (INSS). A irresponsabilidade financeira também não tem respeitado as datas de vencimento dos parcelamentos junto ao “leão”.

Segundo o ex-secretário, o pagamento de juros como efeito da incompetência da gestão é inadmissível no momento em que a saúde de Ilhéus beira o caos. Há falta de profissionais, insumos e grande parte dos procedimentos de média e alta complexidade são negados à população. Vários postos de saúde não marcam exames por não haver sinal de internet disponível e não há recolhimento dos resíduos hospitalares.

Uildson disse que pretende comunicar sua descoberta aos órgãos de controle externo e aos Ministérios Públicos Estadual e Federal, para que seja proposta ação judicial por ato de improbidade administrativa contra Marão.  O objetivo da medida é propiciar que o município recupere os recursos gastos com o prejuízo causado pelo prefeito.

Infelizmente o Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia (TCM-BA), ao julgar as contas do prefeito referentes ao exercício de 2017, “comeu mosca” por não apontar a grave ilegalidade, explicou Uildson Nascimento.

O BG enviou mensagens ao secretário de comunicação, Hélio Ricardo, pedindo esclarecimentos. Não conseguimos resposta. O espaço está aberto para a versão do governo.

Veja o relatório da Receita Federal.

Piloto de jet ski agride mulher grávida na Sapetinga

Momento da agressão. Foto enviada por Roberto Chaussê.

Uma mulher gestante foi agredida por um piloto de jet ski não identificado no último sábado, 03, por volta das 17h45min., na Baía da Sapetinga em Ilhéus.

A moça, de 22 anos, está no nono mês de gestação e fazia um ensaio fotográfico nas margens da baía, onde o fotógrafo Roberto Chaussê aproveitava o belo pôr do sol para fazer imagens de perfil artístico.

O piloto de jet ski se aproximou do local em que a moça estava e fez uma manobra conhecida como “cavalo-de-pau”. A gestante foi completamente molhada e o equipamento do fotógrafo foi seriamente danificado.

A mulher, segundo Chaussê, ficou em estado de choque e muito constrangida. Ela prefere não se identificar.

Chaussê estava com a câmera fotográfica ligada e conseguiu fazer imagens do momento da agressão. O número que identifica o jet ski também foi gravado. Veja.

Número de registro do jet ski. Foto: Roberto Chaussê.

Atualizado às 20h10min.

As imagens do momento da agressão publicadas nesta reportagem foram enviadas por Roberto Chaussê, mas não foram feitas por ele. São de uma terceira pessoa que acompanhou o ensaio fotográfico com um smartphone.

Morte de bebê no Hospital Vida Memorial: exame sobre causa vai ficar pronto em 30 dias

Lorenzo. Foto do arquivo familiar.

O bebê Lorenzo, de 1 ano e 2 meses, que faleceu no Hospital Vida Memorial na última sexta-feira, 02, em circunstâncias aparentemente duvidosas, segundo a família (veja aqui), foi sepultado no sábado, 03, no cemitério de Ponta do Ramo, em Ilhéus.

Antes do funeral, o Departamento de Polícia Técnica (DPT) realizou perícia no corpo. Por meio da coleta de sangue, espera-se que o exame de necrópsia determine se o bebê recebeu ou não alguma substância contraindicada no organismo, como desconfiam alguns familiares. O resultado do exame ficará pronto em 30 dias.

Vale ressaltar que até o momento não há nenhuma prova, apenas desconfianças.

A família, principalmente os pais, demonstra revolta com o caso. Porém, a partir da ampla repercussão os genitores de Lorenzo decidiram agir com cautela e não querem conceder entrevista à imprensa.

Neste link, publicamos a nota de esclarecimento do Vida Memorial.

 

 

Mais uma criança morre no Hospital Vida Memorial

Imagem ilustrativa.

Uma criança de 1 ano e 2 meses faleceu em circunstâncias aparentemente duvidosas nesta sexta-feira, 02, no Hospital Vida Memorial, de Ilhéus.

O bebê, de primeiro nome “Lorenzo”, deu entrada na manhã de ontem no hospital por estar com o corpo quente e com febre. Segundo relato de familiares, exames detectaram que ele estava com uma infecção, por isso ficou internado.

Hoje a criança amanheceu bem melhor. Os avós chegaram a gravar um vídeo em que Lorenzo aparece no berço brincando e mais animado.

O caso teve um desfecho trágico depois das 17 horas. Após tomar uma sopa, a criança faleceu levando os pais ao desespero.

Funcionários afirmam que o bebê morreu sufocado após ter um “refluxo”. Os pais desconfiam de erro no tratamento, pois Lorenzo faleceu logo após receber uma injeção.

Outra mãe, cujo filho também estava internado, viu o momento em que a injeção foi aplicada e contou à família. Ela se dispôs a servir de testemunha para que o caso seja investigado.

Especialista ouvido pelo BG disse que o fato requer cuidado na análise,  e sobretudo, investigação. A perda de uma criança desespera os pais profundamente e a busca por culpados pode resultar em acusações injustas.

De acordo com o advogado Mesaque Soares, nos últimos 8 dias três crianças faleceram no Vida Memorial. O menino Leon, de 4 anos, uma criança filha de indígenas por falta de UTI infantil, e hoje o bebê Lorenzo. O advogado representa os familiares de duas crianças falecidas.

O BG tentou ouvir a direção do Hospital Vida Memorial, mas devido ao adiantado da hora não conseguimos falar com ninguém. 

Atualizado às 21h45min.

Leia a nota de esclarecimento do hospital.