WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Sexta-Feira, 22 de Junho de 2018
ubaitaba
master class cenoe faculdade madre thais

PORTO SUL: 11 ANOS DE OBRAS?

Especialistas da UESC (Universidade Estadual de Santa Cruz – Ilhéus/BA) e da UFBA (Universidade Federal da Bahia) contestam o cronograma estimado para a construção do Complexo Intermodal Porto Sul, no município de Aritaguá, em Ilhéus. O EIA-RIMA apresentado ao IBAMA estima que a construção dos dois quebra-mares para a implantação do porto público e do TUP privado da Bahia Mineração será no período de 43 meses (aproximadamente 3,6 anos). Já a frequência de tráfego de caminhões carregados com pedras esperada nas vias de acesso à cidade foi estimada em um veículo a cada 6 minutos, 24 horas por dia, ininterruptamente.

Análises técnicas informam que os cronogramas não são compatíveis. O tempo para construir as obras civis seria aproximadamente três vezes maior do que o indicado no estudo. Ou seja, quase 11 anos de obras. Em vez de 43 meses, o prazo para a construção dos quebra-mares será em 129 meses.

GOVERNO EXPLICA EROSÃO

A previsão feita no estudo de impacto ambiental é de que, se nada for feito, haverá um recuo gradual da linha de costa ao norte do porto, com extensão máxima de 100 metros. As alterações mais expressivas (recuo e avanço da linha de costa) ocorrerão no trecho mais próximo (distância de cerca de 2 km ao sul e 3 km ao norte do empreendimento).

Há técnicas modernas para resolver essa questão, que por sinal é utilizada nos portos offshore pelo mundo: retirar a sedimentação e depositá-la no trecho erodido. A construção de muros ou espigões para conter o avanço do mar é outra técnica consagrada que pode ser utilizada. É importante saber que essa movimentação será constantemente monitorada para que o diagnóstico seja preciso e as ações rápidas. Temos o exemplo de Malhado que não deve ser repetido. O problema ocorreu porque não foram feitos estudos prévios. Com o Porto Sul é diferente, pois estudos aprofundados foram realizados e outros estão planejados para fazer a prática de engenharia durante as atividades de instalação, operação e pós-operação.

(mais…)

BAMIN ESCONDE EROSÃO DE 10 KM

Representantes da Bamin que fizeram uso da palavra, omitiram que a construção do Porto Sul, no litoral norte de Ilhéus, vai causar 10 km de erosão na costa litorânea.

A descrição dos danos está no Estudo de Impacto Ambiental.

As explicações sobre a erosão foram restritas apenas aos problemas já existentes, causados pelo antigo Porto do Malhado.

Página 763 de 843« Primeira...763...Última »