Lançamento de “Josias Miguel, 70 anos de histórias – O livro” acontece no dia 11, em Ilhéus.

A biografia tem 272 páginas e foi escrita pelo jornalista Walmir Rosário.

O empresário Josias Miguel dos Santos apresenta o livro “Josias Miguel, 70 anos de histórias”, onde conta fatos desde seu nascimento, em Patrimônio da Palha, município de Vila Valério, no Espírito Santo, até os dias de hoje. O lançamento da sua biografia será realizado nesta sexta-feira (11), às 20 horas, no Espaço de Eventos Psiu, localizado no km 2,5 da rodovia Ilhéus-Olivença, com a presença da família, amigos e convidados.

Nas 272 páginas do livro – escrito pelo jornalista Walmir Rosário – Josias Miguel narra a trajetória de vida, desde a morte do seu pai – Zé Gavião –, que nem mesmo chegou a conhecer por ele ter sido assassinado quando ainda tinha seis meses de vida. Esse fato marcou desde cedo a trajetória da família, que foi separada por motivos de sobrevivência e os reencontros posteriores.

No livro, Josias Miguel revela uma faceta bem diferente da que muitos conhecem: o capixaba que não leva desaforo para casa, explodindo no primeiro momento, esquecendo em seguida sem guardar mágoa e rancores. Também conta como se tornou empresário de sucesso, empresário de bandas, showman, apresentador de televisão, assessor e marqueteiro político de sucesso, o homem que sempre bateu de frente com qualquer um pelas suas convicções pessoais. (mais…)

Campanha de incentivo a leitura recebe mais de 600 livros no seu lançamento

Foto: Ascom MPBA

A doação de mais de 600 títulos marcou o lançamento da campanha “Asas ao Pensamento”, hoje, às 9h no Ministério Público estadual. A campanha foi lançada simultaneamente em Salvador, Feira de Santana e Camaçari. Entre os primeiros a contribuir com livros para os adolescentes que cumprem medida socioeducativa nas Comunidades de Atendimento Socioeducativo (Case) estiveram a coordenadora do Centro de Apoio da Criança e do Adolescente (Caoca), procuradora de Justiça Marly Barreto, o secretário geral do MP, procurador de Justiça Paulo Gomes Júnior e o coordenador do Centro de Apoio Operacional da Educação, promotor de Justiça Valmiro Macêdo. “A leitura tem um potencial transformador e levar esse conhecimento emancipador aos jovens privados de liberdade é o nosso objetivo”, destacou a coordenadora do Caoca.

As doações podem ser feitas durante todo o mês de outubro por membros, servidores e pela população em geral em oito pontos de coleta localizados em Salvador, Feira de Santana e Camaçari. Os livros doados devem tratar sobre as temáticas étnico-raciais, de diversidade sexual e de gênero, de ensino superior, de cursos técnicos, idiomas, módulos pré-Enem, quadrinhos e romances. Os assuntos das publicações foram escolhidos pelos próprios beneficiários, os socioeducandos da Case. Os livros doados devem estar em bom estado de conservação.

m Salvador, os pontos de coleta ficam localizados nas sedes do MP no Centro Administrativo e no bairro de Nazaré; no Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), no Jardim Baiano; no Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher e da população LGBT (Gedem), na Rua Arquimedes Gonçalves, em Nazaré; no Núcleo de Paternidade Responsável (Nupar), localizado no Palacete Ferraro, em Nazaré; e na Fundação Estadual da Criança e do Adolescente, em Brotas. Em Feira de Santana e em Camaçari, os pontos ficam nas sedes das Promotorias de Justiça (Rua Miranda Mangabeira, em Feira de Santana; e Rua do Contorno Dois de Julho, em Camaçari).

Waldeny Andrade lança livro em defesa da biodiversidade

Waldeny Andrade (foto: Luiz Conceição)

“Noite no Vale do Cotia” é a mais nova incursão pelo mundo da ficção literária do escritor, jornalista e radialista aposentado Waldeny Andrade na luta pela preservação do que ainda resta da cobertura nativa no Sul da Bahia.

A obra, baseada em fatos reais, será lançado na Semana do Meio Ambiente, em junho, narra uma história de mistérios, usura, perseverança, crimes e traições tendo como foco o homem.

Neste seu quarto livro editado pela Via Litterarum, o irrequieto escritor narra história de uma família, proveniente do Nordeste brasileiro, que foge da seca e aporta em Itabuna, atraída pela fama do cacau numa época em que a economia cacaueira passa por mais uma de suas renitentes crises econômico-financeiras.

A saga dessa gente leva a construir uma fazenda de cacau, onde pretende manter em pé a densa floresta nativa, seus corpos d’água, a fauna e flora então abundantes.

Contudo, tem contra si o desafio imposto por grandes fazendeiros com a alternativa pecuária avançando sobre a região de predominância cacaueira e a consequente a devastação da Mata Atlântica.

O thriller se passa na área rural de Palestina, hoje Ibicaraí, município de onde corre o imaginário Ribeirão Cotia, um dos tributários do Rio Salgado que, com o Rio Colônia, forma mais adiante o Rio Cachoeira. Este, atualmente recebe, do mesmo modo que nas cidades da bacia do Rio Almada, quase todo o esgotamento sanitário por falta de infraestrutura e omissão dos governos.

É certo que depois do sucesso editorial do seu terceiro livro “Serra do Padeiro – A saga dos Tupinambás”, o escritor Waldeny Andrade tenha amadurecido ainda mais na arte de contar estórias e histórias, aprimorado a técnica literária e se apossado de uma narrativa rápida e eletrizante.

Na contracapa, embora o ficcionista diga que “Noite no Vale do Cotia” seja um painel real sobre a Região Cacaueira e que qualquer associação de nomes citados seja simples coincidência, o leitor certamente vai tirar suas próprias deduções pela riqueza de elementos trazidos nesta obra.

Da Assessoria.

Editora Via Litterarum lança o Atlas Socioeconômico Litoral Sul da Bahia

A Editora Via Litterarum lançou a primeira edição do Atlas Socioeconômico Litoral Sul da Bahia, estudo elaborado pelo geógrafo Alan Azevedo, que compreende um amplo conjunto de informações econômicas, geográficas e cartográficas sobre o Território de Identidade Litoral Sul da Bahia e os seus 26 municípios.

A publicação está disponível na internet (clique aqui).

O Atlas revela as relações complexas que envolvem o desenvolvimento econômico desse território. Dentre os temas abordados destacam-se o novo perfil demográfico regional, os indicadores sociais, a dinâmica recente dos nascimentos, a economia, as finanças públicas municipais, a previdência social, o mercado de trabalho formal, o saneamento básico, a representação feminina na política, dentre outros. Trata-se de uma referência essencialmente prática para uso de grupos, comunidades e instituições, públicas e privadas.

O autor, Alan Azevedo Pereira dos Santos, nasceu em Itabuna, possui graduação em Geografia (Licenciatura) pela UESC, especializações em Ensino de Geografia e Planejamento de Cidades pela mesma instituição e é professor de Geografia da rede estadual de ensino da Bahia.