WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Sexta-Feira, 22 de Junho de 2018
ubaitaba
master class cenoe faculdade madre thais

ÂNGELA LEVA DEMANDAS DO SUL DA BAHIA À SEINFRA

A deputada Ângela Sousa durante reunião com o secretário Marcus Cavalcanti.

Nessa quarta-feira (9), em Salvador, a deputada estadual Ângela Sousa (PSD) se reuniu com o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti. Em pauta, o andamento de pedidos de iluminação pública e a execução das metas do programa Luz para Todos.

A deputada destacou a importância do avanço do “Luz para todos” em áreas rurais de Canavieiras, como: Puxim da Praia, Pimenteira, Fazenda Bom Jardim, Associação Fé em Deus e Miolo Puxim.

Em Miolo Puxim, onde as obras já estão em andamento, o governo estadual vai investir R$ 1 milhão para beneficiar quarenta e seis famílias. Também para Canavieiras, Ângela Sousa cobrou a iluminação na entrada da cidade no trecho que compreende da Avenida Professor Assis Gonçalves até a ponte do rio Cipó, na BA-001.

Para Ilhéus, a deputada reiterou os pedidos para execução das obras no trecho que vai da rodoviária ao bairro Banco da Vitória, assim como o litoral sul ilheense e a BR-251, na estrada conhecida como “Pontal-Buerarema”.

De acordo com Marcus Cavalcanti, muitas das obras pontuadas pela parlamentar já possuem orçamento para execução e aguardam apenas relatório de instalação da Companhia de Eletricidade da Bahia (Coelba).“Garantir energia nestas localidades expressa todo o empenho do nosso mandato que, em diálogo permanente com o governo da Bahia buscamos seguir atendendo as necessidades básicas de centenas de famílias”, ressaltou a deputada.

Retorno dos voos – A deputada reiterou ao secretário Marcus Cavalcanti a solicitação de medidas que revertam a decisão de uma empresa aérea Azul, que retirou voos entre o Aeroporto Luiz Eduardo Magalhães e o Aeroporto Jorge Amado, o que gerou prejuízos para a população de Ilhéus e outras cidades do Sul da Bahia.

Em resposta, o titular da Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra) explicou que a retomada dos voos já está na pauta do governo Rui Costa, que já cobrou da Azul uma proposta de ampliação das rotas entre Ilhéus e a capital baiana.

DOCUMENTO DA CIA SOBRE GEISEL É PERTURBADOR

Do Blog de Marcelo Rubens Paiva no portal do Estadão.

Imagem: Estadão.

Geisel entrou para a História como o ditador que controlou os excessos da “tigrada”.

Depois da morte sob tortura nos porões do Exército (DOI-Codi) do diretor de jornalismo da TV Cultura, Wladimir Herzog, em 1975, e do operário Manuel Fiel Filho, em 1976, Geisel exonerou o general Ednardo D’Ávila Mello, comandante do II Exército.

Mais tarde, demitiu o general de linha-dura, Sylvio Frota, anunciou a política da Abertura, retirou os censores dos jornais e extinguiu o AI-5.

No entanto, o pesquisador brasileiro da FGV, Matias Spektor, encontrou um documento da CIA que contesta a imagem de bom pastor do ex-presidente.

É a primeira vez que aparece um documento que associa os nomes de Geisel e do general João Figueiredo em comandos de execução de presos políticos (“subversivos”).

O memorando de 11 de abril de 1974 que William Egan Colby (diretor da CIA entre 1973 e 1976) enviou ao Secretário de Estado, Henry Kissinger, tem um título nada sutil:

“Presidente brasileiro Ernesto Geisel decide continuar execução sumária de subversivos sob certas circunstâncias”.

Num texto curto de seis parágrafos, alguns deles ainda “not desclassified” (não liberados), o diretor relata que, em 30 de março de 1974, Geisel se reuniu com os generais Milton Tavares de Souza e Confúcio Danton de Paula Avelino, do Centro de Inteligência do Exército (CIE), e o general João Baptista Figueiredo, do Serviço Nacional de Inteligência (SNI).

Exatos 15 dias depois de tomar posse (15 de março de 1974).

Ouviu que o Brasil não poderia ignorar a “ameaça subversiva terrorista”.

O general Milton Tavares contou que métodos ilegais foram empregados contra “subversivos perigosos”, e que 104 pessoas foram sumariamente executadas pelo CIE nos últimos anos, diz a CIA.

Figueiredo apoiou a continuidade desse tipo de combate à subversão.

Segundo relatório da CIA, “em 1 de abril, o presidente Geisel disse ao general Figueiredo que a política deveria continuar, mas que cuidados deveriam ser tomados para assegurar que apenas subversivos perigosos fossem executados.”

No décimo aniversário do Golpe de 64.

(mais…)

SINEBAHIA ITABUNA TEM 53 OPORTUNIDADES DE TRABALHO

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis nessa sexta-feira (11).

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

Vagas exclusivas para Itabuna

OPERADOR DE TELEMARKETING (PCD)

Vaga exclusiva para Pessoas Com deficiência

Ensino Médio Completo

Não exige experiência

10 VAGAS

 AUXILIAR DE CARGA E DSCARGA (PCD)

Vaga exclusiva para Pessoas Com deficiência

Não exige escolaridade

Não exige experiência

1 VAGA

 TÉNCNICO DE INFORMÁTICA

Ensino Médio Completo

Curso Técnico na área

Experiência mínima de 6 meses na função

1 VAGA

(mais…)

NAZAL DEIXOU R$ 157 MIL NO FUNDO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

“Nosso objetivo era recuperar a bacia do rio Iguape”, afirma Gusmão.

Durante a gestão de Nazal, SEPLANDES reestruturou o fomento do Fundo Municipal de Meio Ambiental.

No início do governo Mário Alexandre, em janeiro de 2017, o Fundo Municipal do Meio Ambiente (FMMA) tinha quarenta e seis mil reais. Extrato emitido no dia 2 de maio deste ano mostra que o saldo atual do fundo é de R$ 157.004,37, o que equivale a mais de três vezes o valor encontrado pela gestão no começo do ano passado.

Quando assumiram a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável (SEPLANDES) e a Superintendência do Meio Ambiente, o vice-prefeito José Nazal (REDE) e o então superintendente de Meio Ambiente Emílio Gusmão solicitaram ao prefeito Mário Alexandre (PSD) o cumprimento da legislação que destina recursos para o FMMA, o que não acontecia nas gestões anteriores.

Segundo Emílio Gusmão, o Código Ambiental de Ilhéus (Lei Municipal 3.510), regulamentado pelo Decreto 113/2012, estabelece que as taxas de licenciamento ambiental e de festas, as multas e outras tarifas cobradas pelo município no âmbito das políticas ambientais devem ser destinadas para o FMMA.

Com o cumprimento da lei a partir da nova gestão, explica Emílio, houve maior esforço da fiscalização ambiental e do setor de licenciamento para arrecadar recursos para o fundo.

De acordo com o ex-superintendente do Meio Ambiente, o objetivo da SEPLANDES e da Superintendência de Meio Ambiente era usar os recursos do fundo no projeto de recuperação da bacia do rio Iguape, manancial que abastece 70% das residências da zona urbana de Ilhéus. A proposta também dependeria de aprovação do CONDEMA (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente).

Emílio Gusmão. Imagem: Blog do Chicó.

Durante a gestão de José Nazal à frente da SEPLANDES, o vice-prefeito liderou todo o processo de reestruturação e fomento do FMMA, assim como o plano de recuperação da bacia do rio Iguape.

“A recuperação iria se basear no programa de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA), que vem sendo utilizado em várias cidades do Brasil, a exemplo de Ibirapitanga, na Bahia, onde o programa Produtores de Água recebeu prêmios, inclusive o reconhecimento da Agência Nacional de Águas”, lembra Gusmão.

Como base nesses exemplos bem sucedidos, Ilhéus passaria a pagar uma espécie de bolsa trimestral ou semestral aos agricultores que protegem e recuperam matas ciliares e as nascentes de água, com a plantação de árvores da Mata Atlântica. “Nós pretendíamos executar esse programa, mas, primeiro, precisávamos do diagnóstico ambiental da bacia do rio Iguape, identificar quais são as áreas que carecem de recuperação ambiental”, esclarece Gusmão.

Para iniciar o diagnóstico, a SEPLANDES chegou a comprar uma imagem de satélite da área, sob a orientação de dois professores da UESC, Ronaldo Gomes e Gil Marcelo Reus.

“Além disso, com esse recurso, a gente pretendia fazer o Cadastro Ambiental Rural, por meio de uma parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura”, continua Gusmão. “O cadastro seria importante para o reconhecimento do tamanho e das características das propriedades situadas ao longo da bacia hidrográfica, como os tipos de culturas agrícolas e os espaços ocupados pela pecuária. Essas informações dariam subsídio para que identificássemos as áreas passíveis de recuperação ambiental”.

De acordo com o ex-superintendente, depois da realização do cadastramento, a SEPLANDES iria estimular a recuperação da área com o fornecimento de mudas nativas da Mata Atlântica e o apoio técnico da Secretaria Municipal de Agricultura. “O dinheiro foi juntado [no FMMA] para isso, inclusive com a previsão no Plano Plurianual do orçamento do município, o PPA. Essa era uma prioridade da nossa gestão na SEPLANDES. Mas não deu tempo. Não foi possível fazer. Nós paramos no diagnóstico”.

Conforme Emílio Gusmão, a bacia do rio Iguape é estratégica para a cidade, porque ela está toda dentro do território de Ilhéus. Assim, “o município pode gerenciar o uso e a ocupação do solo que está próximo dessa bacia. Mesmo sem prerrogativa para gerenciar o uso da água, o que compete ao Estado e à União, o gerenciamento do solo interfere diretamente na proteção da bacia. É mais fácil para o município gerenciar corretamente o uso e a ocupação do solo de uma bacia que está toda dentro do seu território, ao invés de buscar água em bacias que se estendem pelos territórios de outros municípios”, conclui.

SERVIDORES LIDAM COM “TRUCULÊNCIA” DO GOVERNO FERNANDO GOMES

Wilmaci Oliveira, presidente do Sindserv.

Os servidores da Secretaria de Saúde de Itabuna ainda não receberam os salários de abril. Hoje (9), em conversa por telefone com o Blog do Gusmão, a presidente do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Itabuna (Sindserv), Wilmaci Oliveira, confirmou o atraso.

De acordo com a líder sindical, o governo Fernando Gomes se comprometeu com o sindicato a pagar os salários em atraso até essa quinta-feira (10). Segundo Wilmaci, caso a gestão não honre o compromisso, o Sindserv vai bater na porta da prefeitura na sexta (11).

A presidente do Sindserv lembra que a prefeitura não tem um cronograma para o pagamento dos salários. Portanto, na falta de um calendário específico, o sindicato defende que os depósitos sigam a legislação trabalhista e sejam feitos até o quinto dia útil de cada mês.

Conforme Oliveira, os servidores da Fundação Marimbeta também não receberam os salários de abril.

Wilmaci enfatizou que a situação dos servidores contratados (não efetivos) é ainda mais complicada, porque os atrasos dos pagamentos são maiores no caso deles.

A representante dos servidores informa que os atrasos também são recorrentes para o pagamento do vale transporte. No início de 2017, o governo chegou a cortar o vale intermunicipal, mas, pressionado pelo sindicato, recuou.

Outro problema enfrentado pelos servidores de Itabuna é a dificuldade para garantir o gozo das férias, um direito constitucional. O governo tem se recusado a liberá-los. Segundo Wilmaci, confrontada com a reclamação do sindicato, a gestão alega que falta dinheiro para liberar os funcionários e pagar o adicional de um terço sobre os salários.

No caso dos servidores que já acumulam duas férias, conforme Oliveira, o sindicato os orienta e encaminha para a busca dos seus direitos por meio da Justiça do Trabalho, com o apoio da assessoria jurídica do Sindserv.

A DOBRADINHA FERNANDO GOMES E RUI COSTA

Perguntamos se a presença do prefeito Fernando Gomes (sem partido) na base do governador Rui Costa (PT) poderia diminuir o ímpeto do sindicato diante dos conflitos com o governo municipal. “Em hipótese alguma, porque o sindicato está lá para defender os direitos do trabalhador”, respondeu Wilmaci Oliveira.

A presidente do Sindserv teceu comparação entre o governo atual e o antecessor, do ex-prefeito Vane (PRB), com quem o sindicato conseguia dialogar abertamente, segundo ela. Já “o prefeito [Fernando Gomes] não atende nenhum sindicato”.

No final da conversa, Wilmaci lembrou o episódio em que o governo Fernando Gomes tentou aprovar a mudança do regime jurídico dos servidores do celetista para o estatutário, em pleno recesso da Câmara de Vereadores, “na calada da noite”. Para ela, a tentativa foi um dos “atos de truculência” de um governo que “não dialoga”. Depois da pressão do sindicato, o Legislativo suspendeu a tramitação do projeto e o devolveu para o Executivo.

VIADUTO CATALÃO NÃO OFERECE RISCOS À SEGURANÇA, DIZ PREFEITURA

Viaduto Catalão. Imagem: Rodrigo Macedo/Secom-Ilhéus.

Na manhã de hoje (9), divulgamos o alerta do memorialista José Rezende Mendonça sobre o estado do Viaduto Eduardo Catalão, em Ilhéus – veja aqui. Na tarde desta quarta-feira, a prefeitura se manifestou sobre o caso.

De acordo com a nota da Prefeitura de Ilhéus, não há risco para a segurança das pessoas que trafegam no trecho da Avenida Itabuna que fica abaixo do viaduto. “Ressaltamos que a parte que está em pior estado encontra-se apoiada em terreno natural, não oferecendo, portanto, risco a veículos e pedestres”, diz o texto. Leia a íntegra.

(mais…)

PROGRAMA DA UESC SELECIONA BOLSISTAS

O Programa de Educação Tutorial (PET) dos cursos de Agronomia e Geografia da UESC vai selecionar três bolsistas e um voluntário. As oportunidades são para estudantes de Agronomia e Geografia (licenciatura e bacharelado).

As inscrições estão abertas e devem ser feitas até essa sexta-feira, 11, no Protocolo Geral da UESC.

Cada bolsa vai ser de quatrocentos reais por mês. A jornada de dedicação semanal ao programa será de 20 horas.

A seleção vai ter três etapas. A primeira, análise curricular, será na segunda-feira (14). A prova escrita está marcada para as 14 horas da próxima terça-feira (15), na sala do programa (PET Solos – 3003), que fica no térreo Pavilhão Jorge Amado. A fase de entrevistas, terceira etapa, será na tarde do dia 17 (quinta-feira), também na sala do PET Solos.

Acesse mais informações, como a lista de documentos necessários para a inscrição, no edital.

MÚSICOS DO SUL DA BAHIA SE APRESENTAM EM ILHÉUS

Márcia Goes e Sob Medida. Imagem: Raynnan Borges.

O Encontro de Compositores do Litoral Sul chega à sua terceira mostra com performances inéditas de músicas autorais de artistas de Ilhéus, Itabuna, Uruçuca e Camacan. O show está marcado para essa quinta-feira (10), às 20h, no Teatro Municipal de Ilhéus. O ingresso é 1 kg de alimento não perecível, que será doado para a Fundação Fé e Alegria, entidade localizada no bairro Nossa Senhora das Vitórias.

Os selecionados para se apresentar nesta mostra – Laís Marques, Diego Schaun, KBSativa MC’s e Márcia Góes e Sob Medida – representam uma diversidade musical que é a cara do Sul da Bahia. Da MPB ao rap, passando pelo rock e o folk, os artistas prometem marcar a memória do público com suas letras, melodias e arranjos.

Nesta edição do projeto já se apresentaram, desde março, oito compositores, entre solos e bandas. “Eles atraíram desde fãs até pessoas que foram assistir aos shows para saber o que estava tocando no cenário musical atual. Tanto os artistas quanto toda a nossa equipe têm tido um ótimo feedback do público”, conta a produtora do evento, Eloah Monteiro.

O diretor musical Cabeça Isidoro lembra que cada performance tem sido um verdadeiro show. “Os compositores individuais têm à disposição uma banda contratada pelo evento para tocar suas próprias músicas. Já as bandas vêm trazendo o som que criam e executam de forma conjunta. São apresentações sempre com muita energia e brilho. Queremos promover o novo, e o Encontro de Compositores cumpre este papel”, garante.

OFICINAS DE COMPOSIÇÃO MUSICAL

Estão abertas as inscrições para as Oficinas de Composição Musical, que acontecerão sempre uma vez por mês, até junho, na semana de cada mostra. Para cada turma são oferecidas 20 vagas, com aulas na Academia de Letras de Ilhéus, sob a orientação dos músicos Danilo Oliveira e Lula Soares Lopes. Profissionais e entusiastas da música podem inscrever-se gratuitamente no site do encontro.

VIADUTO CATALÃO PRECISA DE REPAROS, ALERTA JOSÉ REZENDE

Imagem e anotações de José Rezende Mendonça.

Técnico aposentado da Ceplac, o memorialista José Rezende Mendonça atua em Ilhéus como um verdadeiro edil, mesmo sem mandato. Explicamos. O termo remete à Roma Antiga, onde os edis (equivalentes aos vereadores de hoje em dia) fiscalizavam a qualidade das edificações urbanas. Rezende exerce a atividade de forma voluntária. Com seu olhar atento, costuma dar dicas importantes para a manutenção de espaços públicos.

Na última segunda-feira (7), ele fez fotos do Viaduto Eduardo Catalão e destacou avarias na sua mureta. Segundo Rezende, o viaduto “pede socorro”, porque parte da estrutura estaria “pendente para cair na Avenida Itabuna”, conforme a anotação feita sobre a imagem acima.

Abaixo, parte da publicação de Rezende no Facebook, onde ele informa que o viaduto foi inaugurado no dia 31 de março de 1955.

Imagem: Facebook/Reprodução.

Atualizado às 15h45min.

Na tarde desta quarta-feira (9), a prefeitura informou que o estado do viaduto não oferece riscos à segurança – veja aqui.

CENÁRIOS POLÍTICOS PARA A ESQUERDA EM 2018

Por Wilson Gomes.

Vamos brincar um pouco de cenário? Desde 1989 não tivemos um cenário eleitoral com tantos candidatos “médios” na intenção de voto. Em 89 Collor “disparou” no 1º turno com menos de 1/3 dos votos (30,5%), enquanto atrás deles disputaram, com forças semelhantes, Lula (17,2), Brizola (16,5) e Covas (11,5), 45% dos votos. Lula foi ao 2º turno com apenas 17% dos votos, tendo vencido surpreendentemente Brizola, por muito pouco*.

1994 e 1998 foram eleições em que uma grande força (FHC) derrotou facilmente uma força secundária (Lula). 2006, ao contrário, foi uma eleição em primeiro turno em que duas grandes forças polarizou a eleição: 48,6 para Lula, 41,6 para Alckmin.

Cenários muito diferentes do que pode acontecer este ano.

Em 2002, 2010 e 2014 houve uma terceira força, secundária, que opôs considerável resistência. Na mais disputada, 2002 Serra ganhou de Garotinho um lugar no segundo turno com 23,2 contra 17,9. Em 2010 e 2014 houve uma disputa de três forças, com Marina representando a 3ª força (19,3) e (21,3) contra PT e PSDB. Nestes anos, o percentual que credenciou a segunda força a ir ao segundo turno esteve acima de 30%: 32,6 de Serra em 2010 e 33,5 de Aécio em 2014.

(mais…)

PARTE DE ILHÉUS VAI FICAR SEM ÁGUA NESSA SEXTA-FEIRA

Nessa sexta-feira (11), em Ilhéus, os locais atendidos pela Estação de Tratamento de Água (ETA) Centro (lista abaixo) vão ficar sem água, em virtude da limpeza preventiva dos reservatórios da Embasa. A concessionária divulgou a informação nesta quarta-feira (9).

Os locais que serão afetados são: Alto Carvalho, Alto da Esperança, Alto do Amparo, Alto do Aureliano, Alto do Cacau, Alto do Coqueiro, Alto Legião, Alto S. Francisco, Av. Itabuna, Banco da Vitória, Basílio, Conquista, Esperança, Frei Vantuy, Malhado, Morada do Bosque, Morada do Porto, Pacheco, Princesa Isabel, Salobrinho/UESC, Tapera, Teotônio Vilela, Teresópolis, Vila Cachoeira e Vila Nazaré.

De acordo com a Embasa, a limpeza vai começar às 8 horas. A companhia prevê que o abastecimento vai ser retomado às 21 horas de sexta.

Ainda segundo a concessionária, os imóveis situados em locais mais elevados e distantes da rede distribuidora podem levar até 24 horas para ter o abastecimento de água regularizado.

PREFEITURA DIVULGA O RESULTADO DO “MAIS ALFABETIZAÇÃO”

Por meio da Secretaria Municipal de Educação, a Prefeitura de Ilhéus informou hoje que o resultado do processo seletivo do programa Mais Alfabetização já está disponível no Diário Oficial do Município – acesse aqui

O resultado inclui oito educadores classificados para trabalhar em escolas vulneráveis e 19 candidatos que vão trabalhar em unidades de ensino não vulneráveis, além de outros 19 que integram a lista de cadastro reserva.

“PARTIU ESTÁGIO” CONVOCA MAIS 530 UNIVERSITÁRIOS

O programa Partiu Estágio convocou mais 530 universitários. A informação foi divulgada pelo governador Rui Costa (PT) nesta terça-feira (8), no programa #PapoCorreria, transmitido ao vivo pelas redes sociais.

Até 21 de maio, os estudantes devem se apresentar nas secretarias ou órgãos públicos onde irão atuar, além de entregar a documentação listada no edital 001/2018.

Acesse a lista de convocados.

Quem não comparecer dentro do prazo estipulado de 10 dias úteis ou deixar de entregar algum item da documentação exigida, perderá a vaga de estágio. Confira abaixo a documentação necessária:

(mais…)

JOAQUIM BARBOSA DESISTE DE CANDIDATURA

O Joaquim Barbosa e uma das suas marcas: o dedo em riste.

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, anunciou na manhã desta terça-feira (8) que não vai ser candidato a presidente da República. Segundo o ex-ministro, a decisão é “estritamente pessoal”.

“Está decidido. Após várias semanas de muita reflexão, finalmente cheguei a uma conclusão. Não pretendo ser candidato a Presidente da República. Decisão estritamente pessoal”, escreveu o membro do Partido Socialista Brasileiro (PSB), via Twitter.

O anúncio de Barbosa deixa o PSB sem um nome de referência nacional para a disputa do Planalto. A “baixa”, ao mesmo tempo, pode facilitar as negociações do partido para uma eventual composição de chapa no posto de vice.

UESC ABRE 101 VAGAS NO “UNIVERSIDADE PARA TODOS”

Programa seleciona monitores e oferece dezoito reais por hora/aula

Inscrições começam na segunda-feira (14).

A Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) publicou edital de processo seletivo para o preenchimento de 101 vagas de monitoria no programa Universidade Para Todos (UPT). Vinte das oportunidades são para Ilhéus e Itabuna. As demais são para outros nove municípios: Amaldina, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Floresta Azul, Gandu, Ibicaraí, Itapé e Itacaré.

As vagas são para estudantes da UESC que estejam a partir do terceiro semestre de graduação ou na pós-graduação, ou ainda que estejam numa segunda graduação. Exceto em Ilhéus e Itabuna, as vagas que não forem preenchidas por estudantes serão destinadas aos professores da rede pública. A lista completa de requisitos e a distribuição das áreas por cidade está no edital – acesse aqui

A atividade garante remuneração de 18 reais por hora/aula.

As inscrições deverão ser feitas entre os dias 14 e 18 de maio, no Protocolo Geral da UESC. O atendimento vai funcionar das 8 às 12 horas e das 14 às 21 horas. A relação de documentos requisitados também está no edital.

DILAZENZE OFERECE AULAS GRATUITAS DE TEATRO

Oficina vai selecionar atores para o novo núcleo do Dilazenze.

Entre quinta-feira (10) e sábado (12), sempre às 19 horas, o Grupo Cultural Dilazenze vai realizar uma oficina de teatro gratuita, no seu espaço, no Alto da Conquista, em Ilhéus. O curso é voltado para pessoas que não têm nenhuma experiência na área, mas também para iniciantes e atores profissionais. O objetivo da iniciativa é formar o grupo que participará do primeiro espetáculo teatral do “Dila”.

O ator Pedro Albuquerque, membro do Teatro Popular de Ilhéus formado na Escola de Artes da UFBA, vai conduzir as aulas e o processo de formação do núcleo de teatro do dilazenze.

Para participar das aulas é necessário ter pelo menos 15 anos de idade. As inscrições devem ser realizadas na sede do Dilazenze. Obtenha mais informações por meio do telefone (73) 9 8166-7964.

Página 10 de 1.382« Primeira...10...Última »