Pawlo Cidade. Imagem: Clodoaldo Ribeiro.

Pawlo Cidade. Imagem: Clodoaldo Ribeiro.

No dia 25 de outubro, os novos integrantes do Conselho Municipal de Cultura tomam posse. O conselho é formado por representantes do poder público e da sociedade civil. O ato acontece no auditório da Academia de Letras de Ilhéus, às 19h.

O objetivo do conselho é elaborar moções, pareceres sobre tombamentos e reformas do patrimônio cultural, particular de comissões técnicas e temáticas.

O conselheiro estadual de Cultura, Pawlo Cidade, comentou sobre a importância do órgão cultural para o município. “O Conselho de Cultura é o principal órgão do sistema municipal de cultura. Ele tem a função precípua de acompanhar o cumprimento das diretrizes e instrumentos de gestão, planejamento e financiamento da cultura. E mais: propor, e, quando possível exercer a função normativa. A grande vantagem de sua existência para a gestão pública é que ele dá mais visibilidade, transparência e legitimidade às ações do governo”, afirmou.

Os conselheiros indicados pelo poder público municipal são representantes das secretarias de Cultura, João Paulo Couto Santos (titular) e Paulo Jorge Pereira do Rosário (suplente); de Turismo, Jacks Rodrigues dos Santos (titular) e Roberto de Andrade Pereira (suplente); de Educação, Mariângela de Sant’Anna Bahia, (titular) e Altemíria Gracia de Souza Protásio Félix (suplente); e Divisão de Esportes, Marcos Ulisses dos Reis Garcia (titular) e Aneilson Leal da Luz (suplente).

Já os integrantes indicados pela sociedade civil são os representantes da Câmara Setorial de Teatro, Ruy Penalva Guimarães Neto (titular) e Robert Alexandre Rodrigues (suplente); Câmara Setorial de Música, Laís Chaves Marques (titular) e Agenor Santos de Oliveira Filho (suplente); Câmara Setorial de Artes Visuais, Gildásio Rodrigues Santos (titular) e Emerson Silva Araújo (suplente); Câmara Setorial de Audiovisual, Tacila Aparecida Mendes Reis, (titular) e Rodrigo Macedo Figueroa (suplente); e da Câmara Setorial de Dança, Eliana Conceição da Fonseca (titular) e Djalma Fernandes da Silva (suplente).

Ainda serão empossados os representantes da Câmara Setorial de Cultura Popular, Janete Lainha Coelho (titular) e Rosenilto Moreira Ribeiro (suplente); Câmara Setorial de Cultura Indígena, Alex Alves Souza (titular) e Flávio Alves Souza, (suplente); Câmara Setorial de Cultura Afro, Júnior Cézar Coelho Cotias, (titular) e Jamile Silva Santos (suplente); Câmara Setorial de Patrimônio Cultural, Maria Helena Guimarães Carvalho Tavares (titular) e Meirice Rocha Nascimento (suplente); e Câmara Setorial de Literatura, Antonio Sérgio Nunes Figueiredo (titular) e Fabrício Brandão Amorim Oliveira (suplente).

Também fazem parte do conselho os representantes das secretarias de Planejamento, Helena Maria Souza Bomfim Ribeiro (titular) e Emílio José Santos Gusmão (suplente); da Fazenda, Roberto Soares Oliveira, (titular) e Gilberto José Araújo Dórea (suplente); de Desenvolvimento Social, Rubenilton Santos Silva, titular e Géssica Miranda Rebouças (suplente); de Saúde, Rita de Cássia do Carmo Adami (titular) e Elizângela Santos de Oliveira (suplente); Gabinete do Prefeito, Sérgio Santos de Sousa (titular) e Joilma Cristina Sodré Santos Bandeira (suplente).