INTERFERÊNCIAS DE HAMILTON FONTES LEVARAM GIL GOMES A DEIXAR A SANTA CRUZ

Hamilton Fontes (foto) queria mandar no Alerta Geral. Gil Gomes disse adeus.

Funcionários da Rádio Santa Cruz explicaram ao Blog do Gusmão os motivos que levaram Gil Gomes a deixar a emissora.

Nos últimos dois meses, o diretor-presidente Hamilton Fontes interferiu por diversas vezes no Alerta Geral, impedindo a realização de entrevistas. Todos os dias entrava no programa, por meio do telefone, para fazer observações desnecessárias.

Hamilton também criou o hábito de mandar recados desaforados a Gil Gomes, ditos por seu sobrinho, Fausto Fontes (diretor-administrativo).

Todos esses atritos levaram Gil Gomes a pedir o boné.

Alguns profissionais que trabalham na Santa Cruz estão preocupados. Gil Gomes, por ter grande audiência, colocava vários anunciantes na programação. Sua despedida significa menos dinheiro na conta da emissora, e consequentemente, dificuldades para arcar com a folha de pagamento.

O controle da Rádio Santa Cruz está dividido entre Hamilton Fontes e pessoas ligadas ao ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro. Segundo os nossos informantes, a saída de Gil Gomes não agradou os jabistas. O grupo pretende articular o retorno do comunicador.

Sem perder tempo, Gil conversa com a direção da Conquista FM.

GERDAN ROSÁRIO NA RÁDIO BAHIANA

O homem do martelo está de volta.

Gerdan Rosário, jornalista, radialista e apresentador de TV, pode retornar à Radio Bahiana de Ilhéus em fevereiro.

A direção da emissora, comandada por Zerinaldo Sena e pelo vereador Jailson Nascimento, devia uma quantia ao famoso âncora. O débito não existe mais.

O horário do programa será definido esta semana. Caso volte ao horário da manhã, das 7:00 às 09:00 horas, Gerdan promete conquistar a liderança na audiência em até 90 dias.

Gerdan mira em Gil Gomes (Rádio Santa Cruz) e Vila Nova (Conquista FM) líderes incontestes no período matutino.

JORGE RAPOSO DE VOLTA À RÁDIO SANTA CRUZ

O radialista Jorge Raposo, depois de alguns meses na rádio Bahiana AM 1310, de Ilhéus, retorna à rádio Santa Cruz AM 1090. O papa da comunicação, como é conhecido, já trabalhou também nas rádios Cultura (de Ilhéus), Difusora (de Itabuna), Federal (de Niterói – hoje, Manchete), Continental e Carioca, ambas do Rio de Janeiro.

Sua caminhada profissional começou em 1958, ano do primeiro título do Brasil na Copa do Mundo realizada na Suécia. Em 1965, decidiu ganhar a vida no Rio de Janeiro, onde atuou também na divulgação de cantores, na função de agente das gravadoras Continental Disco, RGE e a multinacional Polygram (atual Universal). Divulgou artistas famosos, a exemplo de Alcione, Chico Silva, Erasmo Carlos, Jair Rodrigues, Peninha, Sidney Magal e Zizi Possi.

(mais…)

VENDA DA RÁDIO BAHIANA GERA CONFUSÃO

Conforme noticiamos no dia 23 de fevereiro, o ex-vereador Gilmar Sodré vendeu sua parte na Rádio Bahiana de Ilhéus (50%) ao pastor Adilson Neves (clique aqui).

Segundo o novo sócio, o atual diretor da emissora, Zerinaldo Sena, assumiu que entregaria o comando na tarde de ontem (sexta-feira/04).

Adilson Neves não contava como uma reviravolta.

Zeri, que representa os interesses do vereador Jailson Nascimento, o principal mantenedor da emissora, decidiu “melar” a negociação entre o pastor e Sodré.

Segundo uma pessoa ligada ao pastor, Jailson Nascimento precisa da rádio para “bater” no governo municipal, uma vez que é pretenso candidato a prefeito. Além do mais, empresas amigas do vereador possuem contratos com a prefeitura. A função da Bahiana é atacar para manter os vínculos.

Apesar de Adilson Neves já ter efetuado o pagamento, Zerinaldo não pretende entregar “as chaves”. Toda a negociação, que envolveu dinheiro à vista, carro e cheques pré-datados, custou 400 mil reais.

Até agora, Gilmar Sodré, também muito ligado a Jailson, não indicou vontade em devolver o que recebeu. Neves foi à delegacia na tarde de ontem, para prestar queixa. A acusação, não formalizada devido à greve da Polícia Civil, é de crime de estelionato.

Quem são os donos da Bahiana?

50% das ações estão com duas pessoas ligadas ao vereador Jailson Nascimento. Segundo Adilson Neves, Sérgio Teles e Zerinaldo Sena controlam metade da emissora. Essa parte está vinculada à concessão junto ao Ministério das Comunicações.

A outra parte, a mais importante, que inclui a gestão e a propriedade de todos equipamentos, pertence a Gilmar Sodré, que arrendou a Zerinaldo em 2009, e agora, decidiu vender para Adilson Neves.

DONA ANGÉLICA X SECRETÁRIO

Dona Angélica, moradora do loteamento praia do Sul, em Ilhéus, decide ligar para o programa Alerta Geral, de Gil Gomes (Rádio Santa Cruz), para reclamar do caminhão do lixo que há 10 dias não passa.

O secretário municipal responsável, Carlos Freitas, responde a reclamação, afirmando que o veículo não tem o dever de entrar em condomínios fechados. “Às vezes, o motorista pode estar de mau humor”, ironiza.

Dona Angélica liga novamente para explicar que o local onde ela mora não é um condomínio fechado, e sim, um loteamento. Prova que o secretário é desinformado e também afirma que a escuridão tomou conta das ruas próximas à sua casa.

Todos os dias, casos como esse podem ser ouvidos nas rádios de Ilhéus. O senhor Carlos Freitas usa de suas verdades para desmentir as pessoas que reclamam. Nas respostas, ele prova que não conhece a cidade. Além do mais, a “criatividade” na invenção das desculpas esfarrapadas deixa qualquer pessoa surpresa.

“Às vezes, o motorista pode estar de mau humor”.

O prefeito Newton Lima precisa tomar uma providência.

RÁDIO BAHIANA TEM NOVO SÓCIO

O pastor Adilson Neves, diretor da Conquista FM, comprou 50% das ações da Rádio Bahiana de Ilhéus.

O percentual comprado pertencia ao ex-vereador Gilmar Sodré, que devido à problemas com a justiça do trabalho, resolveu vender.

A situação pegou o atual diretor da Bahiana, Zerinaldo Sena, de surpresa.

Ontem, o radialista Jarles Soares, apresentador do programa “Informe Geral”, levou uma suspensão de três dias. Não podemos afirmar que o fato tenha qualquer relação com a chegada do novo sócio.

O pastor Adilson Neves tem bom relacionamento com o prefeito Newton Lima, sendo assim, provavelmente a Rádio Bahiana (hoje na oposição) passará por várias mudanças.

PREFEITO DO PT TENTA QUEBRAR SIGILO DA FONTE NA MARRA

Zé das Virgens, prefeito de Irecê.

Na última sexta-feira (18), o radialista Vitor Souza, da rádio 101 News FM, informou aos seus ouvintes que médicos do Hospital Regional de Irecê estavam com salários atrasados e que o laboratório do hospital não oferecia a realização do exame “hemograma completo”.

A informação, obtida através de uma fonte que pediu para não ser identificada, irritou demasiadamente o prefeito Zé das Virgens, do PT.

A constituição brasileira, no artigo 5º, inciso XIV, garante que “é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional”. Mesmo assim, o prefeito do PT exigiu do radialista, “no ar”, que revelasse o nome do informante.

Vitor Souza resistiu à pressão, mas abriu uma brecha equivocada, ao afirmar que em juízo poderia revelar.

No judiciário, o profissional de imprensa também não é obrigado a quebrar o sigilo. Esta decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, explica:  “Configura manifesto constrangimento ilegal o ato de autoridade que determina o indiciamento de jornalista em inquérito policial caso não quebre o sigilo de suas fontes de informação jornalística.” (RHC, Proc. 1999.61.81.002202-0/SP, 2ª Turma, v.u., j. 7.12.1999, Rel. Juiz Arice Amaral, DJU 22/3/2000, RTRF 44/255).

Ouça a discussão entre o radialista e o prefeito do PT.

DEBATE SOBRE O ALTO DO BASÍLIO NA CONQUISTA FM

A partir das 11h desse sábado (5), André Luis Brandão e Ednei Portugal, candidatos à presidência da Assossiação de Moradores do Basílio (Ilhéus), estarão frente a frente na Conquista FM 105,9.

O debate vai ao ar no programa História Eletrônica, com apresentação de Elias Reis. Os ouvintes poderão participar através de perguntas por telefone.

RILDO MOTA PROCESSA FÁBIO ROBERTO

Rildo decidiu procurar a justiça para reparar a sua honra.

A guerra foi declarada entre o publicitário e radialista do PT, Rildo Mota, e o apresentador da rádio Bahiana de Ilhéus, Fábio Roberto.

Fábio teve acesso a documentos que incluem a empresa de publicidade de Rildo, como um dos inúmeros alvos da operação vassoura de bruxa, desencadeada pela Polícia Federal.

Ao fazer a denúncia no ar, segundo Rildo, o apresentador teria passado da conta ao afirmar: “Rildo Mota faz parte do esquema de Pai Cidão. Eu, Fábio Roberto, sou homem para assumir meus erros. Já ele (Rildo) nem sei se homem ele é”.

O ofendido, após gravar alguns programas, contratou o advogado Jackson Cupertino e já moveu um processo contra o apresentador.

Apesar disso, Fábio Roberto demonstra tranquilidade, e garante que possui provas.

Vale lembrar que Rildo Mota e Fábio Roberto apresentam programas de rádio na mesma faixa de horário. Um especialista em comunicação que preferiu não se identificar, explica: “a audiência de Fábio tá maior do que a de Rildo, o processo pode ser um ‘marketing viral’ “.

CACAU DE OURO 2010

Recentemente, o teatro Municipal de Ilhéus foi palco da entrega do Troféu Destaque Melhores do Ano Cacau de Ouro 2010. O evento, realizado anualmente, é uma promoção de Quinto de Souza, radialista que completou 47 anos de profissão. Quinto apresenta o programa “Show da Cultura”, de segunda à sexta, das 10 h ao meio dia, na rádio Cultura de Ilhéus.

Na foto de Gidelzo, um dos contemplados com o troféu, Marcos Pennha (pelo terceiro ano consecutivo), acompanhado de seu pai Genésio (Ex-Combatente), Gabrielle Lopes e Quinto de Souza (à direita).

“EI MENINO! VOCÊ QUER TRABALHAR EM RÁDIO?”

Na tarde desta sexta-feira (17), o radialista Vila Nova manteve contato com este blogueiro para explicar que a indicação do seu concorrente Gil Gomes, para  a assessoria de imprensa da câmara, não lhe desagrada.

“Gil é radialista. É bom que fique na mão dele. Além do mais estou preocupado com coisas maiores”.

Por volta das 20 horas, recebemos uma ligação da outra parte, que sorridente nos disse: “Vila Nova era um menino simples, office-boy da rádio Bahiana, na época em que o diretor era Tony Neto. Certo dia, olhei pra ele e perguntei, ei menino! Você quer trabalhar em rádio? Ele aceitou, e graças a mim virou um bom operador de rádio. Graças ao seu talento, Vila Nova conquistou um grande espaço no rádio de Ilhéus. Sendo assim, ele não pode ficar contra, caso eu assuma a assessoria de imprensa da câmara. Eu fiz dele um radialista”.

COSTA RICA: O MODELO IDEAL PARA O SUL DA BAHIA

Costa Rica.

Costa Rica, pequeno país da América Central, possui diversas semelhanças com o Sul da Bahia. São fatores em comum relacionados à natureza, extensão territorial e litorânea, clima e vegetação.

O pequeno país – com indicadores sociais bem melhores que os nossos – soube desenvolver-se economicamente, sem se distanciar da sustentabilidade (integração entre conservação e desenvolvimento; satisfação das necessidades básicas humanas; alcance da equidade e justiça social; autodeterminação social e diversidade cultural e preservação ecológica).

Rui Rocha, presidente do Instituto Floresta Viva e professor da UESC, esteve na Costa Rica, numa missão oficial apoiada pelo governo da Bahia e SEBRAE. Nessa entrevista, concedida ao radialista Gil Gomes (programa Alerta Geral, Rádio Santa Cruz), no dia 29 de outubro,  ele defende o modelo adotado na Costa Rica como a alternativa ideal para o Sul da Bahia.

Vale a pena ouvir.

SINDICATO DOS RADIALISTAS DE ITABUNA DEFENDE AFASTAMENTO DE LOYOLA

O STERT- Sindicato dos Radialistas e Publicidade de Itabuna marcou para esta sexta- feira (05) uma reunião extraordinária onde serão discutidas as denúncias formuladas nos últimos dias contra o presidente da câmara de Itabuna, vereador Cloves Loyola.

Na última quarta-feira (03), os diretores do sindicato foram na câmara de vereadores, representando uma parcela significativa dos profissionais da comunicação, informar a posição da entidade: Dependendo do relatório que será apresentado pela CEI (comissão especial de investigação) do “loyolagate’’, os radialistas defendem o afastamento do vereador da presidência do legislativo e consequente perda do mandato.

Os radialistas Frankvaldo Lima e Jarles Soares conversaram com os vereadores Milton Gramacho, presidente da CEI e Vane do Renascer, relator do procedimento que apura a corrupção na câmara de Itabuna. Um dos pontos discutidos foi sobre a posição do PPS, partido ao qual o vereador Loyola é filiado. Para Jarles, o partido tem que se pronunciar, pois as denúncias são graves e vão desde irregularidades até desvio de conduta, com plena atuação do vereador.