WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Quarta-Feira, 22 de Novembro de 2017
cenoe faculdade madre thais

DEFENSORIA PÚBLICA ATENDE POPULAÇÃO DE ITAPÉ EM UNIDADE MÓVEL

Unidade móvel da Defensoria Pública chega no dia 10 de novembro.

Unidade móvel da Defensoria Pública chega no dia 10 de novembro a Itapé.

Nessa sexta-feira (10), a cidade de Itapé vai receber uma Unidade Móvel de Atendimento da Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE/BA), que vai atender a população na praça Fenelon Santos, no Centro, das 8 às 16h. O objetivo é passar orientações jurídicas, resolver extrajudicialmente os mais diversos tipos de conflitos e encaminhar exames de DNA.

O defensor público e coordenador da unidade, Márcio Marcílio, explica a necessidade do suporte móvel para o município. “A proposta da Unidade Móvel é ampliar o atendimento da Defensoria Pública e fazê-la chegar à população das comarcas que ainda não têm um defensor público ou intensificar o trabalho que é feito em comarcas que já possuem unidade defensorial, buscando sempre a pacificação e a resolução extrajudicial dos casos”.

O subcoordenador da 4ª Regional da Defensoria, Walter Nunes Fonseca Junior, comenta sobre o intuito da instituição. “Nosso objetivo é aproximar a Defensoria da população e fazer com que cada um tenha acesso aos seus direitos”.

Para ser atendido, é necessário portar os documentos de RG, CPF, comprovante de residência, certidão de nascimento dos filhos (se tiver) e todos os documentos necessários para a resolução da demanda.

Em caso de dúvidas, o cidadão pode ligar para o Disque Defensoria, no telefone 129, de um telefone fixo, ou baixar o aplicativo “Defensoria Bahia” para Android ou iOS.

MÉDICO DESTACA SEGURANÇA DAS CIRURGIAS ATUAIS DE CATARATA

O médico oftalmologista Elísio Bueno.

O médico oftalmologista Elísio Bueno.

Cuidar da saúde é importante para as pessoas de todas as idades. Porém, quando o assunto é o cuidado com a visão, os idosos geralmente representam o público mais interessado. Isso porque muitas doenças dos olhos têm relação direta com o avanço da idade. A catarata é um exemplo comum dessa realidade. É o que explica o médico Elísio Bueno Machado Filho, de 38 anos, oftalmologista do CENOE – Hospital de Olhos de Ilhéus.

Formado na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), o oftalmologista goiano especializou-se no tratamento da catarata e trabalha há quase cinco anos em Ilhéus. Chegou na cidade a convite do diretor técnico do CENOE, o médico Antônio Nogueira, também oftalmologista.

Elísio veio trabalhar em Ilhéus a convite do colega Antônio Nogueira.

Elísio veio trabalhar em Ilhéus a convite do colega Antônio Nogueira.

Na entrevista abaixo, Elísio Bueno fala sobre os sintomas e o tratamento da catarata, que é uma das causas mais frequentes de cegueira irreversível. Também destaca a evolução das técnicas cirúrgicas para a cura da doença e o alto nível de segurança dos procedimentos atuais. Por outro lado, faz um alerta sobre os cuidados necessários para o sucesso das cirurgias e da recuperação dos pacientes. Leia.

Blog do Gusmão – O que é a catarata?

Elísio Bueno – O olho tem uma lente natural chamada cristalino. Com a idade, quando essa lente ganha opacidade, ou seja, perde transparência, isso começa a atrapalhar a visão. Isso é a catarata. Ou seja, uma lente natural que ficou opaca com o passar do tempo, por isso a relação com a idade da pessoa.

Blog do Gusmão – Quais são os sintomas da catarata?

Elísio Bueno – Os principais sintomas são: baixa equidade visual, dificuldade de enxergar e perceber cores, e falta de sensibilidade para distinguir contrastes. De modo geral, o paciente perde a qualidade da visão. O primeiro sintoma costuma ser a perda da sensibilidade para perceber e diferenciar as cores. Sem o tratamento, esse quadro pode avançar e causar a perda total da visão.

BG – Como se detecta uma catarata?

EB – Geralmente, o paciente chega ao médico com uma queixa sobre a qualidade da visão. Com o exame oftalmológico específico é possível detectar a catarata. É um procedimento de microscopia.

BGQual é o tratamento adequado?

EB – O tratamento da catarata é principalmente cirúrgico. Não existe colírio, não existe nada que possa reverter o quadro ou diminuir a opacidade da lente natural do olho. É uma condição mecânica, ou seja: uma lente “opacificada” pelo tempo, que deve ser removida e substituída por uma lente artificial transparente.

BG – Em que consiste a técnica de facoemulsificação?

EB – É uma evolução da cirurgia de catarata. No passado, a catarata era retirada, mas, não era substituída. O processo evoluiu com o implante das lentes intraoculares. A técnica da facoemulsificação representa o avanço mais importante dos últimos anos para esse tipo de cirurgia. Funciona assim. Para retirar a lente natural, ao invés de um corte, fazemos um furo menor, de 2.75 milímetros. Com o aparelho facoemulsificação, injetamos um líquido que quebra a lente natural opaca, como se fosse uma britadeira. Assim a catarata é retirada pelo orifício. Como o furo é pequeno, a recuperação do paciente é mais rápida. Esse foi um grande avanço da oftalmologia.

BG – Quando o paciente deve ser operado?

EB – Quando ele começa a sentir os sintomas, que são as queixas sobre a qualidade da visão. Muitas vezes depende muito da pessoa. Antigamente, quando tinha que tirar a catarata inteira, deixava-se a catarata amadurecer e ficar bem dura. Hoje, com essa técnica da facoemulsificação, é o contrário: quanto mais rápido você fizer, a cirurgia fica mais tranquila. A percepção do paciente é muito importante para definir o momento certo da cirurgia. Depende das atividades dele, se há limitação por causa das vistas, se isso já impacta na qualidade de vida, é a hora de operar. Por isso eu gosto de dizer que quem faz a cirurgia é o paciente, não o médico.

BG – A pessoa sente dor durante ou depois da operação?

(mais…)

SEBRAE PROMOVE OFICINAS GRATUITAS EM ILHÉUS E ITABUNA

Michel Lima. Imagem: Maurício Maron - ASN Bahia.

Michel Lima. Imagem: Maurício Maron – ASN Bahia.

Hoje (7), amanhã (8) e na sexta-feira (10), o Sebrae vai promover oficinas de capacitação gratuitas em Ilhéus e Itabuna. A iniciativa se dá em comemoração à Semana Global do Empreendedorismo 2017.

O objetivo é desenvolver diversas ações voltadas ao empreendedorismo, em função do desemprego, que tem elevado a preocupação sobre a preparação desses novos empreendedores no mercado. O movimento mundial acontece oficialmente em todo o Brasil na terceira semana de novembro.

O gerente adjunto do Sebrae em Ilhéus, Michel Lima, destaca a importância de uma boa qualificação para o empreendedor. “Por isso, o objetivo dessas atividades é chamar a atenção dessas pessoas sobre o processo necessário de preparação para empreender em qualquer negócio. Por um lado, a ideia é reduzir o índice de mortalidade das empresas e, por outro, incentivar o empreendedorismo mais responsável”, completou.

Os interessados podem realizar as inscrições na loja virtual do Sebrae Bahia, ou pelos telefones: (73) 3634-4068, em Ilhéus, (73) 3613-9734, em Itabuna ou no número da Central de Relacionamento Sebrae, 0800-570-0800.

(mais…)

SINEBAHIA ITABUNA OFERECE 29 VAGAS DE EMPREGO NESSA QUARTA-FEIRA

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis nessa quarta-feira (8).

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

AUXILIAR DE PESSOAL

Ensino Médio completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

Conhecimento com Controle de ponto, homologação, cálculo de FGTS , demissão e admissão

1 VAGA

MOTORISTA DE CARRO

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

Possuir curso de direção defensiva com carga horária mínima de 16h

1 VAGA

TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

Registro Profissional de Técnico em Segurança do Trabalho

Conhecimento das Normas Regulamentadoras (NRs);

Conhecimento em Saúde e Meio Ambiente (Gestão Ambiental; Gestão de Resíduos, Coleta Seletiva);

Disponibilidade de horário e para realizar viagens;

Habilitação categoria B

1 VAGA

(mais…)

FALTA DE OPORTUNIDADES AGRAVA VIOLÊNCIA CONTRA JOVENS, AVALIA BEBETO

Deputado federal Bebeto Galvão.

Deputado federal Bebeto Galvão.

Ontem (6), o deputado federal Bebeto Galvão (PSB-BA) se pronunciou sobre o 11º Anuário Brasileiro de Segurança Pública. Entre os dados, a pesquisa divulgada na última semana destacou o aumento do número de mortes violentas na Bahia no ano passado.

De acordo com o estudo, em 2016 a Bahia registrou 7.110 casos de assassinatos intencionais, aumento de 12% em relação a 2015. Nesse cenário, os jovens foram as principais vítimas.

Para Bebeto, faltam oportunidades para a maioria dos jovens vitimados pela violência. “Fui membro da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Genocídio da Juventude Negra e, andando e discutindo pelo Brasil, pude perceber que essa violência que esmaga nossos jovens se dá, sobretudo, pela ausência de políticas que amparem e deem oportunidades”, avaliou.

“Quando há educação de qualidade, lazer, saúde, cultura, oportunidades de emprego, a tendência é de que a violência não tenha vez, mas isso não é realidade ainda na maioria das comunidades, na capital ou no interior. Violência se combate com trabalho, cultura, lazer e não com mais violência e repressão”, concluiu Bebeto.

PREFEITOS DO EXTREMO SUL DA BAHIA ARMARAM “CIRANDA DE PROPINA”, ACUSA PF

José Robério Oliveira, Agnelo Santos e Claudia Oliveira. Imagem de arquivo do site O Xarope.

José Robério Oliveira, Agnelo Santos e Claudia Oliveira. Imagem de arquivo do site O Xarope.

Após desencadear a Operação Fraternos no início da manhã desta terça-feira (7) – lembre aqui, a Polícia Federal divulgou nota pública sobre o inquérito que investiga suposto esquema de fraude a licitações das prefeituras de Eunápolis, Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália. Os três prefeitos das cidades do extremo sul da Bahia são suspeitos de participação nos supostos crimes contra o patrimônio público.

O nome da operação remete à relação de parentesco entre os investigados. Conforme a nota da Polícia Federal, “as investigações apontam que as prefeituras envolvidas contratavam empresas relacionadas ao grupo familiar para fraudar licitações, simulando a competição entre elas. Após a contratação, parte do dinheiro repassado pelas Prefeituras era desviado, utilizando-se de “contas de passagem” em nomes de terceiros para dificultar a identificação do destinatário final dos valores arrecadados, que, em regra, retornavam para membros da organização criminosa, inclusive através de repasses a empresa de um dos prefeitos investigados. Essas mesmas empresas também eram utilizadas para a lavagem do dinheiro ilicitamente desviado”.

A Polícia Federal também acredita no uso de “laranjas” como titulares de empresas do suposto esquema. “Em um dos casos investigados”, diz o texto, “foi observado que uma das empresas do esquema tinha como sócio um ex-funcionário de outra empresa do grupo criminoso, que teria investido 500 mil reais na integralização do capital. Os policiais federais descobriram, no entanto, que a renda mensal do ex-funcionário era de apenas R$ 800,00 à época”.

Ainda conforme a nota pública, como teria ocorrido um revezamento das licitações entre as empresas, “os policiais identificaram uma verdadeira “ciranda da propina” na qual as empresas dos parentes revezavam as vitórias das licitações para camuflar o esquema e, em muitos casos, chegavam ao extremo de repassar a totalidade do valor contratado na mesma data do recebimento a outras empresas da família.”

É importante destacar que os prefeitos José Robério (Eunápolis), Claudia Oliveira (Porto Seguro) e Agnelo Santos (Cabrália), todos do PSD, são, até o momento, suspeitos. Ao que consta, o Ministério Público Federal ainda não formalizou denúncia contra eles. Caso isso ocorra, os mandatários afastados terão a oportunidade de se defender no processo e poderão ser inocentados ao final dele.

RÁDIO UESC SELECIONA BOLSISTAS DE COMUNICAÇÃO

radio uescA Rádio UESC abriu hoje (7) o prazo de inscrições para a sua seleção de bolsistas. São duas vagas imediatas e cinco oportunidades para o cadastro reserva. O processo seletivo é direcionado para os estudantes de comunicação da Universidade Estadual de Santa Cruz.

As inscrições podem ser feitas até o próximo dia 13, com a exceção dos dias 11 (sábado) e 12 (domingo), no Protocolo Geral da UESC. O atendimento funciona das oito às 21 horas. Os bolsistas vão assinar contratos de doze meses, que poderão ser renovados pelo mesmo período. Acesse o edital.

TRIO ASSALTA ÔNIBUS DO CONDOMÍNIO MORADA DO PORTO

assalto-armadoLeitor do Blog do Gusmão afirma que dois homens e uma mulher assaltaram ontem à noite os passageiros de um ônibus do transporte público que seguia para o condomínio Morada do Porto, em Ilhéus. Segundo ele, o crime aconteceu por volta das 21h30, quando o veículo passava perto da entrada do bairro Teotônio Vilela. Após roubar dinheiro e objetos dos passageiros, conta o leitor, os assaltantes desceram nas imediações do clube Ecobaba.

Atualizado às 12h28min.

Apenas um dos assaltantes estava armado. Segundo o leitor, ele portava o que parecia ser um revólver calibre 38.

EDITUS É FINALISTA EM PRÊMIO NACIONAL DE INCENTIVO À LEITURA

Prêmio IPL.

Prêmio IPL.

A editora da UESC (Editus) está entre as finalistas do Prêmio IPL Retratos da Leitura, 2017, na categoria “Cadeia Produtiva”, com o projeto “No caminho tem um livro”, que tem o objetivo de levar mais leitura aos transportes públicos.

Em parceria com a Rota Transportes, a Editus colocou bolsões especiais nos ônibus sentido Itabuna/Salobrinho, Itabuna/Ilhéus e nos que transportam os servidores da instituição, onde as publicações são guardadas. Os passageiros podem ler no caminho ou levar a obra para casa, com a responsabilidade de devolvê-lo.

A professora e diretora da Editus, Rita Virginia Argollo, destaca a importância da nomeação. ”Nós da Editus, e da UESC, nos sentimos honrados com a indicação para um prêmio de tamanha importância, uma vez que traz o reconhecimento para um projeto que segue na linha do que acreditamos, que é a democratização do acesso à leitura, e o fomento à formação de leitores críticos”, completou.

O Prêmio IPL – Retratos da Leitura foi criado pelo Instituto Pró-Livro – IPL, que é uma (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), com o intuito de fomentar a leitura, na busca por tornar o Brasil um país de leitores e amantes dos livros. 

JUSTIÇA FEDERAL AFASTA OS PREFEITOS DE EUNÁPOLIS, PORTO SEGURO E CABRÁLIA

José Robério, Claudia Oliveira e Agnelo Santos também são alvo de mandados de condução coercitiva.

José Robério, Claudia Oliveira e Agnelo Santos também são alvo de mandados de condução coercitiva.

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou o afastamento dos prefeitos de Eunápolis, José Robério, de Porto Seguro, Claudia Oliveira, e de Santa Cruz Cabrália, Agnelo Santos, todos do Partido Social Democrático, o PSD. Eles são suspeitos de participar de um suposto esquema de desvio de dinheiro público.

A pedido da Polícia Federal, a corte também autorizou a condução coercitiva dos prefeitos para depoimento. A PF pediu a prisão temporária dos três, mas, o tribunal negou.

Segundo a PF, Claudia, Robério e Agnelo teriam fraudado contratos que somam duzentos milhões de reais.

Os assessores dos três prefeitos disseram ao portal G1 que ainda não têm informações sobre a operação deflagrada hoje (7) pela Polícia Federal.

O nome da operação dessa terça-feira (Fraternos) é uma referência ao vínculo familiar entre os investigados. Além de ser esposa de Robério, Claudia é irmã de Agnelo.

No total, a Justiça determinou a prisão temporária de 21 pessoas e a condução coercitiva de outras dezoito. Os policiais federais também cumprem 42 mandados de busca e apreensão.

Em 2012, ao ser filmada num momento de intimidade entre aliados, Claudia Oliveira brincou com a possibilidade de construir uma ponte orçada em 2 bilhões de reais, sendo que, conforme disse, metade dos recursos ficaria para ela. O vídeo repercutiu na imprensa nacional, após a divulgação do jornal O Globo.

É importante destacar que os prefeitos são, até o momento, suspeitos. Ao que consta, o Ministério Público Federal ainda não formalizou denúncia contra eles. Caso isso ocorra, os mandatários afastados terão a oportunidade de se defender no processo e poderão ser inocentados ao final dele.