Prefeito Fernando Gomes.

Em dezembro de 2017, o prefeito Fernando Gomes (sem partido) enviou à Câmara de Vereadores projeto de lei que muda o vínculo dos servidores com o município do regime celetista (baseado na Consolidação das Leis do Trabalho) para o estatutário. Em resposta, o Sindicato dos Servidores Municipais de Itabuna (SINDSERV) afirmou que o governo conduz o processo de forma “autoritária”.

Os vereadores estão em recesso. O prefeito, no entanto, quer a votação do projeto de lei nessa segunda-feira (15), em sessão extraordinária, antes do fim do intervalo legislativo.

A intenção do governo não agrada o sindicato, que convocou os servidores para ocupar a Câmara no dia da votação. O SINDSERV espera que os vereadores não atendam a solicitação do prefeito, pois o projeto de lei não foi discutido aberta e profundamente com os trabalhadores.