“SÓ AS BOAS RELAÇÕES” PODEM SALVAR CONTAS DE JABES NO TCM

Jabes terá que usar seu bom relacionamento nos bastidores do TCM.
Jabes terá que usar seu bom relacionamento nos bastidores do Tribunal de Contas.

O Tribunal de Contas dos Municípios incluiu na pauta dessa quinta-feira, 27, a análise do balanço da Prefeitura de Ilhéus do exercício financeiro de 2013. O Conselheiro José Alfredo Rocha será o relator. Conversamos com o contabilista Uildson Nascimento sobre a expectativa pelo resultado. Ex-secretário de Saúde de Ilhéus e ex-auditor da Secretaria de Saúde de Itabuna, ele analisou o relatório de gestão publicado pelo governo. Uildson foi taxativo ao apresentar sua avaliação. “Na minha humilde opinião, as contas serão rejeitadas”.

Os motivos para a rejeição das contas são, pelo menos, quatro. Primeiro, em 2013, o governo não alcançou a meta fiscal estabelecida pela Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2012. O município se comprometeu em atingir resultado primário de R$ 15.061.201,01, mas, não passou de R$ 12.821.704,72. A prefeitura superestimou a arrecadação de 2013, quando previu receita de R$ 376.003.322,32, porém, arrecadou apenas 68,95% dessa previsão (R$ 259.272.539,73).

Para Uildson Nascimento, apesar do valor ter sido fixado na gestão anterior, o prefeito seguinte deveria ter enviado à Câmara de Vereadores um projeto de lei propondo revisão de valores na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e na Lei Orçamentária Anual (LOA). Jabes pode enfrentar problemas tanto no TCM quanto na justiça, pois desrespeitou as lei federal n° 10.028, de 19 de outubro de 2000 (que instituiu crimes contra as finanças públicas), a Lei de Responsabilidade Fiscal e a própria LDO Municipal/2012.

Segundo motivo: o governo Jabes investiu apenas 25,23% da receita em educação. Quando glosarem as despesas (readequarem a conta) o investimento poderá ficar abaixo do mínimo exigido pela Constituição Federal (art. 212). 

Terceiro: o investimento em ações e serviços de saúde foi tímido, apenas 16,14%. Com as glosas das despesas, esse percentual pode ficar abaixo dos 15% exigidos pela Lei Complementar 141/2012.

Por último: com 67,90% da receita corrente líquida comprometida com o pagamento do funcionalismo, o município ultrapassou o limite de 54% determinado pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

Ainda de acordo com Uildson, “só as boas relações” do prefeito Jabes Ribeiro (PP) podem ajudá-lo a conseguir a aprovação das contas “com ressalvas”. Mesmo se forem rejeitadas pelo TCM, JR conseguirá aprová-las na Câmara de Ilhéus onde controla a maioria dos vereadores.

WAGNER LAMENTA A MORTE DE JOÃO UBALDO RIBEIRO

Escritor baiano morreu na madrugada dessa sexta, 18.
Escritor baiano morreu na madrugada dessa sexta, 18.

Em nota de pesar, o governador Jaques Wagner lamentou a morte do escritor baiano João Ubaldo Ribeiro, aos 73 anos, na madrugada dessa sexta-feira (18): “A obra deixada por João Ubaldo Ribeiro nos auxilia, neste momento, a superar a dor pela sua perda. Imortal das academias de letras do Brasil e da Bahia, irônico e bem-humorado, soube como poucos desvendar as entranhas da epopeia brasileira. Sua crítica social muitas vezes incomodava, porém também apontava caminhos. Ubaldo é leitura essencial para quem quiser contribuir para a construção de uma sociedade melhor. Minhas condolências aos familiares e amigos”, disse o governador.

Nascido em Itaparica, João Ubaldo Ribeiro ganhou, em 2008, o Prêmio Camões, o mais importante da literatura em língua portuguesa. Desde 1993, o escritor ocupava a cadeira número 34 da Academia Brasileira de Letras. Em 2012, ele tomou posse na Academia de Letras da Bahia, em substituição ao acadêmico Cláudio Veiga. João Ubaldo Ribeiro morreu no Rio de Janeiro, onde seu corpo será velado a partir das 10 horas, na sede da Academia Brasileira de Letras (ABL). 

PMDB E DILMA PODEM RACHAR, PROFETIZA GEDDEL

Geddel anuncia o possível fim da aliança nacional entre PT e PMDB.
No calor do Opaba Praia Hotel, Geddel anunciou o possível fim da aliança nacional entre PT e PMDB.

Na tarde de hoje, o ex-ministro da integração nacional, Geddel Vieira Lima, esteve em Ilhéus.

No Opaba Praia Hotel, diante de lideranças do PMDB, vereadores e profissionais de imprensa, Geddel analisou o quadro político atual.

Segundo o ex-ministro, em oito estados, especificamente na Bahia, Pernambuco, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro o PMDB demonstra insatisfação com a aliança nacional. 

Essas divergências locais podem levar o PMDB a não apoiar a reeleição da Presidenta Dilma Rousseff (PT).

Geddel afirmou que o segmento do Vice-Presidente Michel Temer não é hegemônico, ou seja, não controla o PMDB. Uma pré-convenção programada para março pode mudar os rumos do partido.

Perguntado sobre o seu distanciamento da Presidenta Dilma, Geddel negou que tenha ocorrido. Entretanto, enfatizou que na Bahia, o palanque do PMDB  será de total oposição ao governador Jaques Wagner (PT).

REBELDIA PROGRAMADA?

Escuta e Benevides, do PP, estão firmes com Geddel.
Escuta e Benevides, do PP, estão firmes com Geddel.

O Prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, tende a apoiar o candidato do governador Jaques Wagner nas eleições do ano que vem.

Na teoria, os vereadores do seu partido (PP) também deverão firmar compromisso com o nome indicado pelo “galego”.

Não necessariamente.

Na tarde dessa quinta-feira, no Opaba Praia Hotel, dois vereadores “pepistas” definiram apoio ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB).

Luiz Carlos Escuta e Rafael Benevides não estão dispostos a seguir a recomendação do prefeito.

Das duas uma: os vereadores são rebeldes, ou, Jabes está jogando para todos os lados para ver que bicho vai dar.

SEGUNDO ALISSON, JABES VAI TRAIR WAGNER

Alisson Mendonça.
Alisson Mendonça.

Na tarde de ontem, na câmara de Ilhéus, o vereador Alisson Mendonça (PT) pôs em dúvida o apoio do prefeito Jabes Ribeiro ao candidato do governador Jaques Wagner, Rui Costa, nas eleições de 2014.

Alisson afirmou que para ganhar fôlego,  Jabes vai exigir algumas obras, a exemplo  do recapeamento asfáltico das principais vias da cidade.

Se não conseguir, vai romper com Wagner, com a justificativa de que o governador não priorizou Ilhéus.

“Ele fez assim com  ex-governador Paulo Souto”.

Segundo Alisson, basta o candidato do PMDB, o oposicionista Geddel Vieira Lima aparecer bem nas pesquisas para Jabes mudar de lado.

Comentário do blog.

O petista não está errado. A trajetória de Jabes está repleta de mudanças do tipo.

Além do mais, o governo do estado vive uma crise financeira. Dificilmente JR vai conseguir tirar “leite da vaca”.

Vale lembrar que o prefeito mantém conversas amistosas e frequentes com o deputado estadual, Pedro Tavares (PMDB).

Jabes chama o parlamentar de “Pedrinho”.

Abra o olho Rui Costa!

Além de muito esperto, Jabes está mal avaliado por cerca de 80% dos ilheenses.

Se Rui não decolar nas pesquisas, ele vai abraçar Geddel.

TURISMO: PAI CIDÃO NA CORDA BAMBA

alcides_em_claro

Em janeiro desse ano, a nomeação de Alcides Kruschewsky (Pai Cidão) para a secretaria de turismo de Ilhéus pegou muitos de surpresa.

O próprio dizia que não tinha “a cara do turismo”, demonstração clara de que era um “ilustre ignorante” na gestão da atividade econômica.

O prefeito Jabes Ribeiro justificou o “encaixe” alegando a conjuntura estadual. O secretario de turismo da Bahia, Domingos Leonelli, pertence ao PSB, mesmo partido de Alcides.

Passados 10 meses, a organização do turismo na cidade continua estagnada. Até agora, o secretário não apresentou sequer um planejamento para o setor.

A pasta foi transformada em um núcleo de produção de eventos de qualidade questionável, em parceria com prestadores de serviços preferenciais (alguns podem somar muito).

Para Alcides, turismo pode ser traduzido em shows. Passa longe de sua mente, a valorização da cultura local como atributo indispensável ao fomento.

Mas a vida segue.

O ex-presidente Lula exige o isolamento do PSB nos estados. O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), cresceu bastante após a aliança com Marina Silva.

O longo casamento entre o PT e o PSB chegou ao fim.  A senadora Lídice da Mata dá a entender que a aliança se manterá na Bahia, desde que ela seja a candidata oficial do governador.

A hipótese é completamente improvável. O candidato de Jaques Wagner, para perder ou ganhar, será Rui Costa.

Aos poucos, a dinâmica da política desmonta o cenário que sustenta Pai Cidão na secretaria de turismo.

O prefeito Jabes Ribeiro, com o pragmatismo que lhe é peculiar, terá motivos de sobra para fazer uma mudança na pasta.

O PMDB do vice-prefeito Cacá Colchões está de olho, já que o Ministro do Turismo, Gastão Dias Vieira, pertence ao seu partido.

MOÇÃO DE REPÚDIO CONTRA JAQUES WAGNER É REJEITADA NOVAMENTE NA CÂMARA DE ITABUNA

Vereador Zé Silva (PSDB) na obra em ruínas do Teatro e Centro de Convenções de Itabuna. Imagem: Gabriela Caldas/Blog do Gusmão.
Vereador José Silva (PSDB) na obra em ruínas do Teatro e Centro de Convenções de Itabuna. Imagem: Gabriela Caldas/Blog do Gusmão.

O vereador José Silva (PSDB) propôs uma moção de repúdio contra o governador Jaques Wagner (PT), em junho desse ano. A maioria dos vereadores votou contra. Na sessão dessa quarta-feira (09), na Câmara de Vereadores de Itabuna, a moção foi colocada novamente em votação e rejeitada por 10 votos contra, e 7 a favor.

Segundo o vereador tucano, o objetivo da moção é cobrar a conclusão do Teatro e Centro de Convenções de Itabuna que está abandonado ha 7 anos. Além disso, ele considera que nenhuma obra foi feita pelo atual governador em Itabuna. “É um descaso e abandonado para com a cidade”, completa José Silva.

O vereador Junior Brandão, líder do PT na casa, afirmou que caso a moção fosse aprovada, Itabuna poderia sofrer as conseqüências e não receber benefícios do governo estadual.

Soldada Valéria (PSC), Junior Brandão (PT), Paulinho (PT), Cesar Brandao (PPS), Joilson Rosa (PSDC), Valter Socorrinho (PTN), Jairo Araujo (PC do B), Aldenes Meira (PC do B), Pastor Francisco (PRB) e Carmen do Posto (DEM) votaram contra a moção de repúdio. Os vereadores Antônio Cavalcante (PMDB), Ronaldão (DEM), Chico Reis (PRP), Ailson Sousa (PRTB), Carlito do Sarinha (PTN), Carlos Coelho (DEM) e Zé Silva (PSDB), votaram a favor.

Ruy Machado (PTB), Glebao (PV), Nadson Monteiro (PPS) e Gegeu (PMN) não estavam presentes.

JAQUES WAGNER FALA SOBRE O PROGRAMA SAÚDE EM MOVIMENTO

GNa próxima sexta-feira (04), o governador Jaques Wagner estará em Bom Jesus da Lapa juntamente com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, para acompanhar as ações do programa Saúde em Movimento, que desde a sua criação, em 2009, até dezembro de 2012, já realizou 100.384 cirurgias de catarata e mais de 320 mil consultas oftalmológicas. 

Esse assunto é tema do Programa Conversa com o Governador dessa terça-feira (01), que também aborda a restauração de monumentos históricos no município de Barra e da inauguração, no próximo sábado (5), de um trecho recuperado de 43 quilômetros da rodovia BA-220, no município de Andorinha. Além disso, também comenta a viagem aos Estados Unidos com a presidente Dilma Roussef.

Ouça o programa.

MINISTÉRIO DA AVIAÇÃO INDICA DOIS LOCAIS PARA CONSTRUÇÃO DO NOVO AEROPORTO DE ILHÉUS

aero145_ilheus_01O governador Jaques Wagner descartou a possibilidade de reabertura do aeroporto de Itabuna devido à construção do novo aeroporto de Ilhéus, que seria em área da Ceplac, bem próximo a Itabuna.

Segundo informações do ministro Moreira Franco, o novo aeroporto de Ilhéus ainda não tem local definido e poderá ser construído em áreas do litoral norte da cidade ou nas proximidades da sede da Ceplac. 

A área da Ceplac ainda está passando por estudos, pois a intensa neblina no local pode atrapalhar os vôos. Isso poderá levar o governo à construir o novo terminal às margens da BA-001, que liga Ilhéus a Itacaré.

DEPUTADO MARCELO NILO RECEBE TÍTULO DE CIDADÃO ILHEENSE NESSA QUINTA-FEIRA

Presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Deputado Marcelo Nilo, e o Vereador ilheense Cosme Araújo, ambos do PDT.Nessa quinta-feira (26), o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), deputado Marcelo Nilo (PDT), recebe o título de cidadão do município de Ilhéus. A solenidade será realizada na Câmara de Vereadores da cidade, a partir das 17h.

O proponente da homenagem ao deputado foi o vereador Cosme Araújo (PDT), pois segundo ele, o título se deve aos serviços prestados por Nilo a Ilhéus ao longo de seus mandatos como presidente da Assembleia.

Marcelo Nilo está no quarto mandato consecutivo como presidente da Alba, e no sexto mandato de deputado estadual. Ele foi governador interino por cinco vezes e é um dos possíveis candidatos a sucessão do governador Jaques Wagner em 2014.

GOVERNADOR DIZ QUE BRASIL NÃO DEVE ADMITIR ESPIONAGEM

GWagner fala da viagem aos Estados Unidos, em que integra a comitiva da presidente Dilma Rousseff e afirma que não somos um país que acolhe o terrorismo, então não há justificativa para admitirmos espionagem.

Esse assunto é tema da Conversa com o Governador dessa terça-feira (24), que também aborda obras de saneamento no município de Iraquara, entrega de moradias do programa “Minha Casa Minha Vida” em Irecê, pavimentação do trecho da rodovia ligando Alagoinhas a Linha Verde, no litoral norte do estado, além da instalação da Universidade Federal do Sul da Bahia, em Itabuna.

Ouça o programa.

COMANDO DE GREVE PEDE AJUDA A WAGNER

wagner-e-enilda-mendonça-foto-pimenta-www.pimenta.blog_.br_

O comando de greve dos servidores de Ilhéus procurou o governador Jaques Wagner ontem (20), após a cerimonia de instalação da Universidade Federal do Sul da Bahia, com o objetivo de intermediar negociações com o prefeito Jabes Ribeiro (PP). A presidente da Associação dos Professores Profissionais de Ilhéus (APPI), Enilda Mendonça, entregou um ofício ao governador.

Inicialmente, quando foi questionado pelo Blog Pimenta sobre o ofício, Jaques Wagner disse que essa é uma questão municipal. Vale lembrar que Jabes é da base aliada do governo do estado,  mas em seguida Wagner disse estar aberto para ajudar nas negociações. 

Ao ser informado de que o governo municipal tem atribuído a crise nas relações a sindicatos e ao PT, Wagner relatou que a melhor saída não é procurar culpado, mas sim solução. Ele informou ainda que está à disposição do prefeito e dos funcionários. 

Com informações do Pimenta.

WAGNER DESCARTA REABERTURA DO AEROPORTO DE ITABUNA

aeroporto-2Durante sua visita a Itabuna nessa sexta-feira (20), o governador Jaques Wagner descartou a possibilidade de reabrir o aeroporto da cidade.

Wagner afirmou que a estrutura existente no antigo aeroporto Tertuliano Guedes de Pinho, no bairro Lomanto, não é adequada para voos comerciais e que o estado já está trabalhando para construir um novo, mais próximo a Itabuna.

O governador informou que a prioridade é a construção de um aeroporto em área perto da Ceplac. Ele disse que “não tem cabimento o funcionamento de dois aeroportos em uma distância de menos de 40 quilômetros”.

Wagner contou que já existe um projeto de R$ 250 milhões para o novo aeroporto, às margens da rodovia Ilhéus / Itabuna. O investimento deve ser feito numa parceria do governo federal e iniciativa privada.

Com informações do Jornal A Região.

JAQUES WAGNER NA INSTALAÇÃO DA UFESBA

Jaques WagnerNessa sexta-feira (20), em Itabuna, acontecerá o ato de instalação da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba). A solenidade será no distrito de Ferradas a partir das 15h, onde funcionará a reitoria da nova Universidade, e contará com a presença do governador Jaques Wagner.

Na ocasião também serão assinados termos de cooperação técnica entre a Ufesba e as Secretarias Estaduais de Educação (SEC), de Cultura (Secult) e de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), para viabilizar o funcionamento da Universidade.

A Ufesba terá sede e campus em Itabuna, além de Teixeira de Freitas e Porto Seguro. A instituição contará ainda com colégios universitários no sul e extremo sul. As atividades começam no segundo semestre de 2014.

GOVERNADOR FALA SOBRE O CONFLITO EM BUERAREMA

wagner com índiosO governador Jaques Wagner terá reunião essa semana em Brasília com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para discutir o conflito entre produtores rurais e povos indígenas por terras na região de Buerarema.

Esse assunto é tema do programa Conversa com o Governador dessa terça-feira (10), que também aborda o fim da construção da Via Expressa, maior intervenção urbana em Salvador, depois da construção da Avenida Paralela, além de destacar o esforço do governo para melhorar a arrecadação e fazer mais investimentos nas áreas de saúde e educação. Ele também responde uma pergunta de internauta, sobre a BA-210.

Ouça o programa.