JOVEM MORRE AFOGADO NA PRAIA DO ATLÂNTICO

Jovem morre afogado na Praia do Atlântico

Na manhã da sexta-feira (30) jovem de 17 anos morreu afogado na praia do Joia do Atlântico, no norte de Ilhéus.
Aldione Cunha Gomes, viajou em uma excursão do município de Barra do Choça, no sudoeste do estado, com primos e amigos para aproveitar o feriadão na praia.

De acordo com a polícia, através de informações iniciais o rapaz estava na praia com os amigos, e após um mergulho, desapareceu, o corpo de Aldione da Cunha foi encontrado quase uma hora depois.

O Departamento de Polícia Técnica de Ilhéus (DPT) levou o corpo do jovem afim de aguardar a família para a liberação. Não há ainda detalhes sobre o sepultamento.

Com informações do Blog Verdinho de Itabuna

FILHO DE PEDIATRA ILHEENSE COMETE SUICÍDIO

Mauro Moura Costa.
Mauro Moura Costa.

Do Tabuleiro

O jovem Mauro Moura Costa, de 24 anos, cometeu suicídio nessa quinta-feira (1). Ele era filho da pediatra ilheense Mônica Moura Costa e formado em direito pela UFBA, com atuação na Procuradoria Geral do Estado da Bahia.

De acordo com as primeiras informações, Mauro se enforcou usando uma corda, dentro de seu próprio quarto. Ele estaria doente, com depressão. 

WELINGTON MENEZES: PSICOSE, NEUROSE OU PERVERSÃO

Por Gustavo Pestana

Publiquei aqui no blog um artigo sobre o que seria uma psicopatia, conhecida como perversão pela psicanálise, pois nos meios de comunicação foi explorada a possibilidade de Wellington Menezes, assassino dos estudantes da Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo (Rio de Janeiro), está dentro dessa estrutura clinica.

Eu tenho analisado este caso sobre uma ótica psicológica, e mediante a psicologia social, psicanálise e psicopatologia cheguei as seguintes conclusões.

Primeira.  Ele possivelmente não seria um neurótico. A neurose é a estrutura clinica mais predominante no mundo. Sabe aquela pessoa que fica na dúvida entre comprar uma coxinha e um quibe, entre uma cor  para a casa nova (neurose obsessiva), ou é dramática, tudo faz “escândalo”(neurose histérica ), ou tem inúmeros medos (neurose fóbica). O que acontece com nós neuróticos é o que “Outro”(termo de psicanálise que se refere à sociedade e nossos mestres, mentores), nos impede de agir na sociedade, pois negociamos com as leis. Para a psicanálise esse impedimento ocorre devido ao Supereu.

(mais…)

ASSASSINO DE REALENGO QUERIA JOGAR AVIÃO CONTRA CRISTO REDENTOR

Arsenal que Wellington Menezes utilizou no massacre.

Um sobrinho do assassino de Realengo, disse, em depoimento à polícia civil do Rio de Janeiro, que Wellington Menezes de Oliveira era “muito tímido, e não tinha vida social, pois ficava trancado em seu quarto utilizando por longos períodos a internet”.

O sobrinho disse ainda que depois do atentado às torres gêmeas, em Nova York, Wellington dizia que sonhava em jogar um avião no Cristo Redentor.

Ele declarou também que o assassino andava muito estranho, e deixou a barba crescer até o peito. Mas o sobrinho afirmou que nunca soube que ele tinha armas de fogo. Disse que o tio era muito “zoado” no trabalho por outros funcionários.

(mais…)

CONFIRA NA ÍNTEGRA A CARTA QUE O ASSASSINO DE REALENGO DEIXOU

Wellington Menezes de Oliveira. (Foto: Reprodução/TV Globo

Wellington Menezes de Oliveira, invadiu na manhã dessa quinta feira (07) (clique aqui) uma escola no RJ e atirou contra crianças, pelo menos 11 alunos morreram. Leia a carta:

“Primeiramente deverão saber que os impuros não poderão me tocar sem luvas, somente os castos ou os que perderam suas castidades após o casamento e não se envolveram em adultério poderão me tocar sem usar luvas.

Nenhum fornicador ou adúltero poderá ter um contato direto comigo, nem nada que seja impuro poderá tocar em meu sangue, nenhum impuro pode ter contato direto com um virgem sem sua permissão.

Os que cuidarem de meu sepultamento deverão retirar toda a minha vestimenta, me banhar, me secar e me envolver totalmente despido em um lençol branco que está neste prédio, em uma bolsa que deixei na primeira sala do primeiro andar, após me envolverem neste lençol poderão me colocar em meu caixão.

(mais…)

HOMEM INVADE COLÉGIO E MATA CRIANÇAS NO RJ

Tumulto na porta do colégio.

Pelo menos 15 crianças foram baleadas por um homem que entrou atirando nesta quinta-feira (7) em uma sala de aula na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Há pelo menos 12 pessoas mortas. É grande a movimentação de ambulâncias, pais e curiosos na frente da escola e também na porta do hospital. A direção da unidade de ensino informou que o homem se passou por um palestrante para entrar na escola.

A Polícia Militar isolou toda a frente da escola e somente os pais dos alunos terão acesso ao local.

O atirador foi identificado como Wellington Menezes de Oliveira, de 24 anos. Na fuga, o homem trocou tiros com policiais militares que participavam de uma blitz e morreu.

Os médicos da ambulância do Corpo de Bombeiros que o socorreram informaram que o homem era ex-aluno da unidade de ensino, pois tinha no bolso uma carteira da escola com sua identificação.

Na porta do hospital, o desencontro de informações é grande. A Secretaria Estadual de Saúde ainda não confirma o número de mortos e de feridos.

Informações da IstoÉ

COMENTÁRIO INFELIZ

Florindo Poersch

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB – (Acre), Florindo Poersch, exagerou e soltou em seu Twitter uma piada humilhante e desumana sobre o povo japonês que desde a última sexta-feira (12) sofre com o desastre ambiental e ameaça de contaminação nuclear.

“No Japão, como é que sabem quem está desaparecido? São todos iguais”, disse Poersch para depois dar gargalhadas eletrônicas, (srsrsr).

O infeliz comentário gerou protesto da comunidade japonesa no Brasil e de políticos. Florindo Poersch deve ser processado internamente pela OAB.

 

TELEANÁLISE: O LADRÃO DE COBRE

Por Malu Fontes.

As cenas televisivas mais marcantes da semana foram as torrentes de água, terra e lama desmanchando boa parte das cidades serranas do Rio de Janeiro (Teresópolis, Petrópolis e Nova Friburgo), somando, até a manhã de quinta-feira, mais de 350 mortes confirmadas. No entanto, antes de essa tragédia acontecer, uma cena brasileira exibida na TV merece reflexão, como tradução de uma certa (i)moralidade nacional que se espraia, cada vez a passos mais largos. Na ultima terça-feira, um repórter cinematográfico da Rede Globo registrou, com requintes de detalhes, um homem, em plena luz do dia, na Ponte da Freguesia do Ó, em São Paulo, quebrando com golpes de picareta a mureta da ponte para roubar fios de cobre da rede de iluminação pública.

(mais…)

BRIGA POR TERRA FAZ UMA VÍTIMA

No último sábado (23), foi assassinado o pataxó Hã-Hã-Hãe José de Jesus Silva (cerca de 37 anos), na estrada que liga o município de Pau Brasil a Itajú do Colônia.

O índio, conhecido como Zé da Gata, foi morto com um tiro, disparado por indivíduos em uma moto, quando a vítima chegava à área retomada da fazenda Bela Vista.

Devido à demora no julgamento da ação de nulidade de títulos sob a terra indígena Caramuru Catarina Paragusssu, os Pataxó Hã-Hã-Hãe retomaram no dia 04 de outubro cerca de 06 fazendas nos municípios de Pau Brasil e Itajú do Colônia, ocasionando ataques violentos por parte dos pistoleiros contratados pelos fazendeiros.

Zé da Mata é a 20ª liderança Hã-Hã-Hãe que morre, em 28 anos de luta pela reconquista de terras.

MATOU, FUGIU DE MOTO E MORREU DEBAIXO DE UM CAMINHÃO

Segundo a delegada da polícia civil, Lisdeili Nobre, o jovem Samir Santos de Jesus, que morreu na manhã de hoje (quarta-feira/11), na rodovia Ilhéus-Itabuna,  é o responsável pelo assassinato de Hamilton Santana Nascimento, fato ocorrido por volta das 10:00 horas, no Alto do Basílio, em Ilhéus.

No momento do acidente, Samir estava fugindo da cena do crime, na carona de uma moto conduzida por um comparsa.

Ouça as explicações da delegada.

TELEANÁLISE: TUDO DE NOVO OUTRA VEZ

Por Malu Fontes.

Há semanas em que as manchetes de jornais parecem remeter a algum tempo e lugar no passado. A Copa do Mundo continuou sendo o papel de parede e o protetor da tela televisiva da semana. No entanto, no que se refere a notícias do cotidiano, do país e do mundo, alguns dos fatos mais veiculados, locais, nacionais e internacionais, tinha um quê intenso de Déjà Vu. Como ver a destruição das cidades alagoanas e pernambucanas sem associar as cenas às imagens do Haiti após o terremoto? A levar-se em conta as marcas deixadas pelos rios sobre as vidas dos moradores soa um milagre o número de mortos não ter atingido uma centena.

(mais…)

TELEANÁLISE: A DOR DOS OUTROS E A MORTE COLETIVA DE CIDADES

Por Malu Fontes.

Entre a cobertura onipresente da Copa do Mundo e seus bastidores e a mobilização da população das capitais do nordeste para as comemorações do São João, o telespectador foi surpreendido por uma tragédia traduzida em imagens apocalípticas só comparáveis em dimensão às cenas do terremoto do Haiti e do soterramento dos moradores do Morro do Bumba, em Niterói, no Rio de Janeiro. Pelo menos 17 cidades dos estados de Alagoas e Pernambuco foram quase que completamente destruídas por enchentes desde o início desta semana. Em Branquinha, Alagoas, mais de 90% de toda a estrutura urbana, incluídas residências, ruas e todos os órgãos administrativos, foram destruídas, numa escala jamais vista no Brasil.

(mais…)