Cacá faleceu nesse sábado, em Ilhéus. Imagem: José Nazal.

Cacá faleceu nesse sábado, em Ilhéus. Imagem: José Nazal.

Nesse sábado (17), a população de Ilhéus recebeu com pesar a notícia do falecimento do ex-vereador Carlos Alberto França, mais conhecido como Cacá da Etesi. O apelido faz referência à Empresa Técnica de Segurança contra Incêndios, do ramo de extintores, da qual era proprietário.

Na noite de quarta-feira (14), Cacá foi atropelado por um motociclista na Rua da Linha (Bento Berilo), no Centro, perto das Lojas Americanas. Socorrido pelo SAMU, passou por cirurgia no Hospital Geral Luiz Viana Filho e ficou internado na unidade de tratamento intensivo do Hospital de Ilhéus. Mas o empresário ilheense de sessenta anos não resistiu aos efeitos da forte pancada do atropelamento, que atingiu principalmente a sua cabeça.

Cacá foi vereador de Ilhéus pelo PTB por dois mandatos consecutivos. Quando conquistou o primeiro, em 1996, liderou a votação com 1.150 votos.

Na manhã deste domingo (18), o prefeito Mário Alexandre (PSD) e o vice-prefeito José Nazal (Rede Sustentabilidade) emitiram nota de pesar. Segundo eles, o ex-vereador “deixa um legado de serviços prestados ao povo de Ilhéus e a imagem da sua alegria, sempre contagiante, que contribuiu na construção de uma legião de amigos”.

O velório é realizado no SAF do Alto da Conquista. O sepultamento está previsto para as 16 horas, no Cemitério da Vitória.