PERGUNTA DO BLOG DO GUSMÃO DEIXA SECRETÁRIO ISAAC ALBAGLI FURIOSO

Secretário Isaac Albagli.
Secretário Isaac Albagli.

Na última quarta-feira (18), durante a entrevista coletiva do prefeito Jabes Ribeiro (PP), o editor deste blog elaborou a seguinte pergunta para JR:

– A disseminação de mais pré-candidaturas favorece seu grupo. Inclusive tenho informações de que Isaac Albagli age para disseminar mais candidaturas. O que o senhor tem a dizer sobre isso? Isaac é o grande articulador da política ilheense nos bastidores. Ele sabe disso. Não se pode menosprezar a inteligência de Isaac.

Quando o prefeito começou a responder, Isaac o interrompeu se dirigindo a Gusmão:

Isaac – Você que está dizendo. Eu falo por mim.

Gusmão – A entrevista é com ele.

Isaac – Mas eu falo por mim.

Gusmão – A entrevista é com ele.

Isaac – Você citou meu nome.

Gusmão – Eu estou perguntando a ele. Eu entrevisto o senhor depois.

Isaac – Eu não estou disseminando nada. Eu tenho o direito de me colocar à disposição. Só isso. Eu sei o que estou fazendo. Fique tranquilo.

Jabes, sempre polido, esperou o secretário se acalmar e respondeu. Em sua resposta, no entanto, não fez a mínima questão de negar a disseminação das pré-candidaturas que beneficiam seu grupo:

Jabes – O Isaac conhece política. Ele sabe que é importante. Ele sabe que Ilhéus é uma cidade que tem uma diversidade de pensamento grande. Em Ilhéus acabou o tempo de ser “um ou outro”. Na eleição passada, ainda teve isso aí: “vamos juntar contra Jabes”. Apanharam. E tem sido assim sempre.

Depois, quando o prefeito encerrava a entrevista, Isaac se aproximou de Gusmão e disse:

– Não se incomode, não. Eu sei o que estou fazendo. Principalmente quando eu sair.

A fala do secretário deu a atender que ele vai se afastar do cargo para se dedicar integralmente à articulação política para as eleições de outubro.

O pensador da política ilheense

Isaac Albagli tem o hábito de encomendar pesquisas qualitativas amplas sobre cada segmento da sociedade ilheense. Tem um olhar apurado para fazer a leitura desse tipo de levantamento. Trata-se de um hábil articulador da política. Não se pode negar sua inteligência.

Nas eleições de 2002, comenta-se que Isaac ajudou o então candidato a deputado federal Pipa. Tal ajuda tirou muitos votos da zona sul do também candidato a deputado federal Roland Lavigne, que disputava a reeleição e acabou derrotado.

ISAAC ALBAGLI NEGA CANCELAMENTO IRREGULAR DE MULTAS

Isaac Albagli. Foto do Tabuleiro.
Isaac Albagli. Foto do Tabuleiro.

O secretário de infraestrutura, trânsito e transporte de Ilhéus, Isaac Albagli, nos encaminhou ontem (12) nova nota de esclarecimento sobre as denúncias do agente de trânsito Arnaldo Souza veiculadas neste blog.

Segundo o secretário, ao contrário do que foi afirmado por Arnaldo, a secretaria municipal não realiza cancelamentos indevidos de multas. Leia a íntegra.

Nota de Esclarecimento

Em relação à matéria veiculada no Blog do Gusmão, nesta sexta-feira, 12, sob o título “Agente de trânsito faz graves acusações em resposta a Isaac Albagli”, o secretário municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito, Isaac Albagli, com base na Lei 13.188/15, esclarece que:

  1. Nunca, em momento algum, fez ou ordenou o cancelamento indevido de multas. Ao contrário do informado, o secretário sempre teve atuação intransigente com relação a isso, se recusando a agir de tal forma, se limitando a aconselhar àqueles que o procuram a recorrer, na forma da lei;

  1. Como o agente Arnaldo Souza, autor das denúncias, não disse com clareza quem cancelou multa ou ordenou tal procedimento, a Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (Seintra) foi autorizada a abrir inquérito administrativo para elucidar a questão;

  1. Quanto às demais questões levantadas, Albagli considera que o próprio leitor vai tirar suas conclusões. O texto do agente Arnaldo é elucidativo, pois comprova tudo que foi dito anteriormente acerca de sua conduta profissional;

Por fim, afirma que não retornará a esse assunto, pois o teor integral das denúncias está sendo tratado no foro adequado. 

Ilhéus, 12.2.16

AGENTE DE TRÂNSITO FAZ GRAVES ACUSAÇÕES EM RESPOSTA A ISAAC ALBAGLI

Isaac Albagli.
Secretário Isaac Albagli.

O agente de trânsito de Ilhéus, Arnaldo Souza, nos procurou ontem (11) para responder a nota de esclarecimento por meio da qual o secretário Isaac Albagli criticou sua conduta como servidor público. Souza listou uma série de irregularidades que, segundo ele, fazem parte do cotidiano da secretaria municipal de infraestrutura, transporte e trânsito.

De acordo com o agente, o governo Jabes Ribeiro ignora denúncias sobre a liberação irregular de veículos apreendidos e faz cancelamentos indevidos de notificações. Além disso, a secretaria comandada por Isaac não disponibiliza para consulta pública os estudos técnicos realizados para a instalação dos “pardais” do sistema de trânsito. Também não divulga dados sobre os valores arrecadados com as multas e o serviço de guincho. Leia a íntegra.

Arnaldo.
Arnaldo.

Por Arnaldo Souza

Ao ler a nota de esclarecimento, enviada pela Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Trânsito do município de Ilhéus, sinto-me na obrigação de mostrar, mais uma vez, ao Secretário, o quanto ele está errado e mal assessorado.

Como não se discutiu o toda da matéria, vou me ater, apenas, a nota de esclarecimento.

“…se queixava constantemente da falta de “protetor solar”, conforme atestam vários documentos, apesar da regularidade do fornecimento desse tipo de produto aos agentes de campo”.

Quando fui deslocado para o serviço na rua, em outubro de 2012, não era fornecido protetor solar. Questionei o Superintendente da época, que solicitou ao Departamento de Recursos Humano, através da CI 264, que eu fosse encaminhado ao INSS para receber o auxilio doença.

O Secretário chegou a enviar um e-mail para que o Superintendente comprasse o protetor solar, mas não foi atendido. Então solicitou a outra pessoa que comprasse protetor solar e entregasse na SUTRAN. A pessoa que comprou disse que foram dois baldes, contendo quatro litros de protetor cada, mas aos Agentes de Trânsito só chegou um balde.

Paralelo a isso, abri o processo administrativo 12236/2014, solicitando um parecer a respeito do encaminhamento e da obrigatoriedade da SUTRAN em fornecer protetor solar. A resposta veio por meio do ofício 096/2014, que resultou na obrigatoriedade do fornecimento do protetor solar e do não afastamento por auxilio doença, agora assinado por um médico do trabalho.

Se não me falha a memória, em fevereiro de 2015, começamos a receber bloqueador solar, uma bisnaga contento 120g do produto. Em janeiro trabalhei sem proteção.

(mais…)

ISAAC NÃO RESPONDE DENÚNCIA E FAZ ACUSAÇÕES CONTRA AGENTE DE TRÂNSITO

Isaac Albagli.
Isaac Albagli.

O secretário de infraestrutura, transporte e trânsito da Prefeitura de Ilhéus, Isaac Albagli, nos enviou nota de esclarecimento sobre a denúncia do agente de trânsito Arnaldo Souza. Publicamos matéria a respeito do caso na última segunda-feira (8) – lembre aqui.

Na sua resposta, o secretário não respondeu a acusação de que teria iniciado uma perseguição contra o servidor por causa de uma multa aplicada no carro que costuma usar. Ao invés de explicar ou desmentir, Isaac usa de contrainformação, na tentativa de passar à opinião pública que Arnaldo é relapso e problemático. Leia e tire suas conclusões.

Nota de Esclarecimento

Em relação à matéria publicada no Blog do Gusmão, na última segunda-feira, 8, sob o título Agente notifica carro usado por Isaac E sofre perseguição, o secretário municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito, Isaac Albagli, com base na Lei n. 13.188/15, esclarece que:

1.    Jamais impôs sanção a qualquer funcionário vinculado a sua área de atuação. O referido servidor foi deslocado para trabalho na base simplesmente porque se queixava constantemente da falta de “protetor solar”, conforme atestam vários documentos, apesar da regularidade do fornecimento desse tipo de produto aos agentes de campo;

  1. Além disso, o servidor costumava atuar nas ruas com a camisa totalmente em desconformidade (fora das calças), numa demonstração de desrespeito e falta de compromisso, conforme imagens da Sutran. Em outra ocasião, reclamou que sua farda estava “soltando fios”, tudo isso devidamente alardeado na Internet. Em virtude desse episódio, seu fardamento foi recolhido e a Superintendência optou em mantê-lo nos serviços internos e o seu fardamento passou a ser a camisa característica do setor. Vale ressaltar que esse tipo de ocorrência tem sido registrada somente com o agente em questão. Já servindo na base, ele agora alega que a mesma está com o condicionador de ar quebrado e resiste em permanecer no local;

Por fim, o secretário Isaac Albagli reafirma que os assuntos envolvendo a remuneração do agente em questão estão sendo tratados internamente, no foro adequado.

Ilhéus, 10.2.16

AGENTE NOTIFICA CARRO USADO POR ISAAC E SOFRE PERSEGUIÇÃO

Arnaldo Souza e Isaac Albagli. Imagens: Facebook e O Tabuleiro.
Arnaldo Souza e Isaac Albagli. Imagens: Facebook e O Tabuleiro.

O agente de trânsito Arnaldo Souza disse a este blog que é perseguido pelo governo Jabes Ribeiro. Segundo ele, a Superintendência de Trânsito da Prefeitura de Ilhéus cortou o equivalente a vinte dias do seu salário de forma ilegal.

Arnaldo afirma que foi obrigado a deixar de trabalhar na rua para cumprir função interna, pois notificou veículos usados por servidores municipais, a exemplo do secretário de infraestrutura e trânsito Isaac Albagli. No dia 9 de dezembro de 2015, registrou infração do veículo que o gestor costuma usar. Segundo o agente, o carro estava parado em local proibido.

No mesmo dia, afirma o agente de trânsito, o chefe de fiscalização Carlos Campos (Gaguinho) perguntou se ele havia notificado o carro do secretário Isaac. Gaguinho teria dito que recebeu ordem para colocar “pocando” em Arnaldo.

Na última quinta-feira (5), Arnaldo perguntou ao então superintendente interino de trânsito Isaac Vinhas, que deixou o cargo no dia seguinte, por que teve a maior parte do seu salário cortada (o corte foi de R$ 604,26). Vinhas o respondeu que foi pelos “vinte dias que você ficou na rua trabalhando e não obedeceu, […] determinação nossa tem que ser cumprida”.

O agente de trânsito perguntou a Isaac Vinhas: “por que eu tenho que ficar na base?”. “Questione a Isaac Albagli”, respondeu o ex-superintendente.

Vinhas também afirmou a Arnaldo que o corte do salário será mantido. “Se retirar, vai ser por parte do pessoal do administrativo”.

Arnaldo alega que desobedeceu a determinação apenas num dia, quando trabalhou fora da base. E questiona: “por que um agente de trânsito não pode trabalhar na rua?” Além disso, ironiza o cálculo do corte do seu salário. “Como cortaram vinte dias? Eu trabalho por escala. Cada dia que falto vale por três. Como chegaram a vinte? Vinte não é múltiplo de três”.

Na sexta-feira (5), Arnaldo encaminhou comunicado interno para o secretário de administração Ricardo Machado. No documento, entre outras providências, pede a reposição do seu salário e a abertura de processo administrativo contra o secretário Isaac Albagli – confira aqui. Também apresentou a documentação que reuniu ao Ministério Público do Estado da Bahia.

O secretário Isaac Albagli não atende ligações do Blog do Gusmão. Prefere responder por meio da secretaria de comunicação social.

Arnaldo nos enviou gravação de uma conversa. Segundo ele, a voz de um dos interlocutores é a de Isaac Vinhas. Ouça.

ESGOTO A CÉU ABERTO AFETA RESPIRAÇÃO DE CRIANÇA NO PONTAL

Daniela Lino, seu filho e a água suja. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.
Daniela Lino, seu filho e a água suja. Imagem de arquivo: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

O bebê do casal Edevan e Daniela Lino passou a ter dificuldades para respirar depois que a rua onde moram foi tomada pela água suja de ligações clandestinas de esgoto na rede de escoamento pluvial.

A família mora na Rua Salgado Filho, no bairro Pontal, em Ilhéus. A primeira crise respiratória da criança ocorreu há oito meses – lembre aqui. Na última sexta-feira (30), Daniela nos procurou de novo, porque o problema de saúde havia voltado, assim como a água suja.

O casal registrou imagens do filho, mas, decidimos não publicá-las. Elas mostram a criança debilitada numa sessão de nebulização. 

Diferente de outras casas da mesma rua, a da família não tem muito espaço entre a área interna (construída) e a calçada. Isso a deixa próxima da água suja e exposta aos gases que exalam dela.

A Prefeitura de Ilhéus é responsável pela manutenção da rede pluvial. De acordo com o secretário de infraestrutura, transporte e trânsito, Isaac Albagli, os moradores devem colaborar com o trabalho dos servidores identificando as casas de onde partem as ligações clandestinas.

SERVIÇO “PADRÃO SECRETÁRIO ISAAC ALBAGLI”

Buraco aperto pela Prefeitura de Ilhéus na Praça Cairu.
Buraco aberto pela Prefeitura de Ilhéus na Praça Cairu.

A imagem acima mostra um buraco aberto pela Prefeitura de Ilhéus em frente à faixa de pedestres da Praça Cairu, no centro. A Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Trânsito retirou o suporte do semáforo, mas, não consertou a calçada.

Autor das imagens usou pedras para sinalizar o perigo.
Autor das imagens usou pedras para sinalizar o perigo.

Parte da calçada ao redor do buraco também está prestes a ceder. O autor dessas imagens usou blocos de pedra para sinalizar o perigo e evitar acidentes no local.

Comentário do Blog.

Esse é mais um serviço com a marca de qualidade do secretário Isaac Albagli. Além de não consertar a calçada, o governo sequer usou uma plaquinha para avisar os pedestres sobre o perigo.

CADEIRANTE VOLTA A SER DESRESPEITADO

Estudante mora no Nossa Senhora da Vitória e enfrenta dificuldade para chegar à escola no Pontal.
Estudante mora no Nossa Senhora da Vitória e enfrenta dificuldade para chegar à escola no Pontal.

O estudante da imagem acima chegou às 6h40 dessa terça (22) ao ponto do Nossa Senhora da Vitória onde embarca para ir à escola em que estuda no  Pontal, em Ilhéus. Por volta das 7h30, ainda aguardava por um ônibus com elevador para cadeirantes. Os equipamentos dos veículos que passaram estavam quebrados.

Um leitor deste blog testemunhou o flagrante de desrespeito aos direitos dos cadeirantes. O jovem já havia sofrido o mesmo desrespeito em junho desse ano – lembre aqui.

O Blog do Gusmão conversou com a direção da Viametro. Segundo a empresa, seus elevadores recebem manutenção com frequência e todos os problemas que ocasionalmente surgem são resolvidos com o auxílio da associação dos deficientes.

Conforme a empresa, isso pode ter acontecido por causa de uma atitude desrespeitosa de alguns motoristas. A Viametro pede que os familiares ou os próprios deficientes anotem os números dos ônibus, pois vai apurar para evitar esse tipo de problema. A concessionária vai colocar um fiscal na área.

O blog ainda não obteve resposta da São Miguel.

Comentário do Blog.

Além dos obstáculos cotidianos que é obrigado a enfrentar por viver numa cidade sem estrutura para acolher pessoas com deficiência, esse jovem ainda se depara com essa completa falta de respeito. Esse tipo de constrangimento ofende sua dignidade e lhe retira o direito de estudar.

As concessionárias precisam descobrir o que ocorre. A manutenção dos equipamentos deve ser periódica. Além do mais, cabe à Prefeitura de Ilhéus fiscalizar o serviço. Se o secretário de infraestrutura e trânsito do município, Isaac Albagli, tivesse um parente cadeirante – e que usasse ônibus – isso jamais aconteceria.

ISAAC ALBAGLI NEGA FALHAS EM LICITAÇÕES DA BAHIA PESCA

Albagli.
Albagli.

O plenário do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE) reprovou nessa quinta-feira (9) as contas de 2011 da estatal Bahia Pesca S/A e estabeleceu multa de R$ 10 mil para o ex-presidente da unidade, Isaac Albagli, atual secretário de infraestrutura e trânsito de Ilhéus.

Isaac Albagli nos enviou hoje (10) essa mensagem sobre a decisão: “Considero que o Tribunal de Contas do Estado, ao analisar as contas do exercício de 2011, agiu corretamente ao considerar que houve falha no acompanhamento de convênios entre a empresa e entidades do setor pesqueiro. A precária estrutura encontrada não permitiu um controle mais efetivo. Entretanto, com relação às falhas apontadas em algumas licitações, vamos apresentar recurso, pois entendemos que as mesmas estavam de acordo com a legislação.”.

PEDREIRA IGUAPE: EXPLICAÇÕES DE ISAAC ALBAGLI

Albagli.
Albagli.

O secretário de infraestrutura, transportes e trânsito da Prefeitura de Ilhéus, Isaac Albagli, respondeu publicação deste blog sobre o licenciamento ambiental da sua empresa (Pedreira Iguape) – lembre aqui. Leia a íntegra:

“Como já dito anteriormente, essas denúncias mascaradas de “dossiê” não me preocupam. Em todos os casos temos decisões favoráveis da Justiça Estadual, Justiça Federal e parecer do Ministério Público Federal que nos tranquilizam. Não adianta perseguições de quem quer que seja, pois a verdade sempre prevalecerá. Nossa empresa é perseguida por duas frentes bem definidas: uma pelo lado político e outra pelo lado empresarial. O lado político, não carece explicações. Sou constantemente bombardeado. Pelo lado empresarial incomodei e quebrei o monopólio da brita que durava 30 anos. Antes da nossa pedreira entrar no mercado, em 2013, a brita custava R$ 100,00. Hoje, mais de um ano depois, custa R$ 80,00 a R$ 85,00. Quem ganhou com isso foi o povo de Ilhéus. Esse “dossiê”, deliberadamente ou não, omitiu fatos importantes, inclusive novos pronunciamentos do DNPM e da Justiça Federal sobre a questão, mas aos detratores isso não interessa. Eles são seletivos em suas denúncias. Quanto ao fato do questionamento de ser empresário e membro do Conselho de Meio Ambiente, somente pergunto por que outros podem, e eu não? No conselho existem ou existiram servidores públicos municipais, servidores públicos federais (CEPLAC), consultores ambientais e muitos empresários, vários com empreendimentos que dependem de licença ambiental. No entanto, justiça seja feita, nenhum deles vota em situações que interessem aos seus empreendimentos. De minha parte, sempre me abstenho nas votações. Portanto, não há nenhum conflito de interesses. A inveja é a grande vedete. Ela cega os homens, semeia futricas e deturpa fatos. Não voltarei ao assunto, pois essa exposição desnecessária só nos traz prejuízos. Continuamos firmes no mercado, de cabeça erguida e produzindo uma brita de excelente qualidade. Isso, sim, interessa ao público.”

CONHEÇA O DOSSIÊ QUE ACUSA IRREGULARIDADES NO LICENCIAMENTO DA PEDREIRA DE ISAAC ALBAGLI

Isaac Albagli: dono de pedreira, conselheiro em defesa do meio ambiente e secretário municipal.
Isaac Albagli: dono de pedreira, conselheiro em defesa do meio ambiente e secretário municipal.

No último dia 31 de março, veiculamos questionamentos sobre a legitimidade da renovação da licença ambiental que a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA) concedeu em 2013 à Pedreira Iguape LTDA, propriedade do secretário de Infraestrutura, Transportes e Trânsito de Ilhéus e membro do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (CONDEMA), Isaac Albagli. Nos comprometemos a disponibilizar os documentos que fundamentaram a matéria. Digitalizamos o material e o apresentamos a um advogado que requisitou certo tempo para analisá-lo. Retomamos abaixo as informações sobre o caso, dessa vez acompanhadas pelo dossiê. 

Em abril de 2014, Cid Póvoas, ex-presidente do CONDEMA, denunciou Albagli ao Ministério Público Estadual. Conforme a denúncia, a SEMA renovou a licença da Pedreira Iguape sem submeter o processo à apreciação do conselho e realizar audiência pública a respeito. A secretaria desobedeceu ao que estabelecem as resoluções nº 13 (CONDEMA, 09/06/2011) e nº 01 (Conselho Nacional de Meio Ambiental – CONAMA, 23/01/1986). A representação está neste link.

O impasse que envolve a Pedreira Iguape remonta ao ano de 1993, quando a Albigali de Almeida Construtora LTDA (sic) comprou 3 hectares que pertenciam à Fazenda Nova Aurora (KM 10 da rodovia Ilhéus-Uruçuca).

Em 2004, a Pedreira Iguape conseguiu seu Registro de Licença (nº 028/2004) junto ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), órgão do Ministério de Minas e Energia. Com o registro, Isaac instalou seu empreendimento na área que pertencia à Fazenda Nova Aurora.

Edmond Chemme Ganem, dono da Fazenda Nova Aurora, alegou ao DNPM que a Pedreira Iguape atuou dentro da sua propriedade sem autorização. A denúncia motivou o órgão a abrir procedimento administrativo e a solicitar a anulação do registro de licença da pedreira, com base em parecer do Serviço de Análise de Projetos (SAP-BA) – acesse o documento.

(mais…)

TRANSPORTE COLETIVO DEIXA CADEIRANTE “NA MÃO”

O vídeo abaixo mostra a tentativa de uma pessoa com deficiência de embarcar num ônibus da empresa São Miguel, em Ilhéus. O elevador do veículo não funcionou. Um cidadão filmou tudo e publicou no Facebook. A cena foi registrada pouco depois das 6 horas de terça-feira (9), no bairro Nossa Senhora da Vitória. O ônibus da linha 29 partiu para o Iguape e deixou o cadeirante para trás.

Comentário do Blog.

Vivemos a chamada “era dos direitos”. As pessoas com deficiência necessitam de meios especiais para habitar os espaços públicos. O elevador do ônibus foi um dos recursos que a sociedade desenvolveu para incluí-las.

A empresa visa o lucro. Cabe ao poder público regular a prestação do serviço. Se o secretário municipal de Infraestrutura, Transportes e Trânsito, Isaac Albagli, tivesse um parente numa cadeira de rodas, provavelmente seria menos displicente com a fiscalização. 

GENERAL OSÓRIO: MAIS UMA REFORMA PADRÃO “ISAAC ALBAGLI”

A reforma do antigo Colégio General Osório está em sua fase final. A chuva dessa manhã expôs a qualidade do serviço que foi feito até agora.
A reforma do antigo Colégio General Osório está em sua fase final. Qualquer chuva expõe a qualidade do serviço.

As imagens mostram áreas internas do antigo Colégio General Osório, sede da biblioteca municipal cuja reforma está em fase conclusão. A chuva dessa manhã (6) alagou vários espaços do prédio. Partes do teto têm infiltrações.

infiltração.
Infiltração.

Comentário do Blog. 

Se existe, o sistema de escoamento da área descoberta é ineficiente.
Se existe, o sistema de escoamento da área descoberta é ineficiente.

O secretário Isaac Albagli responde pela qualidade das reformas realizadas ou contratadas pela Prefeitura de Ilhéus. Essa é mais uma que leva a marca do seu padrão de serviço.

Goteiras molharam vários espaços do prédio.
Goteiras molharam vários espaços do prédio.

A sabedoria popular ensina que “às vezes o barato sai mais caro”.

SEMÁFOROS QUEBRADOS: ISAAC, CADÊ O DINHEIRO DAS MULTAS?

Semáforo quebrado no Parque Infantil.
Semáforo quebrado no Parque Infantil.

Segundo o leitor que nos enviou hoje (4) as imagens desta publicação, esses semáforos estão quebrados há “muito tempo”. Eles ficam num cruzamento do bairro Parque Infantil, zona norte de Ilhéus. O local também não possui faixa de pedestre.

Semáforo lateral também está quebrado.
Semáforo lateral também está quebrado.

Os problemas relatados pelo leitor também ocorrem em outros pontos da cidade, como na Rua 13 de maio, no bairro Pontal – lembre aqui. O semáforo dessa via está quebrado, pelo menos, desde 31 de agosto de 2013.

Segundo leitor, semáforos do Parque Infantil estão quebrados "há muito tempo".
Segundo leitor, semáforos estão quebrados há “muito tempo”.

Comentário do Blog.

A Prefeitura de Ilhéus arrecada muito dinheiro com multas de trânsito. Por isso convém perguntar ao secretário municipal Isaac Albagli, a quem a Superintendência de Trânsito é subordinada: cadê o dinheiro arrecadado? Esses recursos são usados para recuperar semáforos e pintar faixas de pedestre?

ISAAC ALBAGLI RESPONDE CRÍTICA SOBRE REFORMA DE ESCOLA

Albagli.
Albagli.

O secretário de infraestrutura, transporte e trânsito de Ilhéus, Isaac Albagli, respondeu a crítica de um leitor deste blog sobre a reforma da Escola Nucleada de Banco Central. 

O leitor criticou especificamente a qualidade da reforma do banheiro da escola – veja aqui. Leia a resposta do secretário:

“A informação colhida a partir de manifestação de um pedreiro que atua na obra de reforma da escola de Banco Central não tem nenhum fundamento. A obra não está concluída, e qualquer defeito existente será corrigido antes da entrega definitiva. Este ano já concluímos a reforma de 14 escolas e 11 ainda se encontram com obras em andamento. A entrega/recebimento definitivo é sempre realizada por uma comissão composta por prepostos da SEDUR e da Secretaria de Educação, que observa todos os aspectos dos serviços, inclusive a qualidade.”