RUA ABANDONADA NA CIDADE NOVA

E-mail e foto enviados por um morador.

Gusmão, essa é a rua 14 de agosto, na Cidade Nova, aqui em Ilhéus.

Pelo tamanho do mato que tomou conta da calçada, subtende-se, de que já foi estabelecida uma competição com o muro do estádio Mário Pessoa.

Quem é o maior?

O mato, pelo que tudo indica, daqui a um tempo será tão grande quanto o muro do Mário Pessoa.
O mato, pelo que tudo indica, daqui a um tempo será tão grande quanto o muro do Mário Pessoa.

PAULO SOUTO DEFENDE A RECONSTRUÇÃO DO ESTADO

O ex-governador Paulo Souto (DEM) desembarcou na tarde deste sábado (29), no aeroporto Jorge Amado, partindo para Camacan, onde se reunirá com o grupo da prefeita do município, Ângela Castro.

Na rápida passagem por Ilhéus, o Blog do Gusmão bateu um papo com o principal adversário do governador Jaques Wagner, conforme dizem as últimas pesquisas.

Veja na TV Gusmão.

PROPINAGEM NA SECRETARIA DE TRANSPORTES

Na última quinta-feira (27), o Blog do Gusmão entrou em contato com o secretário de transportes Carlos Freitas, para conceder a ele e ao fiscal Lúcio, direito de resposta sobre a denúncia publicada por este Blog, da existência de um esquema de propinas que estariam sendo cobradas de alguns motoristas de taxi-lotação. Os denunciados não deram resposta.

O motorista Ademarildo, autor da denúncia, afirmou que o secretário Carlos Freitas e o chefe do setor Jorge Farias já tinham conhecimento da possível existência de um “propinoduto” montado pelo fiscal, que estaria exigindo R$ 20,00 por dia de cada condutor. O denunciante afirmou que Freitas teria dito que Lúcio é uma pessoa de “confiança”, e que por isso, não deu importância ao fato.

Informações “palacianas” que chegaram ao Blog do Gusmão, na noite dessa sexta-feira (28), indicam que a ordem é não dar repercussão ao caso, para que mais problemas não surjam, envolvendo a secretaria de transportes.

VEREADORES COBRAM DA COELBA EXPLICAÇÕES SOBRE APAGÕES

ASCOM: câmara de vereadores.

DSC00296Aconteceu na tarde de ontem (27), uma reunião na Câmara de Ilhéus com representantes da Coelba, empresa que fornece energia elétrica no Estado. Estavam presentes à reunião os vereadores, Alcides Kruschewsky, Aldemir Almeida, o presidente do Legislativo Jailson Nascimento, o advogado Pedro Sanches e os representantes da Coelba: Ricardo Valente Gerente de Planejamentos Geral, Joubert Meneguelli Superintendente de Operações, Omar Nascimento Gerente de Operações Regionais e Carlos Morais Gestor de atendimento.

Recentemente, Ilhéus passou por um apagão que durou sete horas consecutivas em toda a cidade. Entretanto as diversas quedas e faltas de energia tão comuns na cidade tem gerado uma série de reclamações e indignações em toda a população. Diante disto, os vereadores convidaram representantes da Coelba a dar explicações.

(mais…)

PREFEITURA DE ILHÉUS DÁ “CALOTE” NO “VALE MAIS”

O cartão “Vale Mais” permite aos servidores municipais de Ilhéus efetuar compras e empréstimos no valor equivalente a 30% do vencimento de cada funcionário.

O dinheiro é descontado na folha de pagamento, e a partir daí, repassado à administradora do cartão.

Sem explicar os motivos, a prefeitura está descontando dos funcionários, mas, não está pagando a empresa que gerencia o cartão.

A dívida ultrapassa 500 mil reais, e segundo informações, está sendo paga a conta-gotas, causando por muitas vezes a suspensão do serviço, aborrecendo muitos servidores quando precisam fazer uso do crédito.

PREFEITURA NÃO INCLUI ILHÉUS NO FUNDO DE HABITACÃO DE INTERESSE SOCIAL

A prefeitura de Ilhéus não incluiu a cidade no Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social (FNHIS), que aplica recursos do Orçamento Geral da União e do Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Social – FAS, na aquisição, construção, conclusão, melhoria, reforma, locação social e arrendamento de unidades habitacionais.

O site do ministério das cidades explica que o fundo “tem como objetivo principal implementar políticas e programas que promovam o acesso à moradia digna para a população de baixa renda”.

Dados da Caixa Econômica Federal apontam que Ilhéus precisa de 12.000 moradias para acomodar dignamente a população carente do município. A não inscrição no FNHIS significa mais uma oportunidade perdida, de amenizar essa situação.

Marcos Alan, diretor de projetos e engenharia da prefeitura de Itabuna, informou ao Blog do Gusmão, que o município apresentou uma proposta de complementação das obras do PAC no bairro Maria Pinheiro, orçada em 50 milhões de reais. As melhorias que estão sendo realizadas no local, infelizmente, não darão conta de todo o bairro. Os recursos do FNHIS, caso sejam disponibilizados, servirão para atender toda a comunidade.

As prefeituras de Camaçari, Luís Eduardo Magalhães, Salvador e Itaberaba foram pré-selecionadas, já Ilhéus, infelizmente não consta na lista.

PRAÇA SANTA RITA: DUAS REFORMAS EM MENOS DE UM ANO II

conquista1O Blog do Gusmão esteve no bairro da Conquista, na última segunda-feira, dia 24, para ouvir a opinião de alguns moradores sobre a nova reforma da praça Santa Rita (duas em menos de 1 ano).

Conversamos principalmente com um grupo de pessoas que costuma jogar dominó no local, composto em sua maioria por senhores aposentados.

A prefeitura não foi responsabilizada pela má qualidade do serviço concluído em setembro de 2008.  A qualidade do que foi feito agradou. Grande parte dos depoimentos convergiu para culpar o vandalismo que toma conta da praça à noite, como o verdadeiro responsável pela destruição da “Santa Rita”.

Foi dito que o único erro do poder público municipal, diz respeito à ausência de guardas municipais no período noturno, justamente quando “os vândalos” começam a agir. Há um espaço para abrigar os vigilantes, mas, poucas vezes foi utilizado.

O secretário Carlos Freitas nos disse que a nova reforma não será realizada por empreiteiros, e sim, por pedreiros da prefeitura em um esforço conjunto. Segundo Freitas, a guarda municipal não está habilitada para fazer vigilância noturna de praças.

A técnica em paisagismo Kátia Silva informou que os artefatos colocados na reforma anterior estão no parque de operações, e serão aproveitados em outros locais.

O Blog do Gusmão espera que depois de concluída a recuperação do espaço, que se faça uma campanha de conscientização junto à comunidade para garantir a sua preservação.

Não conseguimos entender o funcionamento da guarda municipal, capaz de fazer a segurança na Central de Abastecimento do Malhado (inclusive à noite), e em diversos outros prédios da administração, mas que, infelizmente, não pode dar conta das praças. Carecemos de uma melhor explicação.

CONFIRMADO: RUY CARVALHO DEIXA O PT

Por volta das 18:35 horas, desta quarta-feira (26), o médico Ruy Carvalho comunicou a direção do PT de Ilhéus que está deixando o partido.

O ex-petista se disse inconformado com a falta de prestígio no governo do estado, e lamentou que hoje, os adversários de Wagner em 2006, estejam ocupando os principais espaços na máquina administrativa.

Ruy nega que esteja indo para o PV,  e ressaltou que o seu coração continuará vermelho, tal como a estrela do PT.

CÂMARA DE ILHÉUS APROVA PROJETOS

ASCOM: câmara de vereadores de Ilhéus.

Na tarde do último dia 25 de agosto, a câmara de ilhéus votou importantes projetos que beneficiarão a sociedade em diferentes áreas entre as quais esporte e segurança. O vereador Paulo Carqueija apresentou dois projetos. Um deles obriga os bancos a disponibilizarem seguranças nos caixas eletrônicos nas agências bancárias. “Esta medida assegura aos usuários desde serviço segurança, afinal muitas vezes o cidadão esta lá, no caixa eletrônico exposto ao bandido, então o serviço de segurança garante a integridade das pessoas”, afirmou o vereador Paulo Carqueija que também apresentou o Projeto de Lei que Reconhece de Utilidade Pública a Associação de Boxe Grande Campeões – ABGC.

O vereador Tarcisio apresentou projeto que obriga a manutenção de valas e buracos abertos nas vias e passeios públicos. O projeto do vereador tem como base as inúmeras queixas recebidas devido a má conservação das vias após a abertura de valas e buracos. “Eles abrem, fazem o serviço, ou não, e depois vão embora, deixando pra trás um monte de dor de cabeça aos moradores”.

(mais…)